Abaixo a censura fascista à exposição de arte LGBT

 

escrotinhos mbl capa

Quem decidiu se interessar pelo estudo da ascensão do fascismo na Alemanha dos anos 1920/1930, não perdeu tempo. O Brasil está percorrendo caminhos cada vez mais parecidos.

A diferença é que o Brasil contemporâneo não tem um só Hitler – são muitos os líderes fascistas atuando hoje no país e sem responder a um comando central.

Outra grande diferença do processo de ascensão do fascismo em nosso país para processo análogo ocorrido na primeira metade do século passado na Alemanha é a influência religiosa.

O fascismo é moralista no que diz respeito aos costumes, mas o moralismo fascista tupiniquim ecoa o fanatismo religioso que hipnotizou o Brasil.

Nos últimos dias, dois episódios surgem para simbolizar esse processo de “emburrecimento” que se abateu sobre o país.

Um deles é o cancelamento prematuro de exposição promovida pelo banco Santander.

A exposição “Queermuseu – cartografias da diferença na arte da brasileira” reuniu obras de 85 artistas, incluindo os mundialmente conhecidos Alfredo Volpi e Cândido Portinari, no museu de Porto Alegre. A curadoria foi de Gaudêncio Fidelis, que foi curador da Bienal do Mercosul de 2015.

A exposição tinha como mote a diversidade e as questões LGBT, aos moldes de exposições estrangeiras como a Queer British Art, em Londres, na Inglaterra, e a Hide/Seek: Difference and Desire in American Portraiture, em Washington, nos Estados Unidos.

Mas, no Brasil, esse tema da diversidade é ridiculamente atacado por grupos religiosos fanáticos e aproveitadores de extrema direita que endossam as loucuras dessa gente para agradá-la e usá-la como massa de manobra política.

Esses grupos adquiriram grande poder de pressão. Nesse caso, por exemplo, fizeram a exposição ser cancelada pelo Santander Cultural após críticas de movimentos religiosos e do Movimento Brasil Livre (MBL).

“Há pouco tinha crianças olhando essa ‘arte’ escarnecendo a Cristo”, disse o blogueiro Felipe Diehl, durante o vídeo em que ele circula pela exposição e critica as obras acompanhado de outro blogueiro, Rafinha BK, do MBL de Porto Alegre. “Olha o Satanás no meio”, diz Rafinha sobre outra obra. No vídeo, os blogueiros censuram as imagens com um “borrão”.

exposição cristo

Há uma reação em curso, foi convocado um ato em Porto Alegre em repúdio a essa ofensiva literalmente nazista contra a liberdade de expressão – na verdade, o que aconteceu foi ilegal e cabe uma ação judicial contra os indivíduos que promoveram esse enorme prejuízo à sociedade, com perda de um espaço que oferecia livremente exibição de obras de artistas mundialmente renomados.

O ato ocorrerá nesta terça-feira 12 de setembro em Porto Alegre, na rua sete de setembro, no centro histórico, às 15:30 hs.

Mas essa é apenas uma das faces obscurantistas do momento que o país atravessa. Há movimentos defendendo que os pais passem a educar os filhos em casa para que não corram risco de ser “doutrinados por comunistas”.

Tudo isso começou com a tal história sobre “Escola Sem partido” e já está começando a enlouquecer até famílias de classe média e média baixa que não têm condições de educar filhos em casa, mas começam a querer tirá-los das escolas públicas por conta dessa história maluca de que haveria uma “doutrinação comunista” nas escolas brasileiras, tanto nas públicas quanto nas privadas…

Essas pessoas acham que TODAS as escolas brasileiras estão formando pequenos guerrilheiros comunistas. E isso não é brincadeira. Basta ver o que dizem nas redes sociais.

Os grupos fascistas, como é comum nas sociedades que se tornam alvos deles, já começam a impor sua vontade no grito.

O caso da exposição do Santander, que se curvou a esse movimento ridículo e obscurantista, exemplifica como uma sociedade se entrega como prisioneira do fascismo. E, como todos sabemos, é fácil de entrar nessa masmorra ideológica, mas sair é que são elas.

O processo em curso no Brasil precisa ser detido pelas pessoas mentalmente sadias e democráticas. A esquerda precisa se unir, parar de brigar entre si e combater a ameaça fascista que líderes como Jair Bolsonaro e João Doria representam.

Movimentos sociais, sindicatos, a própria intelectualidade brasileira está ameaçada por gente tosca, iletrada, profundamente ignorante e aparentemente violenta que decidiu impor sua vontade à sociedade através da intimidação e da agressão moral nas ruas.

Esse ato em Porto Alegre contra o cancelamento de uma exposição que trazia trabalhos de nomes renomados das artes plásticas, mundialmente reconhecidos, precisa ser apoiado e se transformar em um ato de resistência a essa barbaridade.

Ou o Brasil se mexe ou os discípulos de Hitler e Mussolini vão produzir no por aqui o que seus inspiradores produziram na Europa na primeira metade do século passado. Se você se omitir, depois não reclame.

No vídeo abaixo, a reportagem completa sobre esses casos escabrosos.

Tags: , , , , , , , ,

80 Comentário

  1. Quatorze anos ininterruptos de massacre contra o PT e a esquerda geraram seres estranhos, como esses garotos da foto.

  2. Edu, isso é tão absurdo que chega a ser engraçado, desde quando esses vagabundos do mbl sabem alguma coisa de ética e família?

