Tem cara e cheiro de golpe e, agora, há até prova de que o golpe é golpe

JUCÁ

 

Todo santo dia um pistoleiro da mídia golpista escreve ou recita que o golpe não é golpe. O mais curioso é que esses pistoleiros chegam a reconhecer que o “motivo” alegado para o impeachment é fraco porque presidentes anteriores a Dilma também “pedalaram” e nada aconteceu simplesmente porque pedalada não é motivo para derrubar presidentes.

Vale ressaltar que aquilo que os pistoleiros da mídia chamam de “pedalada” é uma operação contábil feita para impedir que programas sociais e outras obrigações sociais inadiáveis do Estado deixem de ser cumpridas por problemas conjunturais de caixa. Trocando em miúdos: o governo fez empréstimos bancários por alguns dias para pagar beneficios sociais em dia.

Sim, é por isso que estão tentando cassar os 54 milhões de votos de Dilma Rousseff.

Mas o foco desta reflexão é outro. É a negativa pavloviana dos pistoleiros da mídia de que o golpe contra Dilma seja golpe quando até o líder da direita venezuelana – golpista como a nossa – teve que admitir que houve um golpe no Brasil.

O ex-candidato a presidente da Venezuela Henrique Capriles não condena o golpe contra Dilma por bondade, convenhamos, mas porque a direita venezuelana tem forte preocupação com sua imagem e, hoje, negar o golpe no Brasil pega muito mal no cenário internacional.

O golpe brasileiro está sendo visto em todo o mundo como golpe porque ele parece golpe, tem cara de golpe, porte de golpe, cheiro de golpe. Os golpistas usam terminologias golpistas e suas primeiras medidas e declarações foram golpistas.

O desmantelamento rápido e sem discussão de políticas que duraram mais de uma década é absolutamente concernente ao que fazem golpistas quando tomam de assalto o poder. Querem reinventar a realidade do país golpeado o mais rapidamente possível, tentando acelerar o caráter de irreversibilidade da aventura.

Mudanças drásticas como as promovidas pelo usurpador Michel Temer na política externa, na Cultura ou nos programas sociais são características dos golpes. Medidas como essas, que mexem com políticas consolidadas ao longo de mais de uma década, deveriam ser muito mais discutidas.

Para políticas tão importantes serem alteradas tão profundamente ou até anuladas, requerem legitimidade de quem promova tais atos, ou seja, exige um governo respaldado pelo voto popular.

O que, convenhamos, não é o caso de Temer. Apesar de ter sido eleito na chapa de Dilma, essa chapa foi eleita com um programa que Temer está jogando fora de cima a baixo. Sem apoio do voto popular.

Apesar de tudo que diz que o golpe é golpe, porém, as negativas continuam. Viraram um mantra. Quando as provas de que o golpe é golpe são expostas, é fácil visualizar mentalmente uma metáfora do comportamento da mídia golpista: um garotinho com os dedos enfiados nos ouvidos repetindo uma e outra vez: “lá-lá-lá, não é golpe, lá-lá-lá”

Agora, porém, surge até prova MATERIAL de que o golpe é golpe, ou seja, de que Temer e seu grupo político tentam tirar Dilma Rousseff do cargo para encerrar as investigações da Lava Jato.

A esta altura, todos já devem ter lido as muitas matérias sobre grampo de conversas do ministro do Planejamento Romero Jucá (PMDB-RR). Contudo, vale ver trecho de reportagem da Globo sobre essa bomba, sobre essa prova cabal de que o impeachment de Dilma Rousseff parece golpe, tem cara de Golpe, cheiro de golpe e, tem agora, prova de que é golpe.

 

Chega a ser cômico o cargo que o ministro do Planejamento, Romero Jucá, ocupa. As gravações de conversas tão pouco republicanas como as que se ouviu ele tendo mostram que o “planejamento” de que ele se ocupa é o de como parar investigações policiais contra si e seus comparsas. Agora existem até provas documentais de que o golpe é golpe.

Tags: , , , ,

118 Comentário

  1. Com a provável queda de Jucá, outros integrantes do governo golpista vão começar a ficar apreensivos. Essa é a oportunidade que Dilma ganhou para convencer, pelo menos, 5 Senadores a votarem contra o golpe. Só espero que não anuncie e nem converse com os integrantes do núcleo duro dos golpistas. Escolha Senadores sem muita exposição na mídia. No Senado também existe baixo clero e essa é a hora de utilizá-los a favor do governo. Para os Senadores é a hora de ficar bem com suas bases, pois essas já sabem que foi golpe e que seus representantes não tiveram coragem para impedir.
    O Scaf ainda não deu as caras com o seu patinho feio. Ele percebeu que tinha levado uma rasteira quando Temer findou a escolha do ministério. O domínio ficou com os financistas e os ruralistas. Os industriais foram deixados de lado mesmo tendo entrado com uma grana forte para depor Dilma.

