Esquerda deve se preparar para voltar a governar o país

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

eduguim PREVISÃO

Durante a marcha do mais recente golpe na democracia brasileira, esta página e o seu autor ficaram conhecidos pelo pessimismo com o que viria. A partir de junho de 2013, aqui sempre se opinou que aquelas manifestações do Movimento Passe Livre, decorrentes de 20 centavos a mais no preço das passagens de ônibus em São Paulo, seriam trágicas para o país.

Vale a pena divulgar as informações a seguir para que o leitor entenda quem é o analista que falará sobre as chances da esquerda na eleição presidencial do ano que vem. Ao contrário do que dizem muitos que duvidam do uso que se faz da lógica aqui neste espaço, agora você lerá uma prova impressionante do poder quase sobrenatural desse instrumento.

Sim, em 2013 o Blog da Cidadania previu tudo que ocorreria no país nos anos seguintes. Várias vezes.

Uma delas foi em 30 de junho daquele ano. Convidei os leitores a reagirem às manifestações que haviam derrubado a popularidade de Dilma de 65% para 30%.

Eu, Eduardo Guimarães, disse, aqui neste Blog, que tudo aquilo terminaria em “golpe”. Em resposta, cerca de mil leitores aderiram à proposição do Blog e passaram a atuar na internet divulgando as ideias desta página sobre a necessidade de reeleger Dilma Rousseff no ano seguinte e de ignorar os ataques a ela pela esquerda e pela direita.

Mas não disse apenas isso. Previ que a queda na popularidade de Dilma faria o então vice-presidente, Michel Temer, virar-se contra Dilma, que apoiaria um processo de impeachment contra ela e que, uma vez no poder, trataria de desmontar as políticas públicas voltadas para o social, o que sempre inclui os direitos dos trabalhadores.

Leia trecho de matéria publicada no Blog da Cidadania em 30 de junho de 2013:

“(…) o vice-presidente Michel Temer está sendo assediado pela oposição para que comece a dar declarações vira-casacas sobre o governo Dilma, quem alguns oposicionistas mais exaltados e alguns meios de comunicação sonham em submeter a impeachment. A Temer caberia iniciar o desmonte das políticas públicas petistas, sobretudo as sociais (…)”

Não, eu não tenho bola de cristal. Se tivesse, adivinharia o resultado da loteria – pelo menos poderia fazer mais por minha filha doente. Só ´tenho a boa e velha lógica. Só não viu quem não quis o que estava para acontecer no Brasil.

À época, o mundo caiu na minha cabeça. A reação mais comum era a de que “não havia mais clima para golpes no Brasil”. A pergunta que sempre fiz a quem me dizia isso era “Por quê não há clima?”. Nunca ninguém explicou tese tão estapafúrdia…

Seja como for, eu também fiz outra previsão quando, agora no segundo mandato, Dilma estava para cair. Se fui ultra pessimista quanto à burrada da esquerda, fui otimista quando ao resultado do golpe. Em 4 de outubro do ano passado, escrevi post no qual antecipei que a chegada dos golpistas ao poder maltrataria tanto o povo que eles iriam se enterrar sozinhos.

Leia trecho daquela matéria:

“(…) Se PMDB e PSDB, se Temer, Serra, Aécio, FHC e cia. se mantiverem no poder até 2018, e se fizerem o serviço sujo para o qual foram contratados – qual seja, exterminar direitos trabalhistas e programas sociais –, ao fim desse par de anos o povo estará clamando pela volta de algum petista (…)”

Hoje, nós sabemos quem é o candidato mais forte a presidente na eleição do ano que vem, não sabemos?

Bem, demonstrado que aqui neste espaço se entende de política e não se faz, nunca, as coisas de orelhada, farei uma outra análise sobre desenrolar muito provável do quadro político até as eleições do ano que vem.

Michel Temer e a mídia apostam que lá pelo segundo semestre alguma retomada da economia irá estancar o desemprego. Talvez até diminua um pouquinho. Daí, Globos e o governo dirão que o país começa a melhorar e blábláblá, blábláblá, blábláblá.

Eles nunca entenderam nada. E olhe, leitor, que é tão óbvio que uma criança de 10 anos poderia entender. É muito simples entender por que uma melhorazinha no desemprego e no PIB não vão fazer o Brasil votar na direita no ano que vem.

As “reformas” trabalhista e da Previdência, o teto de gastos do setor público e a terceirização vão provocar um empobrecimento brutal dos brasileiros. Já começou esse processo e irá se acentuar. O Brasileiro viveu 11 anos melhorando de vida todo ano com Lula e depois com Dilma (primeiro mandato). Não quer menos do que tinha naquela época.

Vão tentar convencer os brasileiros de que têm que se conformar em viver mal, em ganhar bem menos tendo que trabalhar bem mais etc. E sempre dizendo que estão faltando mais “reformas” – eu temia que um dia propusessem a volta da escravidão e teve um deputado tucano que propôs isso (!!).

Toda essa loucura dos fascistas está colocando o povo em pé-de-guerra. E não estou falando das patricinhas, dos mauricinhos, das madames e dos doutores dos Jardins ou do Leblon; estou falando da maioria silenciosa, da massa humana que não se manifesta e que está sendo massacrada por Temer, PSDB e mídia.

Um cenário muito provável é de Lula versus Bolsonaro. É o cenário dos sonhos da esquerda. Vamos a ele.

Moro condena Lula em primeira instância – só sendo muito burro para achar que ele ainda não se decidiu, que esse processo não é uma farsa –, o TRF 4 confirma a condenação, o TSE cassa a candidatura do petista, Lula entra com liminar, disputa a eleição, ocorre julgamento no Supremo Tribunal Federal e ele é absolvido. E vira presidente. De novo.

Sim, o STF começa a perceber que o conluio entre primeiro e segundo graus da Justiça ameaça a democracia.

Mesmo se Moro prender o ex-presidente para atender o desejo da Globo de impedi-lo de voltar ao poder, o STF o soltará. E mesmo se não soltasse apesar de haver uma grande maioria querendo voltar nele, bastaria uma sua indicação; todos os seus eleitores acatariam.

Eis por que a esquerda precisa conversar sério sobre como desfazer tudo que Temer está fazendo, se voltar ao poder. Será necessário ter maiorias no Congresso. E é possível ter.

Mas antes a esquerda poderia construir uma ampla plataforma de governo e de reformas progressistas. O extremismo de esquerda precisa ser contido, assim como tentações puramente neoliberais. Social-democracia é do que o Brasil precisa neste momento – e o PSDB abdicou de praticar.

É possível fazer uma campanha eleitoral voltada a esclarecer o eleitorado de que para desfazer o que Temer e o PSDB estão fazendo será necessário maioria parlamentar nas duas Casas do Congresso Nacional.

Para que tudo isso vire realidade só é necessário que o governo federal continue destruindo os direitos dos trabalhadores, os programas sociais, os investimentos científicos e tecnológicos, os programas sociais etc. E como Temer foi colocado no lugar de Dilma para tirar do pobre e dar para o rico, a eleição de um esquerdista, ano que vem, é quase certa.

Vão postergar a eleição? Duvido. Não ousarão. O golpe seria desmascarado, o Brasil poderia até sofrer sanções econômicas das nações mais democráticas – não de Donald Trump, mas de vários países da Europa, do Oriente, da América Latina. Até o mais notório antipetista do Brasil está contra impedirem Lula de disputar a eleição.

