O mal incrível que os protestos contra a Copa fizeram ao Brasil

 

Não há o que comemorar na prisão de dois jovens ativistas contrários à Copa no último dia 23, durante manifestação na avenida Paulista que, para variar, terminou em quebra-quebra. E muito menos na prorrogação dessas prisões, anunciada pela imprensa na sexta-feira.

O professor de inglês Rafael Marques Lusvarghi, de 29 anos, e o estudante e servidor da USP Fábio Hideki Harano, de 26 anos, ficarão presos até o julgamento das acusações que sofreram por parte da polícia, de que portavam artefatos explosivos e adotavam comportamento agressivo.

Há mais uma tragédia. A polícia está intimidando pessoas que promovem protestos contra a Copa. Prende em casa e leva para a delegacia antes de promoverem atos, preferencialmente, nos dias de jogo do Brasil.

Em larga escala, o apoio a protestos de rua vem caindo vertiginosamente. As últimas pesquisas dão conta de que já caiu para menos de 50% o contingente dos brasileiros que apoia o exercício do direito de protestar na via pública.

Dá tristeza ver tudo isso acontecendo. Falo, agora, como cidadão que nunca hesitou ou temeu exercer o direito à livre manifestação.

Os jovens presos, o constrangimento ao direito de manifestação, tudo isso pode, sim, se voltar inclusive contra quem exerce de forma democrática e cidadã o direito constitucional de protestar na rua.

Mas o que causou essa situação? Por que chegamos a esse ponto? É culpa de quem avisou que protestar com violência só iria gerar mais violência, e que protestar de forma que prejudicasse a população só iria colocá-la contra quem protesta?

Não. É culpa de quem abusa inclusive do cidadão comum ao organizar um protesto.

Volto a falar como cidadão. Promovi atos públicos que reuniram centenas de pessoas. Números iguais ou até maiores do que o da manifestação reprimida na última quinta-feira (26) na avenida paulista – cerca de 300 pessoas.

A polícia até acompanhou os protestos da ONG que fundei, o Movimento dos Sem Mídia, entre 2007 e 2011. Todas as vezes em que propus atos públicos, eu e os que para eles acorreram cumprimos a lei e avisamos a Polícia Militar sobre o local da manifestação, e ao Departamento de Trânsito de que a manifestação interromperia a via de tráfego de veículos.

Avisamos com antecedência, para que medidas pudessem ser tomadas.

Graças a essas medidas, as manifestações que promovi diante da Folha de São Paulo, no Masp e em outros locais nunca afetaram quem não queria se manifestar. Além disso, fomos à rua com megafone, carro de som, cartazes, faixas, discursos e demos nosso recado.

Em uma das vezes, em 7 de março de 2009, manifestação convocada pelo Movimento dos Sem Mídia através deste Blog ocorreu diante da Folha de São Paulo. O protesto, que reuniu vítimas da ditadura militar, decorreu de editorial daquele jornal que qualificou a ditadura militar (1964-1985) como “ditabranda”.

No dia seguinte, em 8 de março de 2009, o “Publisher” da Folha, Otávio Frias Filho, escreveu “editorial” reconhecendo o erro do seu empreendimento ao qualificar como “brando” um regime que torturou, estuprou e matou inclusive pessoas que não se envolveram com a resistência ao regime.

Não quebramos um só graveto. Não impedimos ninguém de ir e vir. Em contrapartida, duas dezenas de pessoas, de entidades como “Tortura Nunca Mais”, CUT, UNE, MST, etc., fizeram discursos tonitruantes ao microfone do carro de som.

Elevamos o ato de protestar. Ninguém pôde nos acusar de prejudicar alguém ao exercermos os inalienáveis direitos constitucionais à reunião, à manifestação e à liberdade de expressão.

Hoje, do jeito que a coisa vai, é possível que os que fizemos o protesto contra a ditabranda da Folha tivéssemos problemas para nos reunir mesmo sem ter a menor intenção de adotar qualquer tática de protesto que prejudicasse alguém fisicamente, sobretudo quem não tem nada que ver com o alvo do protesto ou com os que protestam.

Vários pequenos protestos ocorreram desde que a Copa começou. Em boa parte deles – para não incidir no risco de dizer injustamente que foi em todos – apareceram “black blocs” para promover quebradeiras, tocar fogo em carros, atirar rojões contra turistas, depredar estabelecimentos comerciais…

Não acredito que prender dois garotos com menos de trinta anos – da faixa de idade dos meus filhos – vá fazer com que esses grupos que protestam contra a Copa se intimidem. Estão movidos por uma “ira santa”.

Disso eu não tenho a menor dúvida.

De certa forma, é até bonito. Esses jovens põem em risco sua integridade física lutando contra moinhos de vento, a Copa, uma entidade intangível, um dragão da maldade de cuja derrota dependeria o futuro de todos nós.

Não existe a possibilidade de algumas centenas de garotos ensandecidos – alguns (poucos), inclusive, embriagados ou drogados – impedirem – ou sequer atrapalharem de verdade – um evento da dimensão de uma Copa do Mundo.

Se o fizessem, seria inaceitável. Se cada grupo de interesse ignorar as leis e a representação política e decidir impedir ou impor pela força o que quiser ou o que não quiser que aconteça, o resultado não será muito difícil de imaginar.

Sempre lembrando que, quando a força é o critério e o meio, existe sempre um lado mais forte, inclusive entre outros grupos populares.

Sair pela rua promovendo quebradeiras, tocando fogo nas coisas com o país cheio de turistas gera o risco de um desastre de proporções impensáveis.

Como correr o risco de deixar um protesto produzir vítimas fatais como cinegrafista da TV Bandeirantes que perdeu a vida num desses protestos violentos, deixando como saldo a destruição das vidas de dois garotos imbecis cooptados por espertalhões que buscavam fins políticos ao incitarem outros tantos jovens a cometer imprudências desse calibre?

Isso sem falar nas vítimas entre as hordas de manifestantes contrários à Copa – e a outras coisas – espancados e até mutilados por uma polícia despreparada, mal paga, violenta e que, via de regra, acaba perdendo o controle tanto quanto os que reprime.

Não tivesse havido grupos promovendo atos violentos em parte tão expressiva desses protestos contra a Copa talvez pudéssemos conviver com eles de forma democrática, respeitando-lhes o direito de reclamar, mas tendo respeitado por eles os direitos de quem não quer participar.

Os protestos contra a Copa se perderam. Além de prejudicarem os que protestam e os que não querem protestar, prejudicaram a compreensão do direito de manifestação. Açularam uma onda de intolerância, com manifestantes sendo agredidos inclusive pela população.

Recentemente, em uma estação de metrô de São Paulo uma jovem trabalhadora, tentando voltar para casa após um dia de labuta, perdeu o controle e partiu para cima de um grupo que impedia o embarque dos passageiros.