  2. Teve ministro do STF que zangou quando Lula disse que estavam acovardados, eis a verdade do acovardamento.

    • Não é covardia, é cumplicidade.

      O fato é que temos um STF criminoso, que afronta a Constituição e o Estado de Direito.

  3. Essa “reportagem” da canalha Globo omite os dois trechos mais importantes do diálogo travado entre Romero Jucá e Sérgio Machado. O primeiro desses trechos diz que só com a retirada de Dilma do poder podem ser barradas as investigações(ou seja, é uma prova cabal da honestidade da Presidenta), para em seguida emendar que Temer garantiria o tal pacto para impedir punições aos políticos conservadores. O segundo trecho diz CLARAMENTE QUE TODA A IMPRENSA QUER A SAÍDA DE DILMA, ESCANCARANDO O CARÁTER GOLPISTA DA MÍDIA. Acho que devemos focar, na mídia alternativa, nas redes sociais e nas ruas; nesses dois trechos que mostram claramente o golpismo contra a Presidenta oriundo de dois focos, os políticos de direita(que pretendiam manter as investigações apenas no PT. Algo que Moro já fazia, mas obviamente iria exigir “garantias” para continuar a agir assim. Não se arriscaria sem ter uma “compensação” de volta, o que pode muito bem ser entendido como a queda de Dilma. Lembrem-se da “coincidência” das “operações” da lava jato com o calendário do golpe, atingindo até mesmo políticos conservadores, como Renan Calheiros, que ainda cogitaram defender a Presidenta); como também um segundo foco, a MÍDIA, cujo golpismo é explicitado nas palavras de Jucá a Machado. Além disso, FICA CLARO QUE SE DELCÍDIO DO AMARAL FOI PRESO POR MUITO MENOS, JÁ QUE FOI PEGO EM UMA GRAVAÇÃO ONDE AFIRMAVA QUE “CONVERSARIA” COM MINISTROS DO STF PARA LIVRAR UM PESSOA; ROMERO JUCÁ PRECISA SER PRESO, JÁ QUE FEZ ALGO MUITO PIOR DO QUE DELCÍDIO, POIS AFIRMOU NAS GRAVAÇÕES QUE “CONVERSARIA” COM MINISTROS DO STF NÃO PARA LIVRAR UMA PESSOA, MAS PARA DAR UM GOLPE DE ESTADO E COM ISSO LIVRAR DEZENAS, TALVEZ CENTENAS DE CRIMINOSOS,PERTENCENTES PRINCIPALMENTE AO PMDB E AO PSDB. SE O STF NÃO FIZER MANDAR PRENDER ROMERO JUCÁ – E TENHO CERTEZA DE QUE NÃO O FARÁ – ESTARÁ COMPROVANDO SUA PARTICIPAÇÃO NO GOLPE. Há ainda referências claras aos milicos, que parecem estar também no golpe(algo que sempre acreditei)só que agindo por “omissão” em certa parte. Embora também tenham sua parcela “ativa” ao “monitorar” o MST(NÃO É FUNÇÃO DE MILICO MONITORAR MOVIMENTO SOCIAL EM UMA DEMOCRACIA. ALÉM DO MAIS QUE, NAQUELE MOMENTO, A COMANDANTE SUPREMA DAS FORÇAS ARMADAS, DILMA ROUSSEFF, NÃOS SABIA DISSO). São detalhes como esses que precisam ser gritados nas ruas e divulgados ao mundo. Sua nova filiação ao PC do B lhe permite procurar a Direção do partido, que evidentemente conhece pessoas pertencentes a partidos de esquerda da América Latina e Europa, as quais devem ajudar na divulgação desses crimes, para a imprensa livre latino-americana e europeia e para a ONU. Vamos agir. Essas gravações podem ser a pedra de toque destinada à queda do ditador..

  4. Que estranho a preocupação do machado com o LULA….. proteger especificamente o LULA. Isto seria motivo para incluí-lo na lava jato?

