A epifania de Ives Gandra versus o “embromation” do Reinaldão

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

 

Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará

(João 8.32)

 

Eis que a verdade liberta mais um cristão. E não qualquer cristão, mas um cristão militante.

O jurista Ives Gandra Martins, 78, além dos seus 56 anos de advocacia, dos livros e mais livros publicados, muitos em parceria com ministros do STF, e de ser professor da Universidade Mackenzie, da Escola do Estado-Maior do Exército e da Escola Superior de Guerra, é um dos primeiros brasileiros a ter ingressado na Opus Dei e seu principal supernumerário no país.

Ives Gandra é insuspeito de ter qualquer tendência esquerdista. Na verdade, é autor de um dos textos mais reacionários e abjetos que já li, dolorosamente intitulado como “Você é branco? Cuide-se!”. Publicado há cerca de quatro anos no “UOL Mais”, pelo seu trecho inicial pode-se concluir seu caráter injusto, hipócrita e preconceituoso:

Hoje, tenho eu a impressão de que o ‘cidadão comum e branco’ é agressivamente discriminado pelas autoridades e pela legislação infraconstitucional, a favor de outros cidadãos, desde que sejam índios, afrodescendentes, homossexuais ou se  autodeclarem pertencentes a minorias submetidas a  possíveis preconceitos (…)”

Barbaridade, tchê! E o pior é a conclusão:

Como modesto advogado, cidadão comum e branco, sinto-me discriminado e cada vez com menos espaço, nesta terra de castas e privilégios

Como negros, índios e afrodescendentes ricos oprimem os brancos pobres e ultra cristãos brasileiros, não? Pobre Ives…

Mas, enfim, esse cidadão tão oprimido pelos descendentes de escravos, entre outros déspotas, é um dos mais festejados próceres da ultradireita brasileira. Além de amigo dos supremos juízes do Supremo Tribunal e dos demais labirintos do Poder Judiciário, não por outra razão foi convidado a opinar na televisão quando a maioria do STF começou a sapatear sobre o Direito no segundo semestre do ano passado.

O convite para Ives Gandra “explicar” por que era lícito mandar José Dirceu e outros de seus companheiros petistas para o cárcere sob a teoria do “domínio do fato”, partiu de ninguém mais, ninguém menos do que de Marcelo Tas, um dos mais ativos militantes da direitona verde-amarela, apresentador do programa CQC e expoente do Instituto Millenium, onde costuma fazer dobradinha com Reinaldo Azevedo, o blogueiro pit bull da Veja.

À época, não faltaram elogios do “supernumerário” da Opus Dei ao STF. E, ao ser perguntado por Tas sobre o que estava acontecendo naquele exato momento da entrevista, exatamente enquanto o ministro Celso de Mello explicava como o “domínio do fato” embasava a condenação de José Dirceu, o jurista deu a seguinte declaração:

Nós vamos ter, a partir dessa decisão do Supremo, um verdadeiro divisor de águas entre um passado em que havia uma certa flexibilidade, uma espécie de tolerância moral, tolerância ética com quem detinha o poder. E, a partir dessa decisão, já não se preocupou mais com aquele princípio do In Dúbio Pro Reo (se eu tiver dúvidas, sempre se vai beneficiar o réu), mas que, acima de tudo isso, está o interesse da pátria, da nação (…)”

Uau! Um novo Brasil surgia, brandindo a espada da Justiça. Essa era a opinião do mesmo homem que, na manhã do último domingo (22), após uma legítima epifania, chegou aos leitores do jornal Folha de São Paulo declarando, entre muito mais, que “José Dirceu foi condenado sem provas” e que “A teoria do domínio do fato traz insegurança para todo mundo”.

Antes de prosseguir, disponibilizo ao estupefato leitor, abaixo, vídeo contendo a entrevista completa dada por Ives Gandra a Marcelo Tas em 10 de outubro de 2012, enquanto a quase totalidade dos membros do STF massacrava um partido político e quatro réus filiados àquele partido, contra os quais nunca pesara acusação alguma além das que lhes fez a ditadura militar.

