Diogo Mainardi paga mico na Globo News

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

 

Espalhou-se pela internet entrevista que a empresária paulista Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues, atual presidente da rede de varejo Magazine Luiza, concedeu ao programa Manhattan Connection, da Globo News, e que foi ao ar na noite do último domingo.

Para o apresentador Lucas Mendes, a empresária é “Simplesmente Luiza”, pois “Assim ela é tratada pela presidente Dilma Rousseff e pelos próprios faxineiros” – supõe-se que de sua empresa.

Mendes qualificou Luiza como “Um fenômeno do comércio brasileiro pelas vendas e pela gestão” e, em sua primeira pergunta a ela, deu ao telespectador a impressão de que tinha diante de si um tipo raro de empresária, o tipo otimista.

Atente para a pergunta de Mendes, leitor. Deixa clara a razão pela qual a empresária foi convidada para um programa cujo objetivo, há anos, tem sido espalhar pessimismo com o Brasil.

Lucas Mendes: “Você não esconde seu otimismo pelo Brasil, nem pela outra presidente, e diz que a culpa desse pessimismo é nossa, da imprensa. Eu acho que esse economista sentado aí do seu lado discorda”.

Uau! Pensei que sobreviria um massacre. Até porque, Luiza é uma mulher de modos simples. Tem aquele sotaque meio caipira do interior paulista, fala um português coloquial, pois, apesar de ter nascido na capital, sua tia – também Luiza, de quem herdou o negócio – fundou em Franca, interior de São Paulo, a primeira loja da rede que a sobrinha edificaria.

O tal economista que parecia que iria demolir as posições de Luiza foi o também apresentador do programa Ricardo Amorim. Porém, a expectativa se frustrou. Perguntou apenas se o seu colega Caio Blinder, que na semana passada dissera que “O varejo brasileiro está em crise”, tinha razão.

Luiza, obviamente, disse que não. Citou dados do IDV (Instituto de Desenvolvimento do Varejo). Segundo o instituto, o comércio varejista brasileiro cresceu 5,9% em 2013 e só as redes de lojas vinculadas a esse instituto geraram 631 mil empregos.

Luiza ainda teve que explicar ao já titubeante Blinder que o Brasil é “Diferente dos Estados Unidos”. Nessa explicação, a vitoriosa empresária teve que fazer ver ao jornalista o que tem sido dito exaustivamente neste blog, que o atual modelo de desenvolvimento brasileiro, hoje intrinsecamente baseado no consumo de massas, não pode estar esgotado em um país em que apenas 7% ou 8% do povo têm televisão de tela plana, em que apenas 54% têm máquina de lavar…

Enfim, Luiza teve que explicar que, com tanto brasileiro sem produtos que nos EUA qualquer um tem, o modelo de consumo de massas não pode estar “esgotado”.

Blinder, meio atônito com a aula que recebeu de uma empresária que transformou uma pequena loja do interior de São Paulo numa holding que compete hoje com as grandes redes de varejo brasileiras, balbuciou alguma coisa sobre “bolha de consumo” e foi perguntar sobre “rolezinhos”.

Mais adiante, insatisfeito, Lucas Mendes passou a bola a ele, ao próprio, a ninguém mais, ninguém menos do que o “temível” Diogo Mainardi. Seria ele que conseguiria mostrar que aquela mega empresária tão otimista com o país não sabe o que fala?

Antes de prosseguir, devo dizer que esse programa praticou uma covardia. Não se coloca para debater economia pessoas que não têm o mesmo preparo.

Detalhe: a covardia foi com Mendes, Amorim, Blinder e Mainardi.

O expatriado em Veneza – sabe Deus por que – foi logo vestindo aquele seu pretenso estilo irônico, irreverente, desassombrado, mas que não passa de pretensão porque tal estilo requer atributos intelectuais que ele, ao longo do programa, deixou ver que não tem.

Em tom professoral, Mainardi começou a “explicar” a uma empresária desse quilate que “Todos os fatores que determinaram o crescimento do varejo” e que ela acabara de citar a Blinder teriam “Murchado” porque “Os juros estão subindo, o crédito diminui, a inadimplência aumentou pelo segundo ano consecutivo” etc., etc.

E tascou uma pergunta insolente, em sua tática de tentar intimidar quem não tinha condição: “Quando é que você vai vender suas lojas para a Amazon?”.

