Desmontando farsa da “Ferrari de ouro do filho de Lula”

 

 

banner esclarecimento
1

Não passa um dia sem que farsantes espalhem mentiras sobre o ex-presidente Lula e sua família – e, não, não estamos falando das ações contra ele na Justiça, todas elas produtos de farsas oficiais. A farsa em questão é cem por cento criminosa, baseada em mentiras ainda mais grosseiras que a das ações judiciais contra o ex-presidente.

A última dessas farsas é praticamente inacreditável por várias razões. Chega a ser difícil de acreditar que alguém caia nela, mas não falta quem caia. E, no mais das vezes, as pessoas que caem nesses contos do vigário não o fazem por ingenuidade, mas porque querem acreditar na mentira.

Na manhã de domingo recebo de uma contraparente (parente por afinidade, no sentido de vínculo originado no casamento) um vídeo surpreendentemente inverossímil no que diz respeito à descrição.

ferrari-1

Assista essa armação revoltante

Não foi necessário nem assistir ao vídeo todo para perceber a farsa. Conheço pessoalmente dois dos filhos de Lula e a pessoa que aparece no vídeo não é um deles.

ferrari-2

Além disso, o vídeo farsante diz que a cena de um homem entrando em uma Ferrari dourada se passa no Uruguai e, coincidentemente, por ser aficionado da Fórmula 1 conheço o hotel de onde ele sai antes de entrar no carro. Trata-se do Hotel de Paris, em Monte Carlo, um dos 10 distritos do principado de Mónaco, onde ocorre uma das mais charmosas competições dessa modalidade esportiva.

ferrari-3

O que ocorreu é que o primeiro dos muitos bandidos que divulgaram a farsa ouviu alguém falando em espanhol no vídeo e teve a ideia de dizer que a cena se passava “no Uruguai”. E não faltaram otários ou pessoas mal-intencionadas a comprar – e depois a vender – a mentira.

O primeiro dos muitos vídeos divulgando a farsa apareceu nas redes sociais no dia 22 de julho de 2017 e rapidamente se transformou num dos assuntos mais comentados da rede. Algumas versões desse mesmo vídeo foram compartilhadas no Facebook, gerando centenas de milhares de visualizações.

O vídeo em questão foi publicado dias antes em outros canais no YouTube e podemos notar que não há nenhuma menção ao dono do veículo ser o “Lulinha”. Você pode assistir o vídeo original, sem a farsa, aqui, aqui e aqui

A placa do veículo usado na farsa também contém inscrições em árabe e o carro foi visto em Paris poucos dias antes de essa farsa ser divulgada

ferrari-4

O mesmo carro usado na farsa foi visto também em Cannes, na França. Obviamente que sem qualquer tipo de relação com a família de Lula.

Já inventaram que “o filho do Lula” – nunca dizem qual – era dono de uma fazenda imensa. Depois, descobriu-se que se tratava da ESALQ – USP, Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, localizada em Piracicaba – SP. Já inventaram que “o filho de Lula” era dono da Friboi, que, agora, todos sabem a quem pertence. Agora, inventaram que “o filho de Lula” tem um carro de ouro.

O fato é que esse tipo de farsa só serve para mostrar que quem se posiciona contra o linchamento do ex-presidente tanto pela Justiça quanto pelos porões da internet, está do lado certo.

*

Como a farsa nasceu no You Tube, o Blog fez um vídeo contendo tudo que você viu neste post. Ajude a divulgar para que, também naquela rede social, a verdade seja restabelecida.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.