O que se tem que perguntar não a petistas ou a simpatizantes do PT, mas a qualquer cidadão detentor de uma mísera réstia de honestidade intelectual é se, por acaso, uma declaração dessa magnitude contra o julgamento do mensalão, dada por alguém que teria todos os motivos políticos e ideológicos para defender esse julgamento, não tem um peso descomunal em favor dos réus.

Para o blogueiro da Veja Reinaldo Azevedo, não tem. Além de desqualificar a competência jurídica de Ives Gandra do alto de seu “notório saber jurídico”, esse blogueiro diz anormal que os que acreditam no mesmo que o “supernumerário” da Opus Dei vejam na fala deste uma razão a mais para duvidar da Ação Penal 470, vulgo mensalão.

Para Reinaldão, em um texto imenso do qual, além do mais puro “embromation”, não se tira uma explicação aceitável para a mudança de opinião de Ives Gandra além de ele ser um néscio, o histórico deste não torna no mínimo obrigatório ver em sua análise da AP 470 um indício a mais, entre tantos outros, de que o julgamento do mensalão vem sendo, além da mais pura injustiça, uma ameaça ao Estado de Direito.

Por que incluí o Reinaldo Azevedo neste texto? Para mostrar, mais uma vez, como os linchadores de José Dirceu e cia. são caras-de-pau. Como se alguém não soubesse.

 

MENSALÃO, O JULGAMENTO MEDIEVAL

 

Não deixe de assistir, também, ao vídeo didático, de 27 minutos e 26 segundos, que acaba de ser postado no YouTube e traz revelações surpreendentes sobre a Ação Penal 470, que tratou do chamado “mensalão”.

Produzido pelos jornalistas Raimundo Rodrigues Pereira e Lia Imanishi, editores da revista Retrato do Brasil, e apresentado pelo escritor Fernando Morais, o vídeo acusa o presidente do STF, Joaquim Barbosa, de ter armado as condenações de alguns réus com “mentiras escandalosas”.

 

Tags: , , , , , , ,

151 Comentário

  1. Edu, o Senador Requiao fez um duro discurso contra o LEILAO DA LIBRA, dizendo que a diretora tá envolvida até a alma com PSDB??? o Azenha já se posicionou contra o LEILAO….e nós??? pensei que era tatica do PSDB para cancelar até 2014 para tentar o Golpe Branco??? agora estou meio duvidoso…., e por ultimo por onde andara o Senador Collor de Melo, pois temos que pegar o Prevaricador Gurgel??? ABRAÇOS e pronto para a LUTA.

  2. Ninguém muda assim de uma hora p/ outra. Gandra Martins está apenas preparando terreno. Já pensaram os filhos do Bob Marinho condenados pela teoria do domínio do fato porque o contador da Globo não pagou o DARF? Quanto ao STF, alguns ministros foram longe demais. Não há volta para eles. Na revisão do caso, ou eles confirmam seus votos ou estarão desmoralizados. Lewandovski é o único que pode andar de cabeça erguida.

  3. Assim como transformou uma bolinha de papel numa arma mortal ( uma das mais ridículas cenas que já vi na TV, o candidato foi fazer tomografia e quase ficou internado ), transformou o caixa 2 do PT no Mensalão ( e maior desvio de dinheiro público da história do Brasil ).

    Mensalão que o imaculado Roberto Jefferson denunciou e DEPOIS NEGOU.

    A TV Globo só tem o poder que tem porque existe uma gigantesca massa de otários que lhe dão audiência.

    Uma imensa massa de trouxas que adoram viver na ilusão e na mentira.

  4. Eu, ansioso, espero o encontro de Gurgel com Collor, na planície! Espero não morrer esperando! Só para colabrar, assisto pouco TV aberta, porém o CQC, apresentado pelo Tas, foi o único programa que interpelou integrantes do PSDB paulista, vereadores é verdade, sobre o trensalão, os outros nem isso.

  5. Edu, você definiu muito bem esse Ives: Cara de Pau. “Meteu” a lenha no Zé Dirceu em 2012; e agora com a possibilidade de o domínio do fato pegar os clientes do Dr. Ives, o hipócrita volta atrás e finge que defende o Dirceu.