Tags: , , ,

110 Comentário

  1. Eduardo, estive em Curitiba no último dia 10, no evento em defesa de um Brasil mais Justo para Todos e para Lula também…

    Viajei de carro com três amigos, um deles advogado…

    Um bate e volta de 5 horas de ida e 5 de volta, só para reforçar o movimento em prol de Lula…

    Meu amigo amigo advogado me desiludiu, de uma candidatura com possível eleição de Lula, apontando diversas vezes que o judiciário é muito mais antidemocrático e de direita do que imaginamos como leigos…

    Passei os últimos dias sofrendo um incomodo com essa situação…

    Hoje fui buscar minha esposa num “chá de bebê” e o pai da futura criança, um advogado, estava tão revoltado quanto eu com os destinos que o judiciário brasileiro está tomando em relação ao caso Lula…

    Ele se dizia arrependido pela escolha da profissão, visto que por ser um progressista e humanista, se sente como minoria na categoria profissional…

    Chego em casa, abro a internet e ao ler sua matéria, sou inundado novamente por um sopro vivo de esperança…

    Que sua tese tenha fundamentação!!!

    • Forças amigo, acredite e siga lutando por um país mais justo.
      E que o judiciário deixe de tratar o pobre (ou aquele que tem a pecha de ser pobre, por ter saído das entranhas da pobreza, da miséria e do esquecimento) como alguém sem direitos nem tratamento digno.

  2. Você tem razão,li todos seus artigos sobre 2013 e sobre a impopularidade da Dilma e as consequências disso. Espero que vc novamente,tenha razão. Fica uma pergunta será que a esquerda aumenta o número de parlamentares?
    Isso é fundamental.

    • O Congresso Nacional vai ficar mais ou menos uns 12 anos ultraconservador, se não mais.

      Lula ficará inelegível, porque a justiça tem medo de que ele morra na prisão.

      Ficaria a briga entre Dória e Bolsonaro no segundo turno das eleições presidenciais e o PSDB governando quase todos os estados.

      Mesmo que Lula fosse inocente, apostar na candidatura dele seria o mesmo que pedir um “volta Dilma” agora. E tanto na hipótese do Lula eleito quanto imaginar por exemplo Dilma voltando hoje, não haveria mais condições de o PT governar.

      Eduardo, era lógico em 2013 que o Brasil seria aniquilado, começando pelo próprio povo, impaciente com a Democracia, quebrando tudo, histérico com Dilma (numa época em que o Brasil tinha alcançado o pleno emprego).

      Agora é um pouco diferente. Foram 13 anos de massacre na mídia, quase 4 de Lava-Jato, um golpe bem sucedido, reformas que parecem ter apoio popular, já que ninguém além da esquerda reclama.

      A esquerda voltará ao poder daqui uns 40 anos mais ou menos.

      • Não sei para quem era “lógico em 2013″. Onde você viu análise igual à época? Hoje todo mundo vai dizer que sabia mas não falava nada . Ache textos assim da época

        • Era lógico para você e para mim! rsrs. Eu conheci o Blog na época, justamente porque tinha percebido a queda da democracia e a oportunidade fascista já nos primeiros ataques histéricos da população, e você era um dos únicos a dizer o mesmo. Foi um encontro de ideias!

          A esquerda vai voltar mas serão os seus netos que farão uma revisão da história.

          Acredito que a história vai absolver o Lula e condenar Moro. Por enquanto, caro Eduardo, será difícil e não muito lógico que a esquerda volte. No máximo uma Marina (com o dono do banco mais sujo do mundo ao lado dela) ou um aventureiro meio esquizofrênico como Ciro Gomes.

          O que é lógico hoje é que o PT, a esquerda e o Lula foram transformados e demônios, em leprosos pela elite. E o povão comprou a ideia porque é chegado num fanatismo.

  3. B I N G O O O O…!
    Matou a pau, Eduardo.
    Aguardemos agora os citados mauricinhos de costume, com suas criticas aqui.

  4. Kkkkk…. analista , repórter, importador . Pq não previu que o Moro ia te chamar pra uma conversinha?
    Pq previa que ia haver um caos e possivelmente uma guerra civil coma queda da Dilma?
    Cadê os juristas que diziam que o ” golpe” e os “golpistas” não passarão ?
    Você nunca previu que a Dilma ia cair , nem que o Lula ia ser preso , muito menos que a Lavajato ia ter apoio popular.Dizia que o Haddad ia “virar o jogo” e que o Gobernador do Maranhao ia ser o novo líder da esquerda brasileira.
    Sempre disse que o Bolsonaro era uma mera aberracao da direita e agora sua “análise” o coloca como um potencial candidato à segundo turno…vc é uma piada.

    • O blogueiro , que todo pimpão gravou diversos de apoios de políticos Petistas ( até Lula o apoiou ), só não previu que em razão da própria mediocridade obteria medíocres 1.304 votinhos .

      • Eu nem fiz campanha, imbecil. No dia do início da campanha divulguei um vídeo dizendo que a candidatura era só pra marcar posição.

        • Fez campanha sim, imbecil .Esse papinho de que não fez campanha é só pra enganar a si mesmo e a seus idiotas seguidores !

          • Diga um ato de campanha que eu tenha feito. Sua palavra na basta. Postar vídeos e textos na internet não é fazer campanha. Não existe campanha eleitoral só na internet.

          • Edu, manda este imbecil para o quinto dos infernos. Essa desgraça saiu de lá.

          • EU votei no Eduardo ..pedi várias vezes que ele me mandasse “santinhos” ..material de campanha ..ele ME IGNOROU ..não mandou nada ..nem respondeu no blog ou por email ..votei assim mesmo

          • Romanelli, eu não tinha dinheiro pra ficar enviando material, nao tinha equipe, não tinha nada. Se procurar nos posts da época encontrará vídeo de lançamento da campanha em que explico que só me candidatei para marcar posição. Mas é uma honra que a grande acusação que meus inimigos me fazem é ter tido poucos votos.

    • Você é mal educado assim sempre? Não sabe debater sem falta de educação?

  5. Eduardo me fale sobre Alexandre Romano???? Sabe que logo vai ser levantado o sigilo??? de uma certa delação??? será a pal de cal encima de uma senadora…KKKKK e ainda tem otário que defende o PT.

    • Otário é você

      • Otário eu? quem votou no Jaiminho para nosso prefeito foi você lembra? quem disse que lula era honesta foi você, Quem disse que Dilma era honesta foi você também, Quem admira Gleisy COXA hofmann é você, quem crê na inocência do cachaça e da mulher sapiens é você, moro nos Jardins e nunca o bairro teve tão ruim como no tempo do SEU jaiminho, nossa cidade virou um lixo graças ao SEU jaiminho, tanto que o Jaiminho foi escorraçado daqui, será que alguem aqui dos jardins votou no jaiminho? e depois o otário sou eu…

      • De fato, Edu, ele é um otário, como tantos que aqui veem com o blá blá blá típico dos manipulados pelas mídias corruptas desse país. Tão otário, que nem isso vê ou sente, coitado !!!
        Parabéns, Edu !! Você realmente sabe das coisas !!!
        Um abraço

        • Outro, Mirian

        • Ahh sim, os não manipulados são a turma do MST e da CUT que vivem tipo gado, ou seja, fazem o que o dono manda, a sugestão pra você é que leia várias reportagens aonde membros bem politizados do MST não sabem responder perguntas simples aos entrevistadores, bem informados também são os que acreditam que Lula, Dirceu , Dilma e outros são santos…..

          • Não precisa de muito para ver que vc defende a perda de seus próprios direitos – e ainda chama aos outros de gado. Se imbecilidade desse dinheiro você tava na lista da Forbes, to pra ver como tem coxinha imbecil…

    • Tem otário que todos os dias perde um direito, e dorme abraçado com pato e uma panela debaixo da cama.

