Abertura de contas brasileiras no HSBC suíço teve pico durante privatizações de FHC

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

swiss leaks

 

 

O escândalo Swiss Leaks vinha sendo repercutido muito mais na Blogosfera. Demorou a chegar aos jornalões e continua sendo ignorado pela Globo. Essa abulia da grande mídia em relação a um escândalo que, em recursos de brasileiros, chega a 7 bilhões de dólares, começou a se tornar inteligível após a divulgação de que um dos depositantes suspeitos é ligado ao PSDB.

O dito cujo, conforme vem sendo repercutido pela Blogosfera, é Saul Sabbá. Ele tem relação com os tucanos porque assessorou o Programa Nacional de Desestatização do governo FHC, sobretudo nas privatizações de empresas de energia.

O desinteresse da mídia nacional sobre o assunto vinha sendo tão grande que o deputado federal pelo PT gaúcho Paulo Pimenta recorreu ao Ministério da Justiça pedindo investigação das autoridades sobre os brasileiros que figurem nessa lista.

Esse desinteresse da mídia tradicional tornou-se suspeito já que as informações sobre o escândalo levantado pelo jornal francês Le Monde foram repassadas ao The International Consortium of Investigative Journalists (Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos), que, por sua vez, escolheu o portal UOL para repassar as informações.

Contudo, o UOL parece pouco interessado em divulgar nomes. Até o momento, tem se limitado a caçar nomes que de alguma forma possam estar ligados ao escândalo da Petrobrás.

Contudo, informações do ICIJ sugerem que os brasileiros envolvidos na maracutaia suíça podem ter relações muito maiores com um escândalo bem mais antigo, as privatizações do governo Fernando Henrique Cardoso.

Segundo o que já foi divulgado pela entidade supracitada, grande parte das contas de brasileiros no HSBC suíço foi aberta entre 1988 e 1991. De 1991 a 1997, essa abertura de contas perde fôlego. Mas, a partir de 1997, há um novo pico. Essa forte abertura de contas dura até 2001.

Como se sabe, foi a partir de 1997 que as privatizações do governo FHC ganharam impulso. E foi por volta de 2000/2001 que o processo perdeu fôlego.

O jornalista investigativo Amaury Jr. acaba de anunciar que se desligou do ICIJ porque a instituição estaria fazendo vazamentos seletivos dos depositantes. Amaury é autor do best-seller A Privataria Tucana. Com mais de 200 mil exemplares vendidos, o livro quase gerou uma CPI, que o ex-presidente petista da Câmara Marco Maia não quis instalar.

Agora, o Swiss Leaks pode terminar investigação que o cordato PT não quis fazer, já que as autoridades brasileiras vão ter que esclarecer por que houve um fluxo tão grande de abertura de contas de brasileiros no HSBC suíço justamente no momento em que o governo FHC vendia nossas estatais a estrangeiros a preço de banana.

Tags: , , ,

138 Comentário

  1. Edu, olha o contraste: o El País de hoje (dia 20/02/2015), dedica mais de 50 manchetes (com matérias e citação de nomes) ao caso “Suisalão” (ou Swiss Leaks). Aqui na mídia nativa… “zeezerreoró”. Isso tem que aparecer. Se tivesse um petista na tal lista, ainda que de segundo escalão, o nome já estava na boca de “todo mundo e da família do seu Raimundo”. Segue o link:
    http://elpais.com/tag/herve_daniel_marcel_falciani/a/

    • Se tivesse um petista iria bater record de compartilhamentos no faceburro.

      • Será que o $$$$$ arrecadado com as vendas das estatais foram para lá fora também????? Duvido nada.

        E a mídia fica caladinha com isso. E depois enchem os pulmões pra falar em liberdade de imprensa, que eles enterraram a muito tempo. Muito mais com esse vazamento seletivo onde a mídia só divulga, o que o dono dela quer que você saiba. O que você não deve saber eles escondem, ou seja, se autocensura.

