SINDICALISTAS divulgam MANIFESTO pró LULA 2018

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

lula 2018

 

Na semana passada, foi lançado nesta página manifesto de 734 intelectuais ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva exortando-o a assumir já a sua candidatura presidencial em 2018. Agora é a vez dos maiores sindicalistas do país assinarem manifesto do mesmo teor.

O manifesto em questão é encabeçado pelo presidente da CUT, Vagner Freitas, e seguem-se mais 355 nomes dos mais importantes sindicalistas do país.

Sob o mote “O Brasil precisa voltar a ser feliz”, os sindicalistas não pedem que o ex-presidente assuma já a sua candidatura em 2018, mas argumentam que só ele tem a “(…) capacidade política e a liderança para dialogar com todos e recolocar o país nos trilhos, com desenvolvimento econômico e social (…)”

PARA ASSINAR O MANIFESTO, CLIQUE NO QUADRO ABAIXO E SERÁ ENVIADO AO SITE PETIÇÃO PÚBLICA. DEPOIS SIGA AS INSTRUÇÕES

 

Confira o manifesto:

*

O Brasil precisa voltar a ser feliz – Lula Presidente 2018

 

Depois de uma longa espera, o Brasil elegeu um presidente comprometido com os anseios e necessidades do povo, da classe trabalhadora e de toda a sociedade.

Um governo que sabia que não bastava melhorar os índices econômicos, era preciso elaborar e colocar em prática o mais urgente possível um projeto de desenvolvimento econômico e social, com geração de emprego e renda, facilitar e ampliar o acesso do povo as linhas de crédito, melhorando as condições de vida dos brasileiros.

Um governo que sabia que era importante abrir mais escolas, mais faculdades, mais programas educacionais, construir mais casas populares. Lula melhorou a saúde pública, melhorou a vida de todos os brasileiros do campo e da cidade.

Lula fez tudo isso e muito mais. Ele melhorou a imagem do Brasil em todos os continentes e ficamos internacionalmente reconhecidos como uma Nação que gerava e distribuía riqueza, diminuía a fome, a pobreza e o analfabetismo.

Com o país na rota do desenvolvimento, respeitado em todo o mundo, Lula foi além, trouxe a Copa do Mundo e as Olimpíadas para o Brasil.

E, no momento em que a crise econômica começou a afetar as principais economias do mundo, abrindo brecha para aqueles que eram  e são contra a inclusão social e a presença do povo nas faculdades, nos aeroportos e nos restaurantes de qualidade, Lula assumiu uma postura firme, ousada e fomos o último país a sentir os efeitos do caos econômico mundial.

Depois dá saída de Lula, a crise econômica se ampliou para uma crise política, jurídica e social. A mídia entrou na campanha do “golpe do impeachment”. Na verdade, os derrotados de 2014 queriam acabar com mais uma vitória do povo, que reelegeu Dilma. Queriam acabar com a dignidade e a soberania nacional.

O golpe de Estado colocou o Brasil na maior crise da história. Com Temer e os golpistas, o país entrou na rota da destruição econômica, política, social e da perda da soberania nacional.

Milhões de trabalhadores desempregados, fim da aposentadoria, congelamento por 20 anos dos recursos da saúde e da educação, destruição da indústria brasileira, entrega do Pré-Sal e das terras ao capital internacional.

O Brasil precisa voltar a crescer, gerar empregos, valorizar a agricultura familiar, os pequenos e médios empreendedores, os aposentados e as professoras, investir nas políticas públicas e na infraestrutura, investir nos brasileiros e nas brasileiras.

É preciso que os poderes constituídos – Executivo, Legislativo e Judiciário – cumpram suas funções constitucionais e sejam transparentes. É preciso restabelecer a democracia e a legitimidade dos governantes.

Só Lula tem a capacidade política e a liderança para dialogar com todos e recolocar o país nos trilhos, com desenvolvimento econômico e social. Lula é a principal liderança brasileira, mais respeitada internacionalmente e a pessoa capaz de ouvir todos os setores da sociedade e recuperar a paz e a prosperidade.

Por tudo isso, queremos Lula presidente em 2018. Queremos resgatar a esperança e a dignidade de toda a sociedade brasileira. Queremos um Brasil democrático, participativo, inclusivo, sem violência e que respeite as instituições e, principalmente, respeite todos os brasileiros.

Queremos um Brasil justo e para todos.

São Paulo, 10 de março de  2017.

Signatários do Manifesto

1          Vagner Freitas de Moraes – Presidente da CUT Nacional

2          Carmen Helena Ferreira Foro – Vice-Presidenta da CUT Nacional

3          Sérgio Nobre – Secretário-Geral da CUT Nacional

4          Maria Aparecida Faria – Secretária-Geral Adjunta da CUT Nacional

5          Aparecido Donizeti da Silva – Secretário-Adjunto de Administração e Finanças da CUT Nacional

6          Ariovaldo de Camargo – Secretário-Adjunto de Relações Internacionais da CUT Nacional

7          Maria Júlia Reis Nogueira – Secretária de Combate ao Racismo da CUT Nacional

8          José Celestino Lourenço (Tino) – Secretário de Cultura da CUT Nacional

9          Daniel Gaio – Secretário de Meio Ambiente da CUT Nacional

10        Janeslei Albuquerque – Secretária de Mobilização e Relação com Movimentos Sociais da CUT Nacional

11        Juneia Martins Batista – Secretária da Mulher Trabalhadora da CUT Nacional

12        Eduardo Guterra – Secretário-Adjunto de Organização e Política Sindical da CUT Nacional

13        Jandyra Uehara – Secretária de Políticas Sociais e Direitos Humanos

14        Madalena Margarida da Silva – Secretária de Saúde do Trabalhador da CUT Nacional

15        Maria de Fátima Veloso Cunha – Secretária-Adjunta de Saúde do Trabalhador da CUT Nacional

16        Ângela Maria de Melo – Diretora Executiva da CUT Nacional

17        Ismael José Cesar – Diretor Executivo da CUT Nacional

18        Juvândia Moreira Leite – Diretora Executiva da CUT Nacional e Presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo

