Derretimento de Temer e tucanos pode suspender eleição de 2018

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

2018-capa

Se não levássemos em conta os retrocessos institucionais que o golpe parlamentar contra a presidente Dilma Rousseff já acarreta, não seria de todo mau os brasileiros estarem tendo a oportunidade de experimentar o que é ser governado pela direita, sobretudo por uma direita tosca como a que congrega PSDB e PMDB.

O golpe se abateu sobre o Brasil em um momento em que muitos, à esquerda, já não valorizavam as conquistas sociais da era petista, atribuíam a si mesmos a melhora de vida que tiveram só a partir de 2003 e, loucura das loucuras, afirmavam que PT e PSDB seriam “a mesma coisa”.

O golpe, como era previsto, além de não melhorar a economia – já que a crise política continua, apesar de, com Temer, o Congresso ter parado de sabotar o governo federal – ainda trouxe uma avalanche de projetos de medidas antipopulares que prometem piorar a vida do brasileiro – hoje e pelas próximas gerações.

Até antes das eleições, muitos não acreditavam em uma reforma draconiana da Previdência, em terceirização descontrolada do mercado de trabalho e, pior do que tudo, em uma reforma trabalhista que permitisse aos empresários contratar funcionários sem pagar direitos trabalhistas como férias, 13º salário, fundo de garantia etc.

Como se não bastasse, o golpe ainda gerou uma proposta de mudança da Constituição de um teor destrutivo tão grande que fez com que a Organização das Nações Unidas se manifestasse.

Na semana que finda, o relator especial da ONU sobre a extrema pobreza e os direitos humanos, Philip Alston, advertiu que os planos do governo do Brasil de limitar durante 20 anos os gastos sociais “são totalmente incompatíveis” com as obrigações do país em relação aos direitos humanos.

Como se sabe, o Senado deve votar em 13 de dezembro uma emenda à Constituição, conhecida como PEC 55, que limitaria durante 20 anos o crescimento da despesa federal com relação à taxa de inflação do ano anterior.

“O principal e inevitável efeito desta proposta de emenda à Constituição (…) prejudicará os pobres durante décadas”, afirmou Alston em comunicado.

“Se for adotada, esta emenda bloqueará despesas em níveis inadequados e rapidamente decrescentes em saúde, educação e seguridade social e colocará em risco uma geração inteira de receber uma proteção social abaixo dos padrões atuais”, advertiu.

Na opinião do relator especial, “é completamente inadequado congelar só a despesa social e atar os mãos de todos os futuros governos durante outras duas décadas”.

Nesse sentido, o relator da ONU sustentou que, se a emenda for aprovada, o Brasil entrará em um “retrocesso social”.

Não foi o PT que disse isso, foi a ONU, através da pessoa indicada pela organização para fiscalizar as políticas públicas relativas à pobreza e aos direitos humanos. A direita brasileira, claro, dirá que a ONU é “comunista”, apesar de ser controlada pelas maiores potencias capitalistas do planeta.

O mundo está boquiaberto com o que está acontecendo no Brasil, país que, com anuência de grande parcela do seu povo, tirou um governo voltado para a dramática questão social do país para colocar, no lugar, fanáticos de ultradireita que se mostram dispostos a promover um genocídio social.

Em resumo, o que ocorreu no Brasil é que tiraram a parte boa do governo Dilma (ou seja, ela própria e o PT) e deixaram a parte ruim, que logo se aliou ao PSDB, outra excrescência ultraconservadora conhecida pela insensibilidade social.

É por essas e por outras que a comunidade internacional já vê o processo político no Brasil como uma ameaça. Um sólido indício desse fenômeno foi justamente um órgão de imprensa internacional famoso pelo seu conservadorismo decidir premiar duas mulheres derrotadas pela ultradireita em seus respectivos países.

A escolha de Dilma Rousseff e Hillary Clinton como “mulheres do ano” pelo jornal britânico Financial Times sinaliza preocupação da comunidade internacional com os governos que estão ascendendo em dois dos maiores países do mundo, Brasil e Estados Unidos.

A ascensão de Donald Trump nos EUA e do consórcio tucano-peemedebista no Brasil deve acirrar problemas sociais nas Américas e, muito provavelmente, desencadear novas aventuras militares dos norte-americanos.

O mundo vê com preocupação a ascensão fascista nas Américas.

É nesse contexto que o drama brasileiro chega a uma nova etapa, a etapa em que começa a cair a ficha de boa parte dos brasileiros que aderiram ao golpe ou que ao menos condescenderam com ele.