Esse é só um entre vários casos iguais que vêm ocorrendo.

Além de tudo, temos que ver o povo massacrando o povo. Isso não é manifestação, é uma irracionalidade, um abuso.

Cada um escolhe o caminho que quer. Democraticamente, é preciso respeitar até o direito de ser irracional, de pôr caprichos acima de um mínimo de bom senso – como, por exemplo, aceitar que não está sendo possível impedir ou atrapalhar de verdade a Copa.

Quem escolhe o caminho do capricho e da irracionalidade certamente não vai aceitar o preço que ações desse jaez acarretam, tampouco terá o bom senso de não jogar a culpa pelos próprios atos em quem não tem como ajudar ou prejudicar o insensato.

Tragicamente, a insensatez e a arrogância desses grupos que protestam contra a Copa não vão ceder antes de finalmente ocasionarem um desastre de proporções suficientes para que, miseravelmente, tais grupos se permitam um mísero lampejo de reflexão.

Tags: , , ,

94 Comentário

  1. Olha, sinceramente, mas com toda a sinceridade mesmo, duvido que tenha havido alguem que tenha ido a estas manifestações de forma consciente . . . . foram numas mas entraram noutras . . . . . sabe, contra tudo que está aí . . . . . . sempre houve a mais completa falta de qualidade, agora, chamar genericamente de “estes jovens” é apenas passar a mao na cabeça do cara que tacou um rojão no cinegrafista da Band . . . . sou absolutamente contra a quebra do patrimonio publico ou de quem quer que seja, sou contra a sacanagem, e para mim esta gente que está hoje na rua é isso mesmo, e apenas isto, jamais serão um Genoino, com ele sim eu me preocupo . . . . . o resto que tome da garrafa de gasolina que por acaso, ou por incentivo de outros, carreguem . . . . .

  2. Ontem eu ouvi um cara falando uma coisa interessante na TV, num programa meio estúpido: o torcedor fanático e apolítico (que até não vaia a Dilma, mas caga para o PT e para o PSDB), caso o Brasil perca a Copa a partir de agora, esse torcedor fanático virará um manifestante radical, com sangue nos olhos.

    E o Lobão tá meio que pedindo no Twitter vaias mais fortes do que as primeiras na entrega do troféu.

    Esse vai ser um ano sombrio na história.

  3. mas o grande problema edu, é que esses grupos bb, são financiados por “brasileiros” que ganham dinheiro aqui, mas vivem em Miami, organizando reuniões para falar mal do país e promover esse tipo de ação. sujeito “protestando” que manifesta seu ódio, quebrando lojas e roubando coisas, desculpe, são bandidos, desqualificados sim, porque se lutassem por um ideal correto, seus rostos não estariam cobertos com trapos de covardia.
    reinaldo carletti

    • Bravo, ao contrário das declarações de Edu eu não tenho pena dos citados tão plantando o que colheram já não basta os advogados a disposição que estes que protestam com direito a tudo tem, daqui a pouco eles saem e fazem tudo de novo. Eu sou contra sim os mascarados já que os protestos são legítimos porque até os menores que são protegidos pelas leis retográdas usam máscaras. Eu não entendo.

  4. Prezado Eduardo:

    É claro que devemos ser a favor da livre manifestação de pensamento, inclusive de passeatas reivindicatórias, pacíficas e que demonstrem insatisfação com alguma ou algumas atitudes dos poderes públicos; afinal de conta essas forças de conflitos das sociedades são fatores determinantes para correção de rumos de ações governamentais.No entanto cabe ao poder público exercer o seu poder coercitivo visando impedir quebra-quebra como as ações que vimos recentemente em várias partes do pais. Parece que desta vez as autoridades – polícia – levaram em conta o velho ditado popular ” cachorro mordido de cobra tem medo de linguiça “, imaginando que se não houver repressão logo de início a coisa descamba para a violência pura e simples e aí fica mais complicado.
    Por outro lado essa turma de ” rebeldes sem causa ” vai pensar se não é mais vantajoso fazer manifestações pacíficas outros todos ganham em vez de apanharem da polícia e ficarem mal vista perante a sociedade, além de sentirem na pele as dores oriundas das cacetadas da polícia. Quem sabe se isso não leva essa turma à reflexão e mudanças dos métodos reivindicatórios, cujo direito de manifestação eu tambem defendo. Quem sabe se um dia essa turma não aprende que ” L’homme c’est un apprendi et la douleur est son maître” e quando aprenderem, certamente terão certeza que mais importante do que o meio utilizado é o objetivo alcançado.

    • Esse é o ponto que sempre me preocupou, e acredito que ao Edu bem como outros amigos do blog também.

      Chegarmos a um estágio de perseguição , forçados pela onda de violência em protestos anteriores, “caçando” os organizadores de mobilizações em que supostamente haverá quebra-quebra (por meros comentários raivosos espalhados muitas vezes por agitadores das redes), é de um risco imenso à democracia participativa bem como ao próprio direito à livre manifestação, pela Constituição.

      Isso mostra o quanto entramos numa espiral de intolerância, em que os excessos dos dois lados, vão se superando. Até chegarmos a um ponto em que, mesmo manifestações pacíficas com bandeiras progressistas legítimas, poderão ser criminalizadas.

      Já que o medo e a desconfiança, estão institucionalizando uma espécie de repressão preventiva.

  5. È uma pena Eduardo. Eles estão tomados pela ‘certeza’ que possui a verdade dos fatos. E a realidade é tão mais complexa. Nestes dias vi que o Haddad deu entrevista ao Valor que havia entregue seis hospitais no último ano, mas não sai na mídia. Aí me lembrei destes grupos. Eles têm um discurso todo pronto, mas será que sabem o que ocorre de fato no país.? Duvido. È uma revolução abstrata, dislocada da realidade.

    • Por que o Haddad não publica um video na mídia como relatórios de seu governo? Em Minas sai quase todo dia propaganda do governo do PSDB, na rede Globo, em horário nobre. Afinal de contas, é proibido ou não os governos apresentarem à população informações sobre o trabalho que foram eleitos para fazer? A comunicação social do PT é péssima em todos os níveis, e assim a mídia vai fazendo crescer cada vez mais a pecha de que é corrupto, incompetente e inoperante.

  6. Desconfiança em relação ao Governo, desinformação, ingenuidade politica e um pouco por culpa do governo que não informou corretamente a população. Foi a mesma receita que causou a tola “revolta da vacina” e também causou a “revolta da Copa”….