19        Marcelo Fiorio – Diretor Executivo da CUT Nacional

20        Milton dos Santos Rezende – Diretor Executivo da CUT Nacional

21        Rogério Pantoja – Diretor Executivo da CUT Nacional

22        Lucas Monteiro – Secretário de Administração e Finanças da CUT Acre

23        Izac Jacson Ferreira Cavalcante – Secretário de Organização e Política Sindical da CUT Alagoas

24        Luiz Jorge Garcia de Sena – Secretário de Administração e Finanças da CUT Amazonas

25        Geovane Grangeiro da Silva – Presidente da CUT Estadual Amapá

26        Josenilton Pereira – Secretário de Organização e Política Sindical da CUT Bahia

27        Francisco WIL e Silva Pereira – Presidente da CUT Estadual Ceará

28        Julimar Roberto de Oliveira Nonato – Secretário de Administração e Finanças da CUT Distrito Federal

29        Max Celio de Carvalho -Vice Presidente da CUT Estadual Espírito Santo

30        Bia Lima – Presidente do SINTEGO-Goiás

31        Nivaldo Araújo Silva – Secretário Geral da CUT Estadual Maranhão

32        Carlos Magno de Freitas – Vice Presidente da CUT Estadual Minas Gerais

33        Genilson Duarte – Presidente da CUT Mato Grosso do Sul

34        João Luiz Dourado – Presidente da CUT Estadual Mato Grosso

35        Euci Ana da Costa Gonçalves – Presidente da CUT Estadual Pará

36        Marcos Henriques e Silva – Secretário de Administração e Finanças da CUT Paraíba

37        José Carlos Veras – Presidente da CUT Estadual Pernambuco

38        Paulo de Oliveira Bezerra-Presidente da CUT Estadual Piauí

39        Mácio Kieller – Secretário Geral da CUT Paraná

40        Marcelo Rodrigues – Presidente da CUT Estadual Rio de Janeiro

41        Francisco Irailson Nunes Costa – Presidente do sindicato dos Metalúrgicos de Natal/RN e diretor da CNM/CUT

42        Itamar dos Santos Ferreira -Presidente da CUT Estadual Rondônia

43        José Carlos Oliveira Gibim – Diretor Estadual da CUT Roraima

44        Claudir Antonio Nespolo – Presidente da CUT Estadual Rio Grande do Sul

45        Anna Julia Rodrigues – Presidente da CUT Estadual Santa Catarina

46        Jorge de Jesus Silva – Diretor Estadual da CUT Sergipe

47        Sebasião Geraldo Cardozo – Vice-Presidente da CUT Estadual São Paulo

48         José Roque Rodrigues Santiago – Presidente da CUT Estadual Tocantins

49        Valdemir de Souza Santana – Presidente da CUT Estadual Amazonas

50        Alexandre Aparecido Colombo – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

51        Amarildo Sezário de Araújo – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

52        Angelo Maximo Oliveira Pinho – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

53        Antenor de Souza – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

54        Antonio Claudiano da Silva – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

55        Aroaldo Oliveira da Silva – Vice presidente – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

56        Carlos José Caramelo Duarte – conselho- Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

57        Cícera Michelle Silva Marques – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

58        Claudionor Vieira do Nascimento – Coordenador regional Diadema – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

59        Genildo Dias Pereira – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

60        Gilberto da Rocha – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

61        Jose Caitano de Lima – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

62        Jose Paulo da Silva Nogueira – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

63        Jose Quixabeira de Anchieta – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

64        Jose Ribamar Feitosa da Silva – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

65        José Roberto Nogueira da Silva – Diretor de Organização – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

66        Marcos Paulo Lourenço – Coordenador Regional RPires / RGSerra – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

67        Maria Gilza C Macedo – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

68        Moisés Selerges Junior – Diretor administrativo e finanças – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

69        Nelsi Rodrigues da Silva – Coordenador área Sbcampo – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

70        Rafael Marques da Silva Junior – presidente – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

71        Sebastião Curi – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

72        Sebastião Gomes de Lima – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

73        Simone Aparecida Vieira – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

74        Solange Helena Pereira – conselho- Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

75        Valderez Dias Amorim – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

76        Vanio da Silva Guedes – conselho – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

77        Wagner Firmino Santana – Secretário geral – Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

78        Sandro Alex de Oliveira Cezar – Presidente da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sintsaúde RJ

79        Isabel Cristina Gonçalves – Vice-Presidenta da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Saúde Privada de Curitiba

80        Sandra de Oliveira da Silva – Secretaria Geral da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde MG

81        Célia Regina Costa Tesoureira da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social /  Sindsaúde SP

82        Cícero Lourenço da Silva – 1º Tesoureira da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindprev AL

83        Raimundo Rodrigues Cintra – Secretário de Organização da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsprev BA

84        Maria de Fátima Veloso Cunha –Secretária de Mulheres da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde GO

85        Terezinha de Jesus Aguiar Secretária de Comunicação da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / – Sintfesp GO

86        Ademir Portilho – Secretário de Relações do Trabalho da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Saúde Privada Guarulhos/SP

87        José Bonifácio do Monte – Secretário de Relações Internacionais da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social /  Sindsprev PE

88        Miriam Oliveira de Andrade – Secretária de Formação da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde PA

89        Claudia Ribeiro da Cunha Franco – Secretária de Políticas Sociais da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social /  Enfermeiros RS

90        Robson Teixeira Góes – Secretário de Combate ao Racismo da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindacs BA