Luiza, com o semblante sério, questionou as informações que Mainardi acabara de divulgar e prometeu lhe passar os dados corretos por e-mail. Começou dizendo que “A inadimplência está totalmente sob controle”. Nesse momento, ouve-se sorriso de deboche de Mainardi, que a interrompe: “Aumentou em 2012 e aumentou em 2013”.

Mostrando concentração, Luiza desmentiu o interlocutor: “Não! O que o que aumentou foi a inadimplência geral focada”. Explicou que a inadimplência no varejo não aumentou, diminuiu. E que nunca tivemos, no Brasil, um índice de inadimplência tão bom quanto em 2013.

Mainardi insiste: “Na sua loja…

Luiza rebate: “Não, não é na minha loja, é no Brasil”.

Mainardi não se dá por vencido e diz que os dados “da Serasa” seriam “diferentes”. Novamente, Luiza diz que ele está errado e que vai lhe passar os dados corretos.

A segunda parte desse debate que me é mais cara foi ela ter dito um fato mais do que evidente, mas que ninguém consegue dizer na grande imprensa. A declaração textual de Luiza, que vou reproduzir abaixo, tem sido repetida à exaustão neste blog:

Como é que fala que a bolha acabou? Nós precisaremos construir 23 milhões de [unidades do programa] Minha Casa Minha Vida pro brasileiro ter um nível social adequado aos países desenvolvidos. Como que a gente fala que é bolha? Bolha são 23 milhões de casas para 23 milhões de pessoas que mora (sic) com o sogro, com a sogra pagando 400 reais de aluguel. Nós tivemos três década perdida (sic)”.

Luiza volta a prometer a Mainardi que irá lhe enviar os dados da inadimplência por email, ao que ele responde com um sorriso debochado e com a petulante frase “Me poupe (sic), Luiza”.

Aquela que o colega de Mainardi disse, no início do programa, ser “Um fenômeno do comércio brasileiro pelas vendas e pela gestão” não se abalou e continuou ensinando ao insolente especialista em nada que ninguém ia comprar suas lojas. E lhe deu mais algumas explicações técnicas sobre as mudanças que poderão ocorrer no mercado nos próximos anos e sobre como suas empresas irão enfrentá-las.

A artilharia contra Luiza ainda tentou prosseguir. Amorim, o economista, deu como “prova” do “desastre” que vive anunciando que as grandes redes de varejo brasileiras não figuram entre as maiores do mundo…

Foi aí que Luiza matou a pau explicando que o varejo no Brasil não era nada até “cinco, seis anos atrás”, que era “muito esquecido”, e que ainda está “engatinhando”, o que, claro, desmonta a tese de “esgotamento” do modelo de consumo de massas.

Amorim, o economista, ficou caladinho.

Foi nesse momento que Mendes, possivelmente após ter consultado a produção do programa, reconheceu que Luiza tem razão na questão da inadimplência. E mudou para assunto mais ameno.

De fato, Luiza tem razão. A inadimplência “focada” que ela admitiu a Mainardi que subiu é a inadimplência seca, que não leva em conta fatores sazonais. É a que mede a Serasa de Mainardi. São, porém, dados brutos.

Há que levar em conta, por exemplo, que naquela determinada época do ano há sempre um aumento da inadimplência. Se não se levar esse fator em conta realmente a taxa será considerada em alta, mas não é assim que os dados devem ser interpretados.

Para esclarecer melhor, vale ler, abaixo, trecho de boletim da Boa Vista Serviços, administradora do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

—–

Inadimplência cai 0,4% em 2013

13 janeiro, 2014

Os registros de inadimplência caíram 0,4% em 2013, em todo o país, conforme apuração da Boa Vista Serviços, administradora do SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Em dezembro, contra novembro de 2013, houve redução de 4,5%,  descontados os efeitos sazonais.

Ao longo dos primeiros seis meses de 2013, os registros de inadimplência mantiveram a queda iniciada no final de 2012. Entretanto, a partir do segundo semestre, após uma reversão temporária desta tendência, o indicador encerrou o ano em queda, com nível menor que o registrado em dezembro do ano anterior.

A melhoria do quadro da inadimplência pode ser justificada pela continuidade de fatores como aumento dos rendimentos reais, baixo desemprego, queda dos juros (*), entre outros. Além disso, em 2013 houve um grande ajuste do mercado de crédito, tornando-o mais saudável, com credores mais seletivos e consumidores mais cautelosos (…)

—–

Como se vê, Mainardi disse bobagem – que a inadimplência aumentou pelo segundo ano consecutivo. A matéria da Boa Vista mostra que a inadimplência aumentou em 2012, mas caiu no ano passado. Mainardi pagou um mico.