  7. Você está ficando louco!!!!!!!!!????????? Dizer que “é até bonito” o que esse bando de filhinho de papai com instintos marginais, criminosos e cruéis, faz!!!!!!!!!????????? Pegou o verme da “romantização” desses “protestos” golpistas, que contaminou muitos que se dizem “progressistas”!!!!!!!!???????? Será que você não vê que esses merdas são fascistas que queriam dar um golpe de estado!!!!!!!!!????? Agora que eles estão sendo derrotados não é hora de ter “peninha” deles!!!!!!!!!??? POIS EU ACHO MARAVILHOSO; REPITO, MARAVILHOSO; QUE ESSES FILHINHOS DE PAPAI FIQUEM NA CADEIA, PAGANDO PELO QUE FIZERAM, E QUE FINALMENTE ESTEJAM HAVENDO AÇÕES PREVENTIVAS; PEDI MUITO POR ELAS EM MEUS COMENTÁRIOS NESTE BLOG; QUE IDENTIFIQUEM E PRENDAM ESSES SAFADOS DE FORMA PREVENTIVA, ANTES DELES DESTRUÍREM O PATRIMÔNIO PÚBLICO E PRIVADO E MATAREM PESSOAS. Antes que você ou qualquer outro me acuse de antidemocrático, informo a vocês que essas “manifestações”; as de junho e as contra a Copa, são tudo farinha do mesmo saco; têm que ser enxergadas dentro do contexto em que estão inseridas, que as gerou e com o qual se relacionam; sob pena de não se usando tal amplitude cogniciva para compreendê-las, ter-se uma visão alienada, limitada, superficial, tola e idealizada; do que realmente são, como dizia Marx ao exigir sempre a contextualização de qualquer acontecimento para tornar possível seu entendimento. Se assim o fizermos, compreenderemos que essas “manifestações” estão longe de ser um ato democrático de pessoas, ou de uma classe social específica, que manifestavam seu direito de serem contra a Copa ou contra o Governo Dilma(em se tratando das de junho, que por sinal nunca assumiram essa postura que era clara para quem ao menos as observasse de longe). Se assim o fizessem, volto a repetir, estariam exercendo um direito democrático, o qual sempre defenderei, mesmo quando usado para expressar posições que discordo. SÓ QUE AS “MANIFESTAÇÕES”, SEJA AS DE JUNHO OU AS CONTRA A COPA, NUNCA FORAM ISSO, ATOS DEMOCRÁTICOS DE UM OU MAIS GRUPOS QUE DESEJAVAM EXPOR SUAS PROPOSTAS À SOCIEDADE. NA VERDADE, TRATARAM-SE DE ATOS GOLPISTAS, QUE TINHAM A INTENÇÃO DELIBERADA DE DERRUBAR O GOVERNO DILMA E USARAM A VIOLÊNCIA NÃO COMO UM “ACIDENTE” NATURAL DECORRENTE DA VIOLÊNCIA DA POLÍCIA, MAS COMO UMA TÁTICA PENSADA E CALCULADA PARA CAUSAR ALVOROÇO E TRANSFORMAR, AOS OLHOS DO BRASIL E DO MUNDO, O QUE ERA APENAS A “INSATISFAÇÃO” DE UNS POUCOS PRIVILEGIADOS, “INSATISFEITOS” POR VEREM SEUS PRIVILÉGIOS, E PRINCIPALMENTE SEUS PRECONCEITOS, SEREM INCOMODADOS PELA MELHORA DE VIDA DE MILHÕES, NAQUILO QUE NUNCA FOI, UMA INSATISFAÇÃO GENERALIZADA DA MAIORIA DOS BRASILEIROS, QUE NÃO TINHAM E NÃO TÊM PORQUE ESTAREM INSATISFEITO COM OS GOVERNOS DO PT QUE LHES DERAM DIGNIDADE. TANTO É VERDADE QUE APESAR DE TODA A CAMPANHA MONSTRUOSA CONTRA ELA; SEJA DOS “MANIFESTADOS” , SEJA DA MÍDIA, DILMA É FAVORITÍSSIMA PARA GANHAR EM PRIMEIRO TURNO, ATÉ NAS PESQUISA DA DIREITA, QUE NECESSITAM ARMAR FRAUDES ESTATÍSTICAS ESCANDALOSAS PARA RETIRAREM ALGUNS PONTOS PERCENTUAIS QUE AINDA ASSIM A MANTÉM NA LIDERANÇA QUE, QUANDO SONDADA POR UM INSTITUTO SÉRIO, VÊ-SE QUE MANTÉM FIRME RUMO À VITÓRIA EM PRIMEIRO TURNO. Também antes que me acusem de “apoiar” a violência policial, algo que me causa nojo; é claro que sei que a polícia cometeu excessos. Mas a prova de que eles no máximo ajudaram para a concretização de algo já planejado é que, mesmo em ocasiões onde a polícia manteve-se distante, a violência dos “black bostas” apareceu do mesmo jeito. Além do que, se não basta essa prova, é só lembrarmos que qualquer um que frequente a web, e principalmente as redes sociais, sabe que esses atos golpistas já eram planejados há muito tempo e esses “planejamento” não se tratava dos tantos delírios de malucos isolados que encontramos na INTERNET. Ao contrário, era bastante organizado e consistente; ALGO QUE EVIDENTEMENTE NÃO FOI FEITO OU PENSADO POR PIRRALHOS DE FACULDADE; o que ficou ainda mais claro logo após o início das “manifestações” de junho, quando “convocações” para os atos, filmadas com produção cara e equipamentos de qualidade profissional; muitas destas “chamadas” em inglês; começaram a bombar na web com ainda mais intensidade, evidenciando o caráter profissional de seus realizadores. Se já não bastasse tudo isso, para quem só compreende as coisas se desenharmos, basta lembrar que essas “manifestações” são algo que virou uma febre no mundo; COM DETALHE DE SEMPRE SURGIREM SOMENTE EM LOCAIS EM QUE HÁ GOVERNOS CONTRÁRIOS AOS INTERESSES DOS EUA, QUE NÃO REZAM PELA CARTILHA DO CONSENSO DE WASHINGTON(NAS POUCAS VEZES EM QUE TENTARAM APARECER EM OUTROS LOCAIS, PARA COMBATER GOVERNOS QUE OS EUA APROVAVAM, FORAM INCIPIENTES E FACILMENTE DESMOBILIZADAS); E CUJO SURGIMENTO TERMINOU POR CULMINAR EM MUITOS MOMENTOS COM A QUEDA OU ENFRAQUECIMENTO DESSES GOVERNOS. Só na América Latina, “manifestações” desse tipo; sempre com pessoas oriundas das classes sociais privilegiadas ou aspirantes aos privilégio(são os piores, a classe média imbecil que não tem privilégios, mas jura que tem e se acha compactuando com os mesmos interesses dos donos do poder), apareceram na Argentina, na Venezuela, na Bolívia. POR