91        Luiz Carlos Vilar – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindprev SE

92        Cleidinir Francisca do Socorro –Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde AM

93        Lucia Maria dos Santos – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindprev AL

94        Luciene Bonfim Nascimento da Silva – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Saúde Privada BA

95        Antônio Raimundo Teixeira Carvalho – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Saúde Privada da BA

96        Benedito Augusto de Oliveira – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde SP

97        Renato Almeida de Barros – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde MG

98        Leonildo Ferreira Lopes – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde MG

99        Maria Julia Reis Nogueira – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sintsprev MA

100      Francisca Alves de Souza – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindisprev PE

101      Elio Araújo de Oliveira – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sintsprev MS

102      Adão Pereira Alvez – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindprev DF

103      Margareth Alves Dallaruvera – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / FENAS

104      Maria de Fátima Frazão dos Santos – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindacs PE

105      Milton Francisco Kempfer – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / FESSERS (Federação Saúde Privada RS)

106      Maria Anízia Gonçalves Marçal –Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social /  SINTSS MS

107      Raquel Prestes Mello – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Federação da Saúde Privada PR

108      Leide Cassia Fernandes Medeiros –Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social /  Sindsaúde MG

109      Waldir Tadeu David – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Saúde Privada ABC

110      Leocides José de Souza – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde GO

111      Maria Luiza de Medeiros Nasiasene Pombo – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsprev PB

112      José de Ribamar Santos de Assis – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindsaúde PA

113      Luiz Claudio Celestino de Souza – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Sindicato dos Agentes Comunitários do Ceará

114      Roges Carvalho dos Santos – Direção Nacional da CNTSS – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Seguridade Social / Psicólogos de MG

115      José Maria Rangel – Coordenação Geral da FUP – Federação Única dos Petroleiros

116      Leopoldino Ferreira de Paula Martins – Secretaria de Comunicação da FUP – Federação Única dos Petroleiros

117      Francisco José de Oliveira – Secretaria de Comunicação da FUP – Federação Única dos Petroleiros

118      José Genivaldo da Silva – Secretaria de Administração e Finanças da FUP – Federação Única dos Petroleiros

119      Aldemir Caetano – Secretaria de Administração e Finanças da FUP – Federação Única dos Petroleiros

120      Emanuel Pereira – Secretaria de Formação Sindical da FUP – Federação Única dos Petroleiros

121      Fernando Maia – Secretaria de Formação Sindical da FUP – Federação Única dos Petroleiros

122      Leonardo Urpia -Secretaria de Assuntos Jurídicos e Institucionais da FUP – Federação Única dos Petroleiros

123      Simão Zanardi Filho – Secretaria de Assuntos Jurídicos e Institucionais da FUP – Federação Única dos Petroleiros

124      Paulo Cesar Martin -Secretaria de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da FUP – Federação Única dos Petroleiros

125      Gerson Castellano – Secretaria de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da FUP – Federação Única dos Petroleiros

126      Daniel Samarate – Secretaria de Seguridade, Aposentados e Políticas Sociais da FUP- Federação Única dos Petroleiros

127      Francisco Rocha Ramos, Chicão – Secretaria de Seguridade, Aposentados e Políticas Sociais da FUP – Federação Única dos Petroleiros

128      João Antônio de Moraes da Secretaria de Relações Internacionais e Empresas Privadas da FUP – Federação Única dos Petroleiros

129      Eneias Zanelato – Secretaria de Relações Internacionais e Empresas Privadas da FUP – Federação Única dos Petroleiros

130      Carlos Alberto Alves – Presidente do STIEEC / Empresa AES TIETE / Macro Bauru

131      Valdivino Ferreira dos Anjos – Vice Presidente do STIEEC / Empresa CTEEP / Macro Rio Claro

132      Claudinei Donizete Ceccato – Secretário Geral do STIEEC / Empresa ELEKTRO / Macro Rio Claro

133      Esteliano Pereira Gomes Neto – Tesoureiro Geral do STIEEC / Empresa CPFL JAGUARIUNA / Macro Campinas

134      Paulo Roberto Robin de Carvalho – Diretor Comunicação e Divulgação do STIEEC / Empresa AES TIETE / Macro SJRio Preto

135      Carlos Eduardo Fábio – Diretor Formação e Cultura do STIEEC / Empresa CPFL / Macro Campinas

136      José Luiz Zétula – Diretor Organização do STIEEC / Empresa CPFL / Macro Campinas

137      Sidney Mendes da Silva – Diretor Assuntos Jurídicos do STIEEC Sindicato dos Trabalhadores Energéticos do Estado de São Paulo / Empresa CPFL / Macro Campinas

138      Gentil Teixeira de Freitas – Diretor assuntos dos Aposentados e Fundações de Seguridade do STIEEC / Empresa CESP / Macro I.Solteira

139      Vicente Donizeti dos Santos – Diretor Saúde do Trabalhador e Segurança do STIEEC  / Empresa ELEKTRO / Macro Campinas

140      Cibele Granito Santana – Diretor Pesquisas Sócio Econômicas e Novas Tecnologias do STIEEC / Empresa CPFL / Macro Campinas