        Ainda bem que existe essa brilhante ferramente chamada internet. Só assim pra furar o bloqueio da mídia.

      • Acho que os brasileiros recebem de alguns politicos ou devem ter um caso com eles só pode. Acho que é time de futebol.

  2. Prezado Eduardo:

    “Abertura de contas brasileiras no HSBC suíço teve pico durante privatizações de FHC”

    “Entre 1966 e 1967, foram organizadas a Federação Nacional de Bancos ( FENABRAN) e a Federação Brasileira de Associações de Bancos ( FEBRABAN ).

    Em novembro de 1960, instalou-se no Rio de Janeiro o I Congresso Nacional de Bancos, sob a presidência de Francisco de Paula Vicente Azevedo, industrial e banqueiro. Foi presidente do Banco do Estado de São Paulo durante o governo Jânio Quadros e viria a exercer altas funções durante a ditadura militar.
    Azevedo, interpretando o pensamento dos banqueiros, assim se expressou:

    Se optei pelo Sistema Federal de Reserva, é porque estou convencido de que é o que mais atende às peculiaridades de nossa terra. É o sistema estadunidense(sic), eu sou e sempre fui um admirador dos Estados Unidos da América do Norte. Desde menino, considero os Estados Unidos não como aquele urso devorador que se apresentava no século passado, mas sim com um amigo verdadeiro, cujos interesses são comuns a nós, para quem o progresso do Brasil é um alívio e uma grande alegria e de tão grande futuro para o conceito das nações”.

    Excluindo o título que pertence ao artigo de Eduardo Guimarães, todas as demais palavras entre aspas pertencem a Agassiz Almeida no livro A República das Elites – Ensaio sobre a ideologia das Elites e do Intelectualismo, Ed. Bertand Brasil, pags. 254 e 255.

    Agora, pergunto eu:

    1. Analisemos cuidadosamente a frase acima e vejamos se a nossa elite é ou não subserviente ?
    2. Essa é ou não a ideologia que a elite brasileira vem pregando ao longo dos anos e quando alguém ou algum governo levanta-se contra essa subserviência é tratado é tachado de esquerdista/comunista/chauvisita/bolivarianista, etc,etc…

    3. Por que a grande imprensa brasileira não faz escândalos sobre a remessa ilegal de dinheiro tirado do Brasil e enviado para a Suiça e outros paraísos fiscais ?

    4. Qual a posição da FEBRABAN e FENABRAN sobre esse assunto ?

    A turma que diz que a corrupção aqui é muito grande e como essa turma não gosta de andar suja, vai depositar o seu dinheiro na Suiça porque afinal de conta “ A Suiça Lava Mais Branco”, como bem disse o autor do livro com esse título, cujo nome eu não lembro.

  3. Olha,

    A esquerda deveria ter um canal de TV aberto , como a direita tem. É incrível a banalização do governo Dilma e do PT como precursor da corrupção no país. Nas redes sociais se vê de tudo, inclusive, com pessoas postando frases do tipo: “Coloca maconha na bolsa da Dilma e mande ela para a Indonésia”. O Pig aposta no ditado: “água mole em pedra dura tanto bate até que dura”. É só notícia ruim, desgastando demais o partido e a presidente. É preciso ter um contra ataque, coisa que só ocorre, na propaganda eleitoral gratuita. Como acabou, agora é só massacre da imprensa. Se não chove, a culpa é de Dilma, se uma árvore caiu do chão, culpa da Dilma e a presidente parece quieta, sem força, sem condições de combater isso. O que adianta descobrir os podres da direita, se essas notícias tornam-se apenas lamentações de intelectuais, tipo reclamando da falta de justiça dos meios de comunicação.

  4. O Fernando Henrique Cardoso, fez um governo vergonhoso, contra os interesses nacionais. Meu Deus por que não fizeram a CPI da privataria.Lamentavelmente quem encerrou este processo foi deputado do PT. Em quem acreditar!!!!!

