Lava Jato quebrou empreiteiras, que podem quebrar os bancos

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

armagedom

 

Uma imagem de retórica simboliza à perfeição o que está acontecendo com o país após ter sido alvo de sabotagem da economia nos últimos dois anos com vistas a destruir a popularidade do governo Dilma Rousseff e, assim, derrubá-la por qualquer motivo sem que a sociedade exigisse respeito ao voto popular.

O sujeito sai para a esbórnia. Bebe, cheira, fuma, pega um carro e decide ir ao litoral paulista; desce a Serra a 130 quilômetros por hora; na tomada da primeira curva fechada, percebe que vai perder a direção e cair no penhasco à frente e, nesse momento, percebe que foi longe demais e tenta desfazer as besteiras que fez.

É exatamente isso o que está acontecendo com Michel Temer e o PMDB, o PSDB, os partidos todos que derrubaram Dilma, a mídia antipetista e o empresariado, ou seja, o grupo políticou que bancou o golpe parlamentar.

Para entender como o desastre que será descrito à frente começou, porém, há que rever como chegamos a esse ponto.

O nascimento do desastre

Tudo começou com a queda de popularidade brusca do governo Dilma e de sua titular em junho de 2013. De mais de 60% de popularidade, em três semanas ela e seu governo perderam metade da aprovação.

Em 2014 não foi muito melhor. Apesar de alguma recuperação de popularidade, com os movimentos contra a Copa do Mundo dizendo que o evento estava roubando dinheiro da Saúde e da Educação, Dilma e o PT não voltaram mais ao apoio que vinham tendo desde 2003.

O resultado foi a eleição de um Congresso ultraconservador naquele ano. Um Congresso que, ao assumir em 2015, elegeu um desafeto declarado do PT como presidente da Câmara dos Deputados.

A sabotagem parlamentar

Eduardo Cunha usou a Presidência da Câmara para sabotar o governo. Aliou-se ao PSDB e formou um bloco sólido que, a partir do primeiro dia da atual Legislatura até o último dia em que Dilma governou, rejeitou praticamente tudo que ela requereu ao Legislativo.

Mas não foi só impedindo Dilma de governar que o Congresso sabotador prejudicou o país. PSDB, PMDB e os demais partidos de direita da ex-base de apoio ao governo inventaram as famigeradas “pautas-bomba”, ou seja, projetos de lei que criavam despesas para os cofres federais justamente em um momento em que o país precisava equilibrar o orçamento.

Causa e efeito

Com a situação de desequilíbrio decorrente da crise política entre Executivo e Legislativo, o risco da economia disparou e perdemos as boas notas das agências de classificação de risco, o que acabou com o investimento no país, tendo o Brasil sido carimbado com o selo de “arriscado”.

Sob esse estigma do país, investidores internos e externos interrompem projetos, cancelam planos; população adia compra de bens móveis ou imóveis, viagens, reformas, qualquer gasto não-essencial; empresários demitem “preventivamente”, aprofundando dramaticamente o desemprego que já crescia pela interrupção dos investimentos.

Golpe de misericórdia

Ao mesmo tempo em que o país se torna ingovernável por falta da tão demonizada governabilidade, uma outra força de destruição da economia e dos sonhos dos brasileiros começa a agir com vistas a derrubar o quarto governo petista consecutivo.

Em 2015, pouco após o início do boicote parlamentar ao governo, a Operação Lava Jato começa a sabotar a economia de forma mais agressiva prendendo os donos das maiores empreiteiras do Brasil.

Segundo o Sindicato Nacional da Indústria da Construção Pesada – Infraestrutura (Sinicon), que reúne empresas como Odebrechet, Camargo Correa, OAS etc., etc., etc., o faturamento do setor corresponde 3% do PIB. Esse percentual é o da recessão que se instalou no país com a paralisação desse setor da economia por conta de os donos dessas empresas terem sido presos e, consequentemente, os negócios com elas suspensos.

Efeito dominó

Como na metáfora lá no início do texto, o que ocorre é que os excessos causados pela embriaguez que a ânsia pelo poder gera fizeram os golpistas causarem dano tão grave à economia que, agora, já não conseguem revertê-lo e, em vez disso, o dano começa a aumentar de forma exponencial.

O que de pior poderia acontecer após as contas públicas terem sido dilaceradas pela sabotagem legislativa de Eduardo Cunha e pelo abraço de urso da Lava Jato no PIB? Você dirá que nada, que não haveria desastre maior do que o acima descrito.

Negativo. O que é ruim sempre pode ficar pior.

Armagedom

Pelo Brasil, os questionamentos, textos, discussões, ainda são sussurrados nos becos e nas bocas, mas a pergunta que não quer calar é: como está o sistema bancário brasileiro? Como está o sistema bancário privado brasileiro? Ou o sistema bancário público brasileiro?

Em junho de 2015, as prisões dos presidentes da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, e da Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, acenderam a luz amarela entre banqueiros. O problema foi objeto de matéria do jornal Folha de São Paulo sob o sugestivo título “Dívidas das empreiteiras preocupam bancos”.

Atentos às dívidas bilionárias dessas empresas, os bancos podem ser impedidos de renovar empréstimos já contratados que vencem no curto prazo ou conceder novos financiamentos para essas empresas.

Muitos bancos têm regras internas que vetam negociações com companhias cujos donos ou a alta cúpula estão na cadeia ou diretamente envolvidos em casos de corrupção. A Odebrecht, por exemplo, possui uma dívida que chega a R$ 63,3 bilhões.

Sem poder alongar seu endividamento ou tomar novos créditos, surge o temor de paralisação das atividades ou até de uma renegociação de dívidas. Esse cenário, no entanto, não é tão agudo para essas gigantes como para OAS e Galvão Engenharia, que terminaram recorrendo à recuperação judicial.

Sob o impacto da prisão dos executivos, os títulos de dívida no exterior mais negociados da Andrade Gutierrez caíram 16% à época, indo para US$ 71,15. Já os papeis da Odebrecht, em meados do ano retrasado, quando da prisão de Marcelo Odebrecht, cederam 9,12% _ para US$ 80.

Quando os executivos da OAS foram presos na primeira fase da Operação Lava Jato, os bônus da companhia no exterior passaram a ser negociados como empresas à beira da falência.

Os braços de construção dos grupos Odebrecht e Andrade Gutierrez foram atingidos pela investigação da Polícia Federal em um momento delicado. Com o Tesouro segurando pagamentos por conta do ajuste fiscal, as empreiteiras começaram a enfrentar dificuldades para conseguir receber aditivos dos contratos de grandes obras de infraestrutura.