141      Carlos Alberto Martins – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Bauru

142      Delson Ramos Ferreira- Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Ribeirão Preto

143      Glauco Barbieri Sanches – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Campinas

144      Antonio Mardevânio Gonçalves da Rocha – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro I. Solteira

145      Nelson Leonel dos Santos – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Bauru

146      Alberto Soares da Silva – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro SJRio Preto

147      Luciano Cardoso – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Ribeirão Preto

148      João Mauro Fidalgo – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro SJRio Preto

149      Marcelo Renato Fiorio – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Rio Claro

150      Alexandre Gonçalves Freitas – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro Prudente

151      Francisco Cesar Mariano Rodrigues – Suplente da Executiva do STIEEC / Macro SJRio Preto

152      Adilson Dias de Oliveira – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Campinas

153      Carlos Alberto Lourençon- Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Prudente

154      Carlos Augusto Galvani Marchese- Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Rio Claro

155      Daniel Aparecido Teles – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro CPFL Jaguariuna

156      José Henrique Galli – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I. Solteira

157      João Paschoal David – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro SJPreto

158      Paulo Henrique Negreiros – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Campinas

159      Francisco Wagner Monteiro – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

160      Luiz Henrique de Souza – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Ribeirão Preto

161      Orivaldo Luiz Pellegrino- Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

162      Tayon Fernando Moura Braatz S. Rodrigues – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Campinas

163      Edilson Reginaldo de Jesus – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I. Solteira

164      João Carlos Cruz e Silva – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Ribeiro Preto

165      Dimas Francisco Colombo – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

166      Edson Eduardo Denipotti – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I. Solteira

167      Genésio Nunes Pereira – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Prudente

168      João Luiz de Souza – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Ribeirão Preto

169      Ayrton Renato Amaro – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro SJRPreto

170      João Ramos da Silva – Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

171      Carlos Roberto Ferreira da Silva – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Ribeirão Preto

172      Luiz Carlos dos Santos – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Campinas

173      Carlos Pedro dos Santos – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I. Solteira

174      José Cláudio de Oliveira – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Rio Claro

175      Oracy Fortunato da Silva – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I. Solteira

176      Valmir Galante – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Prudente

177      Eliseu Marco de Souza – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Prudente

178      Celso Rubens Narbal Cosin- Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Rio Claro

179      Rodrigo Távora de Oliveira – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro SJRPreto

180      Geraldo Braga – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

181      José Laurindo Alvim- Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I.Solteira

182      Claudecir da Silva – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Rio Claro

183      Arinaldo Gomes da Costa – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro SJRPreto

184      Daniel Marques dos Santos – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

185      José Fernando Romagnollo – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Campinas

186      Edi Carlos Miranda de Lima – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro SJRPreto

187      Edson do Carmo Rueda Gomes – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

188      José Paulo Rodrigues da Costa – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro I.Solteira

189      Luiz Antonio Mathias de Moraes – Suplente da Diretoria Colegiada do STIEEC / Macro Bauru

190      Mario Macedo Netto – STIEEC / Delegados Efetivos à Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) / Campinas

191      Márcia Rodrigues Paiva – STIEEC / Delegados Efetivos à Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) / Ribeirão Preto

192      Marcelo Antonio Paulino – STIEEC / Delegados Suplentes à Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) / Ribeirão Preto

193      Fabiana Keffraaus Pinge – STIEEC / Delegados Suplentes à Federação Nacional dos Urbanitários (FNU) / Campinas

194      Rosana Ribas Alcântara Grigoleto – Conselho Fiscal do STIEEC / Campinas

195      Jurandyr Lorena Pimentel  – Conselho Fiscal do STIEEC / Campinas

196      Airton de Souza  – Conselho Fiscal do STIEEC / I.Solteira

197      Rosana Gazzola Favaro – Suplente do Conselho Fiscal do STIEEC / Campinas

198      Osvaldo Cia – Suplente do Conselho Fiscal do STIEEC / Campinas

199      Paulo Henrique Pastorelli – Suplente do Conselho Fiscal do STIEEC / Ribeirão Preto

200      MARIA IZABEL AZEVEDO NORONHA – PRESIDENTA DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PIRACICABA

201      FABIO SANTOS DE MORAES – VICE-PRESIDENTE DA  APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE LIMEIRA

202      LEANDRO ALVES OLIVEIRA – SECRETÁRIO GERAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE CATANDUVA

203      FABIO SANTOS SILVA – SECRETÁRIO GERAL ADJUNTO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE CARAPICUIBA

204      LUIZ GONZAGA JOSE – SECRETÁRIO DE FINANÇAS DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE FRANCA

205      MARIA SUFANEIDE RODRIGUES – SECRETÁRIA DE FINANÇAS ADJUNTA DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE OESTE LAPA

206      ODIMAR SILVA – SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ARAÇATUBA

207      MARIA JOSE CARVALHO CUNHA – SECRETÁRIA DE ADMINISTRAÇÃO ADJUNTA DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO

208      MIGUEL NOEL MEIRELLES – SECRETÁRIO DE PATRIMÔNIO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE LORENA

209      TEREZA CRISTINA MOREIRA DA SILVA – SECRETÁRIA DE PATRIMÔNIO ADJUNTA DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PENAPOLIS

210      JOSE ROBERTO GUIDO PEREIRA – SECRETÁRIO DE COMUNICAÇÕES DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SUDESTE

211      ZENAIDE HONORIO – SECRETÁRIA DE FORMAÇÃO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE AMERICANA

212      FRANCISCO DE ASSIS FERREIRA – SECRETÁRIO DE LEGISLAÇÃO E DEFESA DOS ASSOCIADOS DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE LESTE-PENHA

213      SOLANGE APARECIDA BENEDETI PENHA – SECRETÁRIA DE LEGISLAÇÃO E DEFESA DOS ASSOCIADOS ADJUNTA DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ITAPEVA

214      RITA DE CASSIA CARDOSO – SECRETÁRIA DE POLÍTICAS SOCIAIS DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE MAUA

215      ANA LUCIA SANTOS CUGLER – SECRETÁRIA PARA ASSUNTOS DO APOSENTADO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE VALE DO RIBEIRA

216      SUELY FATIMA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIA PARA ASSUNTOS DA MULHER – DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE CAMPINAS

217      NILCEA FLEURY VICTORINO – SECRETÁRIA PARA ASSUNTOS MUNICIPAIS DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE NORTE

218      CILENE MARIA OBICI – SECRETÁRIA GERAL DE ORGANIZAÇÃO DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ANDRADINA

219      SONIA MARIA MACIEL – SECRETÁRIA DE ORGANIZAÇÃO PARA O INTERIOR DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BAIXADA SANTISTA