Um bom indício disso é a súbita mudança de atitude da grande imprensa conservadora. Prevendo o que vem por aí, Globos, Folhas, Vejas e Estadões já se preparam para descartar Temer, o PMDB e até o PSDB, como forma de “salvar a cara” diante da comunidade internacional, para a qual já não há mais dúvida de que o Brasil sofreu um golpe de Estado.

Nas últimas semanas, ocorreu o impensável. Tanto o Jornal Nacional quanto a revista Veja atacaram os políticos mais importantes do PSDB.

2018Provavelmente foi a primeira vez no século XXI que o Jornal Nacional e a Veja divulgaram acusações contra Geraldo Alckmin e José Serra.

Aliás, quando a Folha de São Paulo, em 28 de outubro, publicou manchete de primeira página acusando Serra de corrupção, o Jornal Nacional escondeu. Na noite da última sexta-feira (9/12), o telejornal deu a notícia sobre Serra que ocultou em outubro e ainda a denúncia do mesmo jornal, no mesmo dia, contra Alckmin.

O que significa isso? Por que, do nada, o JN e a Veja, que jamais noticiaram nada contra Serra e Alckmin, mudaram tão radicalmente de atitude?

Alguns dirão que a má fama que a grande mídia brasileira está construindo mundo afora, após o golpe, a está obrigando a mudar de atitude. Porém, convenhamos: quem, nesse mesmo mundo afora, não sabe que Globo, Folha, Estadão etc. apoiaram a ditadura militar?

Ora, a imagem internacional da imprensa golpista brasileira nunca foi boa. Por que ela haveria de se preocupar, agora, com isso?

Nas sondagens que o Blog vem fazendo, o consenso é o de que Temer só será mantido no poder até tomar as medidas impopulares que a direita golpista, que congrega megaempresários, grupos de mídia e políticos querem – reformas da Previdência, Trabalhista e do teto de gastos (sociais) do governo.

Feito o serviço sujo, ele não teria mesmo mais como governar. Haverá uma convulsão social que, no plano dos golpistas, só será contida derrubando Temer e colocando um “nome de consenso” no lugar.

O consórcio golpista tem três nomes na manga, na ordem de preferência em que são apresentados:

1 – Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente e xodó da mídia desde sempre

2 – Cármen Lúcia, presidente do STF e quarta na linha sucessória

3 – Nelson Jobim, que foi ministro de FHC e de Lula e ministro do STF

Uma observação: Carmén Lúcia ser a 4ª na linha sucessória não tem a menor importância nesse caso, porque se Temer cair após 31 de dezembro próximo a lei impõe que o presidente substituto seja escolhido via eleição indireta, pelo Congresso Nacional.

Aí, então, vem a bomba: poucos analistas bem informados acreditam (1) que Temer chegue a 2018 e (2) que haja eleição presidencial em 2018.

Nos últimos dias, este blogueiro conversou com grande parte dos blogueiros e jornalistas de esquerda mais influentes e uma infinidade de outros analistas políticos. Praticamente ninguém acredita que, com a desmoralização da direita que vem por aí, esta vai se arriscar a disputar a eleição daqui a quase dois anos.

As reformas da Previdência e trabalhista e o teto de gastos do governo farão cair a ficha dos brasileiros. Até na classe média alta haverá uma grande parcela de frustrados pelo golpe. Sim, os paneleiros não vão gostar do que vem por aí.

2018, portanto, encerra duas possibilidades preocupantes para a direita golpista-midiática.

A principal preocupação da direita é a eleição de um político de esquerda, porque um governo de esquerda, após tudo que ocorreu no Brasil, não iria ser “paz e amor” como os governos Lula e Dilma. Iria para as cabeças já desde o início, para cima dos golpistas.

Uma preocupação menor, mas ainda assim uma preocupação, seria a eleição de um psicopata como Jair Bolsonaro, que poderia jogar um Brasil em uma rota imprevisível e até em uma nova ditadura militar.

Aliás, o teto de gastos do governo e as reformas trabalhista e da Previdência também podem fazer os militares saírem da toca. É grande a possibilidade de essas medidas, aliadas à queda livre da economia – que não vai parar enquanto prosseguir a crise política –, acarretarem uma convulsão social de proporções inéditas e assustadoras.

Aí os militares interviriam. Sem a menor sombra de dúvida.

O mais interessante em tudo isso é que praticamente ninguém ganha nesse jogo de soma zero. O Brasil vai se tornando uma incógnita tão obscura que, nessa toada, uma fuga de capitais é até lógica.