QUE NÃO SURGIRAM NO MÉXICO, OU NO PERU, ONDE OS ÍNDICES DE POBREZA E DESEMPREGO BATEM RECORDE GRAÇAS À ADOÇÃO AO MODELO NEOLIBERAL!!!!!!!???????? OU ALGUM IMBECIL DE DIREITA, OU ESQUERDISTA “ROMANTIZADO”, VAI QUERER ME CONVENCER QUE SÓ EXISTEM MOTIVOS PARA INSATISFAÇÃO NA ARGENTINA, VENEZUELA E BOLÍVIA(PAÍSES QUE MELHORARAM AS CONDIÇÕES DE VIDA DE SUAS POPULAÇÕES), ENQUANTO QUE MÉXICO E PERU SÃO DOIS PARAÍSOS, COM SEUS INDICADORES DE DESEMPREGO E CONCENTRAÇÃO DE RENDA AUMENTANDO!!!!!!!!!??????????? E não estou sozinho em minhas conclusões. Ao contrário, elas são respaldadas por estudo do Professor Moniz Bandeira, cujo último livro é um estudo dedicado à nova tática golpista patrocinada pelo Império estadunidense pelo mundo : a de patrocinar “manifestações” violentas e golpistas dos setores sociais privilegiados dos países que possuem Governos contrários aos interesses ianques, que devido a essa postura produzem grande insatisfação nas classes sociais mais abastadas, habituais beneficiados do modelo de exploração implantado nos países subdesenvolvidos do capitalismo, destinado a enriquecer os EUA e seus apoiadores locais, ou seja, os privilegiados. Para quem não sabe, Moniz Bandeira é o maior especialista brasileiro na análise do império ianque, seu funcionamento e suas táticas para sobreviver e manter-se hegemônico. PORTANTO., NÃO VAMOS BANCAR AS VIRGENS E TRATAR AS COISAS PELO QUE NÃO SÃO PARA AGRADAR O “MANUAL”; COMO FAZEM PSOL E PSTU E OUTROS IDIOTAS(?) DE ULTRAESQUERDA. ESTAMOS FALANDO NÃO DE MANIFESTAÇÕES DEMOCRÁTICAS, QUE SÃO JUSTAS E SEMPRE DEVEMOS DEFENDER, MAS DE “MANIFESTAÇÕES”(E AS ASPAS FAZEM UMA GRANDE DIFERENÇA), OU SEJA, DE ATOS TERRORISTAS, GOLPISTAS, PATROCINADOS PELA CLASSE DOMINANTE QUE NÃO GANHA NO VOTO, E PRINCIPALMENTE APOIADOS PELOS EUA, QUE ESTÃO FAZENDO ASSIM NO MUNDO INTEIRO, SEMPRE QUE EXISTE UM GOVERNO QUE CONTRARIA OS INTERESSES DELES. POR QUE SERIA DIFERENTE AQUI, CARAS PÁLIDAS!!!!!!!!!!?????? DO MESMO JEITO QUE NO PASSADO PATROCINARAM GOLPES MILITARES EM TODOS OS LUGARES DO MUNDO EM QUE HAVIA GOVERNOS QUE OS CONTRARIAVAM(VOCÊ DEVE SE LEMBRAR BEM QUE, AO CONTRÁRIO DE HOJE QUANDO JÁ VIROU UM CONSENSO, NO PASSADO QUEM ACUSAVA OS EUA DE PATROCINAR OS GOLPES MILITARES NA AMÉRICA LATINA E NO MUNDO, ALGUNS COM ASSASSINATO DE CHEFES DE GOVERNO PELA CIA, ERA ACUSADO DE DOIDO). Acordem, não sejam irresponsáveis(qualquer um que romantiza esses safados e não os compreende de verdade, os está estimulando, e junto com eles o golpe que tentam por em prática), esses caras têm que ser combatidos na forma que escolheram, ou seja, numa guerra, como INIMIGOS DA DEMOCRACIA E DO BRASIL, POIS É ISSO O QUE ELES QUEREM, DESTRUIR A DEMOCRACIA PARA IMPOR AO BRASIL, AO SEU POVO, O PROJETO QUE SOMENTE ELES QUEREM E A MAIORIA REJEITA. Lembrando que há várias formas de se destruir a Democracia, algumas “maquiadas”, como por exemplo implantar um clima de caos no país que levasse Dilma a ficar no poder como um nada, sem força e desmoralizada para ser esmagada nas eleições. DESCULPE-ME, MAS VOLTO A DIZER QUE AS IDEIAS QUE IMPLANTOU EM SEU TEXTO SÃO UM DESSERVIÇO; BEM INTENCIONADO, MAS DESSERVIÇO, DENTRO DO MOMENTO EM QUE VIVEMOS. Esses caras têm que ser presos, seus líderes e financiadores descobertos, presos e revelada à população os verdadeiros objetivos desses merdas e principalmente quem eram seu apoiadores nacionais e estrangeiros(pode ter certeza que os barões da mídia estão envolvidos). Alguém pode alegar que há “inocentes úteis” entre eles? Primeiro que não sei até que ponto, mesmo que não conheça a “profundidade” dos planos de seus chefes, alguém que sai na ruas gritando palavrões de ódio contra Lula e Dilma(como recentemente li através do relato de uma jovem que, com o marido e o filho no carro, foi forçada a parar em uma sinal por uma “manifestação” contra a Copa), picha palavrões contra a Presidenta, ou xinga somente o PT , enquanto não apenas se cala diante dos escândalos da direita, mas agride quem pretende denunciá-los, pode ser chamado de “inocente” e segundo que, se existirem(o que duvido, conheço desde os tempos do movimento estudantil, nosso coxinhas. De inocentes não têm nada)a prisão e a responsabilização por seus atos levarão a conhecerem a verdadeira motivação dos que os guiavam e talvez sirvam para conscientizá-los sobre o que estavam fazendo em suas vidas. Manifestações de verdade estão prejudicadas nesse momento? É verdade. vivemos um momento delicado, não somente de acirramento das tensões políticas devido à eleição, mas de duas tentativas disfarçadas de golpe; em junho do ano passado e contra a Copa; derrotadas com esforço, mas que ainda podem tentar recrudescer até as eleições. Infelizmente temos que tomar nossas precauções. O importante é utilizarmos o clima de otimismo que nasce com a Copa para continuá-lo nas eleições, não somente para destruir esses merdas golpistas, mas para reconstruir o clima de normalidade que no ano que vem poderá levar as pessoas de bem às ruas para defender causas de verdade, como a democratização da mídia. Para iniciarmos o bom uso desse clima de otimismo, que tal deixar de “romantizar” quem quer nos ferrar f ferrar, acordando para as coisas como de fato são?