220      ADEMAR DE ASSIS CAMELO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE RIO CLARO

221      ALTAIR DE OLIVEIRA GOMES – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SUSANO

222      ANATALINA LOURENÇO DA SILVA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SUDOESTE

223      ANTONIO CARLOS AMADO FERREIRA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE  BAIXADA SANTISTA

224      ANTONIO GANDINI JUNIOR – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BEBEDOURO

225      ANTONIO JOVEM DE JESUS FILHO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE DIADEMA

226      ARIOVALDO DE CAMARGO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ARARAQUARA

227      ARY NEVES DA SILVA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE TUPA

228      BENEDITA LUCIA DA SILVA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PINDAMONHANGABA

229      BENEDITO JESUS DOS SANTOS CHAGAS -DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BAIXADA SANTISTA

230      CARLOS ALBERTO REZENDE LOPES – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE INDAIATUBA

231      DORIVAL APARECIDO DA SILVA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BARRETOS

232      EDNA AZEVEDO FERNANDES – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PRESIDENTE PRUDENTE

233      EDUARDO MARTINS ROSA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE CAMPINAS

234      ELIZEU PEDRO RIBEIRO- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ASSIS

235      FABIO HENRIQUE GRANADOS SARDINHA — DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE RIBEIRÃO PRETO

236      FLAUDIO AZEVEDO LIMAS – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ITAPEVI

237      FLORIPES INGRACIA BORIOLI GODINHO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BOTUCATU

238      GILMAR RIBEIRO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SÃO JOSE DOS CAMPOS

239      IDENILDE DE ALMEIDA CONCEICAO- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BAURU

240      JESSE PEREIRA FELIPE – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE FRANCO DA ROCHA

241      JOAQUIM SOARES DA SILVA NETO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PIRAJU

242      JUVENAL DE AGUIAR PENTEADO NETO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE MARILIA

243      LUIZ CLAUDIO DE LIMA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE SANTO AMARO

244      LUZELENA FEITOSA VIEIRA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE VOTUPORANGA

245      MARIA CARLOTA NIERO ROCHA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE JABOTICABAL

246      MARIA LICIA AMBROSIO ORLANDI – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE OSVALDO CRUZ

247      MARIANA COELHO ROSA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE FRANCA

248      NILSON SILVA — DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE ASSIS

249      ORIVALDO FELICIO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BRAGANÇA PAULISTA

250      REGINALDO ALBERTO DE ALMEIDA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE LIMEIRA

251      RICARDO AUGUSTO BOTARO- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE MOGI MIRIM

252      ROBERTA IARA MARIA LIMA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PIRACICABA

253      ROBERTO MENDES- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE JACAREI

254      RODOLFO ALVES DE SOUZA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE CARAGUATATUBA

255      RONALDI TORELLI – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE DRACENA

256      SONIA APARECIDA ALVES DE ARRUDA – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PIRASSUNUNGA

257      SUZI DA SILVA –  DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE BAURU

258      TANIA SIQUEIRA- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE LESTE PENHA

259      TELMA APARECIDA ANDRADE VICTOR- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE PEREIRA BARRETO

260      UILDER CACIO DE FREITAS – – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE JUNDIAI

261      VERA LUCIA ZIRNBERGER- DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE S.BERNARDO DO CAMPO

262      WILSON AUGUSTO FIUZA FRAZAO – DIRETOR ESTADUAL DA APEOESP – SINDICATO DOS PROFESSORES DO ENSINO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO / SUBSEDE FERNANDOPOLIS

263      Douglas Izzo – Presidente da CUT Estadual São Paulo

264      Roberto Antonio Von der Osten – Presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro

265      Osvaldo Bezerra – coordenador geral do sindicato dos trabalhadores Quimicos, plásticos e Farmacêuticos de São Paulo, Embu, Embu  das Artes, Taboão da Serra e Caieiras

266      Vitor Luiz Silva Carvalho – Suplente na FUP

267      Maria Adriana Oliveira (Presidenta CUT Maranhão)

268      Jucelina Ramos Vale (Sec. Finanças CUT Maranhão)

269      Nivaldo Araujo Silva (Sec Geral CUT Maranhão)

270      Edmar Feliciano – Presidente Sinergia CUT

271      Augusto Morelli – Presidente Sindluz Araraquara

272      José Reinaldo Espanhol – Presidente Sindprudente

273      Sidney Batista – Presidente Sindgasista

274      Francisco Wagner Monteiro – Presidente Sindluz Bauru

275      “Mario Macedo Netto – Diretor de Base do Stieec Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Energia Elétrica de Campinas-SP

276      Marcos Gomes da Silva – Vice Presidente do STIEEN – Sindicato dos Trabalhadores nas Industrias de Energia Elétrica de Niterói  e Região / RJ

277      Hamilton Darci Correa – Diretor do SINERGIA/CUT

278      Rogério Aparecido Rosa – Vice Presidente Sindluz Araraquara, SP

279      José Carlos Trindade da Silva – Diretor de Base Macro Baixada Sinergia CUT Santos-SP

280      ”

Elvio Vargas – Vice Presidente e Diretor Financeiro – Sinergia-MS – Sindicato dos Eletricitarios de MS

 

281      Artur Risso Neto – Vice Presidente do Sindgasista

282      Deise Aparecida Capelozza – Diretora de Políticas Sociais do Sindgasista

283      Djalma de Oliveira – Diretor Administração e Finanças do Sindgasista

284      Sidney Batista da Rocha – Presidente do Sindgasista

285      “Claudinei Donizeti Ceccato – Secretário Geral do Sinergia CUT Campinas/SP e Diretor de Comunicação da FETIUSP/SP

286      Elias Hennemann Jordão – presidente do Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região

287      Junior Cesar Dias – Presidente da Fetec/CUT/PR Paraná

288      Roberto Magno Botarelli Cesar – Presidente da Federação dos Trabalhadores em Educação do MS – Mato Grosso do Sul