  3. A cultura não pode se acovardar diante de uma truculência dessas. Pessoas completamente ignorantes cultural e politicamente, para não dizer fascistas a serviço de grupos reacionários, querem se impor contra a vontade da maioria. Tudo isso não estaria acontecendo se tivéssemos uma justiça séria e responsável nesse país.

  4. Bom dia, Eduardo. Acompanho o blog e sou a favor de muito conteúdo que você posta, mas esse, tenho que discordar, pois nessa exposição haviam imagens de verdadeiras surubas, imagens pesadas e o acesso de crianças era permitido.

    • Companheiro, não pague esse mico. É arte. Tinha Portinari, Volpi.

      • A Globo não sexualiza as crianças, o Ratinho, o Pânico, o Gugu, nada disso. O que agride a família brasileira é uma exposição de arte.

        Puta que o pariu!

      • É arte!!! Tinha até Nossa Senhora com um chimpanzé no colo!! Quer maior expressão de arte?

        • Meu filho, deixa de ser ignorante, leia o texto, as informações ali também saíram na grande mídia, era uma exposição de um tipo que é comum nos países desenvolvidos, é arte, um dos muitos tipos de arte, a exposição tinha nomes como Portinari… Não é possível, é muita burrice, é muita ignorância, é muita mediocridade… Por isso eu vou parar de publicar comentários como o seu, não são opinião divergente, são apologias ao fascismo, ao obscurantismo, eu não tenho obrigação de bater palmas pra louco dançar. Vocês são pessoas vazias, materialistas, profundamente ignorantes, preconceituosas, egoístas… No novo Blog não vou permitir comentários como esse. São de apologia à censura. Não tenho obrigação de publicar coisas assim. Este foi só um aviso. Podem postar comentários até cair os dedos que não vou publicar. E nem ler. Vão pro lixo direto. Eu leio uma sentença de um parágrafo inteiro e já sei se é fascista. Acabou, fascistada.

          • Eu leio uma sentença de um parágrafo inteiro e já sei se é fascista. Vou adorar ler as sentença de condenação pelos três crimes cometidos pelo blogueiro !

          • Mais FACISTA que seus comentários não conheço.
            Só posta o que acalenta o cérebro desse movimento que a cada dia destrói o País.
            Onde já se viu!!! Destruir os valores da família e alegar que é arte???
            Abrir visitação para crianças de imagens deprimentes ser arte???
            TÁ LOUCO MEU !!!
            Realmente essa ideologia implantada nas universidades “pifou” a cabeça de muita gente boa, mas aos poucos, talvez em outras gerações o Brasil se livre desses pensamentos IMUNDOS.
            NÃO SOU APARTIDÁRIO, NÃO COMUNGO DE NENHUMA IDEOLOGIA DE BOSTA.
            FORA FACISTA, FORA PT,
            VIVA O BRASIL!!!!

        • Os limites para a arte são muito poucos, seus brazucas burros.

          Vocês falam que isso é esquerdismo mas o Stalin foi o que mais matou artistas, por fazerem arte “degenerada”, que era a arte moderna.

          São vocês os stalinistas então?

          Ignorantes!

      • Tinha Portinari, Volpi e gravuras de sexo com animais, surubas, felação…

        O fato de ter Portinari não invalida o q o outro comentarista disse!

        A propósito: Sou contra a censura! Em se tratando de uma exposição em local fechado, acho q deveria ser permitido (mesmo sendo de mau gosto). Mas acho sim, q deveria ter uma classificação etária q não permitisse crianças…

        • Poe-se um aviso na entrada, sobre o conteudo “adulto” e entra quem quer. Da mesma forma que deve-se legalizar a cannabis e fuma quem quer. Censura NAO.

          • Discordo…

            Classificação etária e impedir crianças de ver uma exposição com zoofilia não é censura…

            Tente levar seu filho ao teatro pra ver uma peça adulta!

            Tente levar seu filho pra ver um filme adulto no cinema!

            E, na minha opinião, isto não é censura.

            Daqui a pouco vai aparecer quem diga q criança pode beber bebida alcoólica… basta colocar um aviso e bebe quem quiser!

            A falta de bom senso é ampla geral e irrestrita!

    • Na exposição de Jeff Koons em Paris, em que ele mostrou sua série de sexo explícito com Ciiciolina, foi colocado um aviso alertando os pais sobre o conteúdo exposto.
      Ou seja, se querendo se resolve sem apelar para a censura pura e simples. Vale para qualquer lugar, inculsive dentro de casa. Se pais não colocarem senhas, seus filhos terão acesso o todo tipo de material pornográfico na internet

      • Deixa-me feliz ao saber que há tanta gente preocupada com as nossas crianças. QUE MEIGO!!!!. Todos os dias são expostos na, principalmente Globo, gente matando pai, irmão, etc., mãe traindo marido com o filho; assassinatos a penca e não vejo NINGUÉM ser contra. Não assisto essa tv, mas basta olhar as vitrines de jornal para saber o que está acontecendo. Não são nossas crianças que precisam de cuidados, mas adultos fascistas, que transmitirão as suas indiossincrasias as crianças. Ex.: o pai do sérgio moro transmitiu ao filho enganar o povo e destruir o país.

        • Muito bem, Maria Líbia.