Esse fato é extremamente eloquente porque deixa ver a falta de compromisso dessa mídia terrorista com os fatos. Põe gente que não entende nada do mercado para dizer o que o patrão quer que seja dito e o expectador desavisado compra como se fosse fato.

Fato mesmo é que ri muito ao ver a incrível Luiza surrar verbalmente Diogo Mainardi. Ria sozinho. Não só pelo que ela disse – e que reproduzi acima –, mas pela forma como disse – com sua linguagem coloquial e despretensiosa.

Toda essa conversa durou, mais ou menos, uns 15 minutos. Vale muito a pena assistir. Abaixo, o vídeo em canal alternativo, pois a Globo mandou retirar do You Tube a versão acessível por la


Globo News 20_01_2014 – Luiza Trajano por Qual_E_News

Tags: , , , ,

491 Comentário

  1. O fato que esse pessoal não conhece a realidade do Brasil ,
    a realidade e diferente da ponte pra cá

  2. Pra mim não foi um “mico”, Eduguim e, sim, um tremendo orangotango; aliás, mais um, de tantos.

  3. Não acho um mico desse tamanho que o blog tenta pintar… aliás é preciso tomar cuidado para não se usar das mesmas estratégias de manipulação e acabar fazendo o jogo sujo da mídia patronal brasileira… mas, enfim, é muito extasiante ver o pomposo Diogo Mainardi tomar um cala a boca da Dona Luiza, a “irmã perdida da Inesita Barroso” hahaha
    Essa vale ser lembrada pra sempre!!

    • Concordo com voce, Robério!

    • kkkkk… de fato o diogo tomou uma coça da dona luiza. Dessa eu nao esqueco mais. A cada coisa q leio por ai, fico com mais medo de ser extremista, seja de direita ou de esquerda

    • Concordo o blog está sendo tendencioso.

    • Concordo c/ vc Robério….

      • Mainardi ralmente tentou debochar e foi indelicado . Os outros nao , gente! Foram muito educados e esbanjaram sorrisos com a Luiza, tao simpatica! Se o programa fosse assim tao manipulador, nao se admitiria pessimista tao claramente, eu acho… brincando com isso, e ela tao animada com seu lado copo cheio, num dialogo agradavel e ameno – exceto, claro, pela petulancia e grosseiria de mainadri, que foi, sim, desmoralizado…

  4. A globonews ja conhecemos. A Luiza é pt. Fogo ou frigideira? Me fale nas eleições.

  5. A globonews ja conhecemos. A Luiza é pt. Fogo ou frigideira? Vote com consciência.

  6. Você ainda vende para o exterior?

  7. Diego Mainardi é, realmente, a personificação do copo vazio. Um pessimista ARROGANTE que cospe qualquer aspecto negativo brasileiro sem embasamento. Tomou uma surra dessa elegante e sensacional empreendedora brasileira.

    • Bom, seu comentário deixa nítido apenas uma coisa: acho o Mainardi arrogante. Típico.

    • Ontem o Diogo Mainardi ao entrevistar FHC ele fez a seguinte pergunta ao ex presidente…
      Qualquer bla bla bla e então defeca pela boca a seguinte frase….”… promete que vc vai derrubara a Dilma…”
      Até o FHC ficou envergonhado.

      Frasezinha muito chinelona, tipico de um bocaberta.

  8. Tiraram do YouTube, mas já se espalhou pela internet… Globo bobinha…

    http://www.dailymotion.com/video/x1a4w4z_globo-news-20-01-2014-luiza-trajano_news

  9. Claro que a inadimplência no varejo caiu, tem caído drasticamente o uso de cheques!! Muitos estabelecimentos nem aceitam para parcelamento, faltou jogo de cintura ao Diego para rebater essa. Depois, por que não indagaram a empresária sobre o recorde de gastos de brasileiros no exterior? E para terminar, o sucesso dessa Luiza deve-se a esse modelo de economia voltado ao consumo, que deixou nosso parque industrial obsoleto e sem competitividade. E industria emprega tanto ou até mais, além de formar profissionais mais qualificados.