    • Parabéns Carlos. Faço minha suas palavras.

      • Edu,

        Sou seu fã mas concordo plenamente com as palavras do Carlos Henrique, esta é a galera dos BBBs da vida e Facebook. Antes de qualquer coisa precisam se informar e não servir de inocente útil.

        Gostaria de saber se estão presos também o o militante/assessor do PSOL (que destruiu prédio público em Brasília) e o cidadão de SP que depredou a Prefeitura de SP, e depois candidamente vem pedir desculpas e dizer que se excedeu,

        Parabéns pela objetividade Carlos Henrique…tem que enquadrar esta galera toda.

        Edu,

        Beijos e saúde para Vi.

        Abraços a todos que sempre frequentam este blog.

      • Concordo com você, pois não é possível estes grupos saindo aliciando moradores rua, carregando garrafas de gasolina e rojões e sendo incentivados a quebrar tudo que encontrar. Isto não é protesto isto é idiotice! Estes dias eu encontrei em um ônibus um Universitário votando da faculdade( uns 19 anos) falou para mim assim: Tem que quebrar tudo,tem de por fogo, tem de badernar etc e etc .Não quis nem arguir cm os seus propósitos , fiquei só observando a sua ignorância, pois um jovem de 19 anos Universitário com estes planos, com que intuito??? Quais são suas finalidades.A Polícia tem que prender estes vagabundos que incitam os os outros através das Redes sociais e descer-lhes o “Bambú”

        • O nó é que quando a repressão graça, quem vai em cana é o Fábio Hideki Harano, o professor Celso Lusvarghi, etc…

          A juventude “pós pau de arara”, que se envolve sem nem saber porque protesta, é massa de manobra que interessa à casa grande, que aproveita para tirar da cena quem na verdade representa real perigo para o status quo: a minoria de fato consciente.

          Enfim, Dirceus e Genoínos são escolhidos a dedo.

    • Espetacular Carlos Henrique! Concordo inteiramente com tudo o que você disse. É bom esses bobalhões botarem as barbas de molho. Estão pensando que vão enrolar todo mundo como fizeram na Tunísia, na Líbia, no Egito, na Síria, na Ucrânia e tentaram (e tentam) na Venezuela, na Argentina, na Bolívia etc., com os resultados que conhecemos, mas já deu para perceber que aqui não vai ser tão mole não.

    • Sua análise atualiza a série de questões que vivemos neste momento. Concordo plenamente com as estratégias golpistas postas em movimento. Tive muitos dias de muito medo. Aquelas greves oportunistas e a pressão da mídia sobre o govêrno, sobre a sociedade e sem entendimento do que ocorria. Tive muito medo. Os blogs sujos, inclusive este através do qual conversamos, cumprem um grande papel neste momento. Volto a dizer sua análise preenche os vãos do nosso raciocínio. Ninguem tem o direito de ser ingênuo diante dos fatos que nos cercam. Vou comprar e ler o livro do Moniz Bandeira porque quero argumentar com conhecimento de causa o papel nocivo, infame dos EU ao instigar movimentos contra governos democraticamente eleitos. Esses sujeitos belicistas como são nunca me enganaram.

    • BRILHANTE,

    • Parabéns Carlos. Assino embaixo!!!!!

    • Caro Carlos Henrique,
      Concordo integralmente com todo o seu comentário. Especialmente quando você questiona: ” porque essas manifestações não aconteceram em países nos quais os governos são neoliberais?” Seu comentário é tão completo que me abstenho de fazer comentários sobre a violência dessa horda!
      Abraço
      Maria Antônia

    • Parabéns Carlos, concordo inteiramente com tudo o que você disse.

    • Com todo o respeito ao honrado blogueiro, mas desta vez o comentário saiu melhor que o texto.
      Parabéns, Carlos Henrique!

    • Carlos Henrique, concordo plenamente com você.

  8. LI QUE O LULA DISSE: “O JAPÃO AINDA ESTARIA NA COPA SE NAO PENSASSE Só EM EDUCAÇÃO E SAÚDE”. ME DESCULPEM, NAO POSSO CONCORDAR COM ESSA DO LULA! EDUCAÇÃO E SAÚDE DEVEM FICAR EM PRIMEIRO LUGAR; POR ESSAS E OUTRAS QUE DESSA VEZ NAO VOU VOTAR MAIS NO PT.

  9. Prezado Eduardo:

    Na minha opinião emitida às 08:36, onde se lê ………manifestações pacíficas outros todos ganham em vez de apanharem da polícia…….. leia-se manifestações pacíficas onde todos ganham em vez de apanharem da polícia……

  10. Mas estão todos sendo recebidos pelo alto escalão do governo . Carvalho que o diga

    • Do jeito que Reinsldo Azevedo fala – e você papagaia – parece que Gilberto Carvalho se reuniu com os bb’s para homenageá-los. Houve uma tentativa de diálogo

    • Ah, você captou a essência que as pessoas racionais não conseguimos captar!!! São os governos (Dilma-Haddad) que propiciam os protestos para assim ter uma eleição mais emocionante já que sem eles a Dilma ganhava fácil, fácil….e também serviria para justificar a fracasso retumbante da Copa.

  11. “Jovens ativistas” de 29 e 26 anos?
    Eu nessa idade já trabalhava há pelo menos 12 anos. E era mãe com família assumida.
    Estudante com essa idade?
    Acredite quem quiser.
    Pelas fotos dá para ver que ali existem profissionais da baderna.
    ” Si hay gobierno, soy contra”. Esse é o lema.

  12. Eduardo,
    a pressão do partido oposicionista ao governo, o PIG partido da imprensa deu nisso,
    muita gente tangida pela manipulação da mídia a protestar contra o que mesmo?
    A sim, contra o “golpe comunista”.
    É ridículo, mas em grande parte é verdade!
    Lamento pelas crianças que foram roubadas nessa copa. Nas outras que assisti, (foram muitas) o que se via era uma festa das crianças, uma noção e um lampejo de brasilidade, camisetas de times e brasileiras, ruas decoradas, bandeiras nas janelas e festas a cada vitória. Mal terminados os jogos os petizes corriam à rua com suas bolas a se transformar no próximo Pelé, Zico, Garrincha e tantos outros craques em que o Brasil é pródigo.
    Mesmo que a copa fosse do outro lado do mundo, de madrugada, havia a festa.
    Hoje o pais faz a “Copa das Copas” e a apatia reina!!! Muitos se dizendo roubados no seu dinheiro em obras superfaturadas na visão distorcida de jornalistas “rolabosta”.
    Sinal vermelho para o governo que continua distribuindo dinheiro para mídia infame, que não “mostra o DARF” e luta a cada minuto contra o interêsse dos brasileiros.
    Tomara os setores populares reelejam a Presidenta a despeito da pressão ilegítima e tendenciosa da mídia.
    Dilma, reeleita terá que rever a sua comunicação com o povo. De preferência sem comparecer a aulas culinárias no plim plim, sem receber marinhozinhos no palácio (que fale com o sub do sub!), e sem ignorar os resistentes blogueiros progressistas!
    Torço muito para que o Brasil ganhe a competição. Nem tanto pela taça, mais pela festa popular. E para ver a cara “quebrada”dos anti-Brasil.