Seis meses antes de o desastre começar a se materializar, o Brasil se recuperava de uma dura campanha eleitoral na qual esquerda e direita chegaram ao final em pé-de-guerra irremediável, de forma como jamais ocorrera antes.

Naquele momento, ficava claro o que viria pela frente. Matéria da Folha de São Paulo mostrava o potencial da Lava Jato para destruir a economia brasileira. Em 14 de dezembro de 2014, o título da reportagem dizia tudo: “Dívida de empresas da Lava Jato com bancos passa de R$ 130 bi, mostra estudo do governo”.

A Petrobras e as empreiteiras investigadas pela Operação Lava Jato tinham uma dívida superior a R$ 130 bilhões com bancos privados e públicos no Brasil, de acordo com um levantamento que circulou naquele dezembro de 2014 no governo.

Pareceres oficiais aos quais o jornal tivera acesso indicavam o medo de que as instituições financeiras sofressem até uma crise sistêmica se sua carteira de recebíveis se tornasse podre graças a empresas levadas à falência pelo poder público.

Quase metade da dívida acumulada corresponde a obrigações da Petrobras, como indicava o último balanço publicado pela estatal, de junho de 2015. Se fossem considerados compromissos com bancos internacionais e fornecedores, a dívida total poderia superar R$ 500 bilhões, o equivalente a quase 10% do PIB (Produto Interno Bruto) do país.

Integrantes do governo se debruçaram sobre os números para tentar avaliar os riscos de contaminação da economia no caso de essas empresas perderem contratos e ficarem sem acesso a crédito. E estremeceram.

Lei de Murphy

Na última terça-feira (17), na chegada a Davos para participar do Fórum Econômico Mundial, que começa oficialmente nesta terça-feira (17), Luiz Carlos Trabuco Cappi, presidente do Bradesco, anunciou que o banco projeta um crescimento de 2,3% do PIB (Produto Interno Bruto) em julho de 2018 em relação a julho deste ano.

Conversa fiada. Isso faz parte da estratégia dos banqueiros e da mídia de começarem a interromper o medo generalizado quanto à economia sobretudo nessa questão das dívidas que as empreiteiras alvos da Lava Jato têm com os bancos porque esse medo pode gerar um processo chamado “risco sistêmica”.

Em finanças, risco sistêmico refere-se ao risco de colapso de todo um sistema financeiro ou mercado, com forte impacto sobre as taxas de juros, câmbio e os preços dos ativos em geral, e afetando amplamente a economia – em contraste com o risco associado a uma entidade individual, um grupo ou componente de um sistema.

Assim, pode ser definido como uma instabilidade potencialmente catastrófica do sistema financeiro, causada ou exacerbada por eventos ou condições peculiares que afetem os intermediários financeiros.

Riscos sistêmicos são decorrentes das interligações e da interdependência entre os agentes de um sistema ou mercado, no qual a insolvência ou falência de uma única entidade ou grupo de entidades pode provocar falências em cadeia, o que poderia levar o sistema inteiro ou o mercado como um todo à bancarrota.

A Lei de Murphy é uma premissa filosófica de que tudo que possa acontecer fatalmente acontecerá, cedo ou tarde. Essa lei sugere que não se deve, portanto, brincar com o fogo.

Sabe como se faz para quebrar um banco? Você diz que ele vai quebrar e espalha sua previsão. As pessoas começam a avisar umas às outras deque o banco xis irá quebrar. Quem tiver dinheiro naquele banco, assustado, vai tratar de tirar para não correr riscos desnecessários.

Se muitos ficarem assustados, o banco quebra.

Resumo da ópera

Um amigo jornalista produziu um excelente resumo da situação em que nos encontramos.

Segundo ele, a receita conservadora está clara. Querem inabilitar o Lula para a eleição de 2018, prendendo-o ou tornando-o inelegível. O setor de centro esquerda ficaria sem canal institucional de atuação, quadro político parecido com o da Colômbia, onde a esquerda A acabou na clandestinidade.

A direita sabe que o passo seguinte da inabilitação do Lula seria os movimentos sociais e populares radicalizarem, de modo que a PM paulista já se reequipou – equipamentos usados em recente ação de reintegração de posse na zona Leste de São Paulo parecia os das tropas Israel na Faixa de Gaza.

A prisão do líder do MTST paulistano Guilherme Boulos mostrou que o caminho dos golpistas será prender lideranças de oposição para criar medo de divergir do regime – Boulos foi acusado de protestar anteriormente contra Michel Temer, como se fosse proibido protestar contra presidentes da República.

Mas o país vai explodir de qualquer jeito porque há outro fato grave, a economia. A crise das empreiteiras ja bateu nos bancos. Ninguém está pagando empréstimos. Vamos ver um quadro louco de banco pedindo para baixar juros porque a economia parou.

Segundo o amigo que produziu a análise, é como se o senhor de engenho dissesse ao capataz: “Não bate tanto nos escravos porque se não eles não aguentam colher a cana”.

Fora isso, há o cenário externo. Com protecionismo (Trump, Brexit etc.) não haverá como recorrer à poupança externa.

Quatro motores poderiam alavancar economia brasileira:

1 – Consumo das famílias, mas elas estão quebradas;

2 – Investimento externo, mas ele está parado; perspectiva de que o FED (Banco Central norte-americano) suba juros nos EUA vai manter capital especulativo por lá;

3 – O capital nacional, que poderia atuar para tirar a economia da depressão, está na cadeia;

4 – Sobra o investimento público, mas está estrangulado pela PEC 55, o famigerado teto de gastos públicos que fará o investimento público ser cada vez menor nos próximos 20 anos, levando o Brasil à estagnação.

Trabuco, do Bradesco, veio a público tentar injetar otimismo e afastar o risco sistêmico imanente, mas pode ser tarde demais. Os bancos estão preocupadíssimos com 2017. Não é com 2018, é com este ano mesmo (!).

Quadro é trágico: Estado policial impedindo o líder da oposição de disputar eleições, economia em frangalhos, caminho aberto para o fascismo, que está bem vivo. Recentemente, o diário inglês Financial Times associou o deputado de extrema-direita Jair Bolsonaro ao nazifascismo.