    “MACHADO – Eu acho o seguinte, a saída [para Dilma] é ou licença ou renúncia. A licença é mais suave. O Michel forma um governo de união nacional, faz um grande acordo, protege o Lula, protege todo mundo…”

  5. Temer mostra que é um molambo no poder em apenas 11 dias

    Por Fernando Brito · 23/05/2016, no Tijolaço

    Michel Temer mostrou , em cada um dos 11 dias em que usurpou o poder, que não tem condições de exercê-lo, muito mais num momento de crise.

    Não passou um dia sem uma crise.

    Nenhuma medida concreta senão as de vingança e mesquinharia.

    Só provocou ódio e rejeição.

    Sabe conchavar, não conciliar.

    Sua “montagem” de governo revelou-se um fracasso.

    O lugar-tenente colocou a “fazer contrapeso” a Henrique Meireles nas medidas econômicas não suportou as revelações do aquadrilhamento que o levou ao poder.

    Jucá foi apenas um dos acordos.

    Temer vai revelando a sua estatura.

    É um anão.

    Não tem como ser presidente de um gigante.

    É apenas o protagonista do primeiro golpe.

    Há outro em marcha.

    O Judicial e parajudicial.

    • ♫ E alguém esperava outra coisa de um velho babão que faz plástica para consertar a nariganga e casa com mulher quarenta anos mais moça que ele? Será que ele também fez plástica no saco?

    • O Temer é o nosso Carmona. Como se parecem os golpistas!

  6. Caro Eduardo,

    A República Federativa do Brasil tornou-se um farrapo, governada, ou melhor, usurpada por uma corja de bandidos. Agora, com esse escândalo vindo à tona, que futuro terá o nosso país nas mãos desses canalhas? Esta é uma pergunta difícil de ser respondida, pois as nossas instituições que seriam o pilar, estão esfrangalhadas, destruídas e imbuídas nesse golpe contra a presidente Dilma Rousseff.

  7. Edu

    Quem deu esse tombo no Jucá foi o Serra, pode escrever, via Folha como sempre, encomenda dos EUA e Marinhos.

    Agora eles vao querer acelerar o pacote de maldades, o que pode impedir e o vazamento desses audios com os outros pilantras, esse vazamento foi sob encomenda, ataca o PMDB, o Aecio, e alguns bagrinhos, mas infla o Serra.

    • É o que me parece também. E de quebra arruinou o Aecio e chamuscou o Lula, com o “proteje o Lula”. Quer melar tudo, e eleições antecipadas, sem Aecio e, claro, sem Lula. É o PSDB querendo o poder inteiro e preocupadinho em preservar, no meio desse lamaçal, seu antigo “pedigree democrático”.

  8. Idêntico ao GOLPE de 1964, onde o USA através de sua EMBAIXADA no BRASIL comprou JUÍZES, DEPUTADOS, SENADORES, IMPRENSA e MILITARES.

    A DIFERENÇA do GOLPE contra a Presidenta DILMA ROUSSEFF travestido de IMPEACHMENT é só uma hoje a FONTE do DINHEIRO é do empresariado AMERICANO e BRASILEIRO.

    Essa matéria da gravação do ROMERO JUCÁ com o SÉRGIO MACHADO nada mais é do que uma PROVA CABAL do ESCRITO ACIMA.

  9. Matéria do Jornal do Brasil dá a entender que Sarney e Renan seriam contrários ao golpe mas foram chantageados para ficar a favor:

    http://www.jb.com.br/opiniao/noticias/2016/05/23/diante-de-mais-um-escandalo-o-pais-nao-precisa-de-explicacoes-e-sim-de-verdades/

  10. O objetivo óbvio da Rede Golpe são dois: forçar a derrubada do ministro e ao mesmo tempo tirar o dela da reta. Mais claro impossível! Porque se e quando esse governo ilegítimo cair – e penso que vai! – essa rede canalha tratará de construir uma narrativa na qual ela não apareça como uma das principais responsáveis pelo golpe de Estado desferido contra o país e seu povo!

  11. ♫ Padecia eu de ligeira prisão de ventre, quando, avesso a medicamentos que sou, tive a brilhante ideia de zapear o pasquim televisivo da Grobo.
    A cara de bunda do William Traque, noticiando mais uma cagada dos velhos babões, provocou efeito instantâneo e perfeito alívio do meu entrave. Um sucesso miraculoso!