    • Esse é o nível de tua análise, escrevendo “encima”?

      É, Eduardo, com comentaristas dessa laia você está mesmo perdido.

      • A direita brasileira é um lixo. Amaria ter uma direita culta como a europeia pra debater

        • Eu também adoraria debater com uma esquerda brasileira que tivesse estudado além do segundo grau, mas infelizmente não tenho. kkkkkkk

          • Você não debate com ninguém. É um insultado e caluniador. Só sabe mentir, distorcer e xingar. Seu grau de instrução não chega aos pés do meu. Mas não vou gastar tempo para lhe explicar nada. Só público as besteiras que escreve como recado pra da Cunha que você integra. Se me visse pela frente iria se borrar todo. Me diverte sua covardia. Por isso te publico

          • E’ Sergio, voce é um bosta declarado.

    • Esse sujeito precisa aprender a escrever, para depois pensar em criticar alguém.

  6. Deus te ouça Edu.
    Confio em VC.
    Parabéns pelo Blog.
    Grande abraço.

  7. Sou testemunha de suas palavras, Edu, e confio na sua análise.

  8. Eduardo concordo com você em quase tudo. MInha divergência está na absolvição por parte do STF, porque se houve golpe o fiador foi essa corte, a qual foi tão corajosa e ágil para prender o Senador Delcidio e cozinhou o galo para decidir a situação do Deputado Eduardo cunha. Na minha opinião o Presidente Lula só será absolvido em caso de Revolta popular, revolta mesmo, não essas passeatas democráticas onde até o momento sequer um pneu de veiculo da globo foi furado.

    • Prisão de um líder político será diferente.

      • Acredito que o STF possa acatar uma liminar a favor de Lula. Não é porque o STF é bonzinho, é uma questão lógica. São duas coisas:

        1 – Já há uma posição do STF em ir contra os abusos da Lava Jato. Acatar os últimos habeas corpus, principalmente o de Dirceu, já mostrou uma mudança. O STF está mudando assim porque a direita enfim apareceu na Lava Jato, tanto é que certos jornalistas de direita, como o tio Rei, mudaram de opinião e agora começam a defender o estado democrático de direito, eles sabem que pode acontecer e um da turma deles acabar caindo na “justiça” morinha, como o Cunha teve que ir. Nunca se sabe, por isso que Gilmar começa a bater na Lava Jato;

        2 – Lula vai até o fim para provar sua inocência, e se isto fica para ser julgado pela ONU e para corte interamericana de direitos humanos, é certo que Lula será declarado vítima de uma ditadura judiciária e o Brasil será condenado, terá seus tratados desfeitos, punições e embargos mundiais. O que ajudará a afundar mais e mais a economia.

        Não será tão simples assim impedir Lula de se candidatar. Ainda iremos sofrer muito em 2017, mas em 2018 a gente dá o troco. Sem contar, que se Lula ficar inelegível ou até for preso, ele elegerá quem ele apoiar. Se prenderem Lula, a direita dará um tiro no pé, Lula virará mártir, e lutar contra um mártir é bem pior.

  9. Edu, você é guerreiro e corajoso; obrigada por seu trabalho e por suas análises; elas nos dão alento pela perspicácia e pertinência; vamos lutar e vencer os destruidores do Brasil. Lula vai voltar com tudo!!!!

  10. Edu,

    Muito boa a sua análise. Há tempos que venho falando com pessoas do meu circulo mais próximo da necessidade se se começar rapidamente arregimentar as forças progressistas em torno de um projeto que tenha como pontos principais a reparação dos males que estão a ser perpetrados, a recuperação da imagem internacional do país e um projeto que aprofunde aquilo que vinha sendo feito. Dá-me calafrios imaginar uma possível obtusidade das esquerdas que as lance numa divisão que só fara potencializar a vitoria da direita. É preciso reacender a chama da esperança e o combustível dessa chama será as atrocidades dos golpistas e o oxigénio o chamamento ao povo para essa batalha.

    Uma coisa mais. Cansado de tentar conversar com os “cabeças-de-alho” cunhei uma expressão que tenho usado amiúde: Para algumas pessoas o nosso silencio pode soar ensurdecedor. Sugiro que não gaste o seu precioso tempo sequer para dirigir~lhes um monossílabo.

  11. Isso tudo e principalmente a maioria parlamentar como maior objetivo é tão claro que continuo pasmo durante todos esses anos ficar gritando por isso em tudo quanto foi canal do PT e da blogosfera em geral e nem um esforço para isso foi encetado, pelo contrário na eleição de 2014 tendo Temer por vice sequer cuidaram de garantir um pouco mais de um terço de deputados na câmara ou no senado, para anular qualquer possibilidade de darem o golpe através de impeachment, que era a ferramenta óbvia sobretudo tendo por vice uma figuraça como Temer.
    Impressiona o amadorismo nesses quesitos básicos, maiorias parlamentares e comunicação com o Brasil, onde fomos de, “já temos nossa mídia, a Globo”, passamos por entrevista exclusiva após vencer eleições na bancada do JN, fritar ovo na brega, ao boicote aos planos de Franklin Martins na regulação da mídia no Brasil.

    É isso aí, Eduardo, substituir antes tarde que nunca o Ruim Falcão no PT, organizar uma central plural da cidadania, para estruturar, convocar e botar para andar o milhões de brasileiros sedentos por democracia, hoje sem direção, agenda e rumo, através do Movimento de Defesa da Democracia, nas cores verde, amarelo e vermelho, com Franklin para organizar a comunicação do mesmo.

    Vamos nos organizar e tomar as ruas pois é assim que derrubaremos essa ditadura jurídica-midiática-mercadista.

  12. Acredito no que você está prevendo. \o/

  13. Eduardo gostaria de ter seu otimismo, mas infelizmente não consigo. Torço para que você esteja certo, mas para mim, se não conseguirem impedir o Lula de ser candidato, não teremos eleição.

  14. Não acredito que esta burguesia vá gastar milhões comprando os deputados corruptos para fazer o mau ao povo e após entregar o poder assim para modificar, acredito que não teremos eleições em 2018.

    • Se cancelarem as eleições ficaria muito evidente o golpe, a plutocracia não é burra a ponto de fazer isso!

  15. Mais uma brilhante postagem do Eduardo Guimarães. Se os golpistas continuarem nesse ritmo, a partir de Outubro, os parlamentares abandonarão o barco governista por 2 razões : 1) Ninguém se elege retirando direitos históricos como plataforma……….2) Nada tem a mostrar…as poucas obra que aparecerão ,serão as do Tempo do PT (TRANSPOSIÇÃO -FERROVIA NORTE-SUL….) Ninguém no Nordeste atribui a transposição a Temer……………….O Congelamento dos gastos públicos engessa qualquer medida de retomada da economia e um governo golpista com um presidente mal avaliado não incentiva os agentes econômicos a soltar a economia e gera muitas incertezas, principalmente políticas…..não há GLOBOSTA VAGABUNDA,PILANTRA e SAFADA que dê jeito nisso….não há como transformar um sapo num príncipe….o tempo vai ficando cada vez mais curto para as decisões político-partidárias………o governo golpista vai desidratar paulatinamente no 2 º semestre (fim do ano );….os deputados não tem nada a mostrar em suas bases pela contenção de despesas do desgoverno a que servem……..a renovação vai ser grande ..todo mundo sabe disso….