Eis no que deu o esforço desumano (literalmente) para tirar o PT do poder. Em benefício do preconceito, da ignorância, do autoritarismo, da ganância, os golpistas supracitados atiraram o país em um abismo do qual levará décadas para sair. Talvez nenhum de nós esteja mais vivo quando isso acontecer.

Tags: , , ,

110 Comentário

  1. ..melhor pra eles da direita se tivessem deixado que DILMA sangrasse e PAGASSE por seus próprios erros que não foram poucos ..dentre eles, o maior de todos, a arrogância e o distanciamento do povo e da classe política

    ..ali teria sido um passeio eleitoral que deveria ser colhido em 2016 (como o foi) e, provável, com garantias pra 2018 tb

    ..agora, verdade, a realidade é outra ..perigas eles serem chamados a pagar a conta por suas trapalhadas e CRIMES DE LESA PÁTRIA

    Seu texto esta muito bom ..embora gostaria de acreditar que as forças políticas, por uma questão de sobrevivência, uma hora terão que se entender ..ou isso, ou os militares ..e deste entendimento LULA faz parte

    Não acredito que todos observem o país se perder sem que nada se faça a respeito

    Lembro tb de adicionar a estes números preocupantes os dados negativos dos FUNDOS DE PENSÃO, estas entidades “fantasmas e gigantescas” que sustentaram muito do capital investido em empresas nestes anos todos, e na própria divida dos governos que agora tb estão inadimplentes

    ..fora ainda toda a sorte de fornecedores deste conglomerado que envolve a Petrobrás e as Empreiteiras que tb já estão, não é de hoje, com o pires na mão

    ..e o que dizer do cadáver insepulto e ainda não enterrado dos ditos campeões Nacionais de DILMA então ?! (Broi, JBS, Eike entre outros)

    e das dividas dos carros não saudadas ou dos imóveis devolvidos ..das dezenas de milhares vazios, estocados ?

    tem muita areia neste caminhãozinho ainda ..um verdadeiro tiro de TRABUCO

    ..agora ..arguto blogueiro ..VOCÊ saberia me dizer o que o JANOT foi fazer em DAVOS ?

    • …o maior de todos a arrogancia…. kkkkkkkkkkkkkkkkk quem esta falando!!!!!!

    • Ainda tem gente com esse papinho de “arrogância”? Acorda se a Dilma fosse Gandhi teria acontecido a mesma coisa.

    • Concordo com você em quase tudo, a exceção fica por conta das suas críticas a Dilma, pois ainda que ela tivesse acertado em tudo, o golpe ainda sim ocorreria, pois os entes políticos e institucionais que o promoveram assim como a Globo e os EUA não iriam desistir de tirar o PT do governo e implantar o programa neoliberal. Eles inventariam outra farsa(assim como inventaram a alegação de crime de responsabilidade) para tirar a Dilma e essa outra farsa teria acolhida de setores populacionais que nutrem ódio ao PT, e os referidos setores populacionais iriam independentemente de Dilma ter acertado ou não bater panelas e fazer passeatas contra o governo.

      • E a grande verdade é que ela caiu mais pelos acertos do que pelos erros. Ponto.

      • O pior é que esta gente “esperta”, os chamados coxinhas, insistem em acreditar que as Forças Armadas seriam a solução. Qualquer idiota já percebeu que as lideranças das FA estão até o pescoço com o golpe. E não é por patriotismo. Tanto é que há um oficial do exército trabalhando para o Temer. E até já foi infiltrado,entre jovens, um oficial do exército para tentar fazer com que praticassem crimes.

    • O Janot nao usa o MPF pra combater o PCC

      Jessė de Souza arrasou o pig cheiroso, essa måfia midiåtico-penal paulista que exportou para o restante do pais este modelo de narco-estado que ai está, por enquanto restrita ao carcere. Por enquanto…

      E năo adianta os mérdia coxinhas amestradas darem apoio a carnificina nos presidios, pois é so questao de tempo cabeças rolarem nas ruas tmbm.

      Sim, o motivo do golpe foi o odio da classe media contra os pobres que melhoraram de vida: o combate a corrupcao foi mera desculpa.

      Só vivendo o caos na propria pele a tola classe media vai parar de se fazer de tonta: ai sim sacarå que foi usada pela esperta zelite zelote e sua midia.

      Todos nös pagaremos caro pela burrice de multidoes de marionetes teleguiadas: mais ai a Globo estarå de plantăo para plantar nas cabecinhas bobinhas da dancinha dos Flash Mob Fora Dilma Fora PT, sua propria versāo no sentido de se fazer crer que, como ocorre ha decadas em SP, não há outra saida que nao se reeleger por sucessivas vezes o partido PCC sic PSDB para as vårias instæncias de governo.

      Muito triste tudo isso…tem carona ai pro Uruguai…

  2. Excelente! Valeu! Obrigado!

  3. Não foi a Lavajato que quebrou as empreiteiras, mas sim a corrupção. Ou o Sr. prefere fechar os olhos à corrupção sob o pretexto de gerar empregos? O custo social da corrupção é muito maior.

    • Tem pessoas que são pessoas, mas com cérebros de ruminantes. Isto é uma característica dos coxinhas?

    • Você deveria lembrar como a forma como Obama enfrentou a crise imobiliária de 2009 para não falar tanta besteira.

      Os grandes bancos cometeram barbaridades muito piores do que as empreiteiras brasileiras e o que fez o Presidente americano, recém eleito por sinal: injetou quase US$ 800 bilhões nesses bancos e em outras empresas para não jogar o país dele em crise muito pior. Houve corrupção ? Houve. Ele fez vistas grossas ? Não, mas preservou as empresas e os empregos, coisa que qualquer governante sério deve fazer.

    • Só posso presumir que você pensa que a corrupção irá acabar. A corrupção só irá acabar quando acabar a humanidade. De mais a mais, acredita MESMO que só se combate a corrupção destruindo a economia, que é o único meio? Não chegou a pensar quem ganha com a destruição de nossa economia? Como costumo dizer, sua ingenuidade chega a me fazer sorrir.

      Mas… tem os que prefiram destruir o país para “salvá-lo”… para as baratas e cupins, talvez, não para os brasileiros que sobrarem. A destruição de nossa economia, seja qual o motivo, nos levará (já nos leva) a uma espiral de crise social (desemprego, banditismo, etc), que desemboca em crise da própria nação. Veja que o PCC já tem seus tentáculos espalhados pelo país inteiro, até no Ministério da Justiça. Mas você, de um jeito tão “cristão”, acredita que a “salvação” só virá pela hecatombe. Dólares e euros não estão nem aí para o seu, o meu, o nosso sofrimento, amigo.