  12. a globo mandou o jucá vazar…o janot serve pra isso… o depto d eestado americano tem janot como seu funcionario, aponta nassif….a globo, o tio sam e o gilmar querem é o Serra no Planejamento…ou presidente em 2018

  13. Quando a sujeira estoura para os aliados, o Bonner some do JN. Covarde.

  14. Caro Eduardo,

    Alguns blogs se iludem, dizendo que o Supremo Tribunal Federal tem que anular o Impeachment, se é que assim pode ser chamado, esquecendo eles que este tribunal é parte integrante desse golpe contra a presidente Dilma Rousseff.
    É claro que o STF não vai anular o impeachment, quando for acionado. Os seus ministros vão sair pela tangente, invocando a clássica expressão jurídica, que é um assunto “interna corporis”. As recentes decisões dos ministros daquela corte são a prova de que eles não farão isso.

  15. É a prova cabal de que os coxinhas são na verdade trouxinhas.

  16. Só para relembrar, o Romero Jucá foi Ministro da Previdência no governo Lula, mas exonerado por suspeita de corrupção. A seguir, como “prêmio”, Lula o escolheu para ser seu lider, cargo que voltou a ocupar na gestão Dilma. Esse mundo é pequeno, mesmo.

    • Sim ele esteve no goveno Lula na cota do PMDB. Lula não premiou ele, apenas teve que aceitar porque precisava do apoio do PMDB para govenar. Romero Jucá também fez parte do governo FHC, como de resto o PMDB fez parte de todos os governos de Sarney até agora. Mas só agora o Romero Jucá fez parte de uma conspiração para dar um golpe de Estado, tornou-se o homem forte do governo e avalista do GOLPE.

  17. Edu, não seria interessante entrevistar o Dallari? Ou o herói dos seus netos? Gostaria de ouvi-los! Na boa, sem ironia.

  18. … e a lava jato segue leve e solta apreendendo materiais de uns, conduzindo coercitivamente outros, encanando alguns…

    A 30ª fase, a “Operação Vício” vai investigando mais roubalheiras na Petrobras com o dedinho do grande herói do povo brasileiro que já foi condenado a 23 anos de cana pela “justiça golpista”…

    http://www1.folha.uol.com.br/poder/2016/05/1774451-policia-federal-deflagra-30-fase-da-operacao-lava-jato.shtml

  19. O bom do PT ir pra oposição é que a partir de agora o partido e seus aliados, entre eles os blogs sujos, vão defender Moro e a Lava Jato, junto com a maioria da população. Vão parar de falar mal dessa operação. Viva!!!

  20. Vamos ver o próximo capítulo

  21. Estou colocando aqui para os “concurseiros” do judiciário lerem.
    Será que o STF não reagiu a Jucá porque Lewandowski está em Londres?
    Por Fernando Brito • 24/05/2016
    Quer dizer que o Supremo Tribunal Federal é acusado por um senador – e ministro do governo provisório – de ter sido “conversado” para garantir o afastamento de Dilma Rousseff e não reage?
    Será que é porque seu presidente – e presidente do julgamento do impeachment no Senado – Ricardo Lewandowski está num “Seminário Internacional” promovido pela Associação dos Magistrados do Brasil (é, brasileiros) lá em Londres, na Inglaterra?
    Em lugar de trazer os palestrantes, dá para passar uns dias na velha Albion. Só de ontem até quinta-feira da outra semana, dia 2.
    Coisa pouca, aqui está tudo tranquilo, não há problemas.
    Quer dizer, teve o “probleminha” criado pela fita do Romero Jucá colocando o Tribunal sob suspeita de ter se articulado com os promotores da deposição de Dilma.
    Quando Delcídio do Amaral falou que fez isso para tentar dar fuga a Nestor Cerveró, cadeia nele, já.
    Mas para Jucá, dizendo o mesmo para algo mais grave, derrubar uma presidenta eleita, não vêm ao caso estas precipitações.
    Por isso é que devemos acreditar na imparcialidade e na firmeza de nossa Corte Suprema, que não se deixa levar por arroubos.
    Não é comovente que, por exemplo, o afastamento de Eduardo Cunha tenha sido pedido em dezembro, por ação cautelar, e só tenha sido julgado em maio, depois de ter sido feito o “serviço” de autorizar o processo contra Dilma na Câmara?
    Não era necessário. Necessário era impedir, no mesmo dia, a posse de Lula na Casa Civil.
    O equilíbrio do Supremo é tão evidente que não há uma alma neste país que nele não confie.
    Nem a Jucá ele decepcionou.

  22. Boa tarde Edu!

    Coxinhas são todos trouxinhas mesmo, em 11 dias de golpe e já teve testemunha da aplicação do golpe (Romero Jucá)

    Um abraço!!!

