Ataque a Lula: Secretaria de Segurança de SP divulga hipótese irresponsável

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

bomba capa

 

As imagens das câmeras de segurança do Instituto Lula contam uma história bem diferente da que está ensaiando a Secretária tucana de Segurança de São Paulo, com sua preocupante hipótese sobre a natureza do ataque à entidade.

A Secretaria paulista diz que já determinou a abertura de investigação e a realização de perícia pela Polícia Civil, mas apresentou uma “suspeita inicial”: não se trata de um crime político, mas de “ação de baderneiros”.

Ora, ora… Mas de onde é que a Secretaria tucana tirou essa hipótese? Certamente não foi do vídeo que o instituto Lula divulgou, pois este conta uma história bem diferente. Sugiro ao leitor que assista, abaixo, mesmo que já tenha assistido antes.

Assistiu, leitor? Pode-se tirar algumas conclusões do vídeo. Um sedan escuro para em frente ao portão da entidade. De dentro do veículo é arremessado um artefato inflamável que estoura, danificando o portão da garagem. Soube-se, depois, que continha pregos dentro, que se espalharam por toda parte.

Quando se fala em “baderneiros” imagina-se um grupelho de garotos bêbados vagando pela rua e destruindo as coisas pelo caminho. O que se vê no vídeo divulgado é que um veículo com luzes de sinalização apagadas para e atira um artefato explosivo elaborado, cuja montagem tomou tempo e dinheiro dos que o confeccionaram.

Repito: de onde é que a Secretaria de Segurança de SP tirou essa história de “baderneiros”?

Repare na imagem do veículo agressor dobrando a esquina da rua em que fica o Instituto.

bomba 1

 

Segundo testemunhas, o estrondo foi tão forte que foi ouvido dentro do Hospital São Camilo, vizinho do instituto. “Estava de plantão dentro da UTI e o hospital tremeu todo. Daí entrou uma pessoa falando que jogaram uma bomba aqui. Era por volta das 22h20″, afirmou o médico Adauto, que não quis revelar seu sobrenome à imprensa.

Ou seja, é bem mais do que uma “bomba de efeito moral” ou um “rojão”, como gente suspeita já está divulgando na internet.

O mais impressionante é que o Instituto Lula é quase vizinho de um Batalhão da Polícia Militar e, apesar de o estrondo da explosão ter alarmado o hospital ao lado, não incomodou os policiais.

Nesta sexta, poucas horas após o atentado a bomba, por volta das 9 horas da manhã, o Instituto Lula foi alvo de uma manifestação que provocava e xingava os que lá chegavam.

Tudo isso somado, a Secretaria de Segurança Pública, com base em nada, sem explicar nada, afirma que não foi um ataque político, mas, tão-somente, “ação de baderneiros”.

O que se pode depreender disso é que se o Ministério da Justiça não agir com firmeza para que a Polícia Federal entre no caso, esse terceiro ataque a bomba ao PT neste ano terá o mesmo destino dos dois primeiros: o ostracismo.

 

Leia, abaixo, nota do PT sobre o ataque ao Instituto Lula

 

“O Diretório Estadual do PT-SP repudia veementemente o ataque ao Instituto Lula, com artefato explosivo, ocorrido na noite desta quinta-feira (30).

Este não é um caso isolado. Apenas neste ano, dois Diretórios do Partido dos Trabalhadores também sofreram ataques. No dia 26 de março, uma bomba caseira atingiu o Diretório Zonal do PT no centro de São Paulo, e no dia 16 de março, dez dias antes, o Diretório Municipal de Jundiaí também foi atacado por vândalos com coquetel molotov.

Os atos refletem a escalada da intolerância e do ódio que alguns setores da sociedade e da mídia têm amplificado nos últimos meses. O ataque ocorrido contra o Instituto Lula e contra os Diretórios do PT é uma agressão à nossa democracia.

O Diretório Estadual do PT-SP repudia e não aceita atos de violência e intolerância ao Instituto Lula e espera que os responsáveis sejam identificados e punidos”

São Paulo, 31 de Julho de 2015.

Emidio de Souza

Presidente Estadual do PT-SP”

Tags: , ,

199 Comentário

  1. A direita fascista já mandou bala nos professores lá no Paraná.
    Atirar uma bomba às escuras é bem mais simples.
    Não importam quem foi.
    Isso é terrorismo.
    Como foi contra o PT, nada será feito, até porque não temos Ministro da Justiça.
    Temos que lutar o bom combate.
    E preservarmos nossa democracia, mesmo que tenhamos que pintar as ruas de vermelho.

  2. A PF do dorminhoco “Zé Colméia” não iria investigar isso?

    O racista da global foi encontrado rapidinho…..

    Hoje 04/08/2015 as 10:00 encontraram esses “baderneiros”?

    Será que os paladinos da mídia irão mostrar “ao vivo” e “exclusivo” nos seus jornais sensacionalistas a prisão desses?

    Eu tenho vergonha na omissão da Dilma, se o Lula fosse o presidente não aconteceria isso…..

  3. Caro Eduardo, em outro post, afirmei que nunca havia visto um ministro da justiça tão banana como este, mas não lembro a sua resposta, lembro que voce divergiu. Continuo afirmando, não é possível continuar com este ministro. Em outros blogs há uma insatisfação com a omissão do PT, não dá para acreditar no que está acontecendo.

  4. Por que uma polícia tucana investigaria pra valer um ato praticado por terroristas que querem destruir LULA, para ele não derrotar mais uma vez um tucano?

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.