    • Sua afirmação parte do pressuposto de que para combater a corrupção é necessário quebrar as empresas, o que é falso.
      Também é falso dizer que o objetivo da Lava a Jato fosse combater a corrupção porque existem inúmeras denúncias que foram feitas e não investigadas pelo MPF e pelo próprio juiz Moro, todas em relação a políticos ligados ao PSDB, DEM e setores específicos do PMDB. Essas prevaricações seletivas da Lava a JAto comprovam cabalmente o caráter político da operação.

      • Juiz não investiga ninguem, quanta ignorancia ! O MPF é comandado pelo Janot, escolhido pelo PT

        • O PT não, Dilma. E ela não escolheu Janot nem qualquer outro PGR. Lula e Dilma sempre indicaram o primeiro da lista tríplice do MPF

        • Moro não investiga, mas comanda as investigações. Lógico que ele, em sintonia com os procuradores e delegados tucanos, dá os seus pitacos e pré-julga, não fazendo questão de se ater somente aos autos. Moro chama Lula de Nine. Moro livra tucano de problemas, Cássio Cunha Lima que o diga.

        • “Juiz não investiga ninguém” vírgula, pois o projeto de déspota do Paraná, também conhecido como juiz da mídia, investiga, acusa e julga legisla, tudo ao mesmo tempo!

    • Dilma nao derrubada para que se combatesse a corrupcao ate mesmo pq o golpe de estado foi dado pelos verdadeiramente corruptos e os paneleiros sumiram.
      O golpe foi dado para evitar a inclusao social.

    • Tem razão. Corrupção é compra de Poder Político pelo Poder Econômico. Primeiro comprou uma Lava Jato e depois comprou um Impeachment. Agora quer como comprar a Salvação!

  4. Trump fará de tudo para atrair capital produtivo para os EUA. Assim, cortar juros aqui, nesse momento, é suicídio econômico.
    A forma que os golpistas encontraram para tentar fugir do desastre é doar R$ 100 bilhões para as teles (R$ 64 bilhões só para a Oi) e perdoar R$ 1 trilhão de dívidas do agronegócio, numa vã suposição de que esse dinheiro será reinvestido aqui. Não vai funcionar, porque essa dinheirama imediatamente tomará o rumo do exterior, para escapar do risco-Brasil.
    Ninguém nega que a crise é mundial. Nos EUA, por exemplo, existem 50 milhões de pessoas abaixo do nível da pobreza, que dependem do food stamp para não passarem fome. Mas certamente a canalhice de nossa elite nos colocou numa tragédia anunciada.

  5. Não foi a “Lava Jato” q quebrou nada…

    A corrupção quebrou as empreiteiras? Lamento!

    Q não tivessem roubado!

    Mas… Qual a proposta?

    Fazer nada e deixar q continuem roubando?

    Empreiteiras e políticos, lógico!

    PS: Ainda a ladainha do “golpe” e da “sabotagem à Dilma”? Não caiu a ficha ainda q o povo não comprou esse bobagem? Basta ver as últimas eleições municipais…

  6. Boa tarde Edu!

    A quem interessa destruir o Brasil? Isso não dá para entender!

    Um abraço!!!

  7. Ótima matéria parceiro!!! Compartilhando.

  8. F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps
    F D Ps

  9. Parabéns pelo texto, claro, direto e verdadeiro.

  10. Caro Eduardo,

    É um cenário sombrio que virá. A força desses golpistas não está nas ruas, mas na mídia, no Congresso Nacional no MP e no Poder Judiciário. O país está sendo destruído por essa corja que tomou o poder. Quanto ao ex-presidente Lula, esses caras vão fazer de tudo para impedi-lo de se candidatar às próximas eleições presidenciais.

  11. Se Trabuco tentou injetar ânimo nos investidores, Janot, sem querer querendo, jogou água fria em qualquer expectativa de salvar a economia. O pequeno janota acabou confessando as razões da lava jato e do golpe contra o país.O teatro está desmoronando com essa péssima companhia de atores políticos. A incompetência dessas instituições salta aos olhos mais distraídos.

  12. querido EDU, tenho um amigo que trabalha na caixa que me relatou, a inadimplência em jundiai/ sp, já é maior que 50%, no banco do brasil que estão fechando varias agencias inclusive a que eu tenho conta os comentários são os mesmos, ” não te lembra a quebra dos bancos americanos?”, que se foda quem comprou!, porque aqui o psdb ganhou as eleições, cidade mais fascista do brasil, classe media de merda!, um abraço e desculpa o desabafo deste velho companheiro.

  13. Tanta briga da direita com a esquerda; da esquerda com a direita!
    Deu isto:
    Fudeo pra todos.
    Como diz o ditado:
    Nós se fudémos de verde amarelo!

  14. Destruiram as empreiteiras. Gigantes do emprego com carteira assinada, deu no que deu.
    Milhares de operários na rua da amargura.
    A teoria do Lula é emprego para ter como comprar, gastar para fazer a roda econômica girar. O Produtor ganha, o vendedor ganha, o empregado tem como comprar e assim vai o giro. Sem isso nem os bancos que foram os incentivadores do quanto pior melhor, t em como faturar. Gelo garal. A nação a beira do colapso, nas do FMI sem muita demora.

  15. Não sei nem o que falar, um quadro desse deixa a gente sem palavras, embora não seja inesperado.

    Jamais vou me conformar com o que o Brasil fez, que nenhum outro país faria: punir as empresas de toda uma rede produtiva, que tem efeito dominó sobre a economia e sobre o emprego, em vez de punir somente os corruptores. O que não sei é se o plano não é esse mesmo, deixar o Brasil no chão, para ser assaltado. Pré-sal, aquífero, terra, tem muita coisa boa por aqui.

    O que nós, famílias, podemos fazer? Me aposentei com 1.200 reais por idade e sigo trabalhando como autônoma. O trabalho do meu filho como menor aprendiz acabou em dezembro e não foi contratado – nem esperávamos que fosse porque trata-se de empresa da área automobilística, que vai mal das pernas.

    Individualmente, continuo lutando, cada vez mais à esquerda, talvez como reação à acefalia dos diplomados de classe média, sem empatia e sem percepção crítica, verdadeiros capachos.