    • acabei de pensar nisso, eles estão com medo do domínio de fato, porque tem muita coisa para estourar como o mensalão tucano, privataria, globo sonegadora, vai feder muito ainda, se eles não voltarem atrás e acabar com essa palhaçada do domínio de fato, eles mesmos cairão nessa armadilha.

  6. Os petistas têm demonstrado uma espantosa indignação com a corrupção no governo do Estado de São Paulo, que concordamos – corrupção é corrupção! Mas trata-se de uma “indignação” bizarra, uma “indignação geográfica”! Vai até os limites do Estado de SP e desaparece, não se estende ao governo federal! Assim, para os petistas não houve corrupção na dança da pizza; nos dólares na cueca; nos aloprados do Mercadante; na casa do lobby do Palocci; na quebra do sigilo de Francenildo; quando Waldomiro Diniz pediu propina para o PT; quando Benedita da Silva viajou pela Europa a expensas do Est. do RJ; quando Duda Mendonça recebeu em dólares no estrangeiro o pagamento da campanha para o PT; quando os ministros da Dilma foram exonerados; quando os corruptos do mensalão transportaram a propina em carros-fortes; quando Henrique Pizzolato liberou pagamentos no Banco do Brasil a Marcos Valério mediante notas fiscais frias e por serviços não realizados; quando José Genuíno e Delúbio assinaram contratos com Marcos Valério; quando Celso Daniel foi assassinado, inclusive nestes últimos escândalos envolvendo três ministérios, o Banco do Brasil e a Petrobrás que comprou uma refinaria por um milhão de dólares a mais! Os petistas, usam falsamente de argumentos éticos com objetivos políticos, são desprovidos de credibilidade no que dizem, corrupção só existe nos adversários, neles não!
    Eugênio José Alati
    24/09/2013

    • Alati, só retificando:

      A Petrobras comprou a refinaria por 1 BILHÃO DE DÓLARES a mais e não apenas 1 milhão la em Pasadena-Texas-USA. Isso mesmo: US$1 BI ! Dava pra comprar 4.000 apês iguais aqueles que o Joaquim Barbosa comprou em Miami!
      Só esse escândalo equivale a 7 mensalões em questão de perdas dos cofres públicos para corrupção. E nesse caso não terá embargos infringentes, pois os gatunos sequer vão ser processados. E o principal responsável, que na época era presidente da Petrobras ainda vai concorrer ao governo da Bahia.

      As indignações seletivas dos petistas, além dos escândalos ficam também nas alianças:
      Eles se indignam quando tucanos se aliam com Demos enquanto o partido deles se alia com a Família Sarney, Renan Calheiros, Collor, Maluf e outros.

      • Quanta besteira!! Vc é um alienado e mal informado

        • Não é não Rita. É um troll profissional, provavelmente pago com dinheiro público roubado no propinoduto tucano vintenário e bilionário! O melhor que se tem a fazer é ignorar esses tipos, pois eles se “alimentam ” da sua/nossa indignação tal qual os tumores cancerígenos se “alimentam” das células saudáveis.

      • “As indignações seletivas dos petistas,” ????? !!!,engraçado,nunca vi vossa senhoria e o Tal Alati discutirem sobre o mensalão do PSDB,o Rodoanel,a privataria tucana,o Caso Alston,a compra da releição de FHC,o enriquecimento ilicito da filha do Serra e o acesso que esta mesmo teve aos dados de mais de 45 milhões de CPFs.Quando tratarem de forma equaname,todos os escanda-los de corrupção,aí talvez tenham moral para cobrar .Vamos é deixar de ser cara de pau,e se olhe no espelho quando falar de indgnação seletiva.

        • Você viu como se chama o indigesto? Fernando José ALATI. Um chiitinha subdesenvolvido, que puxa o saco da direitona porque não sabe viver sem isto.