          • Sério q vc deu parabéns pra esse comentário ou foi só ironia?

          • Pedro Martins, qualquer coisa que eu digo pode estar errada e ser objeto de contestação, o que encontra muita ressonância em mim e me faz pensar, mas me esforço em ser claro e direto. Quando quero ser irônico deixo a ironia bem explícita para que os menos aquinhoados de inteligência não se confundam.

          • José Ricardo Romero

            CARACA

            Quer dizer q vc gostou mesmo daquele comentário?

            rsrs

      • Apesar da restrição de idade ser uma óbvia alternativa à censura burra, dado que o espaço era mantido por um grupo privado e não pelo Estado, a exposição de arte por sua própria descrição ao público, tinha um CLARO direcionamento a um grupo-alvo, dado o caráter LGBT.

        Não faz sentido o cidadão se considerar um pai ou mãe responsável, e atacar as obras ali, se, tendo a plena noção do que o espaço está expondo, jamais levariam seus filhos menores de idade (se havia material com referências eróticas, obviamente).

        É aquele famoso “muito barulho por nada”. Arrotar moralismo com algo que ninguém te obriga a ir (portanto, não “invade” seu espaço privado como a propaganda televisiva, por exemplo) e que a natureza descritiva da própria exposição te deixa evidente, que não é algo para levar crianças a ter acesso.

        E sim, uma Cultura específica, reproduzida de forma direcionada.

        • Como eu disse antes, preparar uma exposição requer conhecimento específico. Não pensem que é só juntar as peças e pendurar na parede. E o Código Penal é claro em determinados assuntos, como pedofilia e atentado ao pudor. Leiam a Lei! Imagino que os “preparadores” da exposição não se preocuparam nadinha com isso. O negócio é criar impacto, ainda que negativo e contra as regras vigentes, leia-se A LEI.

  5. Conheço pessoalmente ou de forma muito próxima crianças que foram educadas por preceptores por um certo período de tempo, ou em escolas muito fechadas com uma conformação familiar que são verdadeiros monstrinhos, insociáveis. A maior virtude de uma escola pública, aberta, sem constrangimentos, é poder criar as condições dos estudantes aprenderem os dois pilares fundamentais do ensino: a capacidade de escolha e o discernimento, principalmente em tempos de internete onde todas as informações estão rapidamente à disposição apenas com um clique. O conhecimento vem como consequência da escolha e do discernimento, já que é impossível ter a princípio conhecimento confiável na internete sem estes filtros intelectuais. Assim, conhecimento sem aqueles atributos são robotizantes.
    Dando-me o direito de me contradizer, cada vez mais me inclino a acreditar que Lombroso tinha razão, principalmente quando vejo a fachada destes dois idiotas na foto acima.

  6. É, meu caro, se a “direitona” continuar nas rédeas do governo em 2018, que se faça a ”Tomada da Bastilha” ou nos submeteremos ao nazifascismo.
    Acho até que essa doutrinação esteja vindo de fora do país, para a dominação total.
    Triste!

  7. Exposição de extremo mau gosto, em uma das obras é retratado um negro sodomizado por dois brancos, zoofilia, racismo e pedofilia.

    Mas é comum “artistas” que tem pouco talento apelarem para o choque, tática para alcançarem seus 5 minutos de fama e o pessoal do MBL cedeu o que eles mais queriam se não fosse por isso ninguém nem saberia que essa porcaria estava exposta.

    Não iria de jeito nenhum… Mas deve ter quem goste.

    É só colocar classificação etária na porta e vai ver quem quer, diferente daquele sujeito que fazia a performance dele (que consistia em ficar nu) no meio da rua cheia de crianças.

    • Artistas de pouco talento como Portinari e Volpi. Meo Deos

      • Só porque tinha Portinari e Volpi não quer dizer que todos os artistas que estavam expostos eram bons.

        Mostre uma obra de Volpi que ao invés das famosas bandeirinhas tenha racismo e sodomia que eu concordo com vc.

    • Dane-se se você considera essa arte mal gosto. Basta não ir visitá-la.

      O que é ridículo é a censura. Proibir uma exposição. Quem deve decidir se quer ver ou não a exposição são as pessoas, não o MBL.

      • Visite quantas vezes quiser desde que expliquem antes do que se trata.
        Duvido que você levaria seu filho de 6/7 anos para ver essa exposição ou concordasse que o colégio o levasse.
        Ou só é vontade de criticar porque a “denúncia” foi feita por quem consideram de direita?
        Se for isso, melhor procurar aconselhamento médico profissional… Freudiano por exemplo…