    • É Roberto, venho chegando a mesma hipótese. Nossa economia é desequilibrada… Mas devemos lembrar que o escambo começou aqui desde a história do espelhinho com os Portugueses. Vive-se do comércio e esquece-se do desenvolvimento tecnológico, das carreiras técnicas. Sou Engenheiro e sinto na pele.

    • Concordo contigo, Roberto. O Brasil hoje é dos países mais caros do mundo. E consumo só não mudará este país de patamar.

    • Querer creditar a este governo a falta de investimento em tecnologia é brincadeira ou ignorância. Só quem não conheceu o governo Collor e FHC pode dizer tal coisa. Hoje, estamos fazendo até plataformas de petróleo semi-submersíveis. Pena que a imprensa não dê destaque para isto. Do governo Collor até o FHC, a indústria naval foi sepultada, ressurgindo no governo Lula. Se o desenvolvimento tecnológico não está bem , não é por culpa deste governo. E sim dos nossos cientistas. Par ver isto, basta verificar oque eles estão pesquisando. Acostumaram-se a centrar os seus resultado em publicações e não em patentes. Na maioria das vezes não estudam a tecnologia que pode ser aplicada no Brasil e sim aquela de ponta, que atende os interesses do primeiro mundo. Ou seja, pesquisam apenas para se notabilizarem no exterior.

      • Esse mainardi foi categórico em se auto intitular ” o lado do copo vazio”…um direcionado a catastrofe sempre…e espero que ele aprenda a nao afirmar besteiras….

  10. Fico pensando o seguinte: Ela realmente se saiu bem , os números a favorecem quando mostram seu ganho , mas se ela ganha quem perde?Claro que somos nós! Pagamos preços altos , por causa do custo Brasil, não mencionado por ela.Pagamos 4mil num xbox one que custa 399 lá fora.Então eu perguntaria a Ela :Ganhamos Algo na queda da inadimplência?Eu não ganhei nada , ela certamente ganhou.Sim O Diego Perdeu e nós tb , ou melhor, ele continua sendo “filho de Bilionário” e eu não , continuo perdendo quando compro na magazine Luíza.

    • ♫ Ó marcus: fique aí brincando com o seu x-box e não venha encher nosso santo saco. Baixe um site de mulher pelada, taque óleo Johnson na pata e divirta-se.

      • Quando a “pessoa” não tem argumento sobre uma idéia tão claramente colocada, de que realmente pagamos MUITO CARO por tudo no Brasil, fala essas besterias. Deve ser mais PETISTA, pra ser tão ignorante assim.

  11. Esse Mainardi é um estúpido, não sei como a globo permite que um ser desse apresente um programa. Não é a primeira vez que o vejo falando uma merda dessa (desculpe o vocabulário). Nem mora aqui, parece estar cagando para o Brasil e quer da pitaco. “ME POUPE”.

    • Ele não apresenta o programa, apenas comenta nele. E o fato de morar fora não invalida tais comentários.

      • Alexandre realmente vc tem razão , mas falar laaa deee fora e fácil , quer saber vai assistir jornal da globo, fantástico, gugu, ratinho vc esta se aculturando (mas recomendo ler mais livros)

  12. É Roberto, venho chegando a mesma hipótese. Nossa economia é desequilibrada… Mas devemos lembrar que o escambo começou aqui desde a história do espelhinho com os Portugueses. Vive-se do comércio e esquece-se do desenvolvimento tecnológico, das carreiras técnicas. Sou Engenheiro e sinto na pele.

  13. A Dona Luiza deu uma lição para os urubólogos. Engraçado foi ver o sorriso amarelo estampado na cara dos urubus…Há , me poupe !