  16. Eduardo: me lembro anos atrás quando você escolheu concorrer a vereador pelo PC do B que você optou esse partido por causa que o PT tinha sérios problemas internos. Na sua opinião esses problemas foram sanados, ou estão em vias de serem? Há alguma perspectiva? Será que enquanto isso não se resolver a candidatura de Lula (e talvez até um possível governo futuro seu) não terão sempre uma “sombra”, se é que me entende? Apenas gostaria que o blogueiro me colocasse a par da situação: existe internamente no PT algum movimento que quer fazer o partido voltar a suas origens, á sua “pureza”? No mais um feliz Dia das Mães e todos. Transmita isso para sua esposa, que tem belos filhos, em especial a linda Vitória!

  17. A Base aliada desse desgoverno vagabundo implodirá quando chegar mais perto das eleições . O Senador Tasso Jereissati disse que o PSDB tomará rumo próprio em 2018…ou seja, ninguém vai querer estar associado a um golpista mal avaliado e sem obras a mostrar…………….comparar Lula e o PT como suas universidades, Escolas Técnicas, Ferrovias, Transposição, Linhas de Transmissão, Aeroportos, Portos, Refinarias, Siderúrgicas, Termelétricas, bolsa-família, Prouni…etc…………como o que do Temeroso ??…eles nada têm a mostrar……….vai ser cada um por si e o golposta ficará sozinho….

  18. O problema é acreditar no resultado das urnas eletrônicas. Não acredito no resultado. Aqui no Rio de Janeiro tem Deputado desconhecido se elegendo. Tem jeito de monitorar o TER, o problema é que os partidos de esquerda acreditam na apuração.

    • A Universidade de Brasilia ja provou que as urnas eleitorais NAO SAO SEGURAS E NEM CONFI.AVEIS. O eleitor argentino pode ver e conferir o conteudo do registro digital do seu voto antes de deixar o local de votacao. O eleitor brasileiro nao pode. No Brasil o voto e secreto ate para o proprio eleitor. Eu sei em quem votei. Eles tambem. Mas so eles sabem quem recebeu meu voto. O Paraguai devolveu as urnas por nao serem segurar. Piada ja pronta. Simples assim.

  19. Edu
    Sou uma pessoa que te escreveu inbox pedindo pra vc maneirar, na época. A partir do momento que vi que estava acontecendo o que vc e outras amigas e amigos diziam estava acontecendo, deixei o sossego de lado. Sim, você sempre fez a leitura correta. Te admiro muito. Graças a você, também, podemos ter voz.
    Concordo com a sua análise sobre next steps. Está mais que na hora dos amigos da esquerda começarem a planejar suas candidaturas. Precisaremos delas é deles lá (viu, Vera Pasq?). Obrigada, Edu.

  20. “Lula entra com liminar, disputa a eleição” e eles darão essa liminar?

  21. É com imensa alegria que observo a trajetória de Eduardo Guimarães nas redes sociais, desde a criação do Movimento dos Sem-Mídia, fichas de adesão, churrasco de confraternização, protestos em frente a FSP, mudança do servidor do blog, abaixo assinado em favor de Ricardo Lewandowski……..e por aí vai.
    E hoje certamente é um dos grandes nomes da resistência da imprensa esquerdista, e tenho certeza que isso não é fácil, como vimos anteriormente no caso da perseguição de Moro através da PF.
    Parabéns Eduardo, que Deus continue te iluminando e dando força a você e a sua família, e em especial a sua querida filha Victória. Um forte abraço, e continuaremos lutando por Brasil para todos os brasileiros.

  22. Deus lhe ouça Eduardo.
    Quanto a um projeto de desenvolvimento a lá social democracia, o Bresser Pereira está com um grupo de apoiadores dessa ideia. Coisa recente que creio vc está acompanhado.
    Mas, sinceramente acho que essa social/democracia de fachada é só pra empurrar com a barriga até o próximo golpe.
    É sempre assim, o menos ruim, o tal pragmatismo.
    Revolução de verdade que é bom, nada.
    Abraços.

  23. Parabéns pelo seu trabalho, garra e coragem.

    Respeito, admiração e reconhecimento pelo trabalho de qualidade.

  24. Exterminar direitos trabalhistas? Dar ao trabalhador a chance de acumular horas em um dia e compensá-los no outro, acabar com o ultrajante imposto sindical, poder dividir férias em 3 períodos, banco de horas negociado com 50% a mais de hora extra, acordos diretos de negociação, compensar redução de horário de almoço e sair mais cedo, regulamentar o “home-office”, qual ou quais dessas medidas prejudicam o trabalhador ou, o beneficiam?

    Terceirização? Escutemos o que a president”a” “golpeada” nos diz sobre isso:
    https://www.youtube.com/watch?v=sFqra2efPnA

    E quanto à reforma da previdência, o que “pensava” a impedida? E o “nine”, o que achava?
    https://www.youtube.com/watch?v=T4exo54HHWU

    • Falta a leitura dos motivos sobre os quis cada direito dos citados cocriador pela legislação de Getúlio…. estás a repetir a mídiadefensofa da situação intrusa sem saber os fundamentos do que tenta defender. Já procurou saber por que são necessários 30 dias de férias?

    • “Dar ao trabalhador a chance de acumular horas em um dia e compensá-los no outro, acabar com o ultrajante imposto sindical, poder dividir férias em 3 períodos, banco de horas negociado com 50% a mais de hora extra, acordos diretos de negociação, compensar redução de horário de almoço e sair mais cedo, regulamentar o “home-office”, qual ou quais dessas medidas prejudicam o trabalhador ou, o beneficiam?”

      Queda de salários, trabalhar mais de 12h por dia, não ter mais garantias no emprego, dificuldades de recorrer a justiça contra abusos, pois agora o só a empresa terceira é responsável. Acumular horas num dia e compensar no outro não tirará o mensal de ser de pelo menos 12h por dia. Há vários relatos de um terceirizado ter condições bem piores que a de um funcionário empregado diretamente, sem contar com a pejotização, que não dará direito nem a férias e ao décimo, sem contar com outros benefícios que o trabalhador pode perder com isso, tal como planos de saúde.

      Só um palerma ou um mal intencionado é que defendem isto.

      Outra coisa fundamental, o povo não votou nestas propostas, elas estão sendo jogadas goela abaixo de forma ilegal e ilegítima através de um golpe. Só autoritários e ditadores é que defendem propostas à revelia da escolha popular.

      • O povo não votou nessas medidas?? A CLT foi imposta por um ditador, que não foi eleito e tomou o poder pela força.
        No mais, a reforma não fala em rebaixar salários, não obriga ninguem a trabalhar > 12h/dia, não tira o direito de recorrer à justiça, institui direitos que não havia para os terceirizados, regulamenta a terceirização exatamente como queria a Dilma (https://www.youtube.com/watch?v=sFqra2efPnA).

        • Suas mentiras não colam. O ditador deu direitos que o povo não tinha. As jornadas de trabalho eram extenuantes (15, 16 hs por dia), crianças e mulheres grávidas trabalhavam, as pessoas eram demitidas sem receber nada… Agora o empregador pode aumentar jornada, para rebaixar salário será só demitir uns e contratar outros por regime mais barato e a lei da terceirização permitirá a empresas proibidas de usar mão de obra terceirizada (com salarios menores devido ao intermediario) passarem a usar, demitindo celetistas e contratando terceirizados. Para não dar palanque para sem-vergonhas como você sou o fígado a gastar tempo neste comentário, ou sua versão mentirosa pode enganar alguém. Esses comentários têm que ser censurados. São um golpe. Enganam pessoas inocentes. Você é um trapaceiro, safado, deveria se envergonhar do que faz.

          • Serviços terceirizados já existem e faz tempo. A reforma dará aos terceirizados direitos que hoje não têm. Demissões e posterior contratação com baixa de salários é prática vigente desde sempre, com ou sem a reforma. Os direitos consagrados não serão afetados.