  13. Caro Eduardo,

    Não esqueçamos de que após a Copa, outra jornada se iniciará. Respiraremos eleições 25 horas por dia até Outubro. E caso alguém não tenha percebido, as medidas tomadas pela polícia no caso dos manifestantes impedidos de saírem nos dias de jogos, etc… é algo que resulta de um esforço ”mínimo ” da polícia civil, pois nesses casos, é a ”inteligência”da polícia que age. Mas age neste momento porque o atual governador permitiu que a polícia assim o fizesse pois o pleito se aproxima e o mesmo quer sair bem na foto. Entenderam a equação? As ferramentas existem para que as manifestações sejam ”melhores”. Acontece, que até o momento não vinham atingindo o governo estadual, do PSDB, como passou a arranhar ultimamente. Até o mundo mineral já acordou para os fatos.

    Quanto as nossas manifestações, Edu, que sejamos então prudentes em nosso futuro churrascão, pois poderíamos ser visitados por alguns dos representantes citados acima.

    Douglas Quina
    Mogi Guaçu – SP

  14. Seja qualquer resultado do jogo hoje, vamos continuar fazendo o nosso papel de melhor e mais carinhoso povo do mundo, recebendo e tratando bem os turistas na nossa casa.

    • Já passamos vamos em frente Brasil para o HEXA 2014. Por enquanto foi nos pênaltis, vamos jogar mais e ganhar o HEXA.

  15. Edu, concordo com o texto, porem, percebi um certo viés de bom mocismo.
    Não existe fórmula pronta pra enfrentar brucutus violentos inseridos na sociedade.

  16. Pois é, parece que agora a PM vai sovar a massa de manobra que a direita -com uma mãozinha da esquerda- preparou…

  17. Lá vai eu discordar do meu guru em política: Coquetéis molotov na mochila: Cadeia!

  18. A idéia, Edu, sempre, foi melar a Copa. Se não conseguissem impedi-la, que pelo menos a tornassem um estorvo para o país e que os brasileiros, por mais que amem futebol, desejassem que terminasse o mais rápido possível.
    Culpa de quem? Do Lula, claro, o “analfabeto megalomaníaco”. Assim, o PT perderia a eleição e ficaria muitos anos fora do poder.
    Essa era a intensão da direita, com o apoio esquizofrênico da mídia, que quer estraçalhar o governo, mas ganha muita grana com a Copa.
    Mas isso não aconteceu e estão todos curtindo e ganhando dinheiro. E na hora H, deixaram os meninos na mão, sendo facilmente reprimidos, até com violência, pela polícia.
    Viu o Bonner no JN ontem? Viu o que agora falam o Faustão e o Ronaldo? Pois é

    • Eles que só jogavam contra a Copa se dizem hoje a favor da Copa não suporto estes citados.

  19. Esses protestos contra a Copa, na minha opinião, teriam sido natimortos se a mídia não lhes desse tanta repercussão e até incentivo. E tenho certeza de que partidos políticos da esquerda “desvairada” e da direita hipócrita estão por trás do que restou. Aos governos compete permiti-los, sem restrições não previstas em lei, mas a polícia deve vigiá-los de perto. Quanto ao Ministro reunir-se com os bb’s, considero uma iniciativa interessante, para saber o que eles pensam. Discordo, porém, de ele fazer propaganda dessa reunião com os bandidos (sim, para mim, são bandidos). Dá matéria para imbecis e mal intencionados desvirtuarem a iniciativa.

    • Admiro muito o senador Eduardo Suplicy o jogo anterior do Brasil contra o México ele citou na TV Senado ter assistido o jogo juntamente com a família do rapaz que anteriormente teria sido identificado pelos pais no protesto e o pai temendo por sua integridade física foi resgatá-lo. O rapaz tem 16 anos estava mascarado, na semana seguinte assisti o Fantástico imaginado que veria o que vi. Os pais todos dois trabalhadores segundo a mãe já havia participado do protesto pela categoria já que ela é professora não citou que o filho a acompanhou ele mesmo mascarado foi identificado pelos pais que exigiram que fosse para casa e ele que dizia pedir mais saúde e educação, o pai citou que ele fosse trabalhar já que ele que o bancava em todas as suas necessidades primordiais, plano de saúde e escola. No final a mensagem que o Fantástico deixou clara foi que segundo ele ia continuar participando de tais atos.

  20. Concordo em parte com a análise do Carlos Henrique, porém, discordo quando inclui os acontecimentos de junho de 2013 como algo manipulado, pois considero como fato totalmente atípico, por reivindicações justas, mesmo não tendo nas manifestações um foco específico, demonstrou-se insatisfação geral com a classe política. Ficou claro que a grande mídia buscou pegar carona nos protestos de junho, tanto que tinha de tudo nas manifestações, inclusive muito protestos contra a grande mídia, porém, ela enfatizava o que lhe interessava, e focava na plaquinha bem pequena contra a copa e dizia que alguns protestos eram contra os gastos da copa. A presidenta Dilma chamou para si a responsabilidade para procurar responder aos clamores do povo, por isso, seria natural que sofresse desgaste. Com relação ao comentário do Rafael sobre o ex-presidente LULA,vejo que às vezes o LULA é infeliz nas suas colocações, coisas de quem fala muito, porém, é um gênio, fala para o povo como ninguém. O mais importantes não são as besteiras que as vezes fala, mas, são os seus compromissos com o povo Brasileiro, todos muito nobres.

  21. Edu,

    Não vi nenhuma histeria quando descobriram que a filha de FHC, Luciana Cardoso, estivera por longos anos recebendo salários no Senado, sem nunca aparecer por lá, pendurada no cabide do Senador Heráclito Fortes (DEM/PI). E quem revelou foi a própria Folha. Durante o governo FHC, a RBS conseguiu junto ao Banco do Brasil um empréstimo que a área técnica do banco negara. Foi liberado por ordens de Brasília. Quando o PSDB foi apeado, Pedro Parente foi contratado pela RBS. Ninguém perguntou o que ele entendia de mídia, nem quanto ele ganhava da RBS. Mas se sabe que foi um dos artífices da Medida Provisória nº 70 que alterou as regras da radiodifusão, beneficiando a RBS.
    Esses xaropes pau-mandados, nunca forem protestar contra essa e outras tucanadas

  22. Os mascarados, black blocos, anônimos e os policiais infiltrados, ferozes, instigando a violência na linha de frente. Quanto pior melhor. Servem para desmobilizar as manifestações legítimas e justificar a truculência da Polícia Militar contra o povo. Atendem aos interesses de uma “elite” ignorante, egoísta, sem discurso, que não ganhará as eleições de outubro, na hora das urnas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  23. Fora de Pauta:

    será que foi um petista ou alguém do Serra que fez isso com o Aécio? kkkkkk !!

    http://a.disquscdn.com/uploads/mediaembed/images/1121/33/original.jpg

  24. Os incentivadores desses protestos e suas cobaias ainda vão provocar confrontos sérios com a população. O que ocorreu com essa moça no metrô, poderá se repetir ,uma vez que as pessoas em sua maioria estão contra os protestos ,pois já entenderam qual seu real objetivo e não aceitam ter seus direitos violados por esses baderneiros.