289      Jaime Teixeira – Tesoureiro da Federação dos Trabalhadores em Educação do MS – Mato Grosso do Sul

290      Paulo Cayres – Presidente da CNM/CUT – Confederação Nacional dos Metalúrgicos

291      João Cayres – Secretário Geral da CUT Estadual São Paulo

292      Artur Henrique da Silva Santos – Diretor da Fundação Perseu Abramo

293      Wilson Ramos Filho (Xico) Instituto Declatra – Defesa da Classe Trabalhadora Paraná

294      João Batista Xavier – Presidente da Federação Democrática dos Sapateiros do RS – Rio Grando do Sul

295      Jairo Carneiro – Presidente da Federação dos Metalúrgicos do RS – Rio Grande do Sul

296      Amarildo Pedro Cenci – Secretário Geral da CUT Rio Grande do Sul

297      Valmir Lodi – Presidente do Sind. Metal São Leopoldo RS – Rio Grande do Sul

298      Lírio Segalla – Presidente Metal Porto Alegre

299      Celso Woyciechowiski – Coordenador Geral da Feetsul

300      Antônio Guntzel – Secretário Relações do Trabalho da CUT Rio Grande do Sul

301      Maria Helena Oliveira – Secretária de Formação CUT RS – Rio Grande do Sul

302      Valdemir Moreira Corrêa – Presidente da Federação dos Trabalhadores da Alimentação do RS – Rio Grande do Sul

303      Ademir Wiederkehr – Sec Comunicação CUT RS – Rio Grande do Sul

304      MARCO AURÉLIO OLIVEIRA ROMANELI – DIRETOR DA JUNTA GOVERNATIVA DO STIEEN – SINDICATO DOS ELETRICITÁRIOS DE NITEROI, RJ

305      Francisco A Damatta – Diretor – STIEEN – Sindicato dos Eletricitários

306      Pedro tabajara Blóis Rosário – Diretor Presidente da Federação Nacional dos Urbanitários / STIU-PA

307      Paulo de Tarso – Presidente da CNU / SINERGIA -BA

308      Raimundo Lucena Maciel – Presidente FRUNE / SINERGIA – BA

309      Cleiton Moreira de Faria – Presidente FURCEN / STIU-DF

310      Gentil de Freitas – Presidente FITUESP- SP

311      Fernando Barbosa do Nascimento – Presidente do STI Urbanas de Água, Energia, Laticínios, Empresa de Habitação e  Empresa de Processamento de Dados do Estado do Acre – STIU-AC

312      Nestor Powell – Presidente do STI Urbanas no Estado de Alagoas – STIUEA

313      Audrey Regison dos Santos Cardoso – Presidente do STI Urbanas do Estado do Amapá – STIU-AP

314      Paulo de Tarso Guedes de Brito Costa – Coordenador Geral do Sindicato dos Eletricitários da Bahia – SINERGIA-BA

315      Danilo Libarino Assunção – Coordenadora Geral do Sindicato dos Trabalhadores em Água e Esgoto e Meio Ambiente no Estado  da Bahia – SINDAE-BA

316      Cesário Macedo de Melo Neto – Presidente do  Sindicato dos Eletricitários do Ceará – SINDELETRO-CE

317      Edson Wilson Bernardes França – Presidente ST no Setor de Energia e Gás nas Empresas Prestadoras de Serviço no Setor de Energia e Gás no  Estado do Espírito Santo – SINERGIA-ES

318      Fábio Giori Smarçaro – Presidente ST em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Estado do Espírito Santo- SINDAEMA

319      Fernando Antonio Pereira – Presidente do STI Urbanas no Estado do Maranhão – STIU-MA

320      André Lúcio Romero Camargo – Presidente do STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos  Estado do Mato Grosso do Sul – SINDÁGUA-MS

321      Elizete Figueira de Almeida – Presidente do  STI e Comércio de Energia no Estado do Mato Grosso do Sul – SINERGIA-MS

322      Jefferson Leandro Teixeira da Silva – Coordenador Geral do Sindicato Intermunicipal dos Trabalhadores na Indústria Energética de Minas Gerais – SINDIELETRO-MG

323      José Maria dos Santos – Presidente do STI de Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos do Estado de Minas Gerais – SINDÁGUA-MG

324      José Bianor Monteiro Pena – Presidente do STI Urbanas do Estado do Pará – STIUPA

325      Wilton Maia Velez – Presidente do STI Urbanas da Paraíba – STIUPB

326      Manuel Henrique de Almeida – Presidente ST nas Empresas de Distribuição de Energia Elétrica no Estado da Paraíba – SINDELETRIC-PB

327      José Reno de Sousa – Presidente do STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos no Estado da Paraíba – Sindiágua-PB

328      Assis Paulo Sepp – Presidente ST nas Empresas de Produção, Transmissão e Distribuição de Energia Foz de Iguaçu

329      Alexandre Shemerega Filho – Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Água e Esgoto de Londrina e Região

330      Sandro Adão Ruhnke – Presidente ST nas Concessionárias de Energia Elétrica e Alternativa de Londrina e

331      Claudeir Fernandes – Presidente ST nas Empresas de Produção, Geração, Transmissão, Distribuição  e Comercialização de Energia Elétrica de Fontes Hídricas Térmicas e Alternativas e Gás Natural nas Empresas Públicas e Privadas de Maringá e Região Noroeste do Paraná – STEEM

332      Vera Lúcia Pedroso Nogueira – Presidente ST nas Empresas em Água, Esgoto e Saneamento de Maringá e Região

333      Valdir Mestriner – Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Urbanização do Estado do Paraná – SINDIURBANO-PR

334      José Gomes Barbosa Filho – Presidente do STI Urbanas no Estado de Pernambuco – Sindurb-PE

335      José Paulo Sampaio – Presidente do STI Urbanas no Estado do Piauí – SINTEPI

336      José Fernandes de Sousa – Presidente STI Energética e Empresas Prestadoras de Serviços no Setor Elétrico e Similares do Estado do Rio Grande do Norte – SINTERN

337      Leandro Alves de Almeida – Presidente STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos do Estado do Rio Grande do Sul – SINDIÁGUA-RS