  14. Este programa da Globo news, que eu assisto quando posso, é o programa mais norte americano que o Brasil tem.

    • Compro pouco na rede, mas adorei a entrevista, principalmente pq a D.Luiza é uma empresária antenada e muito bem informada, aliás melhor informada do que seus snobs entrevistadores. . Se o IBGE analisasse minha situação econômica, certamente me classificaria como classe A. No entanto, posso ter uma condição melhor do que a maioria, mas não me distancio das necessidades socio-econômicas do povo brasileiro. Nosso país é enorme e cheio de particularidades. Basta sair do eixo Rio-São Paulo para ver o que está acontecendo no interior do Brasil. Cidades-polo crescendo, graças à extensão de universidades, de Institutos Federais, da aposta do empresariado no consumo interno. Ou o Mainard acha que o empresariado brasileiro é burro e que abre loja pra ter prejuízo. É ruim, hein? Ele que reveja a história recente do Brasil: hoje temos milhões de brasileiros que nos últimos anos foram alçados à condição de “cidadãos”, que vão ao supermercado com a família, lotam os carrinhos de carne, chocolate, perfumaria, coisas impensáveis de serem adquiridas há anos atrás por pessoas da classe C/D e E. Tem condição de comprar casa, carro, moto, geladeira, tv, estudar, ter direito via ENEN de ingressar numa universidade. Essas pessoas (servente de pedreiro, um borracheiro, varredor de rua, diarista, bedel, motorista de ônibus, carroceiro, frentista, enfim, o assalariado) podem sonhar, coisa que a elas era terminantemente proibida há 10 anos. Mas eu tenho certeza que ele se nega a fazer isso, pois tem plena convicção de que “a turma dele” só cuidou dos interesses de uma minoria, em detrimento de um povo inteiro. Portanto, é inútil malhar em ferro frio, porém é FUNDAMENTAL ESTAMPAR A VERDADE, SE PRECISO, AOS BERROS, só que D.Luiza fez isso com elegância, classe e INFORMAÇÃO. Touché!

      • Voce vive realmente no Brasil? Tem certeza? Olha que eu ganho bem e nao consigo ter um carrinho de supermercado cheio assim!!

  15. Os caras se dizem jornalistas divulgam os dados errados e dizem que querem ser poupados dos dados corretos….. Vergonha alheia!

  16. A Luiza deu uma lição de otimismo a esses falsos brasileiros.

  17. Parabéns Luíza.
    Uma funcionária sua já tinha dito que você é uma graça, não esperava que fosse tão positiva, carinhosa e simples.
    Arrasou na entrevista, virei seu fã.
    O atendimento da sua loja aqui é perfeito, e fiquei sabendo que todos os dias você transmite vídeos, agradecendo e passando ensinamentos.

  18. Como o Diogo Mainardi se mostrou hipócrita. Que cara nojento!!!

  19. CHUPA QUE É DE UVA, maisnadis otário !! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK….

    ANOS tuKKKânus LEWINSKYânus NUNCA MAIS !!! NO PASSARÁN !! VIVA GENOÍNO !! VIVA ZÈ DIRCEU !! VIVA A LIBERDADE, A DEMOCRACIA E A LEGALIDADE !! VIVA LULA !! VIVA DILMA !! VIVA O PT !! VIVA O BRASIL SOBERANO !! LIBERDADE PARA JULIAN ASSANGE, BRADLEY MANNING E EDWARD SNOWDEN JÁ !! FORA YOANI e MÉDICOS COXINHAS !! ABAIXO A DITADURA DO STF DE 4 PARA A GLOBO !! ABAIXO A GRANDE MÍDIA CORPORATIVA, SEU DEUS ‘MERCADO’, LACAIOS & ASSECLAS !! CPI DA PRIVATARIA TUCANA, JÁ !! LEI DE MÍDIAS, JÁ !! “O BRASIL PARA TODOS não passa no SISTEMA gloBBBo de SONEGAÇÃO – O que passa SISTEMA gloBBBo de SONEGAÇÃO é um braZil-Zil-Zil para TOLOS”

    • concordo em gênero número e grau.fora a imprensa marrom que se baseia em informações vazias e desencontradas.Como podem essas figuras apresentarem informações desta natureza ,jornalistas tem por ética e obrigação informar e para isso precisam primeiro ser bem informados ,mais que 10 a zero para a luíza acho que esse programa expõe a situação preocupante de parte da imprensa tendenciosa do país.

  20. Creio que o problema do Diogo Mainardi seja genético: ele parece ter herdado o mau-humor, a pretensão e a arrogância do pai, Sr. Ênio Mainardi. Agora pensa se não é pra ter até uma certa compaixão pelo moço: ser um “xarope” e não ser nem original em sua babaquice?!?! Será que se a gente rezar por eles a boa vibração consegue atravessar aquela bolha de baixo astral que os cerca? Alguém se habilita a tentar? Me poupe! Rsrs….

  21. O Mainardi não mora no Brasil, portanto, nada de disser pode ser levado a sério. Quem não está aqui construindo não pode ficar de fora desmanchando…

    • Esse idiota não constrói nada, nem aqui nem em lugar algum, ele é apenas um pobre coitado, incapaz de construir tenta destruir o que pessoas anos-luz melhores do ele como LULA e DILMA foram capazes de construir, isso é somente uma tremenda dor de cotovelo de um inútil.