  8. Você sabe por que não há praticamente mais programação infantil na TV aberta? Por causa do fim da propaganda. Nos anos 80 e 90, durante os comerciais dos programas infantis havia naturalmente propaganda voltada para crianças. Era o famoso “eu tenho, você não tem” das tesouras do Mickey ou o “compre batom” da marca de chocolates.
    A classe política brasileira, esse grupo iluminado que sabe o que é bom para você e para seus filhos, entendeu que nosso brasileirinhos não estariam preparados para tamanha exposição. Eles estariam tendo contato com consumismo muito cedo. Ao verem a propaganda, não teriam condições de comprar o produto oferecido e horror dos horrores, os pais teriam de dizer “não”. Melhor proibir a indústria da publicidade inteira.
    Como resultado, programas matinais como “Os Trapalhões” e desenhos animados como “Caverna do Dragão” foram substituídos pela Fátima Bernardes perguntando se é preferível salvar um traficante ferido a um policial. Ironicamente, muitos do que são contra a publicidade infantil sob pretexto da falta de maturidade para lidar com a propaganda de um brinquedo são paradoxalmente favoráveis a que estas mesmas crianças possam visitar a tal “mostra de arte” do banco Santander Cultural, em Porto Alegre, com algumas obras alusivas a zoofilia, a pedofilia e ao satanismo. E aí, como explicar?
    “É arte, Rodrigo”. Certo, mas a exposição desta arte foi financiada com dinheiro público: R$ 800 mil especificamente. E se tem dinheiro público, nada mais normal que o público demonstre seu descontentamento com a tal “arte”. Aliás, a mostra foi organizada por um banco que lucrou R$ 2,3 bilhões apenas no segundo trimestre de 2017 e ainda assim requisitou R$ 800 mil de dinheiro público como apoio a exposição. O governo concedeu, é claro. A classe política brasileira sabe o que é bom.
    Dito tudo isso, aqui vai minha sugestão à Fundação Scheffel, espaço cultural e histórico de Novo Hamburgo que em 2015 teve de fechar as portas por falta de verba para seu manutenção: faça uma exposição feia com uma temática ofensiva, grosseira, que contenha objetos que afrontem o Cristianismo da forma mais baixa possível, tudo isso intercalado com desenhos toscos de meninos tendo relações com animais e de crianças em trajes provocantes. Certamente, para este tipo de arte há dinheiro, há muito dinheiro.
    Se o Santander com seus lucros bilionários conseguiu, a Fundação Sheffel também conseguirá. Ou não?

    • É a revolução dos idiotas. Quer liberar publicidade para crianças e censurar arte. Exposições idênticas ocorrem o tempo todo nos países desenvolvidos. O fascismo vai devolver o Brasil à Idade Média

  9. O surrealismo tomou conta do Brasil, agora, uma milícia denominada MBL diz o que pode ou não ser exposto nos museus do país.

    Vários integrantes do bando ocupam cargos no governo marchezan (PSDB) e fazem a segurança particular do prefeito playboy em todo evento, ou seja, protegem o coxinha de protestos indesejáveis.

    Até a mídia internacional (new york times e washington posto) repercutiu o incidente claro em tom de chacota com o Brasil.

  10. Bom dia!

    Impressionante essa onda imbecilizante.

    Somente com a união das esquerdas e dos progressistas para barrar esses retrocesso cultural da humanidade.

  11. Edu,

    MBL=movimento dos bandidos ladrões

  12. Que tal deixarem de dar entrevistas e produzir frases de efeito, se unirem e organizar a resistência popular contra a ditadura midiático-judicial?

    Chega de discursos sem qualquer consequência prática. Todos os partidos, sindicatos, movimentos sociais e quantos mais quiserem redemocratizar o país deveriam estar se reunindo diariamente para organizar um movimento unificado de todos os brasileiros que não aceitam o “governo” de uma minoria com uma quadrilha de ladrões de cofres públicos regida pela Globo no Planalto representando os interesses da plutocracia.

    Chega de inércia das lideranças! O povo brasileiro está ansioso para ser convocado às ruas!

    (comentario de um leitor do Cafezinho)

    ———-
    A exposição, Kin Takatiguria, MBL ficam para depois.

    Contra a prisão de Lula – todos em Curitiba
    Curitiba!!

  13. Corre uma conversa em Brasília sobre a suposta prisão de Lula amanhã durante o depoimento em Curitiba. Vamos ficar alertas.

  14. “Ocorre, porém, que casos como este do banco Santander e da mostra “Queermuseu” servem para justamente denegrir a imagem deste grupo de pessoas, dessa ‘minoria’. É o tipo de cena que não ajuda em nada a eliminar o preconceito e, pior, serve para estimulá-lo.

    Se já existem pessoas mal informadas que confundem a homossexualidade com algum tipo de perversão, e se há até mesmo aqueles que acham que homossexualidade entre adultos tem alguma coisa a ver com pedofilia, o trabalho da “Queermuseu” serve justamente para sustentar esse estereótipo negativo da comunidade. É um total desserviço à causa que dizem promover.”

  15. É compreensível que uma besta como o Kim Kataguiri se preocupe com zoofilia.

    • ♫ Esse oriental cabeludinho ficou assim depois que se apaixonou por um pote de requeijão sem lactose. Já o afrodescendente bochechudinho tem obsessão por objetos longos e roliços.

      • Comentário preconceituoso…

        Em tempo o Fernando Holiday é assumidamente homossexual o que não o torna pior que ninguém.

  16. Vai quem quer, vê quem quer. Ser de esquerda ou de direita não é defeito. Defeito é ser chato. O Brasil tá repleto de gente chata.

  17. Vai CENSURAR comentários que fazem apologia a censura?

    Convém ser moderado em tudo até na moderação.

    PARADOXO!

  18. Isso tudo com a ajuda e cegueira de muitos que nem são de direita mas que são profundamente conservadores, violentos e prontos para matar a diversidade evidente do pais. Herança de um Brasil criado para matar o proximo diferente e fragilizado. Tudo isso com a ajuda de uma midia que programa zumbis e muita covardia da parte de quase todos que contribuem para a opinião publica via redes sociais. Não vejo mesmo como o Brasil vai sair desta camisa de força que sempre impediu esse pais de se emancipar. Os fascistas crescem em numero porque encontram as bases ideais para suas loucuras. Vejo hoje tantos que nem sequer se assustam com isso, acham até normal, como o comentario ai em cima.