Aonde tudo isso vai parar? A depender do ânimo de grande parte da militância golpista, não vai parar, vai piorar. Já os protagonistas do golpe, não se sabe o que pensam.

A postura da mídia de parar de proteger os tucanos poderia indicar desejo de se afastar do golpe e voltar para seu papel institucional, mas chega a ser ingênuo supor isso. O mais provável é que a direita-midiática ainda tenha planos para transformar o Brasil em uma grande Senzala, com uma Casa Grande habitada por muito poucos.

Oremos – ou torçamos.

Tags: , , , , , , ,

53 Comentário

  1. ENQUANTO O TITANIC NÃO AFUNDA EU ESTOU RINDO. OU SERÁ DANÇANDO? TANTO FAZ.

    Até tu, Skaf? Um pato de 6 milhões? Quá, quá, quá, quá!

    Pato plagiado da FIESP levou R$ 6 milhões antes de ir às ruas “contra a corrupção”; “depois de muito choro”, diz Odebrecht

    10 de dezembro de 2016 às 12h07

    http://www.viomundo.com.br/politica/plagiado-da-fiesp-levou-r-6-milhoes-antes-de-ir-as-ruas-contra-a-corrupcao-depois-de-muito-choro-diz-odebrecht.html

    Da Redação

    A empreiteira Odebrecht fazia muitos negócios nos e com os governos e os parlamentares.

    Na versão apresentada pelo operador do propinoduto da empresa à Lava Jato, era uma troca explícita entre dinheiro e legislação.

    Um dos “negócios”, segundo Claudio Melo, envolveu uma doação de R$ 10 milhões dividida assim: R$ 6 milhões para Paulo Skaf, o presidente da Fiesp, associação empresarial que teve papel decisivo no impeachment de Dilma Rousseff.

    Skaf é o homem do pato de borracha — plagiado, aliás, de um artista holandês — que misturou a campanha pelo impeachment à campanha contra impostos enquanto embolsava a grana da Odebrecht.

    O dinheiro financiou a campanha mal sucedida dele ao governo de São Paulo, em 2014.

    Em resumo: ele recebeu propina, perdeu a eleição regional e foi às ruas lutar contra a “corrupção” dos outros.

    Eliseu Padilha recebeu outros R$ 4 milhões em dinheiro vivo, que tratou de “rachar” com o homem do impeachment na Câmara, Eduardo Cunha, e o amigaço e conselheiro de Temer, José Yunes.

    As informações foram divulgadas pela revista Veja, pelo site BuzzFeed e pelo vazamento de trechos da delação nas redes sociais.

    “Depois de muito choro, não tive como não ajudar”, escreveu Marcelo Odebrecht, o presidente da empresa, em e-mail enviado a subordinados. Ele acertou a propina aos peemedebistas pessoalmente, em visita ao Palácio Jaburu.

    O delator define o ex-ministro Geddel Vieira Lima como “ávido” por dinheiro e afirma que Eliseu Padilha e Moreira Franco faziam uma tabelinha para pedir dinheiro em troca de favores administrativos e legislativos.

    Os dois formam o “coração” do governo usurpador de Michel Temer.

    Moreira Franco, por exemplo, teria ‘matado’ a ideia de um terceiro grande aeroporto em São Paulo, para não prejudicar os negócios da Odebrecht no Galeão, Rio de Janeiro, de onde a empresa é concessionária.

    No Senado, Romero Jucá centralizava os recebimentos — teriam sido R$ 22 milhões no total.

    Foi assim que a Odebrecht comprou, por exemplo, as MPs 613 e 627, através das quais obteve vantagens tributárias — sempre segundo o delator.

    Melo é apenas o primeiro dos executivos da Odebrechet a delatar — serão mais de 70.

  2. ENQUANTO ISSO, LULINHA PAZ E AMOR JÁ É TETRA RÉU. AGORA, NOSSO “ILUSTRE DISCÍPULO DE FIDEL” ESTÁ SENDO ACUSADO DE ROUBAR O PAÍS NA COMPRA DE AVIÕES MILITARES… . VAMOS COMBINAR, NEM PT, PSDB OU PMDB NA VERDADE PRESTAM. TODOS, SEM EXCEÇÃO NÃO PASSAM DE UMA CORJA DE VAGABUNDOS!!! TODOS, SEM EXCEÇÃO ASSIM COMO AQUELES QUE TEM A CARA DE PAU DE AINDA DEFENDER PESSOAS DESSES PARTIDOS. PRA MIM, PODE IR TODO O MUNDO PRA PUTA QUE PARIU!!!!