      • Ihhhh baixou o exú aqui galera….só vômitos desse nojo do roberto freire e alati e lati muito mesmo e ainda abana o rabinho para o Tio Sam. Tudo que postaram é o que vocês vem armando todo esse tempo ao PT para desmoralizar o partido, pois vou dizer uma coisa, quem está ficando desmoralizado são vocês mesmo, pois, vocês são tão cara de pau, que todo mundo já está percebendo. Postar isso aqui é muita ingenuidade ou mau caráter mesmo. Fico com a segunda opção.

    • MP bloqueia bens de cunhado do governador tucano Geraldo Alckmin.

      MP denuncia cunhado de Alckmin por fraude em merenda em SP

      PSDB e o 1º escândalo de 2011; Carro de cunhado do Alckmin doado a coveiro levanta suspeita

      Cunhado de Alckmin é acusado de integrar organização que troca contratos públicos por doação de campanha eleitoral

      Cunhado de Alckmin atuou no governo Serra/ Alckmin

      Cunhado de Alckmin é investigado por propina

      Cunhado do tucano Geraldo Alckmin piorou merenda em São Paulo para fazer caixa

      Funerária de sobrinho de Alckmin levava merenda e cadáver . Alckmin sabia. O Serra também

      Isso só em SP já imaginou essa gente no governo Federal ? Seria assim com o dinheiro público: 1 real para investimento e 5 reais para contas nos paraisos fiscais. Deus nos livre dessa gente. O segundo partido mais corruptos. Em primeiro vem o DEM, agora imagina a roubalheira pois os dois andam de mäos dadas.

      • A indignação petralha é seletiva sim. A minha não. Posso garantir que não compactuo com esse bando de imbecis que assola o Brasil.
        tudo para os petralhas e esquerdopatas é “conspiração da direita”.
        Ora.
        Não houve a aliança com o maluf, sarney e etc?
        Não houve o pagamento ilegal para o marqueteiro, em contas no exterior? Dinheiro não declarado?
        Caixa 2 ? O tamanho é diferente mas fraudam a receita da mesma maneira que a Globo!
        E as diárias de princesa da Dilma em viagens ao exterior.

        E as justificativas dos esquerdoides? “Ah mas do EFEAGACE fez isso, fez aquilo. Ah, mas o propinoduto”! Ora, são todos iguais. Não me admira a cara de pau dos políticos, mas os seus eleitores, só não relincham por pura modéstia!

  7. Vi o vídeo , é excelente. Mandei para todos os meus contatos ,inclusive e principalmente os direitistas.Quanto a Ives Gandra ,acho que é jogo de cena. Todos sabem no meio jurídico e fora dele que esse julgamento foi uma armação e que merecia ser anulado. Ele está preparando o terreno para ,se o PSDB for julgado por seus roubos ,esses recheados de provas, não se utilize o domínio do fato, mas de qualquer forma sua opinião contrária aos verdugos do STF tem sim um peso maior e ajuda a emparedar JB e companhia.

  8. olha, eduardo, os parágrafos 04 e 06 de tua materia sao de lascar.
    Esopo é mto atual.

    Se tu ou qualquer um reler ali a fala de Gandra sobre a opressao vinda das minorias… Fica uma alusao automatica à fábula da ovelha e do lobo. Aquela acusada de ao beber, sujar a água rio acima!

  9. Enquanto isso, o altivo PSDB, com toda galhardia e orgulho continua liderando o “ranking” dos partidos mais corruptos. São 56 políticos tucanos, sendo que esse número pode aumentar pois ainda faltam 16 TRE’s se manifestarem. O PT está em nono lugar, com 18 nomes. Só?? Ai, que decepção…

    Com as últimas denúncias de assalto ao dinheiro público, o PSDB teve grandes nomes de sua legenda envolvidos na suposta(?) formação de cartel para que empresas ganhassem licitações de obras de trem e metrô de São Paulo. Mário Covas (já morto), Geraldo Alckmin e José Serra tiveram suas já desgastadas imagens ainda mais prejudicada após o escândalo.

    O tucano – infelizmente mineiro – Aécio Neves, o Cambaleante, é réu em processo no Estado, que apura irregularidades e possível desvio de mais de R$ 10 bilhões. Este é apenas UM dos processos em que está envolvido com sua irmã Andréa Neves. No quesito compra de votos de aliados e uso de caixa 2 em campanhas eleitorais aparecem os nomes dos inefáveis Eduardo Azeredo e Clésio Andrade.