          • mentira, a reforma permite a setores que não havia terceirização usarem mão-de-obra terceirizada. Precarização do trabalho. Todos os especialistas em Direito do Trabalho diz que direitos consagrados serão afetados e a esmagadora maioria dos brasileiros também acha isso, segundo o datafolha

        • “O povo não votou nessas medidas?? A CLT foi imposta por um ditador, que não foi eleito e tomou o poder pela força.”

          O “ditador” melhorou a vida dos trabalhadores, não como vcs, que deram um golpe para piorar.

          “No mais, a reforma não fala em rebaixar salários, não obriga ninguem a trabalhar > 12h/dia, não tira o direito de recorrer à justiça, institui direitos que não havia para os terceirizados, regulamenta a terceirização exatamente como queria a Dilma”

          Esta forma dará oportunidade ao empresário demitir para contratar via terceirizado por um valor de contrato bem menor, forçando os trabalhadores a receber menos. Muitos empresários e o seu próprio amado Temer já falou em mais de 12h de trabalho, e ganhando menos, por sinal. Veja na internet. Ele tira a responsabilidade do contratante em ser punido por ações judiciais, como é agora, isto só ficará à cargo da empresa que terceiriza, ou seja, agora, se um terceirizado por acionado na justiça, a empresa contratante poderá ser acionada se a terceirizada não cumprir com o pagamento, com a reforma, isto fica à cargo somente da empresa terceirizada, tornando assim mais difícil de o trabalhador receber algo referente a alguma ação contra a empresa.

          Dilma não queria regulamentar o terceirizado tornando quem não é um deles também, mas igualar o terceiro ao funcionário contratado diretamente, e não o contrário.

          Edu, manda este elemento para o inferno, que é o lugar dele.

    • “nine” é pqp.

  25. O STF pode sim tomar essa decisão. Ainda mais se houver uma grande ameaça de Guerra Civil. A esquerda extrema está já prestes a usar a violencia como recurso então cadê a esquerda mostrar ao STF que é melhor evitar mostrando um plano claro.

  26. Caro Edu,

    Excelente análise. Lutaremos pelo que foi dito acima, sempre, com as armas que temos, que são a presença e os aproveitamentos de toda e qualquer oportunidade de travar debates seja com quem for, em favor da legalidade e da justiça.
    Quase nos encontramos na Praça Santos. Pena. Até a próxima intentona.

    Douglas Quina
    Mogi Guaçu – SP

  27. 1o) Acho que corremos o risco de Lula voltar sem nada pra governar. Até lá, Temer pode acabar com BB, Caixa, Petrobrás e mais de 150 estatais no país. Se Lula voltar, o povo terá que comprar a briga e o governo tem de ser mais aberto à participação popular para que possamos debater, propor e pressionar a Câmara e o Senado a aprovar pautas a nosso favor.

    2o) Você é muito democrático no seu site. Eu não publicaria comentários de quem te ofende. Quando eu tinha blog, eu não publicava nada de quem me ofendia, pois o blog era meu. Portanto, se o blog era particular, eu publicava apenas o que eu queria. E eu deixava explícito isso.

    3o) Acho que estes que te criticam são COXINHAS REMUNERADOS para fazer as críticas – mais uma razão para não publicar. Se você ficar respondendo e se preocupando com todos, você ficará louco.

  28. Parabéns pela análise. Faço esta leitura também. Os índices de Lula nas pesquisas já indicam isso.

  29. Caro Edu,
    Eu que te acompanho há anos, confirmo que previste muito acertadamente a trama do golpe, a ingenuidade delirante de certa esquerda e também os erros dos governos que apoiamos. Sempre foste um crítico isento. Agora que tudo está se confirmando, fica fácil virem dizer que sempre foi claro o desfecho. Só que apenas tu tiveste a lucidez e a coragem de publicar. O resto é conversa mole e/ou má-fé. Não perca tempo com isso. Te cumprimento e agradeço pelo trabalho que tens feito nesses anos. Grande abraço.

  30. Saturnino: Exército dos EUA ocupa a Amazônia

    Uma matéria engraçada (ou seria desgraçada?) de Saturnino Braga. Vale a pena dar uma olhada.

    https://www.conversaafiada.com.br/mundo/saturnino-exercito-dos-eua-ocupa-amazonia

  31. peraí mãe DINA

    EU fui dos que não acreditava no GOLPE em 2013 (que vc sempre colocava na pauta desde 2006) ..

    ..GOLPE que não se deu naquele governo, diga-se ..mas que NUNCA deveria ocorrer, isso é verdade

    Depois de 2013, lamentavelmente os erros na política econômica perdurariam ..a crise das commodities se agravaria ..a lava jato com exploração política eclodiu (este novo mensalão pra MORO) ..Eike Batista quebrou e a bolsa continuou a derreter (com enormes repercussões pra economia do país, até hoje) ..até a CVRD vazou

    ..agora, EU TAMBÉM não imaginava que as nossas Instituições seriam tão frágeis e débeis naquela altura do campeonato ..MAIS

    Não imagina que DILMA e HADDAD seriam tão INCOMPETENTES a ponto de não terem tirado proveito de MUITOS dos protestos LEGÍTIMOS que ocorreram em 2013 !!!!

    ..verdade é que eram dois AMADORES

    O povo pedia transparência na formulação de tarifas públicas, no caso dos transportes ..e depois se somariam:

    – saúde e INFRA padrão FIFA

    ..liberdade de ação pro M.P. ..menos carestia ..menos violência ..combate a corrupção

    ..HOUVE sim exploração política (ainda mais pelas obras da COPA e Olimpíada)

    Do que lembro, a resposta mais estridente partida da presidanta foi “prometer uma reforma política” ..como se estivesse falando com o Povo da Dinamarca

    ..e HADDAD, aqui, voltava atrás nas tarifas, pra sapecar mais à frente

    ..isso enquanto LULA dizia que o POVO tinha o direito de reclamar, e cabia ao político escutar

    QUANTO ao retorno das Esquerdas …são tantas vaiáveis que pode ou não acontecer ..EU gostaria

    Com LULA, pelo GOLPE da JUSTIÇA, acho difícil deixarem ..com CIRO, vai depender do que daquela boca SEM TRANCA escapar ..doutra feita a direita tb não ta bem na fita ..penso que já já verão que Bolsonaro é uma FARSA ..e DÓRIA um canalha ..MARINA uma anedota ..então

    enfim ..a coisa esta incerta ..é meio que como jogar na loteca

    https://pt.wikipedia.org/wiki/Protestos_no_Brasil_em_2013

    • Ciro Gomes é um dos políticos mais nojentos que conheço: já passou por praticamente todos os principais partidos, já se aliou a todas as correntes políticas e sempre vai onde o vento sopra melhor, sempre guspindo no prato que comeu… ele não quero mesmo!

      • Então ..mas até agora tá limpo ..não tá ?!