    • Ele falou besteira, mas o fato de não estar ou morar no Brasil não invalida sua opinião.

  22. …”mas que não passa de pretensão porque tal estilo requer atributos intelectuais que ele, ao longo do programa, deixou ver que não tem.”
    Este comentário matou a pau. Genial Edu

  23. O Mainardi foi arrogante e não se preparou para a entrevista. Uma pergunta óbvia seria: Por que os produtos eletroeletrônicos (só para ficar na seara da empresária) são tão mais caros no Brasil? Enfim, e independentemente da entrevista, parabéns para ela, que parece ter uma história de vida bacana.

  24. Caramba, até os colegas de bancada zombaram do cara! hehehehe. #vergonhaalheia

  25. Por essa presidente e que sinto muito orgulho de trabalhar no MagazineLuiza.

  26. Luíza, é uma grande empresária. Isso não é símbolo de cultura, informação. Vi nessa senhora, uma defensora intransigente do governo petista. Vicente Matheus, presidente do Corinthians, também sem boa formação, mas grande administrador. Agora, quando essa senhora, por falta de formação e informação, defender esse governo, que no ensino, nos coloca na rabeira do mundo; que nos coloca como um dos países mais violentos do mundo e com sistema de saúde sem evolução, pois o SUS precisa ser melhor trabalhado, mostra uma paixão pelo sistema atual. Triste isso.
    Se estamos bem, porque o ensino continua na latrina? Com o crescimento econômico, deveria o ensino ser prioritário para o crescimento do país, mas aqui, ao contrário, pois a população está cada vez mais sem senso crítico, devido ao aumento de analfabetos absolutos e funcionais. Triste isso.

  27. Alguem se importa com o que a luiza falou? se ela não sabe nem conversar, será que ele sabe de economia???

  28. Não vi nada de genial no que ela falou. A única coisa óbvia e interessante que ela falou foi que o varejo é o segundo maior empregador do país no que tange setores, e que em primeiro lugar vem o Governo. O Governo ser o maior empregador é péssimo para o Brasil. O Governo não produz nada. Ao contrário, tolhe cada vez mais nossa combalida economia.

  29. Esse blog tbm eh pago pelo contribuinte brasileiro?

  30. Excelente reportagem… por parte da Luiza, é claro. A simplicidade desta profissional me faz ser sempre consumidor de sua loja, física ou virtual. Sua administração é visível, transparente e, se depender de mim, como consumidor, sempre será um grande grupo brasileiro. Infelizmente, não posso dizer o mesmo de outros profissionais que participam desta filmagem que, antes mesmo de entrevistar as pessoas, deveriam se preparar melhor no que se refere as perguntas e no aceite das respostas. Certos profissionais precisam descer do pedestal em que “só eles acreditam que eles estão”. Aliás, eles tem que pelo menos acreditar que estão… Paulo Moreno

  31. blog facista-esquerdista so podia dar em mentira mesmo, apoiam qualquer coisa de esquerda, mas não param pra estudar pra ver se é verdade. alias mainardi estava correto. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    idiotas uteis! !!!! kkkkk

  32. Este escroque travestido de jornalista e que vive nos EUA quer falar sobre o Brasil ? Este é outro pulga-no-cu !

  33. O Sr Diogo Mainardi que se julga um italiano de Veneza mas nasceu no Brasil cometeu outra gafe, desrespeitando o povo brasileiro, no programa da (Globo News) em data recente; dizendo o seguinte so voltarei ao Brasil durante a copa pois o meu filho quer assistir aos jogos, MAIS IREI VOMITANDO, sera que ele se ente mal em avião, ou tem medo de sua intelectualidade superior de europeu de primeiro mundo seja ofuscada pela criatividade dos povos que construíram o Brasil e a América Latina, na sua VISAO somos todos ANTAS.

  34. A Luiza Helena é uma pessoa simples, porém tem muito mais dinheiro que esse babaca do exterior que nem sabe daquilo que está falando, anos atrás não tinha computador, celular, etc, tudo era muito difícil e hoje a criançada sabe acessar tudo e todas as classes sociais tem facebook, e-mail e por aí vai, falar que estamos num excelente momento é mentira, porém perto do que era nos anos 80/90 estamos muito bem. Por que não acreditar que o nosso país tem jeito, nós não precisamos espiar a vida alheia dos países para termos vantagens, somos originais, vencemos com o trabalho e com a coragem de colocarmos a nossa cara a tapa, realmente a Luiza é uma mulher que representa bem aquela pessoa que luta, trabalha muito e vence. Parabéns aos brasileiros, pois temos exemplos maravilhosos como dessa mulher que nos incentivam a crer que vai dar tudo certo.