  19. Mito ou profecia, eu digo que a Esquerda atraves de Lula é um cobrador carmico da falsa elite (individualismo, do dinheiro, competição entre desiguais….). A cobrança para ser impactante tinha que ser feita por um “chão de fabrica” pois Lula inspirado por energias evolucionais, aceitou e cumpre uma missão transcendente – America Latina ser o berço de uma nova civilização – baseada na solidariedade entre os povos. Num futuro ainda distante ele será lembrado com tal

    Nesse interim secular persiste a nossa missão de mentalizar esse ideal e persistir nele por muitas gerações…..

  20. Olá bom dia Eduguim!!! Realmente esse pessoal que apareceu no Santander de Porto Alegre não possui massa pensante alguma. São totalmente sem noção. Com certeza não sabem nem mesmo qual a definição do termo “cultura”. Aliás, posso até afirmar não sabem nem usar controle remoto de televisão para mudar de canal quando aparece algo que lhes desagrada. Enfim, são uns alienados e desinformados culturalmente.

  21. Bom dia Edu!

    Quem esses bostinhas do MBL pensam que são? O Banco Santander não tinha que abrir as pernas para esses otários!!!

    Um abraço!!!

  22. SANTANDER VAI DEVOLVER O DINHEIRO
    Mais uma vitória de todos os que se mobilizaram. Aquilo que cobramos com veemência deve acontecer, pelo menos esse é o anúncio do Santander: a grana que deixou de pagar em imposto para promover o Queermuseu será devolvida aos brasileiros.
    O Instituto Liberal de São Paulo fez um levantamento e descobriu que além da verba para o Queermuseu, o Santander doou 34,2 milhões de reais via Lei Rouanet para projetos ligados ao próprio banco (leia aqui: http://www.ilisp.org/…/santander-doou-r-342-milhoes-via-le…/). Isso demonstra que o “pecado original” está no financiamento público desta iniciativa e no fato de que, hoje, quem decide o que é e o que não é arte no Brasil é o Estado e os promotores de eventos, não o cidadão, que é apenas obrigado a pagar conta.
    Enquanto artistas pequenos ficam à míngua, grandes empresas e artistas famosos, muitos de arte no mínimo duvidosa para a qual o público talvez nunca pagasse um centavo, têm acesso ao poder e a caríssimos consultores para realizar seus eventos. Se não existisse a Lei Rouanet e os impostos relativos a essa renúncia não fossem cobrados em primeiro lugar, quem decidiria o que é e o que não é arte seria o CONSUMIDOR, com mais dinheiro no bolso para gastar com seu próprio lazer livremente.
    Mas esse raciocínio lógico não interessa à maioria dos políticos, nem a artistas famosos, nem a artistas fracassados que não conseguem imaginar-se vivendo sem dinheiro público, nem à esquerda totalitária, que adora um estado inchado para promover sua ideologia criminosa contra os valores que fundaram nossa civilização.
    Felizmente, as coisas estão mudando. Notícias como essa demonstram que o boicote pode funcionar e que o dinheiro público pode – e deve! – sim ser devolvido, ainda mais com a apologia a crimes como a pedofilia. Agora é aguardar as investigações que pedimos ao MP, sobretudo no que diz respeito à participação de crianças visitando a macabra exibição, levadas por professores.
    Bom dia!

  23. Prezado Eduardo:

    “O fascismo pode ter formas diversas em diferentes países e pode, também, apresentar-se sob formas distintas nos diferentes momentos da história de um mesmo pais. Ao mesmo tempo, se é verdade que não se pode saber o que é fascismo se não se conhece o imperialismo. As probabilidades de instauração de uma ditadura fascista estão ligadas ao grau de combatividade da classe operaria e à sua capacidade de defender as instituições democráticas.”

    O fascismo é inimigo da democracia e luta contra a classe operária que se desenvolve sobre uma nova base de pequeno-burgês. Observemos que Temer e seus ministros e apoiadores estão dando um golpe na política sindical visando exatamente desmobilizar estas instituições que fortalecem as lutas dos assalariados e teremos como consequências a quebra das correntes unem as entidades dos empregados, ou seja, os sindicatos

    E o que é Imperialismo ?

    “É a fase monopolista do capitalismo. Observemos que o capital financeiro é a fusão do capital de alguns grandes bancos monopolistas com o capital de grupos monopolistas industriais; e, por outro lado, por que a partilha do mundo é a transição da política colonial que se estende sem obstáculo às regiões ainda não apropriadas por qualquer potência capitalista, para a política colonial da posse monopolizada de territórios de um globo inteiramente partilhado.”

    Essa fusão de alguns grandes bancos com grandes indústrias é bem descrito no livro de professores italiano Mario Lettueri u Paolo Raimondi – O CASSINO DA FINANÇA GLOBAL, Ed. Capax Dei. Os autores citam como exemplo o JP Morgan que controla várias usinas elétricas e administra a distribuição de energia na Califórnia e o Goldman Sachs estaria comprando e acumulando grandes quantidades de alumínio. Temos o dever de informar que a Coca-Cola, maior usuário de latas de alumínio do mundo, predente entrar com uma representação no London Metal Exchange, a bolsa de mercadorias de Londres. E o Goldman Sachs está , igualmente , expandindo as suas atividades para a gestão de portos, aeroportos e rodovias, bem como a comercialização de matérias-primas estratégicas, incluindo urânio e outros recursos energéticos.Quanto ao Brasil, temos inúmeros exemplos desses aí citados.