  23. Pois é, olha ai A Vovó Mafalda fazendo um protesto até que justo:
    “Perto da gravação de Jucá, a minha é uma Disney”
    Coitado, por muito menos foi cassado e ainda levou uma cana… Que injustiça.

    http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2016/05/24/perto-da-gravacao-de-juca-a-minha-e-uma-disney-diz-delcidio.htm

    O que eu não entendo é por que os petistas não defendem esse pobre homem como mais um herói do povo brasileiro? Por que jogaram ele às traças? Tava faltando um “boi de piranha”?
    É, esqueceram de combinar com ele. Ele não quis saber disso e entregou as cabeças do Lula e da Dilma.

  24. Pouca gente entendeu ou quis entender a referencia de Jucá à Lula.

    Texto sem contexto é pretexto para dizer bobagens.

    No momento em que Jucá fala de Lula ele está se referindo a um pacto que poderia ser feito com Dilma em que ela se licenciaria ou renunciaria, diz que a licença seria mais suave e que nesse grande acordo, promovido por Temer, Lula seria protegido. A proteção de Lula seria um consolo para o governo de Dilma.

    Acontece que Dilma não aceitou participar do tal pacto porque não deve nada pra seu ninguém e tampouco Lula deve, se alguém discorda, então, que prove o contrário.

    CAPICHE?!

  25. Olá!
    Eu estava ouvindo um livro.
    E me chamou atenção este conto na historia; que eu vou dividir com vocês.
    O áudio livro é:
    O vencedor esta só do Paulo Coelho.
    https://www.youtube.com/watch?v=rZutIZolBT8

  26. Às vésperas da fase final do impeachment no Senado… O vazamento do áudio com Jucá foi para intimidar os Senadores em darem logo o Golpe:

    https://cadeiranteemprimeirasviagens.wordpress.com/2016/05/24/vazar-o-audio-com-juca-foi-recado-ao-senado-finalizem-o-impeachment-o-golpe-de-estado/

  27. O governo Temer foi literalmente atropelado.
    Talvez até por um trem, aqueles do trensalão alston.
    Sim, porque o fogo é amigo.
    Agora, por um instante reflitamos:
    Câmara dos Deputados, Senado, PRG, STF e PF.
    Qual dessas instituições ainda vive?
    E o PMDB e seu sócio PSDB em cada uma das pontas dando as ordens.
    Pode até ser que DILMA seja realmente afastada da vida política, mas cumpriu com sua promessa quando disse aos quatro ventos: Não ficará pedra sobre pedra.
    Aí está o “castelo” dessa direita bandida sendo demolido pelos próprios moradores.
    O correntista internacional Cunha só se sustenta com o apoio de seus “sócios” delinquentes.
    Renan acaba de ir para o mesmo caminho.
    Temer já morreu faz tempo, pois nem suas ameaças veladas de violência assustam.
    Está faltando agora, desnudarmos quem são os “militares’ que, segundo Jucá, dariam apoio ao golpe.
    Aí sim a “organização” estará completa.
    Lamento dizer que o sistema político deste País faliu.
    É o que se mostra.
    E estamos sendo Governados por uma organização criminosa sem precedentes.
    Então o PT que é uma quadrilha, conforme disse o Ministro Gilmar?

  28. O atual STF tem que sofrer impeachment coletivo. Ninguém desse atual STF tem que ficar, pois eles mostraram que sofrem a pressão das elites reacionárias e cedem para elas, mas não sofrem a pressão popular.

    O STF se apequenou e perdeu a credibilidade, jogou o Brasil numa instabilidade jurídica

  29. Decepcionado com o LEWANDOWISKI….

  30. Caro Eduardo e demais parceiros do blog da Cidadania,
    Na quinta feira dia 19 de maio, a sede do Minc SC foi ocupada. O ato pacífico, apartidário e articulado com as demais ocupações nacionais trouxe mais vida para o prédio do Largo da Alfândega. E trouxe também muita luta. O movimento se organizou em núcleos de trabalho e está se fortalecendo a cada dia. O núcleo de comunicação do Ocupa Minc SC preparou um informativo onde apresenta o movimento, sua organização e posicionamento político.
    Gostaríamos de enviar o material da ocupação para conhecimento e divulgação. Para qual e-mail podemos enviar esse material?
    O Ocupa Minc SC integra um movimento articulado em âmbito nacional que ocupa 27 espaços e representações do Ministério da Cultura no Brasil inteiro. Se houver interesse, podemos repassar os contatos de outras informações.
    Agradecemos a atenção e nos colocamos à disposição para quaisquer dúvidas, necessidades e/ou curiosidades.
    Ocupa Minc SC.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.