    • Viva Bolsonaro!!! E também seu irmão!! E suas propriedades compradas com apurada inteligência!! E vivam também os idiotas como você que se nutrem de fofocas que vão nos liberar do comunismo. Aqui tem mais uma: Stalin ressuscitou e está disposto a acabar com os democratas como você).

    • lembro-me que durante o processo vagabundo de impichamento da presidenta, jornalistas cagavam raiva na TV, o que fez minha vó me perguntar: meu neto, por que esses jornalistas andam tão enfezados?

      eu respondi: é porque estão com as entranhas cheias de fezes acumuladas, minha vó. por isso falam tanta merda.

      papa francisco concorda comigo.

      pancho, ou chicão como o chamo, o argentino sem papas na língua, foi taxativo, disse aos jornalistas que espalhar mentiras por aí é igualar-se aos que têm tesão por fezes.

      e disse mais, disse que o midiota, o que acredita nas mentiras que a mídia conta é um coprófago, um patológico comedor de excrementos.

      o argento não poderia ter sido mais feliz com essa comparação.

      vejo o midiota ainda bebê, arrancando as fraldas e comendo as próprias fezes. é um treinamento para, adulto, comer a merda alheia. (LELE TELES)

    • Nelson,outro comedor de alfafa ,trollzinho de merda

    • Sempre tem um coxinha desculpando os ladrões dos fascistas,está mais que comprovado as ladroeiras deles,mas os coxinhas resistem,como são caras de pau.

  3. Hahaha que lixo!!!

  4. Concordo com boa parte do que você escreveu Edu, porém acho que foste muito duro com os militares (em tocas vivem ratos por exemplo) que até agora, foram exemplares diante dessa crise entre poderes (os militares tem o poder das armas). Não os vejo mais como ameaça a democracia, mas claro que cachorro mordido por cobra tem medo de linguiça…

  5. A crise feita em laboratório fugiu do controle e o Temer não tem a menor condição de recuperar a economia 7 meses se passaram e o único projeto apresentado é um pacote de maldades que em nada incidem na recuperação econômica muito pelo contrario afundam ainda mais o Brasil.
    Só a recuperação da Petrobras, da indústria naval, retomada das grandes obras e recuperação imediata das empreiteiras quebradas e sabotadas pelo MORO devolverão ao brasileiro a estabilidade econômica.
    Até mesmo o pessoal do Marreco Amarelo já percebeu que o negocio do Temer é com os banqueiros e a FIESP vai quebrar se a PEC 55 passar porque de imediato nada resolve e só vai acirrar o clima de confronto social.
    A volta da Dilma virou tábua de salvação até mesmo da FIESP, contra a catástrofe econômica que vai atingir indistintamente coxinhas e mortadelas.
    Dilma surge como nome de consenso obrigatório, a única que poderá manter o capital (mesmo especulativo) em território nacional e poderá implantar as reformas que ela vinha propondo e que agora se mostram como as únicas que de ter sido aprovadas pela câmara agora o Brasil já estaria navegando em aguas calmas.
    A única capas de atrair investimentos e retomar o comercio internacional,

  6. Edu,

    desculpe-me pela pergunta fora do assunto.O que aconteceu com o TIJOLAÇO do Fernando Brito, você sabe?

    Grato,
    Abraços.

  7. Eduardo

    Sei que você não concorda, mas penso que a carta debaixo da manga da elitizada é o Pirillo. Abra o Brasil247/Goias onde só dá os feitos do ” Marconi”. Faz um tipo Trump comedido, menos histriônico que o Bolsonaro e passando incólume pelo noticiário caça bruxas de hoje. Enfim, uma Marina com mais sustentabilidade partidária/ideológica.

  8. E pensar que, de todos, Lula é o único honesto.
    Quem diria, não é mesmo?

  9. Prezado Eduardo

    ” O povo é como o sol ! Da treva escura
    Rompe um dia com a dextra iluminada
    Como o Lázaro, estala a sepultura
    Oh ! temei os da turba esfarrapada
    Que salva o berço da geração futura
    Que vinga a campa à geração passada “. Castro Alves

    Depois estes golpistas, fascistas, entreguistas e traidores não digam que eu não avisei. O fermento está inchando. Possivelmente não haverá pão, mas, com certeza haverá pau.

  10. Mas e a tese q a Lava-Jato era só pra pegar o PT e jamais iria chegar no PSDB e no PMDB?

    Como fica?

    Bora fingir q eu esquecemos?