  35. oque falta para os nossos governantes e ter um pouco de cosciencia diminiuir os impostos e criar bons empregos e dar uma renda real ao brasileiro humilde para ele nao depender mais de esmolas como 13 salario bolsa familia,etc esse pais melhorou muito para o brasileiro de alta e media renda ,mas o brasileiro comun cade a qualidade de vida.nem os protestos de muitos populares que lutam nao por um pais melhor mas por aquele pais com justiça e melhora de condiçoes que tanto o presidente lis inacio lula da silva prometeu e eu nunca vi.

    enquanto todas as lideranças politicas discutem sobre eduçaçao saude segurança ,etc nao resovendo nada a decadas e engordando seus bolsos a populaçao morre de todas essa mazelas que eles prometem ha decadas.

    qual a soluçao?quem podera nos ajudar ja que em plena copa que o povo deveria estar curtindo sofre com tudo isso e mais.greve de onibus escola .

    a soluçao que o governo?(dilma roussef?) tem dado!!!!!!!!!!!!!!!!!

    POLICIA NOS MANIFESTANTES CADE O DIALOGO COM OS MANIFESTANTES E RESTO DA POPULAÇAO BRASILEIRA ?

    DESCULPE OS GOVERNANTES ESTAO OCUPADOS COM OS LUCROS DA COPA E O AUMENTO SALARIAL PARA OS POLITICOS

    E O SALARIO miniminho E O SALARIO MINIMO QUE HA MUITO NAO SUPRE AS NECESSIDADES MAIS BASICAS DO BRASILEIRO

  36. Para analisar, o que disse Luiza ao Mainardi, penso que sem muito rodeio, podemos citar dois casos, micro-casos, onde noa dá uma idéia das diferenças e do aumento do poder aquisitivo que o Mainardi não conhece porque ganha milhões e porque não mais é brasileiro, pois vive no exterior gestando o que ganhou aqui. O primeiro é relativo a construção civil, onde em 2002, com o salário mínimo se comprava 11 sacos de cimento e agora, com o salário mínimo se compra 34 sacos de cimento. O segundo é com um produto que interfere diretamente nos preços das mercadorias, ou seja o preço da gasolina. Em 2002, com um salário mínimo se comprava 100 litros de gasolina e agora em 2014, com o salário mínimo e compra 240 litros de gasolina. As vezes, para estes papagaios, que repetem tudo o que a mídia diz (Mídia = partido político, pois não se trata de comunicação e sim de oposição ao Brasil), e repetido por eles. Mainardi é apenas um dos que tira dinheiro de seu próprio pais para enriquecer classes altas de outros países. E lembrando que quem compra gasolina e cimento não são só as pessoas que ganham salário mínimo, são grandes empresas e classe média. Para não deixar espaço para exploração mentirosa sobre a Classe Média, esta classe mpedia no Brasil, nos últimos 11 anos, para os assalariados, seus vencimentos foram empurrados para cima pelo salário mínimo e os reajustes salariais foram os mais elevados dos últimos anos. E para os da classe média que não são assalariados, estes benefìcios que citei acima, mais todos o incrementos de financiamentos, redução de IPI, baixas nos juros etc.etc, foram beneficiados. Os Mainardis, Sandembergues, Mirians Leitão, Alexandres Garcia etc, ficarão até o final de suas vidas dizendo que a crise vem, que acrise chega, para se um dia ela (crise) vier, eles baterem no peito e dizer “EU NÃO DISSE”.