        Tem curriculo ..o CEARA – do clã de Ciro – na educação, ta melhor que todo mundo na FITA ..educação, a tal semente que NÃO é pra minha geração, pois ela só aflora, SE, daqui uns 20-30 anos

        ..qual seja, até lá, HÁ MUITAS outras demandas a serem atendidas (saúde e segurança social por exemplo ..um ESTADO LIVRE, menos refém de chantagens e sabotagens tipo com a SELIC placebo)

        Vai ver tanta “ingratidão e cusparada” dele estejam justamente ligadas a tanta coisa que viu como no PSDB

        Acho que o tempo ainda vai nos responder sobre CIRO

        ..do que vejo é que ele tem uma visão muito BOA do país que devemos ser (tipo José Dirceu) ..do SUJEITO partícipe e ALTIVO, e não do objeto a que estamos reduzidos com o governo Temer e de THC

        ..acho que fala umas bobagens aqui ou ali (principalmente quando BRAVATEIA)

        ..embora já tenha deixado claro que se eleito irá rever todas as privatarias feitas por estes GOLPISTAS que se apossaram do Poder

        Problema mesmo é como disse ..FALA DEMAIS e SEM TRANCA ..é a constante beligerância e destemperança que ele carrega na língua ..isso com ele mesmo sabendo que neste país NÃO se governa sozinho, nem com minoria no parlamento

        ..cá entre nós ..torço mesmo pra que ele não seja genioso como Collor ..mesmo que gravitando num paralelo espelhado inserido num Mundo Bizarro

        https://www.youtube.com/watch?v=vUa2uYlRsJc

    • Me ocorreu uma lembrança ..verdade seja dita

      Uma das BOAS respostas ..das POUCAS ..que DILMA teve pra crise de 2013 …foi a criação do MAIS MÉDICOS(e a lei anti corrupção)

      ..um programa que dotou metade dos municípios do BRASIL com médicos

      PROGRAMA ..bom os colegas relembrarem aos que insistem em NÃO ter memória ..que foi um programa muito BOMBARDEADO pela classe médica urbanista, e pela mídia tupiniquim

      ..mais ..em 2013, pra refletirmos como o cenário era complexo ..em 2013 DILMA já tinha mandado embora da Petrobrás os diretores Zelada, P.R.Costa e Duque da Petrobrás ..tendo aflorado a REVOLTA em sua base de apoio no Congresso, ela que se viu com as torneiras fechadas

      ..mas claro ..tudo isso, pra nossa “JUSTIÇA CARTESIANA” ..a tal JUSTIÇA FURA TETO, feita de nababos concursados, irremovíveis, de direitos e poderes exclusivos ..isso tudo, essa nossa realidade tão diferente dos países Anglo Saxões (donde eles formulam seus preceitos) nada disso importa ..ainda mais se contra o PT

  32. Não vai ter eleições em 2018. Este é o dado realista da situação. Vamos dar uma contribuição para a construção da narrativa por parte da esquerda: qualquer estudante de ciências sabe que se um processo vem dando certo, em crescimento, como os 13 anos de governo do PT, e aí ocorre um intervenção externa, o golpe (que alias, começou em dezembro de 2014 quando a Dilma ganhou no segundo turno do Aécio que declarou que o psdb não iria esperar até 2018) e o país inverte todos os sinais e começa a entrar em colapso, a responsabilidade da atual situação não é o período anterior, mas sim a intervenção de um episódio externo que inverteu toda esta situação. Portanto, o discurso de que o Brasil vai mal graças ao governo do PT não se sustenta. Toda esta desgraceira se deve ao golpe.

    • Tenho falado aqui pro pessoal assistir no YOUTUBE “O BRASIL de Darcy Ribeiro” (cap. 2 e 3)

      Ali é narrado os anos 60, algo que penso esta se repetindo HOJE .com mesmo métodos de “convencimento”

      em 61 Jânio renuncia e JANGO é ameaçado de assumir

      ..por interferência INTERNA e EXTERNA instituem o GOLPE Parlamentarista (com o avo de Aécio Neves)

      ..o povo em sufrágio diz NÃO, e quer o presidencialismo de volta, restituindo poderes ao Jango

      ..segundo Darcy o país com JANGO não estava ruim, tinha esperanças ..ele era testemunha ..o governo INGÊNUO

      ..mas estávamos desalinhados do tio Sam ..numa realidade de guera fria ..e em atrito com a ELITE que sempre duvidou do BRASIL dono do seu destino ..partícipe num mundo de forma independente

      ..aí os milicos que COMUNGAVAM do medo, não aguentam e dão o GOLPE

      ..então depois fecham o legislativo e seguem com o Judiciário que, sem princípios, como CÃES SUBMISSOS, acatam a ordem vinda de quem estivesse no “comando” ..e a merda a CONSTITUIÇÃO e o país

      O paralelo de HOJE é que a solução Temer passou ..golpe estrangeiro e dos militares, com respaldo legislativo e judiciário

      ..assim, depende do que o povo fará em 2018 pra ver se os MILITARES (que tb estão envolvidos neste golpe de HOJE) irão aceitar ou assumir de vez.

      detalhe ..até lá America LaTRina estará fervendo mais ainda

      https://www.youtube.com/watch?v=LZ1nbLSyIJk

      • Milicos só tomariam o poder se o governo mexer nos privilegios deles, fora isso, não irão fazer nada!

  33. Sim. Devemos nos preparar para a volta da honestíssima IOLANDA!

    Tenham dó!!!

    Tenham dó!!!

    Essa Dilma é muito débil.

  34. Edu

    Concordo plenamente com o que você escreveu.
    A esquerda tem grandes possibilidades de voltar ao poder em 2018.
    Mas, antes é preciso que o campo progressista se entenda. Parem de continuar dando declarações infantis que
    só servem para dividir a esquerda. Acredito também que é possível eleger uma maioria progressista na câmara e no senado como já ocorreu em tempos passados e que se perdeu por abandono dos trabalhos de base.
    Temos que partir para a luta e os líderes da esquerda precisam abandonar a “burocracia” e também partirem para a luta. E tem que ser já.

  35. “Até o mais notório antipetista do Brasil está contra impedirem Lula de disputar a eleição.”
    Bem, não confio neste sistema judiciario que perseguem cidadãos sem provas, e menos ainda em nosso sistema de urnas eletronicas hoje nas mãos dos golpistas. Dá pra confiar no resultado das próximas eleições.

  36. O golpe vai se aprofundar muito mais e não vai demorar. Mesmo que o Lula não seja preso, ele será impedido pela justiça(?). A única saída que vejo é o povo nas ruas. Começando com uma greve geral por tempo indeterminado. Fora a isso, esse país será mais um Haiti. Muitos pensam que é teoria das conspiração. Veremos.

  37. Só tem um problema:
    (…) o TRF 4 confirma a condenação, o TSE cassa a candidatura do petista, Lula entra com liminar, disputa a eleição (…).
    Quem garante que o STF acatará a liminar?
    Tudo que você discorreu é também o meu desejo.
    Bem, entre eu querer e acontecer vai uma distância muito grande.
    Os seus propósitos são de um verdadeiro brasileiro, como os meus e de muita gente, mas não consigo imaginar o que sucederá daqui a um minuto, tamanha as incertezas que vem atropelando tudo que existe do mínimo de dignidade e bom senso que este país já teve em todos os tempos.
    Eu sinceramente só acredito, se haverá ou não uma retomada do poder pelos progressistas, se ocorrer uma ruptura do atual sistema pelas forças do poder do sangue.
    No Brasil nunca houve uma revolução que preste, para dizer: essa foi a minha revolução, que tive a honra de participar, estando ou não vivo para dizer.

    • O STF é um poder político. E ele poderá, sim, livrar o presidente Lula, se:

      1) Se o processo nas instâncias inferiores estiver acintosamente errado, como provavelmente estará.

      2) Se perceber que o povo brasileiro não aceitará condenação sem provas concretas (em bla bla bla e power point).

      3) E se entender que estará sob os olhares de todos os países do Planeta.

      No caso do mensalão, quando José Dirceu foi condenado sem provas, ele já fez feio, mas JD não é um personagem global.

      O STF não pode errar com o presidente Lula, ele é uma personalidade mundial, um político com projeção global. O mundo está assistindo o que rola na política do Brasil.