    Lá no início disso tudo, eu dizia que toda a esquerda tinha que se unir em torno da Petrobras, que era de onde tudo se derivava, e que a defesa da Petrobras era a defesa do Lula, do sentimento nacionalista e o contraponto à destruição da Lava a Jato. Não sei se daria em coisa diferente. Talvez sim, se derivasse para uma defesa intransigente das empresas nacionais. Tem gente que continua acreditando que a Odebrecht é a empresa mais corrupta do mundo, em vez de se perguntar a quem interessa que se acredite nisso por aqui.

    Enfim, Edu e colegas, cada vez que fico preocupada, meus cabelos caem, vou ficar careca, rsrs.

  16. Pois eu não acredito mais que o país sairá da crise. Já tenho 57 anos, vou fazer 58 em abril. Não tenho mais esperanças.

    • Eu faco 74 em fevereiro e nao desisto.

      • Parabéns

      • Maria Líbia, as razões do meu pessimismo se baseiam na premissa de que ninguém dá um golpe para vê-lo revertido nas urnas. Foi assim em 64. Juscelino iria ganhar as eleições de 1965 com um pé nas costas. Tornaram a eleição indireta, e pior, o próprio ditador Castelo Branco foi golpeado. Diziam os seus biógrafos que ele pretendia devolver o governo aos civis. Aí lançaram o Costa e Silva contra a vontade do ditador. Castelo Branco morreu quatro meses depois num maroto acidente aéreo. Castelo Branco era do grupo do Geisel, seu chefe da Casa Militar.

        Veja por exemplo, a ADIN que o MPF apresentou ao STF contra a mini-reforma eleitoral, que prevê eleições diretas até junho de 2018 e indiretas depois de julho de 2018, caso a chapa seja cassada ou o presidente deixe o poder por um motivo ou outro. Você acha, sinceramente, que eles sabendo que o Lula tem chances de ganhar inclusive no primeiro turno, vão deixar ter eleições diretas?

        O pior de tudo é que eu sou Professor de História, e sei como são essas coisas. Todo golpe vem para ficar. Foi assim no Brasil em 1964, no Chile em 1973, na Argentina em 1955 e 1976 e em outros países.

      • Parabéns!!!
        Tenho 58 e não desisto também

  17. Os trolls virão aqui dizer que a culpa da destruição da economia foi do PT. Virão com aquele papo do PSDB de consumo excessivo, de crédito excessivo e de bolha. Mas este papo se desfaz quando se vê os indicadores econômicos que tínhamos antes das sabotagens descritas:

    PIB’s positivos;
    Ótima relação dívida bruta e líquida / PIB;
    Taxa básica de juros em tendência de queda;
    Pleno emprego;
    Aumento da renda;
    Reservas cambiais;
    Dívida externa mínima e mais do que totalmente cobertas pelas reservas cambiais;
    Inflação dentro da meta.

    Em 2013 tudo começou, em 2015, daria para ter consertado a lambança de 2013, se não fosse este congresso conservador e corrupto, e se não fosse essa lava jato política do Moro, que destruiu a engenharia pesada do país só para pegar o Lula.

    Agora, os bancos é que se darão mal.

    Francamente, só Lula ou Ciro em 2018, com um forte congresso à esquerda para desfazer esta lambança que a direita aprontou.

    • Ora, não é questão de ser “troll”. O principal culpado pela destruição da economia foi mesmo o PT com a dupla Dilma e Mantega na liderança.
      Quer dizer que todos que divergem da opinião dos petistas automaticamente são automaticamente taxados de “troll”?

      Quer dizer então que as empreiteiras corruptas que roubaram o país em obras superfaturadas deveriam continuar roubando para o bem da economia?

      Quer dizer então que aqueles que compravam políticos com propinas deveriam continuar para o bem dos banqueiros?

      • “O principal culpado pela destruição da economia foi mesmo o PT com a dupla Dilma e Mantega na liderança.”

        Sabia que iriam dar uma resposta desta. Eu lhe garanto que se não fosse a sabotagem de vcs, o Brasil estaria ótimo com Dilma e Mantega. A economia estaria bombando. Te asseguro isto.

        ‘Quer dizer que todos que divergem da opinião dos petistas automaticamente são automaticamente taxados de “troll”?”

        Se for com molecagem é.

        “Quer dizer então que as empreiteiras corruptas que roubaram o país em obras superfaturadas deveriam continuar roubando para o bem da economia?”

        Vc sabe que a questão não é esta. Vc sabe muito bem que a gente não pensa isto. Tá vendo, isto é molecagem de vcs. Como é que vc não quer que lhe chamemos de Trolls. Não sei se digo o que já dissemos milhões de vezes sobre isto, já demos esta resposta a respeito disto milhões de vezes, e vcs, na molecagem vem com a mesma ladainha de sempre já sabendo o que pensamos a respeito disto.

        “Quer dizer então que aqueles que compravam políticos com propinas deveriam continuar para o bem dos banqueiros?”

        Tá vendo. Vcs tumultuam e provocam. Já dissemos tudo à respeito de como deveria ser as coisas. Vcs sabem o que pensamos, dizem outras coisas que não pensamos, só para nos provocar. Depois não querem ser chamados de Trolls.

        Edu, manda este moleques para fora. Quando eles crescerem, pode deixá-los entrar novamente.

        Vcs podem continuar sendo de direita, mas sejam civilizados.

        • Sávio, uma economia forte e estruturada não caiu de podre como caiu a do PT. Leia o livro lançado agora, Anatomia de um Desastre, e verá que ela começou a cair em 2011. Ao contrário de que vocês dizem o tombo foi paulatino. O livro é jornalístico, citando os fatos e dando a origem destes fatos.

          • Já conheço esse “convercê” tudo desde 2011. Não foi isto que destruiu a economia, e sim a sabotagem da sua turma. Garanto que sem a sabotagem, a economia e a sociedade estaria bombando de boa.

    • Que trolls, amigo??
      O Edu vai cortar todos!
      Argumentou contra, o Edu corta!
      Então aqui vai virar uma confraria de “cumpanheiros”.

      • Edu vai adotar um novo cadastro que fará com que a pessoa se identifique. Os moleques de direita não terão coragem de se identificar. Quem for de direita poderá comentar, mas sem molecagem.