    O imperialismo engloba os seguintes cinco caracteres econômico:

    a) Concentração da produção e do capital atingindo um grau de desenvolvimento tão elevado que origina os monopólios cujo papel é decisivo na vida econômica.

    b) Fusão do capital bancário e do capital industrial, e criação, com base nesse capital financeiro, de uma oligarquia financeira.

    c) Diferente da exportação de mercadorias, a exportação de capitais assume uma importância muito particular.

    d) Formação de uniões internacionais monopolistas de capitais que partilham o mundo entre si.

    e) Termo da partilha territorial do globo entre as maiores potências capitalistas
    .
    O imperialismo é o capitalismo chegando a uma fase de desenvolvimento onde se afirma a dominação dos monopólios e do capital financeiro, onde a exportação de capitais adquiriu uma importância de primeiro plano, onde começou a partilha do mundo entre os trustes internacionais e onde se pôs termo à partilha de todo o território do globo, ente as maiores potências capitalistas.

    “Os grupos fascistas, como é comum nas sociedades que se tornam alvos deles, já começam a impor sua vontade no grito.”

    Se não quisermos viver sob o domínio de uma nova ditadura seja ela de direita ou de esquerda, só temos uma caminho a seguir e uma atitude a tomar; partirmos literalmente para o confronto físico com esse bando de bobocas e imbecis que querem nos fazer regredir para uma sociedade onde o imperativo maior é o obscurantismo. Espero que esse dia nunca chegue, mas do jeito que as coisas estão caminhando , acredito que a hora está mais perto do que longe.

    Essa turma de midiotas realmente não passa de um bando de idiotas formados sob a influência da grande mídia a qual está subordinada ao capital financeiro especulativo que está formando fascistas e pessoas desprovidas de sentimento do que seja a defesa do nosso país e a abertura da mente para o século XXI. Grande imbecis é assim que vejo esses energúmenos.

  24. Bom dia, Edu,

    Fico triste e preocupada de ver, dia após dia, como o nosso país está ficando imbecilizado.
    Dar ouvidos para esses moleques ridículos e politicamente analfabetos/mbl, é demais, né?
    Eles precisam de limites, e saber respeitar opiniões divergentes, pois vivemos em uma sociedade livre, no século XXI.
    Um abraço

  25. Interessante: jovens com esse pensamento tão atrasado. Eles têm a cabeça “do tempo do onça”. E querem controlar a informação que chega à sociedade, se acham no direito de fazer isso e no grito. Ocorre que quanto mais se escondem as coisas, mais elas se tornam desejadas. Simples assim. O ser humano gosta do que é proibido. Resumindo: eles mostram mais do que comportamentos fascistas, mostram pouca inteligência.E o Banco Santander, por seu turno, deveria ter convicções e defender sua exposição. Provou ser uma instituição sem convicções. Bem, a solução é simples: cair de pau e ridicularizar esse tipo de pensamento.

    • O que estava errado é a exposição ser aberta para menores (tinha criança vendo a exposição)! Agora se os religiosos ficaram ofendidos, que não fossem para a exposição! Simples assim!

    • Mas mesmo assim, não deveria ter tido imagens religiosas e de pedofilia e zoofilia! É obvio que os radicais iriam chiar! O Santander também errou!

  26. Gaugin fez um quadro em que pintou Cristo crucificado com a cor amarela. Uma carola pode se sentir ofendida, “ele está dizendo que Jesus amarelou?!”
    Se for dizer que tratar da sexualidade das crianças é pedofilia, então tem que proibir a obra inteira de Freud, entre outros.
    Zoofilia? Então que os MBLs saiam pelo interior do Brasil a fora atrás dos meninos que tem “iniciação sexual” com porcas e galinhas. Cortem o pinto deles!

    • Criança lê a obra de Freud? Faça um favor a sí mesmo e pense antes de falar ou escrever bobagens.
      Aqui se trata de exposição aberta a qualquer faixa etária.

  27. Tinha Volpi, Portinari, suruba, sexo com animais, felação…

    O fato de ter Portinari não desmente o que disse o comentarista!

    A propósito: Sou contra a censura! Por se tratar de exposição em local fechado, acho q deveria ser permitida (mesmo sendo de mau gosto)! Mas acho sim, q deveria ter uma classificação etária q impedisse o acesso de crianças.

    PS: meu comentário anterior foi censurado… Sabe pq?

  28. Caro Edu, boa tarde!Tenho lido todo o material a respeito deste assunto no campo progressista, porém uma questão que gostaria de levantar, e a qual não vejo esclarecimento nesse sentido seria sobre essa pressão que o Santander cedeu.Assim pergunto:-essa pressa envolveu fuga massiva de correntistas do banco ou foi apenas mais um movimento virtual dessa facistada rabugenta?Vc tem alguma notícia que de conta de correntistas migrando para outros bancos por causa dessa Exposição?Forte Abraço!:)

  29. Simplesmente não dá para defender algo desse tipo.

  30. Fascistas! Mantenham a ignorância cultural com vocês. Babacas !!!!

  31. Imaginemos que seu filho ainda no primeiro grau “desenhasse” algo como aquelo (mal feitos por sinal), e entregasse à professora. O que acham que aconteceria? Pior, se algum “professor” mostrasse em aula desenhos sobre felação, sodomia com animais e etcteras como havia lá.