    Seria bom vc vir a público e assumir o seu erro…

    E q os demais petistas façam o mesmo!

    • Até agora a Lava Jato não pegou ninguém. A Folha, a Globo, as denúncias da mídia não prendem ninguém. Por enquanto, Moro está posando pra fotos românticas com tucanos e Janet mudinho da Silva

  11. Prezado Eduardo:

    “Aliás, o teto de gastos do governo e as reformas trabalhista e da Previdência também podem fazer os militares saírem da toca. É grande a possibilidade de essas medidas, aliadas à queda livre da economia – que não vai parar enquanto prosseguir a crise política –, acarretarem uma convulsão social de proporções inéditas e assustadoras.

    Aí os militares interviriam. Sem a menor sombra de dúvida.”

    Pode até acontecer. Em um país de instituições frágeis as forças armadas em função da sua estrutura disciplinar pode marchar contra a população civil. Já tivemos diversas amostras na nossa história; no entanto,a coisa agora se apresenta de outra maneira. A população civil estava construindo uma nação em que era visivel o progresso e desenvolvimento econômico e social. Essa ruptura institucional não foi provocada pelo “comunismo” e sim pelo fascismo. As forças armadas estavam sendo reequipadas pelos governo Lula/Dilma, nossa indústria naval em acelerado progresso de recuperação e crescimento em relação ao estrago feito pelo governo FHC. Temos um almirante na cadeia e que conhece como ninguem o desenvolvimento da nossa indústria nuclear, e involuimos nesse campo no mínimo uns 15 anos segundo os entendidos no assunto. Será que o militares vão entrar nessa fria de mais uma vez se desgastarem perante a nação para apoiar traidores, entreguistas e fascistas que estão literalmente dilapidando o país ? Sei não …!

  12. Lula vai sair fortalecido pois é o único para quem não existem provas de corrupção. No meio de tantos corruptos, ele segue imaculado e isto tem uma força para 2018.

  13. Caro Eduardo,

    O cenário vindouro é muito sombrio. Esses golpistas não estão nem aí para a ONU, e eles vão com certeza aprovar essa tal PEC 55 com uma votação enorme favorável a eles em segundo turno no Senado Federal. O Brasil está se desmilinguindo nas mãos desses caras. Por outro lado, o povo brasileiro pode não está satisfeito com o atual governo, mas o que se observa pelo Brasil afora é que não querem mais saber do PT e de seu governo que se encerrou. É lamentável que muita gente deste País tenha esquecido tão rapidamente os benefícios e as conquistas que aconteceram nesses treze anos dos petistas.

  14. ¿DILMA?… A parte boa?… [escrito acima] (…) e ficou a parte ruim?… [escrito acima, também].

    Com toda a porra-louquice petista. E com a Educação básica das piores em toda a América (observe o Chile…), em 13 anos. E Dilma, desde 2011 vinha afundando a Economia do país. Foi péssima sua 1ª gestão…

    Bom, nós estudantes não queremos mais Partidos Tipo PT…

    Veja aqui a história de um chinês que nasceu com uma “mutação” nos olhos, cujo nome é NONG YOUHUI. Uma bela metáfora, inteligível:

    Ele enxerga no escuro e os olhos brilham. Um fenômeno!

    Para confirmar as afirmações do garoto, os médicos fizeram um teste de leitura no escuro, o que Nong Youhui tirou de letra.
    Deveria trabalhar para o Moro à noite, próximo a Sede do PT, onde durante a escuridão da madrugada e o silêncio da população adormecida, os RATOS agem com maior rigor e com desfaçatez. rssss

    Bem…, Vejamos o PT (os puxa-sacos DIURNOS):
    Durante o dia, vá a casa de seus amigos professores da Universidade. Das Humanas (em que sou formado). Encontre no restaurante seus colegas artistas, músicos moderninhos cancioneiros, amigas atrizezinhas de teatro… Marque uma janta… Com os INTELECTUAIZINHOS…

    Você, com grande chance estará diante de in-te-li-gen-tinhos!!

    Eis:
    OS INTELIGENTINHOS do PE-TIS-MO, da sociedade civil — estudantes, professores universitários, jornalistas, cineastas, artistas, blogueiros, cantorzinhos tipo Chico BUARQUE etc.

    Nesse JANTAR DE INTELIGENTINHOS faça o seguinte:
    «Chegue num jantar de inteligentinhos e, por exemplo, defenda a LAVA-JATO ou o IMPEACHMENT. Ha-ha. Você vai ver o que vai acontecer com você, né? Vão olhar torto pra você achando que, de repente, você é dono de um banco, alguém assim! E não alguém que trabalha para sobreviver e, por isso, desconfia de quem não o faz.