    • Isso é verdade

    • A informação que o Edu nos transmite, de um novo pico entre 1997 e 2001, coincide com as duas páginas que acabei de ler em A Privataria Tucana, capítulo 12 – Os Tucanos e suas Empresas-Camaleão.

      As empresas-camaleão e os depósitos no HSBC são da mesma época e só podem resultar das privatizações. É um tanto estarrecedor e é claro, óbvio, que merecia CPI e todos os desdobramentos possíveis.

      Pelo que se depreende desse capítulo José Serra, familiares e turma do entorno se tornaram uma quadrilha de lavagem de dinheiro. Agora entendo porque PHA brinca em todas as ocasiões possíveis com a pergunta: do que vive o Serra? Não me espanta. Conheci essa figura em passant nos anos 70, nas políticas de diretório de bairro, e lembro do mal estar que senti com sua presença e da profunda antipatia que me causou.

  5. Edu enviei esse post a todos os meus contatos . Todos os dias surgem notícias do envolvimento do PSDB em desvio de dinheiro público ,e a justiça silencia. Mas o que podemos esperar de ministros do STF, juízes ,promotores ,procuradores… envolvidos com o PSDB . Espero que o DR. Janot tenha a coragem e decência de tornar pública a verdadeira lista dos ladrões DA PETROBRÁS .

  6. O povo tem que aprender a odiar ladrões de dinheiro público e não defender partidos politicos.

  7. a covardia do pt em investigar os escândalos tucanos está custando o próprio partido!!! para poupar quem? novos aliados ou até mesmo algumas figuras do partido que já estavam com os pés na lama? é inacreditável.

  8. Fora de Pauta

    Manifesto em defesa da legalidade
    sex, 20/02/2015 – 16:16
    Atualizado em 20/02/2015 – 16:31
    Luis Nassif

    É hora de encarar os fatos: há uma conspiração em marcha para desestabilizar o governo, ainda que à custa da desorganização da economia. Não dá mais para tapar o sol com a peneira. É uma conjunção muito grande de fatores:

    A cobertura enviesada da mídia em cima de vazamentos seletivos da Operação Lava Jato. Conseguiram transformar até a Swissleaks em operação Lava Jato.

    O comportamento do Procurador Geral da República Rodrigo Janot, tratando o crime de vazamento de informações como se fosse uma ocorrência normal.

    As declarações sincronizadas da mídia, Joaquim Barbosa e Sérgio Moro, procurando manietar o já inerte Ministro da Justiça.

    A visita de procuradores ao Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a pretexto de colaborar com as investigações contra a Petrobras.

    Finalmente, a decisão do Ministério Público Federal, de agora há pouco, de dar o golpe final contra as empreiteiras da Lava Jato, inviabilizando-as definitivamente.

    Não tem lógica alegar estrito cumprimento da lei para liquidar com as empresas. Nem o mais empedernido burocrata ficaria insensível aos efeitos dessa quebra sobre a economia brasileira, sobre empregos e sobre o crescimento.

    Qualquer agente público minimamente responsável trataria de apurar responsabilidades e punir duramente as pessoas físicas responsáveis, evitando afetar as empresas, ainda mais sabendo dos desdobramentos sobre a economia como um todo.

    Só intenções políticas obscuras para justificar essa marcha da insensatez.

    PS – Alo, presidente Dilma Rousseff. Esqueça essa preocupação sobre se as pessoas vão ou não duvidar da sua honestidade. Ninguém duvida dela. Eles não estão atrás da sua reputação: estão atrás do seu cargo. Acorde!

    Abaixo, manifesto de personalidades contra o jogo político em andamento.

    Manifesto: O QUE ESTÁ EM JOGO AGORA

    A chamada Operação Lava Jato, a partir da apuração de malfeitos na Petrobras, desencadeou um processo político que coloca em risco conquistas da nossa soberania e a própria democracia.