    • Entre tantos outras coisas que eles cometem os baderneiros nestes atos conscientes ou inconscientes um erro gravíssimo que considero é impedir o trabalhador de se dirigir que seja ao trabalho ou para o descanso depois de um dia de trabalho. Além de prejudicar o país que muitos estão pouco se lixando estão prejudicando o trabalhador brasileiro.

  25. um bando de alienado que é contra a manifestação da copa, se é contra então por favor acabe com a fome desemprego falta de remédios etc. não passa de um burgues safado que é contra a manifestação uns ainda tem a coragem de demonstrar a tamanha alienação dizendo ontem eu vi na TV, ridículo alienado totalmente pessoas como você nem deve ter o direito moral de opinar, o pior é um titulo da matéria que diz o mal das manifestação que me faz fazer uma pergunta ganho quanto pra promover um pensamento como este quanto o a burguesia lhe pago ? seu vendido amoral, sua morte assim como sua inexistência é um favor para toda a forma de vida deste planeta.

    • Caro Edu,

      O post do Ginco acabou de provar o seu ponto. São completamente intolerantes, hidrofóbicos e, ao que parece, homicidas. Como dialogar com gente assim?

      • Isso!
        Na democracia black bosta, só que tem “autoridade moral para opinar” são eles, e “opinam” da forma como temos visto, quebrando tudo o que encontram pela frente, de lixeiras “burguesas” a “burgueses” pontos de ônibus!

      • Relaxa Andréa. Este eh apenas mais um adolescentezinho que fica de bla bla bla na internet. Se o pai descobre que fica fazendo algazarra na rua, toma uma surra e fica duas semanas sem o video game/ pc.

    • o seu ódio e sua arrogância faz com que fale estas coisas, meu caro e é claro que você não tem disposição nenhuma para o diálogo e para o entendimento…

  26. Edu,

    Parabéns por não culpar as oposições. Lembre-se que o DNA dos black blocs vem do PT, de outros tempos.Vide Mario Covas. Todos, o que conheço, blogs da oposição, são contra este tipo de movimento que está ocorrendo agora.

  27. Essas manifestações não são espontâneas. Juntaram-se a extrema esquerda (PSOL- PSTU ) com a Direita (PSDB + DEM +PPS ) + PIG + coxinhas… Tudo é combinado. Sabem que suas propostas não são aceitas pela maioria que melhorou de vida…por isso, tentam, outros meios…

    • A inteligência já deveria ter se pronunciado com provas sobre atos que acredito também ser atos patrocinados e se não for por políticos por traficantes. A estratégia é ir contra todos os avanços feitos pelo PT começando com o ex-presidente LULA e dando continuidade com a Presidenta DILMA, pena que para isso ser conquistado tenha que se unir com alianças de outros partidos, já que é do conhecimento que tudo que se é aprovado tem que se ter maioria, senão não sai do papel.

  28. Edu, entendo sua preocupação quanto a “…A polícia está intimidando pessoas que promovem protestos contra a Copa. Prende em casa e leva para a delegacia antes de promoverem atos, preferencialmente, nos dias de jogo do Brasil.”…., mas gostaria de levantar aqui um questionamento talvez polêmico…

    Já faz alguns anos que estamos (enquanto sociedade) sendo “doutrinados” conceitualmente/juridicamente para aceitarmos/convivermos com o conceito da “presunção da culpa” ao invés da “presunção da inocênica”.

    Afinal, qual é o conceito da “Teoria do Domínio do Fato (usado no julgamento da AP 470?) ou da “Lei seca”???? Foi e está sendo insistentemente colocado o conceito de “não tem como não saber” ou “assumir o risco de (no caso da Lei Seca)”, mesmo que você não tenha participado e/ou se envolvido em ato criminoso ou acidente de trânsito.

    De maneira bem simplória, se aceitarmos e deixarmos prosperar tais conceitos (da presunção da culpa), corremos o risco de sermos (enquanto sociedade) TODOS presos, pois no final das contas somos todos “potenciais assassinos”, CAPAZES de matar (pelos mais variados motivos – justificáveis ou não), mesmo que NUNCA cheguemos a cometer algum crime/delito.

    Este seria um bom debate ou tema de reflexão???

    Abraços,

    JS – RJ

  29. Não acho que quebradeira mereça ser encarada como manifestação.Como vc bem colocou suas manifestações foram duras porém ordeiras.Assim, de minha parte eu elogio o trabalho da inteligência da polícia que vem prendendo “organizadores” e “promotores” de quebradeira em casa antres mesmo de “se manifestar”.Agradecem também os proprietários de carros, lojas, ou qualquer outro patrimônio particular que esteja no caminho desses alucinados.Quanto aos garotos presos só tenho uma coisa a dizer e infelizmente tenho que coxinhar nesse momento, fazendo alusão aquela escrota da Shierazeite:-Tá com pena? leva pra casa!!!!!!!……bem feito pra eles, se tivessem em casa não estariam presos.Dessa cambada não tem que ter dó não……grade neles pra largarem de serem besta.

  30. Não dá para romancear com esse pessoal Edu. O Carlos Henrique está coberto de razão. Os BBs são externamente (e internamente) financiados para estabelecer a violência como uma regra e destruir qualquer governo trabalhista e democraticamente eleito, principalmente quem está de fato mudando o Brasil através de uma forte aliança de Centro-Esquerda, liderada pelo PT. O final desejado seria o Brasil virar um Egito, Líbia, Tailândia ou Ucrânia. São fascistas e controlados de fora. A escolha do Brasil é devido a geopolítica, mais precisamente, a importância que o Brasil tem para defender as democracias na América do Sul. E já havíamos discutido isso no passado, durante as manifestações de junho. O povo brasileiro na sua “sabedoria pacata” sentiu que a violência adotada como tática por essas gente era algo anormal, mesmo sem saber explicar tintim por tintim suas causas. Daí o recuo. Foi a nossa sorte. Agora é hora da inteligência agir (se é que ela existe) e enquadrar esse pessoal, pois vão continuar atanazando a sociedade brasileira e se possível tornando refém a nossa democracia.