    Outros inteligentinhos:

    Além de REQUIÃO:
    Haddad (intelectualzinho unidimensional uspiano);
    Coração Valente;
    KLEBER MENDONÇA FILHO;
    João Santana;
    Ciro Gomes, sem dúvida! Do PDT. etc. etc. etc. etc. etc.

  15. Eduardo tu deve achar que esquerda é a favor dos pobres e direita é a favor dos ricos.
    Quando você estava na quinta série ate poderia pensar assim por causa da sua professora de história, mas passado o tempo não é mais aceitável.
    Lembrando que esquerda não é sinônimo de marxismo e direita não é o mesmo que neoliberalismo..
    Tanto a esquerda quanto a direita sabem que grupos de interesse se deixados a revelia com o tempo passam a dominar para explorar a população(pode ser os empresários. pode ser os sindicatos, os funcionários públicos civis e principalmente os militares).
    A diferença esta na solução proposta.
    A esquerda propõe o aumento do poder estatal para contrapor estes grupos.Ou seja ela é estatista.
    A direita desconfia que dar poder mesmo que regulado, apenas criaria outro grupo de poder, sendo que a solução é o aumento de poder das instituições intermediárias e da responsabilidade individual. Ou seja o individuo é o protagonista.
    O PSDB é um partido de esquerda não marxista, são os nossos socialistas fabianos, querem reformar o estado de bem estar social para que ele apenas não estre em falência, como de fato entrou em 2015.
    Já o PT não se pode afirmar que é um partido marxista revolucionário, esta mais pára um partido reformador do capitalismo, já que nunca negaram a importância propriedade privada, apesar de ter correntes mais radicais o que domina é um social democrata travestido.
    O PMDB é um partido não tem ideologia, nem a esquerda nem a direita, eles são ou pelo menos em parte o braço politico que mencionei como “grupos de interesse”;
    Tanto PT como PSDB compactuaram com estes grupos de interesse a revelia do interesse nacional, já provaram diversas vezes que não estão dispostos ou não tem poder suficiente para mudar.
    Se o aumento do poder estatal não foi solução para este país é já faz 80 anos , o aumento do poder individual seja a solução para o país.

    • Nossa que blábláblá vazio. Melhor deixar esse papo de direita e esquerda e pensar em contrato social, igualdade de oportunidades, justiça social e cidadania plena para todos brasileiros. Ideias de solidariedade ainda são pilares sólidos de qualquer nação que queira construir uma sociedade civilizada e ordenada para o bem estar da maioria. Assim tanto o Estado como o setor privado devem trabalhar juntos. Para que isso ocorra precisamos recuperar nossa democracia e nossa Carta Magna rasgada. Essas são questões realmente cruciais porque o resto é somente barulho vindo dos ratos de esgoto. Ponto.

  16. O brasileiro é um povo burro.

    • Concordo contigo. O brasileiro é um povo bastante burro. E bota burro nisso. Mesmo com a blogosfera ele(povo) ainda se deixa enganar pela diabólica Globo.

    • Basta ver os 13 anos de governo petista pra confirmar isso!

  17. A estratégia dos golpistas, os chefes não os estafetas como Temer, é de quanto pior melhor e a imprensa é simplesmente indutora da confusão e sabe bem, e cumpre bem, o seu papel. Depois do caos, quando alternativas “dentro da ordem”(?) deixarão de existir pois não sobrará pedra sobre pedra, virá o “homem providencial” para consolidar o caos como “nova ordem”. As Forças Armadas, até prova em contrário, são, por tradição, ideologia, experiência, etc parte do golpismo nativo. Falta apenas “combinar com o adversário interno”, isto é o povo brasieliro, o povão, que não vai ser tosquiado sem retrucar. Não vai haver eleição livre pois o golpe foi feito contra a soberania popular e mesmo contra a soberania nacional, aquela que os militares dizem defender…só que não. E mesmo a fraude eleitoral organizada pode ser perigosa para os dirigentes do golpe. Não há retorno possível, o Brasil tem que se reinventar contra a direita, contra a mídia venal, contra as estruturas centenárias da exclusão, da opressão, contra o cinismo e a hipocrisia dos donos do país, contra a mediocridade, a covardia generalizada, a irresponsabilidade, etc da sua “elite”. Por outro lado, a violência golpista tem também seu lado de desespero, de quem arrisca tudo pois sabe no fundo que seu poder, apesar das aparências, objetivamente está em causa. Antecipar o combate por ansiedade e cálculo equivocado das próprias forças, ou deixar passar o momento do combate por excesso de cautela, são sempre erros fatais.