    Com efeito, há uma campanha para esvaziar a Petrobras, a única das grandes empresas de petróleo a ter reservas e produção continuamente aumentadas. Além disso, vem a proposta de entregar o pré-sal às empresas estrangeiras, restabelecendo o regime de concessão, alterado pelo atual regime de partilha, que dá à Petrobras o monopólio do conhecimento da exploração e produção de petróleo em águas ultraprofundas. Essa situação tem lhe valido a conquista dos principais prêmios em congressos internacionais.

    Está à vista de todos a voracidade com que interesses geopolíticos dominantes buscam o controle do petróleo no mundo, inclusive através de intervenções militares. Entre nós, esses interesses parecem encontrar eco em uma certa mídia a eles subserviente e em parlamentares com eles alinhados. Debilitada a Petrobras, âncora do nosso desenvolvimento científico, tecnológico e industrial, serão dizimadas empresas aqui instaladas, responsáveis por mais de 500.000 empregos qualificados, remetendo-nos uma vez mais a uma condição subalterna e colonial.

    Por outro lado, esses mesmos setores estimulam o desgaste do Governo legitimamente eleito, com vista a abreviar o seu mandato. Para tanto, não hesitam em atropelar o Estado de Direito democrático, ao usarem, com estardalhaço, informações parciais e preliminares do Judiciário, da Polícia Federal, do Ministério Público e da própria mídia, na busca de uma comoção nacional que lhes permita alcançar seus objetivos, antinacionais e antidemocráticos.

    O Brasil viveu, em 1964, uma experiência da mesma natureza. Custou-nos um longo período de trevas e de arbítrio. Trata-se agora de evitar sua repetição. Conclamamos as forças vivas da Nação a cerrarem fileiras, em uma ampla aliança nacional, acima de interesses partidários ou ideológicos, em torno da democracia e da Petrobras, o nosso principal símbolo de soberania.

    20 de fevereiro de 2015

    Alberto Passos Guimarães Filho

    Aldo Arantes
    Ana Maria Costa
    Ana Tereza Pereira

    Cândido Mendes

    Carlos Medeiros

    Carlos Moura

    Claudius Ceccon

    Celso Amorim
    Celso Pinto de Melo

    D. Demetrio Valentini

    Emir Sader

    Ennio Candotti
    Fabio Konder Comparato

    Franklin Martins

    Jether Ramalho

    José Noronha

    Ivone Gebara

    João Pedro Stédile

    José Jofilly

    José Luiz Fiori
    José Paulo Sepúlveda Pertence

    Ladislau Dowbor
    Leonardo Boff
    Ligia Bahia
    Lucia Ribeiro
    Luiz Alberto Gomez de Souza

    Luiz Pinguelli Rosa
    Magali do Nascimento Cunha

    Marcelo Timotheo da Costa

    Marco Antonio Raupp
    Maria Clara Bingemer
    Maria da Conceição Tavares

    Maria Helena Arrochelas
    Maria José Sousa dos Santos

    Marilena Chauí
    Marilene Correa
    Otavio Alves Velho
    Paulo José
    Reinaldo Guimarães
    Ricardo Bielschowsky
    Roberto Amaral
    Samuel Pinheiro Guimarães

    Sergio Mascarenhas
    Sergio Rezende
    Silvio Tendler
    Sonia Fleury
    Waldir Pires

    Tags

  9. Prezado Eduardo, boa tarde.
    O Brasil é um sobrevivente, os escândalos se arrastam desde o Império, até os dias de hoje. Agora mais esta do HSBC… Quando vamos ter a publicação dos nomes de depositantes brasileiros na instituição Suíça??? Independentemente de direita, esquerda, centro…temos que conhecer os nomes dos titulares das contas, e todo aquele que não puder justificar a origem e legalidade do patrimônio, deve ser julgado.
    Se a imprensa ainda não publicou, deveríamos contatar com fontes no estrangeiro. De posse dos nomes, publicar na web. Corrupto é corrupto, não se faz merecedor de respeito. O corrupto, merece os rigores da lei.
    E por favor, não me venham com chorumelas do tipo ” em tal e tal partido não existem corruptos”, já esta visto que se escondem atras das mais diversas legendas.