    Há também o Perillo, em Goiás. Nem vou escrever sobre ele.

  10. Olá, José Eugênio Alati e Roberto Freire

    Vocês são dois brasileiros depressivos, digo, depressivos contra vocês mesmo!!!
    Juntando todas as mazelas feitas pelo PT, que ainda não foram provadas (cadê as provas!!!!!), não se chega a 1% (UM POR CENTO) das mazelas praticadas por mais de duas décadas por PSDB, DEM, PPS e outras penas amestradas, com todas as provas escondidas pelos MP por este país a fora, seja no plano municipal, estadual ou federal!!!
    Somos, os petistas, contra a corrupção, as primeira vamos prender os maiores corruptos e traidores da pátria que fazem parte dos partidos políticos que vocês adoram: PSDB, DEM, PPS!!!!

    Um abraço.

  11. Eduardo, você viu a entrevista que o Fernando Hadade deu para a “tucana” Marília Gabriela na GNT???
    Fiquei muito decepcionado com as resposta dele, principalmente quando, como era óbvio, questionado sobre a decisão do STF. Foi muito fraco, perdeu a oportunidade de massacrar com a entrevistadora, parecia que foi pego de surpresa. Pelo amor de Deus quando você aceita ser entrevistado por uma cretina dessas tem que ir preparado. Olha, acredito que ele seja muito competente e um excelente Prefeito, mais me pareceu despreparado para enfrentar o covil de lobos.

  12. Antes de idolatraramos Celso de Mello, lembremos que ele chamou o ZD de “marginal do poder”…

  13. Edu, é puro jogo de cena pra livrar os verdadeiros criminosos das garras de Luís Roberto Barroso, pois este também vai aplicar a mesma teoria nos, aí sim, corruptos TUCANOS, inclusive FHC. Quanto à Zé Dirceu, essa declaração de Ives Gandra é muito fora de tempo, pois o único crime que vai ser reanalisado no Embargos Infringentes é o crime de quadrilha; para os outros, só por revisão criminal, que é um recurso que não impede a execução da pena enquanto está sendo julgado.

  14. Prezado Eduardo,

    Quero te lembrar que dia 02 de outubro de 2013 é o último dia para se filiar a um partido político, caso se queira concorrer a qq cargo, nas próximas eleições. Analise, pondere, decida. Minha opinião eu já dei.

    Douglas Quina
    Mogi Guaçu – SP

  15. Vamos lá novamente:

    A AULA DE BOM DIREITO DO SENHOR CELSO DE MELLO

    Regimento Interno do STF de 1909, de 1940, de 1970 e o de 1980 estabeleceram a possibilidade de recurso quando surgem 4 votos divergentes.
    Alguns juízes do STF consideraram que a Lei 8.038, promulgada em 1990, tinha abolido a possibilidade de embargos, que teria tornado obsoleto o artigo do Regimento Interno do tribunal, que previa isso.
    NÃO ESTAVA OBSOLETO, NÃO. O SENHOR CELSO DE MELLO, lembrou que em 1998 o fhc elaborou um projeto de lei ELIMINANDO os embargos infringentes.
    ESSE PROJETO FOI REJEITADO PELA CÂMARA, COM VOTOS DOS PRINCIPAIS LÍDERES PARTIDÁRIOS. OU SEJA, PSDB, PFL(ATUAL DEM) E OUTROS PARTIDOS DECIDIRAM QUE OS EBARGOS INFRINGENTES DEVERIAM CONTINUAR. A PRÓPRIA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SE CONFORMOU E NÃO INSISTIU MAIS NO ASSUNTO.

    E aí!?

    Só agora que o Gandra se manifestou?
    Por que SÓ AGORA!?

  16. Totalmente dentro da sua epifania, sugiro ao Sr Gandra, que tente explicar as seguintes dúvidas simples:

    – foi comprovado que não era dinheiro público, então, o que realmente estava em julgamento?

    – quanto foi o valor mensal do “mensalão”?