338      João Marcos Andrade da Silva – Presidente STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de  Campos e Região Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro –  STAECNON-RJ

339      Sérgio Luiz Rodrigues de Araújo – Presidente STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Niterói (STIPDAENIT)

340      Eduardo Santos Machado – Presidente STI Energia Elétrica de Niterói – STIEEN

341      Jorge Luiz Vieira da Silva – Presidente ST nas Empresas de Energia do Estado do Rio de Janeiro e Região – SINTERGIA-RJ

342      Nailor Guimarães Gato – Presidente STI Urbanas no Estado de Rondônia – SINDUR -RO

343      Antonio de Freitas Sampaio – Presidente STI Urbanas do Estado de Roraima – STIURR

344      Mário Jorge Maia – Coordenador Geral STI Energia Elétrica de Florianópolis e Região – SINERGIA

345      Luiz Antonio Barbosa – Presidente STI Energia Elétrica do Sul do Estado de Santa Catarina – SINTRESC

346      Edmar da Silva Feliciano – Presidente ST nas Empresas de Produção, Geração, Transmissão, Distribuição, Transporte, de Gás Canalizado, Energia Elétrica, Eclusas e Serviços de Administração de Hidrovias, em Municípios do Estado de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Sul de Minas Gerais

347      Carlos Alberto Alves – Presidente STI Energia Elétrica de Campinas – STIEEC

348      Nelson dos Anjos Rocha – Presidente STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos de Campinas e Região – SINDAE

349      Sidney Batista da Rocha – Presidente STI Produção, Transporte, Instalação e Distribuição, Armazenamento, Comercialização, Construção de Rede do Gás Natural Canalizado Comprimido (GNC), Liquefeito (GNL) e do Biogás do Estado de São Paulo

350      José Reinaldo Espanhol – Presidente STI Energia Hidroelétrica de Presidente Prudente – SINDLUZ

351      Elias Perrotti da Silva – Presidente STI de Energia Elétrica de Itanhaém, Bertioga, Guarujá, Litoral Sul e Vale do Ribeira  – SINDERGEL

352      Francisco Wagner Monteiro – Presidente Sindicato dos Empregados na Geração, Transmissão e Distribuição de Eletricidade no Município de Bauru

353      Sérgio Alves de Souza – Presidente do Sindicato dos Eletricitários de Sergipe – SINERGIA-SE

354      José Sérgio Passos – Presidente STI Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos do Estado de Sergipe – SINDISAN

355      Sérgio Aparecido Fernandes – Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Eletricidade no Estado de Tocantins – STEET

356      Fabíola Latino Antezana – Diretoria Colegiada do Sindicato dos Urbanitários no Distrito Federal – STIU-DF

Tags: , , , , , ,

17 Comentário

  1. Toda a classe trabalhadora apóia a reeleição de lula. É LULA 2018.

  2. Eleições em 2018? Só no sonho…

    Os canalhas não vão deixar pela metade. Logo a Globo vai ter que modernizar a canção “hoje é um novo dia de um novo tempo que começou”, que celebrava os anos de chumbo.

  3. O Moro já não está com porra nenhuma!

    Ato de apoio a Moro reúne multidão de 15 pessoas em Curitiba

    É mais um fracasso retumbante!

    O Conversa Afiada reproduz do Blog do Esmael:

    Cerca de 15 pessoas pagaram mico na tarde desta quinta (9) numa manifestação pró-Sérgio Moro no centro de Curitiba.

    Transeuntes e motoristas colocaram os “fascistas” para correr quando eles fecharam as esquinas das avenidas Marechal Deodoro e Marechal Floriano.

    Por óbvio, a TV Globo e os jornalões da velha mídia não mostraram que Curitiba ‘deixou só’ o juiz Sérgio Moro.

    Se a manifestação verde-amarela de ontem foi um fiasco, a mesma coisa não se pode dizer do protesto de quarta-feira, 8 de março, quando cinco mil mulheres marcharam pelas ruas da capital paranaense.

    Os coxinhas vêm colecionando fiascos na “República de Curitiba”, pois no começo de fevereiro apenas 20 almas penadas saíram nas ruas em defesa do magistrado.

    O diabo é que o fracasso da passeata de ontem, pró-Moro, ocorre bem nas vésperas do #OcupaCuritiba em que o juiz já sente o bafo na nuca dos apoiadores de Lula.

    O VÍDEO COM A MANIFESTAÇÃO DAS 15 ALMAS PENADAS NO FINAL DESSA MATÉRIA: https://www.conversaafiada.com.br/brasil/ato-de-apoio-a-moro-reune-multidao-de-15-pessoas-em-curitiba