    O minimo teria sido colocar aviso na entrada explicando do que se tratava e classificar por faixa etária.
    ESTUDEM mais como é feita uma exposição, como se trabalha para expôr as obras. O Santander caiu foi numa tremenda arapuca aceitando sem saber do que se tratava. A seguir o pensamento exposto nesta página vamos parar de classificar todos os filmes, abertura geral… é cômico…

    Aqui não se trata de esquerda ou direita, MBL ou qualquer outro partido.
    Não me venham falar sobre arte se não sabem do que se trata. Falar que entendem de arte só porque entram num museu é ignorância demais.

    PS: Não vai publicar não é? Tem medo de encarar o que falo ou virá sem argumentos plausíveis…

  32. Onde houve censura? O Santander tomou a iniciativa, de forma livre, ao suspender o evento por ele patrocinado, e ainda pediu desculpas. Sem dizer que as escolas estavam levando crianças para visitar essa exposição.Protestos de grupos sociais são democráticos, não interferiram fisicamente na exposição, bem difernte do “protesto” que os comunas fizeram contra a blogueira cubana, impedindo-a de falar e perseguindo-a onde estivesse.
    O filme sobre Olavo de Carvalho foi boicotado pelos diretores do festival de Pernambuco.
    O lutador Borrachinha foi ignorado no dia 3 após vencer sua luta de MMA, tudo por ser bolsonarista.
    A palestra de Bolsonaro na Hebraica de São Paulo foi suspensa após protestos.
    Em Cuba existe um único jornal e nas livrarias não há obra que não seja marxista.
    Para quem estudou a ascensão do nazismo, convem comparar com o que houve quando o bolchevismo ocupou o poder na URSS. Soljenitsen e Pasternak, dois premios Nobel expulsos são apenas exemplos do universo de artistas que faziam arte “burguesa”

    • Onde houve censura? O Santander tomou a iniciativa, de forma livre, ao montar a exposição.

      Mas foi censurado. Por animais com pedigree de kintacategoria!

      Animais que acham absolutamente plausível comparar bolsonaro, borrachinha, ou olavo de carvalho, com Volpi ou Portinari.

      E falando de animais, quem disse que os fascistas não são chegados numa zoofilia? https://www.facebook.com/aburguesiafede/videos/1205229222962951/

  33. E essa história de educar crianças em casa?! Esses imbecis não sabem que a escola não é só para aprender tabuada e ABC? É para socializar a criança?
    Hoje em dia as crianças dos pais coxinhas ficam do videogame para o shoping. Deixar de ir a escola também? Vão criar um monte de coxinha sociopata. Mais do que já tem hoje.
    PS: Hoje me dia só existe doutrinação comunista na Coreia do Norte, e olhe lá

  34. Havia obras interessantes? Pode ser.
    Mas havia tambem muitas obras com sexo explicito, zoofilia e outras bizarrices.
    Nada contra. Cada um faz o que quer da vida. Inclusive boicotar!

    Querer comparar uma gravura bizarra de um cara comendo um cachorro com o davi de michelângelo é desonestidade l. Coloque eduardo as fotos mais pesadas no seu blogue…. duvido!

    Alegam tambem que houve agressao a simbolos religiosos. Sou ateu. Mas escarnecer a fé alheia… não. Que tal uma foto do maomé com vibrador na mão?

    Não houve facacismo ou censura. Houve exposição do fato. O banco poderia manter se quisesse. Nao o fez. Mas o estrago estava feito.

    • Cara, não pague mico. Pare de falar besteira. Não existe esse tipo de visão para arte. Você está bancando o imbecil. Não para os seus amigos fascistas. Essa gente vive no século XIX. Estou falando de pessoas de nível intelectual alto, informadas, atuais.

  35. Boa tarde Edu!

    Apesar de ter sido medida errôneas dos fascistas, eu retiro o que eu disse no meu comentário anterior! E eu vejo que não dá para defender uma exposição como essa pois apesar de ter várias imagens de artistas como Volpi e Portinari, tinha também imagens de pedofilia e zoofilia, e tinha crianças vendo a exposição! Deveria ser uma exposição para maiores de idade e mesmo assim não poderia ter imagens de zoofilia e pedofilia! Me desculpe Edu, mas acho que você se equivocou em partes neste video ao condenar a prática dos fascistas! Neste caso é questão de bom senso e não de censura, eu mesmo não iria a uma exposição com estes absurdos!

    Um abraço!

  36. Edu, não sei porque ainda dão ouvidos para pessoas tão desprezíveis como esses caras do MBL.Não devem saber nem quem foram os artistas citados.E outra.Olhem a ficha pregressa deles.Não tem moral e muitos menos ética para exigir coisa nenhuma.São uns moralistas sem moral.Infelizmente, ainda existem muitas pessoas que pensam como esses idiotas aí.Triste Brasil!!!!!

  37. Não existe mico algum Eduardo.

    Pouco me importa se é ou não arte. E olha aqui- não e só você que conhece supostos entendidos de arte.