  18. Temer derretendo e os coxinhas mudos. O JN liquidou temer .Espero que renuncie e evite uma desmoralização maior, apesar de não acreditar nessa possibilidade.

  19. De fato Edu, o Brasil virou uma zorra total nas mãos desses golpistas sem limites. Tem que chegar um momento em que a resistência consiga se unir numa frente ampla. O encontro da Dilma com a Christina parece bem positivo; temos que ter um movimento entre os países amigos que estão ameaçados com a investida da ala conservadora neoliberal que está assaltando países como o Brasil e ameaçando outros como a Bolívia. Falando em Bolívia, vc conheceria uma boa matéria publicada sobre o que Lula e Evo Morales discutiram sobre o gás e a Petrobras na Bolívia ? Tenho um colega chileno dizendo que Lula e Evo foram ladrões. Dei uma surfada e só vi o que havia visto na época : Lula respeitando o território e o direito sobre o mesmo dos bolivianos. Agradeceria receber informações ou indicações de fontes sobre esse assunto. Abraços.

  20. Tudo isso porque não aceitam que os pobres tenham um pouquinho (só um pouquinho) mais de condições de vida do que tinham antes. Tudo por causa desse rancor tolo de uma burguesia falida e decadente. Não aceitam pobre no aeroporto e nos mesmos lugares que eles frequentam. Por causa dessa maluquice, jogaram o país num completo abismo. E não há nada tão ruim que não possa piorar. O cenário futuro é catastrófico para o país, seja por onde quer que se olhe. Parabéns, golpistas, conseguiram acabar com o país.

  21. :
    : * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos e sabujas sujas a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos e das canalhas direitistas…
    .
    .:.
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
    * * * * * * * * * * * * *
    * * * *
    Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula (sem vaselina) 2018 neles (que já tomaram DE QUATRO) !!!!
    * * * *
    * * * * * * * * * * * * *
    ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

  22. COMENTÁRIOS DO PALHAÇO GOIABADA

    Os coxinhas estão apavorados. Ontem no elevador do condomínio onde moro alguém comentou as delações contra os ladrões do PMDB. Mas ainda ficou meio tonto quando eu disse que os LADRÕES E CANALHAS DO PSDB se preparam para dar o golpe no golpe. Já foi um grande avanço, porque os comentários anteriores não passavam de platitudes sobre o tempo: “está quente, choveu de madrugada, vai ficar ainda mais quente”.

    Agora, alguns coxinhas, aqueles que antes se referiam à Dilma como “aquela ladra”, já começam a ver que o buraco é mais embaixo. Os salários vão ser corroídos e eles vão ter que colocar os filhos naquilo que sobrará do que chamamos de escola pública. Nunca irão se aposentar porque, como disse o senador Requião, morrerão antes de atingirem idade e/ou tempo de contribuição necessárias. Isso para não dizer que muitos dos deles perderão o emprego. Ou o coxinha é rico de verdade, ou somente 25% da chamada classe média conseguirá sobreviver com o padrão de vida que tem hoje.

    É o furacão de destruição trazido pelo neoliberalismo econômico atrelado à espoliação internacional. Vamos ver se esse pessoal aprende alguma coisa dessa vez. Alguns já estão sentindo”saudades” da Dilma. E a destruição apenas começou.

    Sem dúvida, A GLOBO soube conduzir com maestria o rebanho para o matadouro.

  23. Apesar da Carmen Leucia ser a 4ª na linha sucessória, não temos mais vice, o presidente da Câmara e do Senado também estão na lista da Oldebrecht, sobra a presidenta do STF como bola da vez, como foi planejado entre o governo dos EUA, STF, mídia e promotores da Lava-Jato. Desta vez a direita nem precisou dos militares.
    Lula 2018.

  24. “Nos últimos dias, este blogueiro conversou com grande parte dos blogueiros e jornalistas de esquerda mais influentes e uma infinidade de outros analistas políticos. Praticamente ninguém acredita que, com a desmoralização da direita que vem por aí, esta vai se arriscar a disputar a eleição daqui a quase dois anos.”
    Discordo. Todo o golpe foi conduzido para a direita retornar ao pode e implantar o neoliberalismo. /eça quer sim 2018. E com aécio!