  37. Matéria do Estadão em 15/08/2014: “O varejo está caindo mais do que o esperado”. E agora??

    • Puxa vida enh, até parece que o problema do Brasil, são esses aí debatidos e não:
      AS APOSENTADORIAS E SALÁRIOS MISERÁVEIS QUE QUANDO:
      Falamos à cobradores e motorístas de ônibus que uma pesquisa mostrou que:
      O SALÁRIO DO BRASILEIRO NÃO DURA ( 30 DIAS ) Eles me respondem sem eu perguntar:
      —–> O MEU NÃO DURA ( 10 DIAS )
      Isso é um caso de polícia gente !!!
      E NO ENTANTO NÃO OUVIMOS SEQUER UM COMENTÁRIO SOBRE ESSE CRIME AÍ !!!
      Pergunta: —–> A carta magna brasileira, manda e determina de que:
      TODO O TRABALHADOR, TENHA UM SALÁRIO JUSTO PARA SEU SUSTENTO !!!
      E quem quem ganha às eleições e passa a ser chamado de GOVERNO:
      —–> Distribui ””’ bolsas família ”” vales refeição ””’ vales transportes ”””
      E mil penduricalhos, reconhecendo com isso, a miséria do poro brasileiro,
      como dizia nosso poeta gaúcho lá do nosso Belem Novo: O SABRITO:
      —–> POBRE HUMANIDADE —-> O problema do Brasil,
      —-> Não é SEGURANÇA – SAÚDE – EDUCAÇÃO É O S A L Á R I O MISERÁVEL !!!
      Deus seja Louvado, neste 7 de Outubro de 2014.
      Gente: Acordem, —-> ainda dá tempo !!!
      —–>> Parem de fazer do brasileiro, (( um bando de emocionado ))
      Pois UM ADULTO EMOCIONADO:
      —-> Não passa de UMA CRIANÇA IRRESPONSÁVEL !
      E é a cara do brasileiro atualmente !!! E isso é muito triste tchê !!!
      É como dar um doce para uma criança, para fazer judiaria com elas !
      Por favor gente, vamos acordar, pois como já dissemos lá adiante: AINDA DÁ TEMPO !!!
      Obrigado gente, se fizerem esse NOSSO GRITO
      ——> , circular o Brasil inteiro pela INTERNET
      , para que acordemos o Poovo Brasileiro::
      —-> Antes que seja tarde demais.
      Encerramos repetindo, Deus seja Louvado, neste 7 de Outubro de 2014.
      Com o Natal já batendo à nossa porta, quando a demagogia bandida…
      Para acalmar e abrandar o remorso da Burguesia malvada e gananciosa,
      —-> Distribuem aos miseráveis, presentinhos baratos… (Uma vez por ano)
      Pobre Humanidade né ?
      Alceu

  38. manda este jornalista pedir cidadania italiana para ver se consegue emprego numa rede de televisão italiana e que de opiniões sobre a italia. duvido que consiga emprego, pois e apenas mas um almofadinha da imprensa brasileira de descontruçao

  39. Fui por muito tempo enganado! Dando créditos a este Programa.
    Estes … são uns verdadeiros palhaços!

  40. E agora em 2015? De quem é o mico? :)

  41. E agora quem tinha razão???
    Somente este ano, as ações da companhia acumulam perdas de 85% na bolsa.

    Luiza Trajano considera OPA da Magazine Luiza; ações disparam 10% – InfoMoney
    Veja mais em: http://www.infomoney.com.br/magazineluiza/noticia/4453526/luiza-trajano-considera-opa-magazine-luiza-acoes-disparam

    • O Diego Mainardi se tornou meu ídolo, logo após ele afirmar que o LULA não é uma jararaca.
      Segundo ele, o LULA é apenas uma lombriga, um parasita, .. kkkk!

Trackbacks

  1. Diogo Mainardi paga mico na Globo News | EVS NO...
  2. Diogo Mainardi paga mico na Globo News | EVS NOTÍCIAS.
  3. Diogo Mainardi e a entrevista mais constrangedora do ano
  4. Diogo Mainardi e a entrevista mais constrangedora do ano | Áfricas - Notícia minuto a minuto
  5. Diogo Mainardi e a entrevista mais constrangedora do ano | Diálogos Políticos
  6. Diogo Mainardi paga mico na Globo News | Santa Luzia Empresas | Guia comercial da Cidade
  7. Com todo respeito: Dona Luiza, a do magazine, defecou na cabeça de Mainardi em programa da GloboNews | bloglimpinhoecheiroso
  8. Diogo Mainardi e a entrevista mais constrangedora do ano | NNA
  9. A mídia descolada da realidade e que não aguenta o tranco da blogosfera | Maria Frô
  10. Rômulo Gondim – Mainardi é minha anta
  11. Mainardi é minha anta | andarilho chico
  12. Mainardi paga mico na Globo News | Altamiro Borges
  13. Mainardi é minha anta | Altamiro Borges

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.