        • É isso aí, Savio

          • Se fizer isto, eu venho aqui todos os dias, todas as horas. Chega de coxinha!!!
            Não conheço algum coxinha que diga algo minimamente inteligente sobre as suas convicções sobre o golpe. Trabalho com pessoas de alta escolaridade. Pessoas que já viajaram o mundo e hoje são de classe média. Todos que são eleitores do PSDB, apesar de sua escolaridade, não conhecem história e nem se interessam por política. As suas informações são obtidas pelo jornalismo da globo. Não acredito que nenhum deles se importem com a corrupção. Não percebo isto, considerando as suas opções partidárias. O que na verdade eu percebo, é que o ódio deles em relação à esquerda, se baseia nos seus próprios preconceitos. Pois, a esquerda está muito ligada a defesa dos movimentos sociais. Na defesa dos pobres, homossexuais, índios, negros, nordestinos e trabalhadores. E é justamente o preconceito contra estes segmentos sociais, é de onde se origina o ódio à esquerda, notadamente o ódio ao PT, o partido de maior militância.

      • Se virasse uma confraria de companheiros você não teria absolutamente nada para reclamar, já que o blog é do Eduardo e não seu. Ele faz com o blog o que ele quiser.

        E quem é você para dizer o que ele deve fazer com o blog dele? É você que paga as despesas do blog?

        Não!!! O blog é um espaço pessoal e particular do Eduardo. Quem coloca seu comentário aqui deve agir com educação e respeito como qualquer visita deve fazer quando vai na casa de alguém. O que você está fazendo é tentando constranger o Eduardo para que você, mal educado e sem noção, possa agir como se aqui fosse a casa da Maria Joana, ou a sua própria casa se é que há diferença entre as duas coisas.

        Causa-me muito estranhamento ver a trollagem escrevendo como se este blog fosse um espaço público com obrigação de ser assim ou assado. Ora, o Eduardo pode fazer o que quiser com o espaço. Se em 11 anos de blog ele nunca deixou de dar espaço ao contraditório, por que faria isso agora? Mas se fizesse, o que tem alguém que reclamar ou, pior ainda, cobrar a atitude que lhe interessa.

        Este blog tem um grande número de leitores não por causa dos comentários e muito menos dos comentaristas, mas sim por causa dos textos e da postura do próprio Eduardo. Quem discordar dele e achar que ele não está dando espaço para essa discordância nos comentários (o que eu pessoalmente testemunho que é falso, pois ele sempre dá espaço para todos), que faça seu próprio blog em vez de ficar com esse mimimi descabido.

        • Não estou reclamando, meu caro. Só constatando.
          Quanto a ser o blog do Edu, e dele o Edu fazer o que quiser, tudo bem, mas um blog que se dispõe a ser um contraponto ao meamstream deveria se preocupar em conquistar seguidores e “abrir os olhos” principalmente daqueles que acreditam na grande imprensa, e não ser apenas uma reunião de militantes e apoiadores. E se for assim, que o Edu mude o discurso sobre a razão de existir o blog, e passe a exigir login e senha para quem quiser entrar.
          Eu mesmo não teria problema nenhum em me identificar, nunca xinguei ninguém aqui. Mas o contrário do que o Edu diz, não são só os trolls que xingam. Experimente alguém dizer algumas verdades sobre o desastre do socialismo na Venezuela, por exemplo.
          Por sinal, quando Chaves ainda era vivo, eu reclamei dele aqui no blog. O Edu me xingou de tantas coisas, tão absurdas, que fico admirado dele exigir compostura, se ele e muitos dos seus seguidores aqui, como você, vez por outra chama o discordante de fascista, misógino, burro, retardado, e outras coisa impublicáveis, não porque foi xingado, mas simplesmente porque foi contrariado.
          Agora, pergunte se o Edu vai criticar, censurar, ou bloquear algum “cumpanheiro” por comportamento inapropriado aqui. Vou esperar sentado.
          E você, fique tranquilo, continue a destratar as pessoas que não pensam como você e nada sofrerá. Aos amigos tudo.

  18. Bobagem, Lula será preso pq é do conluio dos poderosos empresários. O PSTU apóia oficialmente a Lava Jato e terá candidato próprio para UNIFICAR a esquerda em 2018.

  19. Tudo que escreveu, Edu, só mostra a encrenca que o PT nos deixou.Um país, com uma economia ” sólida” como descreve, antes de 2013, não vai para o “buraco” com tanta facilidade, é preciso de muita incompetência. No livro jornalístico Anatomia de um Desastre os autores descreve passo a passo a ascensão e queda da economia brasileira, como o governo começou acertando e depois. . ..A lei de Murphy acontecerá ao contrário de que você diz, fatalmente acontecerá, mas para melhor.

  20. Empreiteiras mais Petrobrás e cadeias produtivas associadas aos respectivos setores representam mais de 40% do PIB brasileiro. O plano é desindustrializar o Brasil. Voltar de mala e cuia para a República Velha. Sérgio Moro, mídia entreguista, PSDB e corruptos do PMDB são os atores visíveis do plano, que vem diretamente do governo estadunidense. A República das Bananas não será apenas figura de linguagem, mas realidade literal.

  21. País serio este juiz de quinta estava enforcado,por vender o Brasil aos americanos.

  22. Análise bem percuciente da conjuntura e – infelizmente – bastante lógica na projeção de cenários nada auspiciosos.
    Tudo fruto do ódio político. Claro que o esquema de Poder encampado pelo PT teve leva alguma culpa em funções de alguns equívocos de natureza política e econômica. Mas nada que levasse a situação atual e seus desdobramentos para o futuro. Tudo poderia ter sido remediado não fosse o golpe parlamentar.
    O vetor principal de tudo isso foi essa malsinada Operação Lava a Jato e seus efeitos deletérios na economia. Conseguiu desmontar a cadeia do Petróleo e tornar quase inoperante o setor de infraestrutura.

  23. Hahaha….cada dia uma desculpa. Se negam ‘peremptoriamente’ a admitir uma verdade incontestável. A corrupção existente no país há anos e alimentada pelo PT às estratosferas quebraram o país. E a culpa é da Justiça…. faça-me o favor!

    • A corrupção já exeiste desde muito tempo, e a sua turma é especialista nista. A culpa não é da justiça, porque isto que está aí não é justiça. Como previ, mais outro.

  24. Não foram os movimentos contra a Copa do Mundo que fizeram o povo brasileiro votar num Congresso ultraconservador, mas sim o cansaço de ver no poder máximo deste país um partido que nasceu do proletariado, um partido com suas medidas sociais que diminuiu com a miséria, adotou cotas para negros, colocou uma mulher na presidência da república…

    O povo se cansou, mas sabendo muito bem que o conservadorismo não garante qualidade de vida nem inclusão social, então vamos votar no PT para presidência, que esta presidente vai garantir o que precisamos.