  38. “Temer foi colocado no lugar de Dilma para tirar do pobre e dar para o rico” a Odrebrecht, a OAS, os bancos apoiam o petismo, nunca ganharam tanto sem esforço.
    Um “Paladinos da ética e da virtude” , justiceiro da moralidade, um populista.
    O povo não cai duas vezes na mesma mentira.

    • Se o povo é tão sábio, então o PT, que venceu 4 eleições presidenciais seguidas, governou bem.

      • Edu, é difícil de se conversar com essa gente demente de direita que vem aqui. Eles vão ser assim até o fim da vida deles, nem Jesus em sua melhor causa muda estes pobres diabos.

      • Sabe-se agora q o PT venceu as eleições de forma fraudulenta…

        Mas, se Deus quiser, Iolanda e os demais serão presos!

      • Governou tão bem quanto Sérgio Cabral,parceirão de Lula, que foi eleito , reeleito e ainda fez o sucessor.

  39. Prender Lula sem que qualquer prova tenha sido apresentada é aproximar a nação do abismo, por Paulo Endo
    PSICANALISTAS PELA DEMOCRACIA
    SEG, 15/05/2017 – 10:36

    do Psicanalistas pela Democracia

    Prender Lula sem que qualquer prova tenha sido apresentada é aproximar a nação do abismo

    por Paulo Endo


    Prender Lula sem provas se tornou o maior risco de instabilidade, oposições radicais e conflitos violentos para o país.

    O que aconteceu em Curitiba na última quarta feira, dia 10, não foi incomum, nem corriqueiro, nem apenas ‘ato normal do processo.’

    Vimos um aparato repressivo gigantesco montado, com atiradores de elite e dezenas de milhares de pessoas, apoiadores, organizações e membros do parlamento que viajaram para Curitiba com um único objetivo e propósito: impedir que Lula seja, mais uma vez, preso, discricionariamente e de modo surpreendente, como já havia acontecido.

    Não haveria qualquer manifestação massiva se todos tivessem a certeza da lisura do processo, do bom encaminhamento e justeza dos trabalhos, da imparcialidade do juiz. Mas obviamente é muito o contrário que estamos testemunhando.

    O que aconteceu ontem em Curitiba foi essencial, importantíssimo para que o juiz e todos o que o apoiam entendam com e contra o que estão mexendo e o contexto em que nos encontramos.

    Não se trata apenas de defender Lula. Além de seus adeptos e militantes e membros do partido, há inúmeras pessoas que não concordam com o massacre que vem sendo realizado com o ex-presidente e sua família, sem qualquer prova consistente além das delações de supostos condenados. Massacre que ceifou a vida de sua esposa e que atinge todos os dias seus familiares e, obviamente, ele próprio.

    Tirar Lula a fórceps das possíveis-mas ainda não garantidas eleições de 2018-é afrontar o restolho de democracia que ainda temos e acentuar a revolta em todos os que lutaram e usufruíram do curto período em que o voto na urna foi respeitado.

    Prender Lula sem provas contundentes, baseados em delações de supostos criminosos presos que teriam suas penas atenuadas por delatarem o ex-presidente, é um tapa na cara da sociedade brasileira, um cassetete no crânio de cada brasileiro, um tiro no olho em cada um dos eleitores.

    Não concordamos com a ideia teórica de que devemos evitar a polarização ou o confronto, pois esse confronto é proposto todos os dias pelo governo sem eleitores que trata as manifestações, de centenas de milhares de pessoas pelo país, como se fossem um bando de arruaceiros sem causa.

    O confronto é necessário, importante e saudável para a democracia. Ele confere nome e identidade aos contendores, explicita de que lado estão e os obriga a dizer e argumentar o que defendem. Obviamente não se trata de uma bobagem como um Fla-Flu ou uma luta de boxe, que só visões muito limitadas e tontas poderiam sugerir. Trata-se de um confronto político de grande importância que sempre existiu no país, mas nunca foi tão explicito como nos últimos tempos.

    Na medida em que esses confrontos são acirrados pela total indiferença dos que detém o poder, diante do tamanho e do caráter grandiloquente de cada uma das manifestações e dos numerosos brasileiros que marcham nas ruas praticamente todos os dias, desde abril de 2016, a fim de denunciar o descalabro das medidas do governo sem eleitores, tal confronto tende a passar para outros níveis mais baixos.

    A força bruta dos aparatos de segurança se acirra e no interior dos próprios movimentos começam a haver divergências dentro dos próprios movimentos sobre o quanto é possível aguentar golpes de cassetete letais, porradas, bombas, desrespeitos e prisões arbitrárias pacificamente.

    Essa violência que o governo ilegítimo vem praticando provoca dúvidas, acompanhadas de indignação em muitos, sobre a continuidade de manifestações pacíficas. Hoje, salvo algumas vidraças quebradas, o caráter das manifestações têm se mantido eminentemente pacífico. Isso porque ainda predominam as forças de oposição majoritárias que acreditam, preservam e mantém o conflito pacificamente, mesmo sendo achacados em todas as manifestações com consequências irreversíveis para alguns.

    Porém a prisão de Lula, no qual milhões, e não apenas os petistas, esperam depositar seu voto em 2018, gerará um espírito de revolta sem precedentes.

    Os apoiadores do golpe tem razão. Mesmo que seja necessária uma eventual condenação em segunda instância para que a prisão do ex-presidente ocorra, o primeiro passo que pode sugerir a prisão de Lula é a sentença do juiz Moro, mas é ele também que poderá contribuir para repor algumas peças do estado democrático de direito largadas às lata do lixo ou será ele que empurrará o resto de democracia ladeira abaixo.

    E, para o juiz, seria importante ter claro que ninguém assumirá a responsabilidade por essa derrocada. Tudo será jogado em suas costas. Nem globo, nem Temer, nem PSDB o apoiarão depois de consumado o plano. O desastre será conhecido como de inteira responsabilidade do futuro ex-herói Sergio Moro. Todos responderão, como ele mesmo respondeu ao ex-presidente: Globo, Estadão, Veja, etc. estavam gozando da liberdade de imprensa, não apoiavam ninguém. Sobretudo não apoiavam alguém que não será mais útil ao processo. Como Cunha após o impeachment de Dilma. Ninguém move um dedo para defendê-lo.

    É a hora mais escura na qual é preciso pensar com extrema seriedade sobre a segurança de brasileiros e brasileiras que conquistaram a democracia, que aprenderam a amá-la e os que nasceram nela.

    Vidas estarão em risco a depender dos próximos passos dados pelos golpistas. Confrontos violentos podem passar a acontecer e se acirrar. Sim são os governistas que estão com a faca e o queijo na mão, mas a multidão que inunda as ruas, repleta de pessoas de todas as idades, não aceitará passivamente mais essa extrema violência, apenas porque ela representaria a retirada subjetiva da dignidade de cada um dos brasileiros. Uma vez foi sequestrado o voto após depositados nas urnas, agora se quer sequestrá-lo antes.

    Para os golpistas é o momento de ponderar sobre o futuro do golpe. Sair do pensamento caolho do Fla-Flu induzido por pessoas e mídias sem inteligência que se dirigem a um público que supõem imbecilizado. Todos terão responsabilidade quanto ao que pode acontecer ao país e ninguém sairá ileso.

    É profundamente lamentável e envergonhante ver o papel a que se prestam os jornalistas dos grandes veículos de comunicação. Estão brincando de pega-pega, se divertem com análise sobre quem ganhou e quem perdeu e não alertam para o risco pelo qual o país passa. Continuam insuflando a oposição pura e simples, o ódio dicotômico e não alertam para os riscos dessa prática para o futuro do país.