  10. Será que haverá um acordo para não se investigar as contas brasileiras no HSBC suíço ?

  11. Parece gozação, mas é verdade:

    MPF esquece HSBC, mas mira Guiné Bissau
    SEX, 20/02/2015 – 17:19

    Jornal GGN – As investigações envolvendo as contas secretas do HSBC não foram apenas deixadas de lado pela imprensa, como também pelo MPF, que agora está investigando a doação da ditadura da Guiné Equatorial à Beija-Flor.

    De O Globo

    Ministério Público Federal apura doação da ditadura da Guiné Equatorial à Beija-Flor

    Vice-presidente do país africano também é alvo de investigação. Ele é suspeito de crime de lavagem de dinheiro

    POR VERA ARAÚJO
    A doação de R$ 10 milhões para a Beija-Flor, que teria sido feita pelo ditador Teodoro Obiang, presidente da Guiné Equatorial, está sendo investigada pelo Ministério Público Federal (MPF). As novas versões dão conta de que o dinheiro teria vindo de empreiteiras brasileiras ou de empresas do país africano. O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang Mangue, conhecido como Teodorín, de 45 anos, filho do presidente, também é alvo de investigação do Procurador da República Orlando Monteiro da Cunha desde 2013. Em procedimento criminal instaurado pelo MPF para apurar crime de lavagem de dinheiro por parte de Teodorín, foi possível identificar que o filho do ditador tem pelo menos oito veículos de luxo no Brasil, entre eles um Lamborghini Aventador, um Maserati e um Porsche Cayenne, totalizando cerca de R$ 30 milhões, além de imóveis de luxo no país.

  12. Só para lembrar: o HSBC London é um dos maiores “investidores” da Eletropaulo. Quando um paulista paga sua conta de luz, está enriquecendo o HSBC. Mais uma obra do governador Geraldo “Alstom”.

  13. :

    Ouvindo A Voz do Brasil e postando:

    **** ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
    **** ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥
    ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ ****
    ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥ ****

    ************* Abaixo o PIG brasileiro — Partido da Imprensa Golpista no Brasil, na feliz definição do deputado Fernando Ferro; pig que é a míRdia que se acredita dona de mandato divino para governar.

    Lei de Mídias Já!!!! **** … “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” *** * Joseph Pulitzer. **** … … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” *** * Malcolm X. … … … Ley de Medios Já ! ! ! . . . … … … …

  14. Fora de Pauta. Será?
    Publicado em 20/02/2015
    Utensílios do método
    Gestapo de investigar

    http://www.conversaafiada.com.br/politica/2015/02/20/utensilios-do-metodo-gestapo-de-investigar/print/

    O “condenado” é induzido” a incriminar o Lula

    TERCIO SAMPAIO FERRAZ JUNIOR, advogado, professor titular aposentado da Faculdade de Direito da USP e autor do livro “A Ciência do Direito” escreveu inspirado artigo em que compara o “método Moro” de investigar à tecnologia da Gestapo.

    A propósito desse notável artigo, o ansioso blogueiro, que já tinha sido advertido para a Guantánamo em que se converteu a Vara do Dr Moro, conversou nessa sexta-feira sombria (em São Paulo, claro) com outro notável advogado, Constitucionalista de renome.

    E ele descreveu alguns novos ingredientes ao “método Moro” de investigar:

    – O “método Moro” quer chegar ao Lula, é o que ele supõe.

    Há a prática do que ele chama de “induzimento”, na investigação.

    Para chegar ao Lula.

    Não basta destruir a Petrobras.