    Tudo o que está acontecendo é para o povo brasileiro nunca mais esquecer!!!

    O remédio está demais amargo da conta, talvez nem sobreviveremos…porém teremos uma boa oportunidade de transformar radicalmente a sociedade brasileira, uma sociedade preconceituosa, racista, autoritária, conservadora, reacionária e retrógrada!

    • Concordo plenamente! É duro admitir de forma tão explícita, mas na média nosso povo não presta, com destaque para a classe média bacharelesca, que embora tenha esquentado bancos de escola por décadas, não aprendeu a pensar, sentir e agir por si mesma, além de ser movida por um egoísmo doentio.

  25. Primeiro levaram os negros, (os negros assassinados na periferia de SPaulo)
    Mas nao me importei com isso
    Eu nao era negro

    Em seguida levaram alguns operarios
    Mas nao me importei com isso
    Eu tambem nao era operario

    Quando prenderam os miseraveis ( poe 700 familias miseraveis na rua e se quiserem
    Mas nao importei com isso auxilio da prefeitura entrem na internet)
    Porque eu nao sou miseravel

    Depois agarraram uns desempregados
    Mas como tenho meu emprego
    Tambem nao me i mportei

    Agora estao me levando
    Mas ja e tarde
    Como eu nao me importei com ninguem
    Ninguem se importa comigo

    Intertexto – Bertold Brecht
    (1898 – 1956)

  26. Concordo com sua análise, tirando o fato de que não foi “a Sociedade” que apoiou a derrubada de Dilma por um golpe de estado, mas a imbecil classe mérdia(a eterna massa de manobra da classe dominante e dos EUA), enquanto a imensa maioria da Sociedade, o povo, mantinha-se na sua apatia eterna, indiferente. Muito mais por considerar-se “não cidadão” em sua terra do que por qualquer má vontade que tinha contra Dilma. E o pior é que não vejo saída para essa destruição que impuseram ao país, tudo para mantê-lo em sua condição de colônia e garantir o status quo que dá poder a 1% da população e entrega nossa riqueza às multinacionais. A ÚNICA SAÍDA VIÁVEL SERIAM MOBILIZAÇÕES POPULARES VULTOSAS, QUE ACUSASSEM A LAVA(GOLPE) A JATO E A MÍDIA, GLOBO À FRENTE , DE SABOTAREM O PAÍS PARA MANTER-NOS COMO COLÔNIA DOS EUA E EXIGISSEM O FIM DA OPERAÇÃO E DAS ACUSAÇÕES ABSURDAS FEITAS CONTRA LULA. Só Lula chegando à Presidência e negociando um grande pacto, que envolvesse também os conservadores não suicidas, incluindo-se os banqueiros(só os babacas do PSOL e PSTU, a esquerda que a direita adora, acham que ainda que voltássemos ao poder seria possível “fingir que esses caras não existem” e ignorar sua força), poderia por fim a esse caos atual, reiniciar o crescimento do país e reverter os absurdos do desgoverno do ditador Temer. Contudo, NOSSOS CONSERVADORES SÃO BURROS DEMAIS PARA ENXERGAREM ESSA PERSPECTIVA, LIBERTAREM-SE DE SEUS PRECONCEITOS E ACEITAREM A LIDERANÇA DE LULA!!!!!!! COMO TAMBÉM NOSSO POVO É COVARDE E DESPOLITIZADO DEMAIS PARA FORÇÁ-LOS NAS RUAS A ACEITAREM ESSE ACORDO. Por isso, só vejo péssimas perspectiva para o Brasil, que permanecerá o que é a há cinco séculos : colônia.

  27. “Eis no que deu o esforço desumano (literalmente) para tirar o PT do poder. Em benefício do preconceito, da ignorância, do autoritarismo, da ganância, os golpistas supracitados atiraram o país em um abismo do qual levará décadas para sair. Talvez nenhum de nós esteja mais vivo quando isso acontecer”. Há ainda uma chance, Eduardo. Todas as forças progressistas brasileiras e a parte mais consciente e avançada dela tem que se centrar na defesa de Luis Inácio Lula da Silva. Ele lidera as pesquisas eleitorais e é um grande trunfo. Não vejo uma saída fora da figura do Lula.

    É verdade que, dentro do quadro institucional atual, Lula poderia pouco fazer, mas um grande movimento popular em torno dele pode dar a força suficiente para que as mudanças sejam feitas. A direita sabe disso e está agindo uns dez lances antes, prevenindo que isso aconteça. Se a esquerda não acordar e perceber esse movimento, unindo-se e articulando-se junto às forças populares e em torno de Lula, o destino é esse mesmo que você falou, o abismo e o fascismo, com consequências para décadas a frente. Saudações.

  28. Ótima análise, Eduardo! Quanto aos banqueiros, empresários e a parte beócia da classe média que apoiaram o golpe só há uma coisa a dizer: Quem manda ser otário!

  29. =======================
    A VERDADE SOBRE O PCC
    =======================
    youtu.be/txRp2NQeNXc?t=3m37s

  30. Claro q foi a lava jato

    A intenção sempre foi parar o país ..a economia ..gerar insatisfação ..

    Do contrário bastava apenar seus dirigentes deixando as empresas trabalharem normalmente

  31. Eduardo, você viu a trauletada que a Christine Lagarde, presidente do FMI, deu no Meirelles, lá em Davos? Deu na BBC Brasil. Meirelles começou com aquele bla-bla-bla sobre a necessidade de “medidas amargas”, ou seja, ferrar com o povo. Ela passou-lhe um belo pito, relembrando que hoje o FMI considera prioridade o combate á desigualdade social.

  32. Que cara de pau, blogueiro. O que quebrou o país foi a leniência do governo petista com a corrupção.

  33. Jornalistas petistas da Folha/UOL esculhambam Dória por pedir dinheiro a empresários para fazer palestra…

    http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2017/01/1851127-empresa-ligada-a-doria-pede-verba-a-empresarios-por-palestra-de-prefeito.shtml

  34. Muito bom e didatico seu texto. De levar no bolso pra que os coxinhas amestrados leiam, pois muitos ainda nao se deram conta de como foram usados: tal qual em 64

  35. Hoje levantei refletindo sobre esta grande possibilidade de quebradeira e logo me perguntei…onde está o “salvador da pátria”, o juiz Sérgio Moro?

    Acho que estamos bem perto de saber por que Moro resolveu sumir!!!