    Às vésperas do golpe, antes de abril de 2016, alertamos que os que votaram em Lula, Dilma ou em qualquer outro candidato em eleições livres e gerais, não aceitariam outra coisa senão o voto direto. É o mínimo. Hoje vemos que esse sentimento nunca foi interrompido e só cresce no país.

    É a hora dos patrocinadores do golpe refletirem seriamente sobre seus próximos passos sabendo que ele se aproxima do abismo. É o momento de parar de perseguir inocentes ou aqueles sobre os quais não se tem nenhuma prova de culpa ou responsabilidade.

    Ainda há tempo para isso. Mas ele é curto. Precisamos da democracia urgentemente e o primeiro passo são eleições diretas, livres e justas. Qualquer artifício que atente contra isso será interpretado negativamente, gerando ações imprevisíveis daí por diante.

    A candidatura de Lula catalisa hoje todas as grandes esperanças de milhões de brasileiros, não importa se eles terão razão ou não. Muitos pensarão: Temer teve sua chance, não deu certo. Outros continuarão trabalhando para que Temer figure nas páginas da história como protagonista do segundo grande golpe no Brasil. Mas isso são previsões mais ou menos óbvias e o que quer que aconteça são ossos do ofício, não se dá um golpe sem esperar consequências. Está na hora de recolher seus pertences e sair de fininho antes que o pior aconteça.

    O golpe não deu certo e não dará. Já é passada a hora de concluir isso. A insistência só tende a gerar dor e caos. Os autores do golpe precisam negociar com seus chefes e mandantes sobre o aprofundamento do fracasso do golpe que idealizaram. O ato de grandeza é dar meia volta e considerar a restauração do país. Manter tudo como está é apostar na violência extrema e na tirania pautada pela ignorância.

    Há pessoas se ferindo nas ruas, não são os jornalistas da mídia pró-golpe, mas para os que ainda tiverem alguma decência é ora de resgatar a cartilha da ética jornalística. Não se trata de defender Lula, nem o PT, mas de garantir eleições livres e diretas e diminuir a temperatura e a pressão que só crescem.

    A esquerda está rediviva e crescendo – parem de inventar números e esconder manifestações -; Lula é o candidato favorito de uma grande maioria e é incólume ao ataque midiático; a crise se aprofundou e as reformas enfrentarão imensas dificuldades para sua aprovação. É o momento de tentar sair por cima como os que puderam reconhecer que um novo golpe jamais será aceito no país

    Mas uma coisa é certa, se as forças que compõem o golpe chegarem a concluí-lo à força não haverá, por muito tempo, país algum.

  40. Parabens E tem outros como os Nassif, a Maria Inês com cem dias de Dilmaprimeiro mandato chamou a atenção que a não política dela e turminha de casa civil, ou os chamados do núcleo duro estavam a levar a um beco sem saída , por ação ou omissão . E que ainda um Berlusconi seria eleito. Com esta tese concordei desde o momento em que li. Tenho guardada e a época distrui a rodo.

  41. Caro Eduardo,

    É público e notório que o processo que envolve o ex-presidente Lula é político e não jurídico, e é por isso mesmo que ele será condenado pelo juiz Sérgio Moro. O magistrado paranaense já formou a sua convicção há muito tempo de condenar o ex-presidente e sabe que possui suprema autoridade para decidir da forma que bem lhe convier. Considerando o cenário de hoje é certo que Lula não conseguirá reverter essa decisão nos Tribunais, ainda que apresente na sua defesa, fartas e exaustivas explicações e elementos comprobatórios. Num Estado Democrático de Direito, sua defesa seria aceita e seguiria um outro rumo diferente desse que se apresenta.

  42. Eduardo,
    A lógica é irrefutável. A atuação politica das instituições não é nem nunca foi imprevisível.
    Só o que amedronta é o poder avassalador da nossa elite econômica (Fiesp e súcia), cujos interesses se fundem com os do capital internacional: são eles os reais ganhadores do desmonte das políticas públicas dos governos Lula e Dilma.
    Esperemos que o STF não submerja a tais interesses.

  43. Sr. Eduardo, creio que vão inventar um argumento para postergar as eleições de 2018, já fizeram isso antes não?? O senhor diz que é preciso maioria no congresso, mas nunca entendi por que o PT não esclarece que pode se votar na legenda em vez de nominalmente em um candidato além de nunca explicar isso no horario eleitoral, talvez pelas malditas coligações.

  44. Há mais ou menos 6 meses o Lula disse que os melhores quadros do PT deveriam se candidatar à Câmara dos Deputados e ao Senado, com a clara intenção de buscar maiorias nessas casas.
    Edu, sua análise é corretíssima. Temo pela vida do nosso Lula. Um vereador do PSDB, de Santana do Livramento (ele não entende nem o sentido do nome da cidade dele) já preconizou que “só matando”. Deus guarde o Lula. No entanto, mesmo que ele seja anulado nas eleições, com prisão, inelegibilidade, ou quetais, se fizermos maioria nas casas como ele propôs, daremos muito trabalho aos usurpadores. Poderíamos fazer o que eles fizeram com a Dilma. Pauta bomba: “Câmara vota anulação dos atos de Parente na Petrobrás”, “Câmara vota anulação da Reforma Trabalhista”, e por aí vai….
    Forte abraço e parabéns!!

    Outra coisa: É possível acionar a Lei da Transparência para saber quantos exemplares da Veja são destinados a assinaturas governamentais? (Municipal, Estadual e Federal)?

  45. Grande Eduardo, mais importante, qual o programa?
    Um programa verdadeiramente social democrata deveria, no minimo:
    Aprofundar a democracia
    Anular todos os atos lesa patria do governo golpista
    Prisao dos lideres golpistas.
    Reforma do Judiciario pornografico. Todos os salarios e “penduricalhos” do judiciario que ultrapassem o teto destinados a saude e educacao.
    Fim da Policia Militar
    Taxacao das grandes fortunas
    Bancos enquadrados
    Lei de Medios
    …….
    ……
    Qual o programa minimo, Eduardo?

  46. Edu vale a pena acompanhar as análises políticas da semana ao vivo no canal do PCO feitas pelo Rui Costa Pimenta.
    Ele assim como você já falavam que os corruptos fascistas de direita, e sua midia, judiciário iam dar um golpe.
    O Rui alertava isso desde a época do mensalão, na época ali foi um teste, teve quem falou que era um teste pra ver até onde podia ir, foi uma tentativa de golpe. O erro do PT e da esquerda foi não ter defendido suas lideranças presas e condenadas sem provas, com base na distorcida teoria do domínio do fato. O PT meio que deixou a população julgar e Lula foi reeleito, o correto deveria ter sido enfrentar o golpismo politizar esse julgamento farsesco montado na midia. O mesmo modus operando tem sido usado na Farsa a Jato só que com a participação de todas as instâncias do judiciário, e mais ainda por isso é preciso que o povo entre em campo nessa luta e de forma radicalizada pois a farsa é muito maior. A população ,os trabalhadores precisam entender que se não lutarem esses golpistas não vão destruir a esquerda ou o PT só ,mas a vida e futuro de toda a população. Defender o PT e suas lideranças é a solução para a sobrevivência da esquerda e da população tenham isso bem claro.
    Vejo que só radicalizando, ocupando a Globo, sim tem que invadir e ocupar a Globo e por fim ao golpe pois ela a Globo é a cabeça que toca o golpe. Invadir e ocupar a Globo e depois o judiciário.

  47. Esse prognóstico de vitória, só se dará se desde já o povo perceber que , ao contrário do que prega o atual desgoverno golpista e suas mídias, o poder emana do povo; e não dá mídia.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.