    Dá uma olhada nesse video do Paulo Watson. É engraçado, sério:

    https://youtu.be/ANA8SI_KvqI

    Mas não discuto nada sobre arte aqui. Longe de mim dar-me a esse trabalho. Cada um gosta da “arte” que julgar melhor.
    No meu caso, como um leigo, sou bem mais o Davi do Michelangelo- uma obra impressionante, feita em unico bloco de marmore, uma perfeição, do que rabiscos ridiculos de pessoas se masturbando ou coisa parecida.
    Vai me dizer que vocÊ acha aquela peça “macaquinhos”uma obra de arte? Ou que seja- uma BOA obra de arte
    Pode ser.
    Mas gosto é gosto.

    Agora, o que importa: se a tal “arte” ofende alguém, esta pessoa tem sim o direito de se manifestar. Inclusive de boicotar, protestar e tudo mais. Especialmente se há dinheiro público investido. Como é- para variar- o caso.

    Vejo você comemorar aqui o suposto fracasso do filme sobre a lava jato. Mais de uma postagem. Não seria uma campanha para derrubar o filme? Ora, direito seu.

    Não há censura. Ora, como chamar de crimes a manifestação livre de opinião e a manifestação livre do banco em cancelar a exposição?

    • Não importa seu gosto por arte, você tem que respeitar a arte que não gosta. Arte internacionalmente reconhecida. É bizarra essa gritaria da direita

      • Exato!

        O gosto do nigro importa tanto quanto o do kintacategoria, ou de qualquer outro coxinha reaça. Censura combina com fascista, mas não orna com cultura ou arte, simples assim.

        Mas o retardo odiento da coxinhada já me contaminou, não dá prá ficar levando pedrada, e respondendo com confete, não vejo a hora do blog da cidadania devolver na mesma moeda, e parar de dar espaço para a corja.

  38. Não vi a exposição, mas estão falando em imagens de pedofilia. Havia lá alguma imagem do Stalin ou Che Guevara fazendo sexo com criança?

  39. Vi o Kim Katiguri num debate com uma moça muito inteligente, esqueci o nome, presidente da UNE. A menina deu de lavada no cara, na maior tranquilidade, ele não tinha resposta fundamentada para nada do que ela disse, simplesmente porque é o protótipo do imbecil mal informado, não tem noção de nada e não tem futuro, é só um figurinha fácil financiado pelos Think Tanks imperialistas e quando não precisarem mais dele, será descartado como uma pulga. Existem aos montes hoje em dia, é uma verdadeira praga, alguns vão se tornar em breve redatores da Veja. É bom não ficar dando muita trela para esses caras. Eles não tem nem ideologia, só têm interesses. Se vivessem na URSS, em 1970 e tantos, seriam redatores do PRAVDA. Encontram sempre o espaço para dar vazão a seus interesses. Não são nada. Não representam nada. Na hora que o bicho pegar nas ruas, vão enfiar o rabo entre as pernas e fugir para Miami como “refugiados políticos” porque também são uns coxinhas fracotes e covardões. Sou a favor que comecemos a infiltrar algumas pessoas nesses grupos para saber o que está se passando lá, investigar quem os financia (os grandes interesses internacionais) e depois sair divulgando. Os americanos estão infiltrando esses babacas aqui para financiar golpes de estado, então é preciso infiltrar gente nossa no meio deles para descobrir quem os financia e revelar nos meios disponíveis. Puxando o fio da meada, chegamos a Sérgio Moro e produtos similares.

  40. Li uma reportagem no “Diário do Centro do Mundo” que fala que Belo Horizonte está planejando receber essa exposição; ainda não tem local e data definidos, mas já é uma boa notícia! Depois da derrota do candidato do aecinho (o João “Leite-azedo”) na eleição para a prefeitura de BH (mesmo com a ofensiva da direita naquela época), sinto que nossa cidade está mais arejada. Não morro de amores pelo Kalil (é um tanto falastrão), mas pelo menos está se saindo um pouco melhor que o prefeito anterior, o Lacerda, e BEM melhor do que seria o famigerado João Leite-azedo; com esse candidato pseudo-evangélico, BH ia regredir mesmo para o século 18, 17… O obscurantismo ia dar as cartas por aqui o tempo todo!

  41. “Só gosto da arte quando não me ofende”
    Desculpa, arte É para mover você. Se não transgride, é só papel colorido pra ser vendido.

  42. Ao falar em fascismo, comunismo, socialismo, democracia, reinado e o escambal a quatro, me desculpe Sr redator, e olha que gosto daqui, mas que tal falar em ética, moral e bons costumes, não misture nada disso com qq forma de governo por favor, isso é apologia à ignorância, criança não tem que ver nada dessas merdas que nem mesmo alguns adultos gostam de ver. A pergunta que te faço caro redator……..vc está bem ? Vc é comunista ? Vc crê em Deus ? Pois te digo antes da dua resposta, o que isso import, se vc não respeita a pureza de uma criança, o que importa o respeito se meu bebê pode ver e ser estimulado à todo tipo de escarnio, e no futuro ter problemas com a administração desse tipo de “Arte”, me desculpe, isso não é arte, isso é demonóco, vai de encontro ao que o inimigo mais gosta……..a destruição da família, da ética e dos bons costumes, que por falta de tudo isso o mundo hj submerge !!!

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.