    • Moro não tem direito a férias ?

      Não acha que é muita venalidade colocar o estrago em que o país está na Lava Jato ?

      • Venalidade? Você é analfabeto? Como pode renegar o efeito de paralisar o setor da construção pesada no país. E esses nomes estrangeiros que você inventa para comentar revelam um basbaque ante os países ricos. Criaturinha há sem-vergonha. Vou ficar livre de amebas como você no novo blog

        • Chegamos num ponto onde a corrupção está TÃO arraigada na nossa política, nas relações econômicas/contratuais, etc. que, SE tentarmos estancar TODO o mal de “sopetão” o país para, pois NÃO EXISTE uma maneira de se fazer as coisas 100% honestamente, sem propina… triste isso…

          • Oi Altair, estou percebendo que muitas pessoas estão equivocadas quanto ao juiz Sergio Moro.

            Tem muitas coisas que este senhor juiz não responde e nem a tal justiça brasileira responde:

            – A esposa do senhor juiz Sérgio Moro trabalha em um escritório de advocacia que possui como principais clientes as grandes petroleiras mundiais.

            – O senhor Moro aceitou um prêmio concedido por uma emissora de televisão, que sabidamente foi ligada a ditadura militar.

            – É clara a perseguição política em relação ao ex-presidente Lula e ao partido dos trabalhadores.

            – Delações?!!! Tem nome de políticos que já apareceram em várias delações, mas não foi feita a menor investigação em torno destes políticos, por que será?!!!

            Temos o direito de questionar se esta tal Lava Jato foi realmente criada para combater a corrupção envolvendo a Petrobrás ou foi para…destruir com a Petrobrás…como também para destruir com a economia do país e com o governo da Dilma Roussef (este objetivo já foi alcançado).

  36. Muito bem escrito, Edu.
    Acrescentaria, no lugar certo da matéria, como fortes empurrões adicionais em direção ao buraco recessivo, a queda geral das commodities em 2014 e ali por setembro a subida do dolar aqui e no mundo, pelo aceno final de fim do Q.E.
    Parte integrante do que os tucanos sonhavam havia anos e chamavam de ”tempestade perfeita”. A midia, o odio de classe e o ‘comprado e vendido Savonarola’ nisso se encaixaram maravilhosamente bem.

  37. Excelente análise, digna de ser tomada como documento histórico para entender o que se passa.
    Nunca é demais lembrar, oportunamente: corrupção é cortina de fumaça. O problema do Brasil não é a corrupção. O problema do Brasil é a pobreza e a ignorância, irmãs gêmeas. A corrupção tem várias causas e a pobreza e a ignorância estão entre elas. O governo do PT foi o único nas décadas recentes a combater efetivamente estes males, inclusive a corrupção (lembrar da lei da transparência que o judiciário rejeita e que o levou, na defesa dos seus salários e benefícios ilegais, a se juntar ao golpe). Por traz da cortina de fumaça estão os interesses de manutenção do status salarial e de benefícios de juízes e promotores, dos interesses corporativos de donos de escolas e do setor privado da saúde, da destruição das empresas de construção civil que competiam com as internacionais e, principalmente, aos interesse internacionais de propriedade de terras, mineração e petróleo, entre outros.

  38. Acho que sou um pouco mais otimista Edu. Um único mandato do Lula com um bom congresso colocaria o Brasil nos trilhos.

    Agora, se o inabilitarem o Lula, aí o golpe estará completo mesmo…

    Edu, como você avalia a alternativa Ciro Gomes?

  39. NÃO DEVEMOS PERMITIR O SUCATEAMENTO DO NOSSO PAÍS!

    A denominada elite política do Brasil que não passa de testas de ferro das multinacionais continua com sua política de terra arrasada, entregando tudo ao estrangeiro….

    https://www.facebook.com/LafaieteDeSouzaSpinola/posts/752625308228213

  40. Caro Eduardo, infelizmente pela primeira vez na minha vida não vejo nenhuma saída pacífica para a situação política e econômica em que nos encontramos. O muito mais propriamente dizendo, a situação em que o golpismo de direita nos colocou.

    Ainda estamos em uma situação de torpor, como se todos estivessem proclastinando o momento de tomar conciência da real situação do País. Natal, ano novo, dizem que o ano só começa no Brasil depois do Carnaval. Acho que aí então vai começar a cair a ficha geral para muita gente que hoje permanece bovinamente inerme.

    O que vai acontecer é completamente imprevisível.

    • Te garanto que não vai acontecer absolutamente nada, Lula será preso e o corruPTo Temer continuará aí até 2018, quando o PSTU vai entrar PARA GANHAR !!! FORA BURGUESIA ! FORA ODEBRECTH, FORA LULA !

      • O PSTU vai ganhar a eleição presidencial? Kkkkkk

        • Acredita que esse “trollxa” é do PSTU? Pelo que conheço do PSTU eles podem ter as idéias mais absurdas, porém, jamais de escondem, ainda mais na sigla do partido. Isso aí é um moleque coxinha que está se f…… de verde e amarelo e não sabe mais o que fazer.

  41. Prezado Edu:

    Achei excelente a sua análise. Para contribuir um pouco citaria a postura de setores do Judiciário e também a Procuradoria Geral de Justiça, partidarizando as suas atividades. Assim: quando é o PT/LULA envolvido, se busca dar prioridade as ações e a sistemáticos vazamentos à imprensa golpista e de direita. Já quando envolve setores de direita (rede globo, PSDB, PMDB) não se observa a mesma conduta. Muito boa a sua análise.

    Atenciosamente,

    Cláudio Augusto

  42. Pessoal, o aviao do Teori Zavascki caiu e ele pode ser uma das vitimas. Pelo visto, nesse Brasil de loucos o melhor jeito de melar o processo politico é derrubar avião, lembrando: Jango, Ulisses, Eduardo Campos, entre outros, que morreram de acidente ou caidos em fosso de elevador. Devemos pensar numa Frente Ampla de Esquerda ou seremos engolidos (todos) no caos e na desordem.

  43. Zé Dirceu em ação ?

  44. acho incrível pessoas defendendo a iniquidade. de tanto ver o mal sobressaindo sobre o bem, as pessoas acham normal roubar, desviar, matar, extorquir, mentir, se corromper, nem em Sodoma e Gomorra se viu tanta iniquidade, e olha que lá Deus encontrou 4 justos acho que em Brasilia não há de encontrar nenhum sequer.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.