    “Como explicar que os interrogadores exijam, por exemplo, ‘o que você sabe sobre o setor elétrico’?

    ‘A Petrobras eu já sei. Eu quero nos outros setores. O que você sabe? Nas estradas, nas ferrovias, nos aeroportos …’

    Foi o que perguntaram a um executivo já irremediavelmente condenado no “método Moro”.

    “Não basta confessar o que os interrogadores já sabem. Eles querem mais, mais ! Ir além !”

    O Conversa Afiada, aliás, já tinha se dado conta desse “método”, ao mencionar o Procurador Lima num video.

    Esse executivo de empreiteira, por exemplo, foi “induzido” a contar o que sabia sobre a Operação Castelo de Areia, devidamente fulminada no Supremo.

    Como é que o Superior Tribunal de Justiça condenou a Operação ? – o “método” quis saber.

    Uma pergunta, de resto, inútil, já que está tudo documentado no STJ e, agora, no STF.

    Foi a maçã podre, que não dá em pomar tucano …

    Então, por que cargas d’água o “método” queria saber por que o STJ agiu daquela forma, agora confirmada pelo STF ?

    Estranho, não, amigo navegante ?

    – Não ouse mencionar tucano gordo !

    Esse respeitado advogado contou que um executivo foi advertido para não citar parlamentar tucano durante as selecionadíssimas delações.

    Pois, se citasse, a matéria transcenderia a Vara do Dr Moro, para se encaminhar às mãos do Ministro Teori, no Supremo.

    Não ouse !

    – Como o “método Moro” quebrou o sigilo do sistema de comunicação BBM, usado em aparelhos celulares da Blackberry ?

    Um executivo preso na masmorra de Guantánamo se comunicava com o doleiro Youssef – o herói do PiG – através do sistema BBM – http://br.blackberry.com/support/apps/bbm/overview.html – da Blackberry, na suposição de ser sigiloso.

    Agora se sabe que não é sigiloso.

    Mas, como se deu a quebra desse sigilo ?

    Houve autorização judicial ?

    Esse advogado suspeita que não exista essa autorização formal.

    “Mas, como eles são os queridinhos da mídia, procuradores, delegados se sentem ‘autorizados’ a cometer certas ilegalidades”, ele, delicadamente, concluiu.

    Ou seja, o Dr Tercio Sampaio Ferraz acertou na mosca !

    Paulo Henrique Amorim

    Em tempo: Como o objetivo é incriminar o Lula, ou seja, afogar o PT na lama da Petrobras, é por isso que o “metodo Gestapo” e o PiG insistem em chamar o José Dirceu para a roda. E dar à Lava Jato o caráter partidário e eleitoral de que se revestiu o julgamento do mensalão (o do do PT, porque o tucano se desfez como a valentia do Machão do Leblão…

    (Essas observações são do ansioso blogueiro e não de seu discreto informante.)

    • Essa turma comete essas ilegalidades pq o objetivo deles não é, e nunca foi, produzir uma investigação capaz de resultar em uma condenação formal.

      Pra eles, basta jogar a lama no ventilador da imprensa marrom. E só.

      Se a ação for enterrada por causa da EVIDENTE perseguição política e dos métodos ilegais, pra eles, tudo bem, pois a imprensa já terá julgado e condenado e transformado mentiras em verdades, inocentes em culpados.

      A aparência é o que importa, afinal. Haja vista os condenados na AP 470, sem prova alguma. Basta estar pintado de culpado e a imprensa faz o resto.

      Se a ação prosperar, então, é lucro, pois o STF estará avalizando métodos claramente ilegais e autorizando oficialmente a perseguição política, assim como autorizou o inconstitucional Tribunal de exceção que foi a AP 470. Esses criminosos togados e distintivados agradecerão e arrasarão com todo e qualquer “inimigo” – ou seja, quem quer que não aceite a ditadura por eles imposta.