  31. … “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” *** * Joseph Pulitzer. … … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” *** * Malcolm X. … … … Ley de Medios Já ! ! ! . . . … … … …

  32. “O mal incrível que os protestos contra a Copa fizeram ao Brasil”. … “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” *** * Joseph Pulitzer. … … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” *** * Malcolm X. … … … Ley de Medios Já ! ! ! . . . … … … …

  33. “O mal incrível que os protestos contra a Copa fizeram ao Brasil”: “tudo isso pode, sim, se voltar inclusive contra quem exerce de forma democrática e cidadã o direito constitucional de protestar na rua.”. … “Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma” *** * Joseph Pulitzer. … … “Se você não for cuidadoso(a), os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” *** * Malcolm X. … … … Ley de Medios Já ! ! ! . . . … … … …

  34. Protestos deveriam ser consequência da organização da sociedade. Como é o caso dos protestos do Movimento dos Sem Mídia. A violência dos mascarados não vem de organizações populares, mas de financiamentos obscuros.

    Aliás, o tal do “anonymous” — que age em sintonia com os mascarados — teve ajuda do FBI para invadir sites brasileiros (http://tijolaco.com.br/blog/?p=18066). Como fica a cara de certos jornalistas “de esquerda” que bateram palmas para essa gente?

  35. O seu post para mim é muito pertinente, Edu. Estive presente naquele protesto em frente à Folha contra a ditadura dos Frias que juntamente com a Globo tentou, e até obteve êxito significativo, em transformar a tortura da qual foram cúmplices, em “ditabranda”. Também estivemos (compareci) ao MASP para protestar contra a figura daquele que PHA chamava à época de Supremo Presidente do Supremo, Gilmar Mendes. Este último, com seu estilo de debochar das manifestações democráticas que lhe eram contrárias ironizou a nossa participação, com o supremo amparo e valorização da nefasta rede Globo, alardeando que não enchíamos uma Kombi.

    Sou absolutamente contrário a se depredar ou destruir o patrimônio público ou privado. A aniquilação e doação pelos que querem voltar, os neoliberais tupiniquins (a pior das espécies de escravistas e sanguessugas do dinheiro público) em troca de propinas de tudo o que foi construído com o dinheiro da maior parte dos impostos pagos pela grande maioria, especialmente os mais pobres (rico neste país não paga imposto, sonega e os mercenários ou blak blocs utilizáveis não protestam contra isto) , inclui-se nesta minha visão. A sonegação no Brasil (não seria verdade sr. Skaf?) alcança o dobro do valor de US$ 250 bi que a Petrobrás investirá para transformar em nosso o mar de petróleo dos megacampos do pré-sal. A elite brasileira, na contra mão, possui megacampos de dinheiro sonegado e roubado em paraísos fiscais, enquanto quem está preso é o Genoino.

    Sou amplamente a favor de uma democracia participativa de verdade. No Brasil o que temos são uma mídia golpista, venal e de viés ditatorial, serviçal dos interesses transnacionais e instrumento do “softpower” de dominação americana. Para piorar, conta a nossa incipiente democracia com uma oposição de colarinho branco, comprovadamente corrupta, entreguista e sem quaisquer propostas que se salvem ou que possam constar de um compromisso escrito e registrado em cartório.

    Toda esta tentativa de desestabilização vem de fora e encontra eco em uma elite pior que safada, contraproducente. O que está em jogo tem um nome: PETRÓLEO. Ontem era o megapoço de Libra e hoje o super megapoço de Búzios, capaz de sozinho produzir tanto petróleo quanto produzia até há pouco o país.
    Li que o dono do e-Bay investiu do próprio bolso US$ 1 bilhão na desestabilização da Ucrãnia. Puseram até neonazis no poder para cercarem a Rússia. O interesse estratégico de dominação americana passa pela Síria, Venezuela e quem quiser que acredite nos falsos motivos da invasão do Iraque. O que está em jogo é o nosso Petróleo.
    Votar contra um governo nacionalista, a esta altura, é atirar nos próprios pés. E os EUA, que nos espionam e não abrirão mão deste nosso petróleo, estão a servir-se, por enquanto, de uma mídia apátrida, cujos donos só produzem desinformação e desfrutam um patrimônio em valor proporcional próximo do que vale a Petrobrás com seus 68 mil empregados e a produzir 2 milhões de barris/dia de óleo.

    Depois da Copa virão os quebra-quebras, a mídia a insuflar o golpe para atender aos patrões yankees enquanto estufa com mais dinheiro os bolsos de seus donos. Os EUA ainda mandam em nós, através dos seus tentáculos midiáticos (os 4 cavaleiros do Apocalipse), de um Judiciário cooptado ( êta JB ou John Beam) de uma elite preguiçosa e lambe botas de gringo e de uma classe política, hoje na oposição, da lavra dos maiores traidores da pátria.

    As eleições que aí virão serão as mais difíceis. O Golpe Entreguista está a galope. Deus salve o nosso país, tão saqueado ao longo dos séculos pelos corsários colonialistas, e que proteja o futuro dos nossos filhos e netos das garras da rapina estrangeira e interna e da abominável camarilha dos 4.

  36. A Grande Mídia no Brasil reivindica para si o direito de
    MENTIR e MANIPULAR, e chama isto de Liberdade de Imprensa.

  37. Edu, o culpado é o PIG, está mídia que trai o país!

  38. .
    .
    Alguém sabe me dizer o porquê do desespero da midia brasileira (principalmente da Globo) em tentar calar o grito da torcida brasileira: “Eu sou brasileiro, com muito orgulho, com muito amor”

    Chega a ser cômico a força feita pela mídia em tentar emplacar musiquinhas para a Copa e ao mesmo tempo, dizer que esse grito, espontâneo e magnífico, de autoafirmação do povo brasileiro, seja enfadonho.

    A mídia ainda não entendeu que ela perdeu de g-o-l-e-a-d-a o jogo político da Copa.
    Ela tenta manipular, mas já não tem mais forças !!!
    O povo agora faz o que quer !!!
    Xô urubuzada da mídia !!!

    A torcida brasileira só não pode fazer feio, vaiando o hino das seleções adversárias, como fez a torcida em MG, no jogo Brasil x Chile. O Hino e a bandeira dos países estrangeiros merecem todo o respeito do povo brasileiro.

    Se essa mesma torcida esta sendo elogiada, mundo afora, por cantar a pleno pulmões o hino nacional, ao mesmo tempo, ao vaiar o hino das outras seleções ela passa a imagem de ser sem educação, incivilizada e grosseira.

    Coxinhas…por favor, não envergonhem mais o Brasil.
    Não vaiem o hino dos adversários!

  39. Deixa de pachecagem! O único “mal” que os protestos causaram foi o medo de perda de votos do governo e perda de receitas dos patrocinadores. O resto é conversa mole pra boi dormir.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.