  4. Já assinei esse manifesto EXTRAORDINÁRIO em defesa da candidatura de Lula, como também assinei o anterior dos intelectuais, publicado aqui. Assim, antes de começar minha análise acho que a candidatura de Lula DEVE SER LANÇADA IMEDIATAMENTE. Você disse que o Manifesto dos Sindicalistas não pede isso, embora fale na necessidade de Lula tornar-se Presidente em 2018. De fato, o texto é dúbio, mas para mim seria urgente que Lula lançasse da candidatura agora. Ao contrário de um idiota que postou um texto em Nassif, acho que a candidatura de Lula aglutinaria apoios, já que seria lançada como uma reação progressista ao golpe e à retirada de direitos(não seria apena suma candidatura do “anti-Temer”, Lula é grade demais para algo tão simplório, tem identidade própria e o verme aqui é Temer e sua corja golpista. Seria sim a candidatura que espelharia o modelo desenvolvimentista vitorioso nas urnas e só retirado do poder à força por um golpe de estado, mostrando que quer voltar porque foi graças a ele que este país se desenvolveu e milhões foram incluídos), o que só ajudaria na reação contra a tentativa de destruí-lo, levada à cabo pela mídia, pelo judiciário e Ministério Público canalhas Apoios esses que seriam fundamentais para a sobrevivência de um futuro Governo Lula, que precisaria sim de muita mobilização popular para não ser novamente derrubado por um golpe de estado. Feita essa análise, partamos para outra de sentido prático. APESAR DE QUERER MUITO QUE LULA SE CANDIDATE E SEJA ELEITO, NADA DISSO; MANIFESTOS E DEMONSTRAÇÕES DE APOIO NA INTERNET; ADIANTARÁ NADA SE NÃO FORMOS PARA AS RUAS, COM MULTIDÕES EXIGINDO O FIM DA PERSEGUIÇÃO A LULA E GRITANDO QUE O QUEREM NOVAMENTE PRESIDENTE. Serei bem claro, não tenham dúvida de que Moro vai condenar Lula; sem prova nenhuma e com TODAS AS TESTEMUNHAS, ATÉ AS DE ACUSAÇÃO, INOCENTANDO-O. Isso não importa para aquele psicopata e nem para a horda de psicopatas que o apoiam, os do MP, os da globo(que é quem interessa, o resto da mídia é fichinha e vem a reboque)e a camarilha de canalhas da classe mérdia que serviram de bobos da corte desse absurdo. ESSA GENTE, COMO TAMBÉM QUEM MANDA NELES(CLASSE DOMINANTE E OS EUA), NÃO ESTÃO NEM AÍ PARA ONU, PARA MANIFESTO, PARA APOIO, PARA DIREITO , PARA ELEIÇÃO, O QUE ELES QUEREM É DESTRUIR LULA, TANTO POR CAUSA DO IMENSO ÓDIO, INVEJA, COMPLEXO DE INFERIORIDADE, RECALQUE E FRUSTRAÇÃO QUE SENTEM DIANTE DA GRANDEZA DE LULA, COMO PARA IMPEDIR QUE O BRASIL VOLTE A CONSTRUIR UM PROJETO DE DESENVOLVIMENTO INDEPENDENTE E SOBERANO. E A ÚNICA COISA QUE OS IMPEDIRÁ DE FAZER ISSO SERÁ O MEDO!!!!!!!!!!!!! Não tenham dúvida, essa corja só recuará de seus propósitos se perceber que este país entrará em uma guerra civil com a prisão de Lula e eles poderão estar entre as vítimas dessa guerra. Portanto, manifestações desse tipo são importantes e devem ser levadas a cabo, mas de nada adiantarão se não estivermos, junto com elas, ORGANIZANDO ATOS GIGANTESCOS, QUE JÁ DEVEM COMEÇAR NOS PROTESTOS DO DIA 15 DE MARÇO, CONTINUAR NO 01 DE MAIO E ATINGIREM SEU AUGE NUMA GRANDE INVASÃO NA NOJENTA CURITIBA NO DIA 03 DE MAIO. Temos que fazer Moro e principalmente quem manda nele, ele é só um fantoche, se mijar de medo da reação popular e ter que absolver Lula e permitir sua candidatura para não ver o próprio poder ser destruído por um grande levante popular. Se vamos fazer isso? Não sei, tenho sérios receios. Mas se não fizermos, tenham certeza que eles impedirão a candidatura de Lula. Novamente o futuro está na nossa mobilização.

  5. Que fim levou a outra lista?
    Por que duas?
    Não confio no O SITE PETIÇÃO PÚBLICA.
    Tentei investigá-los e não gostei…
    Talvez o Change.org seja mais confiável.
    ó uma opinião.

  6. LULA é o cara. Tem projeção é capacidade de diálogo e aglutinação de projetos comuns, desde as faixas de renda mais baixas até os atores econômicos de grande projeção nacional e internacional.

    Tem admiração e extrema empatia com governos europeus, africanos, asiáticos, sem falar, óbvio, na América Latina.

    Vamos por esse manifesto e abaixo-assinado para rodar.

  7. A volta de Lula é a única saída para a reimplantação da democracia representativa no Brasil.

  8. Bom dia, Eduardo,
    Durante o carnaval vc divulgou que tinha uma denúncia a fazer, mas iria deixar para depois do carnaval. Eu ainda não vi ou perdi o post. Vc poderia, por favor, esclarecer? Fica um sentimento estranho depois de vc consultar-nos, não fazer nenhuma menção ao fato. A menos, como já mencionei, eu tenha perdido alguma coisa.

  9. Que flop hein?! 200 pessoas?

  10. Bote o retrato do velho outra vez, bote no mesmo lugar
    Assinei, embora, importante é apoio do maior número possível de sindicalistas. Construir uma unidade dos sindicatos entorno de Lula, Paulinho da Força a parte

  11. Meu caro Eduguim (permita-me), inicialmente quero me solidarizar com vc em razão da sua obrigação por militar, ir ter que se explicar na polícia. Dito isto, externo meu sentimento com relação a manifestação dos sindicalistas (sic). A credibilidade de grande parte do sindicalismo brasileiro é para mim comparável lamentavelmente a fidelidade de uma cadela de rua no cio, explico: tem sindicalista que está há mais de trinta anos nisso, isso virou profissão,e não me venham com “chorumelas” é pura verdade o carreirismo, daí a dificuldade em mobilização dos trabalhadores. Sem querer rasgar seda mas em comparação indago: quem irá a polícia depor, o jornalista blogueiro ou algum sindicalista? Não deveria ser o inverso? Ou seja o SINDICALISTA IRIA DEPOR, E O BLOGUEIRO IRIA NOTICIAR, SÓ ISSO QUE GOSTARIA QUE FOSSE. ABRAÇO FRATERNO.

  12. Não adianta fazer campanha…numa remotissima hipótese de Vitória não se consegue governar um país de dentro de um presídio.

    • Eu tenho sertesa que o Lula de dentro de um presídio governara m
      elhor que psdb e pmd juntos
      Assino por acreditar em Deus,e que Lula foi o melhor presidente do Brasil

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.