    – por que o mensalão tucano foi desmembrado e o suposto do PT, não?

    – qual motivo legal para o verdadeiro mensalão tucano ainda não ter ido a julgamento?

    – deixarão prescrever o mensalão tucano?

    – por que a mídia e seus lacaios se preocupam tanto em pautar o STF?
    ……
    São dúvidas simples de um cidadão brasileiro, portanto, o Sr Gandra, que é branco e deve se cuidar, poderia nos dar essa aula de Bom Direito!

  17. Edu, só pra elogiar sua atitude no twits, é isso mesmo. Tá muito divertido hoje.

  18. A “conversão” desse monte de bosta é muito bem estudada, não tem nenhuma relação com “ética” ou “Direito”, mas sim com a mudança que finalmente começa a ocorrer na correlação de forças dentro da “justiça”, a qual permitirá mudanças profundas nas “interpretações” de inúmeras pendengas judiciais(e no fundo “justiça” é essencialmente isso, luta de classes como tudo na Sociedade. Assim, exceto alguns princípios óbvios, obtidos com muito esforço pelos oprimidos, a maioria das questões do direito dependerá de “interpretações”, disso aproveita-se a direita, que controla a Justiça, para impor seu poder. E até esses princípios explícitos, como presunção de inocência e exigência de provas para se condenar alguém, foram estuprados pelos fascistas no caso do “mensalão”, quando acharam que poderiam usar essa farsa para derrotar o PT. Querem uma prova simples do quanto o importante na Justiça é a “interpretação” : observem o trâmite e o resultado de uma reintegração de posse ajuizada contra o MST e observem o resultado dessa mesma ação se tiver como objetivo retirar a Globo do terreno público que ela ocupa indevidamente em São Paulo. Dois casos idênticos, invasão de propriedade de outrem, que terão desfechos opostos, graças à “interpretação”). Contudo, voltemos ao nazista Gandra, sua “honestidade” tem uma causa bastante clara : A direita já percebeu que não conseguirá condenar o PT no “mensalão”, nem eleitoralmente(isso já sabia há muito tempo) e nem judicialmente. O novo STF, resultado de finalmente Dilma ter acordado da loucura do “republicanismo”, se não tem mais “meios” jurídicos de rever todo o julgamento, provavelmente alterará algumas condenações, ou dosimetria das penas, em “crimes” fantasiosos como formação de quadrilha e corrupção ativa, suficientes para livrar as principais vítimas políticas dessa farsa, José Dirceu, José Genoíno e João Paulo Cunha, da cadeia, incluindo-os possivelmente até na prescrição das penas que no final lhes sobrarem. Ou seja, Dirceu, Genoíno e Cunha podem acabar no semi-aberto, prestando serviços à comunidade ou livres devido à prescrição. Contudo, após o circo, ficam os lixos que sobraram da anarquia jurídica promovida pelo STF, ou seja, a “jurisprudência” resultante dos absurdos que Joaquim Capitão do Mato e sua turma criaram, entre eles a condenação de pessoas por corrupção ativa sem a existência do ato de ofício exigido em Lei para caracterizar-se esse crime ou o ainda pior USO DETURPADO DE UMA TEORIA ALEMÃ, QUE NÃO É USADA NEM NO DIREITO ALEMÃO, MAS AINDA PRECISOU SER APLICADA PELO STF DE FORMA TOTALMENTE DESVIRTUADA PARA PERMITIR A CONDENAÇÃO DE JOSÉ DIRCEU POR FOMAÇÃO DE QUADRILHA. A TEORIA DO