      O Judiciário é o poder mais importante da República. É quem diz o que pode e o que não pode. É o deus dos limites, que tem poder sobre os atos e decisões dos outros, mas que é intocável nos seus.

      E seus membros NÃO são eleitos, mas são os filhos da oligarquia que sempre mandou no país.

      Seria tolice achar que ficariam olhando um governo acabar com os privilégios de sua classe, ou que se satisfariam com a manutenção de seus privilégios específicos (como ocorreu no caso do teto salarial, um completo absurdo e uma canalhice sem par).

      Não esqueçamos que lidamos com um poder que conta com um Ministro que tem capangas!

      Rasgar a Constituição e os princípios do Direito, pra eles, é como beber água. Coisa pequena e cotidiana.

  15. Gente, assunto fora de pauta. Miguel do Rosário do blog Ocafezinho perdeu em última instância na ação que o Ali Kamel lhe impôs. Não vou nem comentar essa infâmia de uma justiça que serve apenas a interesses de gente ligada a Globo. O fato é que há um SOS Cafezinho em curso. Amanhã mesmo darei minha pequena contribuição. Se aqui, o Edu conseguiu ajudar aquele senhor a recuperar seu carro depois do ataque das manifestações de Black blocs, acredito que nossa rede reconhece e pode ajudar os blogueiros que estão fazendo um papel digno, apesar disso tudo que está acontecendo. Também já assinei o manifesto contra a desestabilização do nosso governo e da Petrobrás (li agora no Nassif). Vamos resistir até ter o mínimo de condições de liberdade de expressão para todos e de justiça para todos. Vamos lá, a hora é essa!

  16. O tema privataria — termo cunhado pelo jornalista Elio Gaspari — sempre será um dos maiores calcanhares de aquiles de toda e qualquer tentativa tucana de obter o poder central do país. Não é à toa que os tucanos tentam vincular, p.ex., a abertura futura de capital da Caixa Econômica à sua própria privataria. Não é segredo para ninguém, mesmo para a grande massa, que as privatizações se deram de forma selvagem, deletéria para os interesses do país. Não por acaso, em 2018, o PSDB completará a impressionante marca de 16 anos fora do poder. Muita coisa. E não é só. Será que o tucanato chegará a 2018 com alguma candidatura viável? Pouco crível, a julgar pelo escancarado mal planejamento da gestão hídrica de SP e da péssima administração no PR, que rende um caos nos dias atuais — que também não vem merecendo grande atenção da grande imprensa.

    O grande fiador da continuidade do PT no poder, até aqui, é a falta de qualidade da gestão de seu principal adversário, o PSDB. Sangrando e tudo, sem alguma alternativa, o PT ainda poderá muito bem seguir em frente, para deixar o PSDB fora do poder central por impressionantes 20 anos.

    O PSDB parece morto. O que não significa que inexistam outros adversários. O que me dizem, e.g., de um certo PMDB, que existe por aí, com planos para candidatura própria à presidência em 2018?

  17. Tem TUCANO GORDO na lista, ‘AMORE’ !!!

    Aonde o FHC conseguiu grana para comprar um mega apartamento milionário na Avenida Foche em PARIS, o metro quadrado mais caro do planeta ?!?!

    Aonde o $erra conseguiu dinheiro para comprar uma mansão nos Jardins !?!?

    Aonde a filha do $erra conseguiu 100 MILHÕES para se associar a Paulo Lehmman, o homem mais rico do BRASIl, dono da AMBEV, na compra da singela ‘sorveteria’ DILETTO ?!?!

    Atrás desses FATOS ninguém informa nada, mas sobre a estultície de o lulinha ser dono da FRIBOI, ou sobre a mentira deslavada de uma megafesta dada por LULA, há uma enxurrada de manchetes.

    Gente … Do jeito que a coisa vai, em breve mudarão o nome do BRASIL para TUCANOLÂNDIA !!!

    É O FIM DOS TEMPOS !!!!