  25. Que conversas cansativas… Que história boba de aceitar essa reforma da previdência e etc. Todos parecendo cordeirinhos. E ainda alguns midiotizados enchendo a paciência com assuntos ridículos.
    Temos que tirar esse temeroso, golpista, senil ridículo, de uma vez. Cadê a esquerda?
    Temos que entrar firme numa campanha de DIRETAS JÁ !!!.
    Meus candidatos: LULA OU FLÁVIO DINO.

    FORA TEMER ANCIÃO GOLPISTA, FICHA SUJA, USURPADOR, TRAÍRA, PSICOPATA, E TODA SUA QUADRILHA… FORA DESSE GOVERNO QUE NÃO TE PERTENCE…

    DIRETAS JÁ !!!. DIRETAS JÁ !!!. DIRETAS JÁ !!!. DIRETAS JÁ !!!.

  26. Teremos Bolsonaro x Ciro Gomes!

    Tá bom, ou quer mais?

  27. Sou leitor assíduo doo site há mais de três anos, e nunca pensei que fosse ler uma blasfêmia como a que eu li no texto. Refiro-me a similaridade apontada entre dilma e Hillary. Como você pode colocar Dilma e Hilary no mesmo barco?? hillary desmpenhou nessa eleição a mesma função que o a[ecio em 2014, de candidata do mercado. Representa o governo Obama , governo que articulou o golpe no brasil. é tão clara a posição que hillary representa que até o pig daqui ficou favorável a ela e contra o trump. Trump ao contrário defendeu o mercado de trabalho do trabalhador americano, defendeu mais o uso do diálogo do queda força… Sua análise de hillary e trump contén inequívocos sinais trocados..

  28. Nos mobilizemos! Você não precisava procurar seus analistas” políticos para ter certeza de que a direita não tem a menor intenção de realizar eleições em 2018 : EU JÁ DIZIA ISSO DESDE QUE O GOLPE ACONTECEU!!!!!!!!!!!!!! Não precisa ser um gênio para enxergar-se que a direita, e PRINCIPALMENTE OS EUA(QUE ESTÃO POR TRÁS DE TUDO ISSO), não dariam um golpe com tanto “esforço” para entregar tudo a Lula, ou a quem ele apoiar, em 2018. E ELES SABEM, E SEMPRE SOUBERAM, QUE SERÃO ESMAGADOS PELA FALTA DE APOIO POPULAR DE REALIZAREM ELEIÇÕES. OU MESMO NA DIREITA NÃO SE SABE O QUANTO AS MEDIDAS NEOLIBERAIS GERAM IMPOPULARIDADE!!!!!!!!!!!!??????? É evidente que eles sabem e por isso vão arrumar um jeito de que não haja eleições. Esperava algum “atentado” ou algo que gerasse pânico, mas parece que a solução será mais “light”, sempre usando a lava(golpe)a jato, pau para toda obra da direita e da CIA. Pretendem desmoralizar o Sistema político(misturando propina com Caixa 2; acusações sem provas com provas documentais e JAMAIS falando em mudar a causa de tudo isso : o financiamento privado de campanhas), poupando o PSDB(não se iluda, as menções a Alckmin, Serra e Aécio foram só jogo de cena, já começam a sumir)e assim deixaram a Sociedade instalada num verdadeiro caos político, que será exponenciado pelas justíssimas manifestações contra o corte dos direitos sociais, que servirão como desculpa para a cassação de Temer, a eleição de um “presidente” de forma indireta e a prorrogação, por tempo indeterminado, do mandato deste até que o país volte à “normalidade”. Lembrando que essa “normalidade” será a que eles consideram como “normalidade”, ou seja, até que vendam o Brasil inteiro e prendam, pela soma de nada com coisa nenhuma, todas as lideranças possíveis da esquerda. começando por Lula, mas estendendo-se a outros. NÃOS SEM ANTES DESTRUÍREM A MÍDIA ALTERNATIVA ATRAVÉS DAS MAIS DIFERENTES FORMAS, NÃO DESCARTANDO AS “CONVICÇÕES” DA LAVA A JATO(NÃO É À TOA QUE SEMPRE A CHAMEI DE GOLPE A JATO). A única forma de determos isso é através de uma tática muito bem articulada de mobilizações, que parem o país de forma inteligente(procurando sufocar o golpe, mas garantindo que os milicos não tenham desculpa para intervir. Sobre os macacos de farda, saiba que eles sempre estiveram no golpe. Sobre isso falo no próximo post). NÃO É FÁCIL, MAS OU AGIMOS ASSIM OU TEREMOS UMA DITADURA POR DÉCADAS.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.