DOMÍNIO DO FATO, QUE PERMITE CONDENAR-SE UM COMANDANTE PELOS ATOS DE SEUS COMANDADOS, DESDE QUE EXISTAM PROVAS DE QUE ELE ORDENOU TAIS ATOS, FOI USADA PELO STF SEM A EXIGÊNCIA DAS PROVAS(ALGO REPUDIADO PELO PRÓPRIO CRIADOR DA TEORIA)PARA DESSE MODO CRIAR UM MONSTRENGO JURÍDICO, NA VERDADE FICTÍCIO, QUE “JUSTIFICOU” A CONDENAÇÃO SEM PROVAS DE UM HOMEM. Contudo, agora que a farsa entrou em ocaso, e começa a ser desvendada, não é interessante, aliás é pavoroso, para a direita que essa mesma “jurisprudência” criada somente para condenar José Dirceu e o PT fique “no ar”, ou seja, possa ser usada por algum Ministro Relator progressista do STF, e pelo jeito há alguns deles entre os novos nomeados, ou mesmo pela mídia alternativa para exigir a condenação dos conservadores. IMAGINEM AMANHÃ O MENSALÃO DO PSDB SENDO JULGADO, E DEVEMOS COMEÇAR IMEDIATAMENTE A PRESSÃO PARA O STF FAZÊ-LO, OU A LISTA DE FURNAS, OU O TRENSALÃO ENTRANDO NAS DISCUSSÕES DO SUPREMO E AS FORÇAS PROGRESSISTAS EXIGINDO QUE “PAU QUE BATEU EM CHICO, TAMBÉM BATA EM FRANCISCO”; OU SEJA, QUE ALCKMIN, SERRA, FHC SEJAM CONDENADOS NESSES EPISÓDIOS, AINDA QUE NÃO HAJA PROVAS DE SUA PARTICIPAÇÃO DIRETA, GRAÇAS AO USO DO “DOMÍNIO DO FATO À LA STF BRASILEIRO”, OU SEJA, SEM PROVAS, BASEANDO-SE NO MESMO “ELES TINHAM QUE SABER” QUE CONDENOU JOSÉ DIRCEU. Por sinal, sugiro uma campanha para Reinaldita Histérica responder a essa interessante questão : Se serviu para condenar Dirceu, por que não servir para condenar FHC, Serra e Alckmin. Serra poderia ser definitivamente morto politicamente ao ir em cana porque “tinha que saber” que sua filha e genro enriqueceram na Privataria tucana(o Livro de Amaury Ribeiro Júnior está cheio de provas do enriquecimento dos dois). FHC poderia perder seu “fardão” de “ibossal” da Academia Debiloide de Letras porque “tinha que saber” que Sérgio Motta comprava sua reeleição a R$200 mil por deputado. A GLOBO “TINHA QUE SABER” QUE UMA FUNCIONÁRIA DA RECEITA ROUBAVA O PROCESSO DE SONEGAÇÃO FISCAL QUE PODERIA CONDENÁ-LA A PAGAR MAIS DE R$700 MILHÕES À RECEITA FEDERAL E AINDA MANDAR OS IRMÃOS METRALHA MARINHO PARA A CADEIA POR SONEGAÇÃO FISCAL. Assim, entende-se agora o porquê da súbita consciência desse pilantra Ives Hitler Gandra(a revolta de Reinaldita é porque ele é incurável. Precisa de tratamento psiquiátrico). Contudo, devemos aproveitar a “consciência” de Gandra não somente para evidenciar a farsa do “mensalão”, um óbvio golpe jurídico da direita, destinado não apenas a destruir um partido político, mas a iniciar o processo para um golpe de estado, e também exigir que o STF defina se as regras usadas para condenar Dirceu são lícitas ou não, ou seja, se continuarão a vigorar nas Decisões do Supremo. Se não mais forem continuar, está evidenciado o caráter de exceção desse “julgamento”, que deve ser decretado pelo Supremo, que assim providenciará sua anulação por completo, assumindo a tentativa para todos os brasileiro que esse julgamento foi uma tentativa de golpe de estado. Contudo, se quiser manter o circo, que torne o “domínio do fato de Joaquim Barbosa et caterva” a nova jurisprudência do STF e comece a julgar e condenar o PSDB, a Globo e o PFL pelo mesmo critério.