    “O BRASIL PARA TODOS não passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÂO & GOLPES – O que passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÃO & GOLPES é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

  18. Estranho… Temos um governo eleito democraticamente e ao mesmo tempo uma ditadura de grandes poderes como a mídia, setores do congresso e a justiça (como se vê no Paraná e no próprio STF). Atuam na contramão da democracia e até da legalidade, se impondo e isolando o governo. Parecem não ter limites. O HSBC não interessa. Só o próprio interesse. Para isso quebram o país, a Petrobras, as empreiteiras, não importa que o povo fique à míngua. O que pode barrar essa gente?

    • THAT’S THE POINT !!

      O Problema não é o PT, o problema é a ‘BANCA’ !!!

      “O BRASIL PARA TODOS não passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÂO & GOLPES – O que passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÃO & GOLPES é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

  19. o triste que ficamos defendendo petistas e os deputados e senadores petistas dormindo em berço esplendido, achando que se vier um golpe eles estarão isento, se a Dilma peidar no outro dia tucano estão ventilando pelos quatro ventos, mas deputados petistas tudo quieto

    • Os parlamentares do PT, e todos os que defendem o BRASIL contra a esbórnia dos BANCOS, estão amordaçados, companheiro !! Ainda não percebestes, não ?!?

      Porque se calam !?! Pelo mesmo motivo que JÂNIO QUADROS (do you remember?!) não podia falar e esperou inutilmente que o POVO BRASILEIRO o reconduzisse ao poder depois da renuncia…

      Precisa desenhar ?!?

      It’s all BU$INE$$ !!

      “O BRASIL PARA TODOS não passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÂO & GOLPES – O que passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÃO & GOLPES é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

  20. EDU, que tal uma matéria sobre a entrega do superavitário BAMERINDUS ao HSBC na ERA DAS TREVAS do FDP, digo, FHC !?!?

    “O BRASIL PARA TODOS não passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÂO & GOLPES – O que passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÃO & GOLPES é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

    • EM TEMPO: entrega do superavitário BAMERINDUS pelo valor simbólico e singelo de US$ 1,00 …

      “O BRASIL PARA TODOS não passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÂO & GOLPES – O que passa na REDE GLOBO DE SONEGAÇÃO & GOLPES é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

  21. Aos poucos a ficha está caindo. O Partido da Imprensa Golpista – PIG e os cambadas da Elite Brasileira, todos envolvidos até a alma na lama da corrupção, e nunca antes investigados pelos governantes passados, estão vendo suas vestes caírem com a investigação feita pelas Instituições Investigativas, sob o comando da Mulher guerreira que é Dilma. Por Isso, fazem uma cortina de estardalhaço terrorista!

  22. MOVIMENTO BOICOTE, DESINVESTIMENTO E SANÇÕES DIA 03 DE AGOSTO NA PUC DE SÃO PAULO DEZ ANOS DE MOVIMENTO QUE DEVE SE ESTENDER A TODOS OS PORCOS FASCISTAS DE QUALQUER CREDO.

  23. Se ele tem ou não tem, eu não sei e não tenho como saber.

    E não vou supor que ele tenha s´[o pq vc QUER que ele tenha.

    Agora, se vc afirma, então deve ter prova. Se não tem, não passa de um canalha difamando um desafeto.

    Se o Lula tem algo lá fora, eu não sei. Mas que vc não tem caráter, tenho certeza. E, pra provar, basta mostrar esse seu comentário.

Trackbacks

  1. Abertura de contas brasileiras no HSBC suíço teve pico durante privatizações de FHC | Blog da Cidadania | O LADO ESCURO DA LUA
  2. Abertura de contas no HSBC de 1997 a 2002 supera a de 2006 a 2007 | Blog da Cidadania
  3. Abertura de contas no HSBC de 1997 a 2002 supera a de 2006 a 2007 | bita brasil

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.