  19. O maior princípio do Direito Processual Penal, da tradição jurídica do STF, no Brasil é o “in dubio pro rico”. E o “domínio do fato” é pra pobre, preto, puto e, “now”,petista.
    Senhoras e senhores, Dirceu, Genoíno e o PT já foram condenados com a teoria do “domínio do fato tupiniquim”. Podem ser absolvidos de todos os crimes, mas já estão um a um condenados pela “opinião publicada”.
    O fato foi dominado pelo STF na TV Justiça, com a execração pública de Dirceu, Genoíno e do PT. Isso é o que bastava pro PIG e pros “reaças”. O estrago está feito e foi precificado (como diz o mercado) no valor da marca política PT.
    O PIG tinha as convicções dele, e, como sempre, erradas. Pensavam eles. Dirceu era a mentor de Lula, e Lula era uma marionete nas mãos de Dirceu (lembro-me muito disso assim que Lula foi eleito). Atingido Dirceu, então Lula, o governo e a sucessão, estaria também alvejado, pois Dirceu era o nome natural a sucedê-lo. Eis o pecado de Dirceu.
    Lula então sangraria (by FFHH) e seria um pato manco até o final do mandato, e, lógico, não seria reeleito. O Brasil voltaria para as mãos dos entreguistas, com a desilusão dos brasileiros pobres e remediados com o PT, com a decepção do partido capaz de desenvolver políticas pública voltadas para a Senzala. A Senzala se voltaria contra a Senzala, e entregaria de bandeja até a pequena parte que lhes cabia nesse latifúndio à Casa Grande.
    Só que Lula, filho de Dona Lindu, era caboclo bom, fortalecido no embate do sindicalismo, e muito mais político, muito mais articulador, do que o PIG imaginava. Sangrou, sim. Mas sobreviveu à saraivada do “mentirão”, tirou o Brasil do atoleiro da pasmaceira econômica, afastou o complexo de vira-latas do brasileiro, reinventou a classe média, e, por fim, fez uma “Poste” como sucessor (e emplacou outro como Prefeito de São Paulo, e já está usinando outro “Poste” para Governador de São Paulo).
    Mas e agora que o gênio do “domínio do fato saiu da garrafa”, ele pode vir a dominar o fato de que a elite brasileira da Casa Grande (seus políticos de preferência) não tiram uma cana no presídio. Alguém tem que procurar se mover para devolver esse gênio para a garrafa, ora bolas.
    Eis o bastião, Dr. Ives Gandra da Silva Martins, co-autor da Obra Jurídica, o Livro Controle Concentrado de Constitucionalidade, da Editora Saraiva, com ninguém-mais-ninguém-menos Ministro Gilmar Ferreira Mendes. Por eles falam os profetas. Para salvar os sonegadores, os corruptores e os traficantes de influência com HC’s Cangurus.
    Parafraseando o Ministro Luis Fux: o “domínio do fato” é uma Quimera (mas essa um monstro mitológico, e não o produto de uma imaginação).

  20. Se o Celso de Mello tivesse dado voto contrário aos embargos, será que o Ives Gandra daria esta entrevista?

  21. Edu, posso te pautar?
    Que tal abordar o leilão de Libra?
    Confesso que estou, e devem existir outros mais aqui na mesma situação, absolutamente dividido.
    Abração.

  22. “Conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”

    (João 8.32)

    Pois foi isto que Aristóteles disse, a ao menos 3000 anos antes deste Evangelhista.
    Mannnns não interesa quem copiou quem.(ACHO QUE FOI QUEM ESCREVEU O EVANGELHO DE JOÃO.)
    Ambos têm razão!

  23. Mudou o PGR, mudou a opinião da direita… Será simples coincidência?

  24. Depois que o novo Procurador Geral da República, Dr Janot, disse que pau que dá em Chico dá em Francisco e entraram “novatos” que já demonstraram que não são corruptos e nem têm rabo preso com a mídia, esse Gandra deu essa declaração, Claudio Lembo disse que o julgamento “do mensalão” foi medieval,etc, etc. Começo a ter esperança de que a corrupção do judiciário possa deixar de prevalecer.

  25. Ainda não caiu a ficha destes jurássicos,de hoje a internet está na cola deles. Não há mais os porões onde estavam acostumados a fazer das suas sem que nós não soubéssemos, ou só soubéssemos depois que a Inês já estava morta.

Trackbacks

  1. A epifania de Ives Gandra versus o “embro...
  2. Edupifânico | Desintelligentsia

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.