PT revive hoje 2005, quando sua primeira “morte” foi decretada

 

Quando explodiu o escândalo do mensalão, em 2005, o PT e alguns poucos partidos aliados mergulharam em uma verdadeira hibernação. Eu mesmo brincava, àquela época, dizendo que os petistas e simpatizantes estavam todos escondidos debaixo da cama, pois o Partido dos Trabalhadores havia se tornado maldito, um símbolo de “corrupção”.

A avalanche midiática criminalizando o governo Lula e um partido inteiro – que, então, já tinha mais de um milhão de filiados – estabelecera um fenômeno: ninguém – nem os próprios petistas – tinha coragem de se contrapor à corrente opinativa forjada pelos grandes meios de comunicação.

Pensar diferente, então, tornara-se praticamente um crime – o cidadão acabava sendo acusado de “cumplicidade” com os “corruptos” petistas.

Este blogueiro, por exemplo, àquela época era colaborador frequente de colunas de leitores dos maiores jornais do país. Foi a forma que, desde uma década antes – em meados dos anos 1990 –, encontrara para participar do debate público.

Porém, quando explodiu o escândalo, nadar contra a corrente e escrever àqueles veículos criticando o linchamento de todo um partido me rendeu ser banido dos espaços em que podia dar a minha opinião. Eu, que vivia sendo convidado pela Folha e por outros jornais para seus eventos, de repente, do dia para a noite, “desapareci”.

Eu padecia de uma “doença” opinativa que costuma ser chamada nos meios jornalísticos de “opinião impublicável”. Ou seja: aquela opinião que discorda do que parece ser “consenso” de uma esmagadora maioria e que ninguém quer reproduzir com medo de ser acusado de “conivente”.

A força da “maioria” opinativa era tão avassaladora, à época em que estourou o escândalo do mensalão – no terceiro ano do primeiro governo Lula, assim como estamos no terceiro ano do primeiro governo Dilma –, que havia uma certeza praticamente inabalável: o então presidente da República “sangraria” até a eleição de 2006 e, ali, seria fragorosamente derrotado.

Qualquer semelhança com a situação política de hoje em relação a Dilma Rousseff, não é mera coincidência.

A semelhança entre o passado e o presente se dá até na época de 2005 em que eclodiu o escândalo do mensalão. A entrevista demolidora de Roberto Jefferson à jornalista da Folha de São Paulo Renata Lo Prete denunciando o escândalo foi publicada em 6 de junho e foi nesse mesmo dia e mês que eclodiu a primeira grande manifestação do Movimento Passe Livre, que marcaria a derrocada de Dilma nas pesquisas, assim como a denúncia de Jefferson marcou a perda de popularidade temporária de Lula no segundo semestre daquele ano.

Até o fim de 2005, Lula era dado como um zumbi político. A cada pesquisa de opinião sua popularidade caía mais um pouco, chegando a dezembro daquele ano – a menos de um ano da eleição presidencial de 2006 -, segundo o Datafolha, com apenas 31% de bom é ótimo, coincidentemente o mesmo índice que Dilma tem hoje.

A precipitação dos que, nesta mesma época do ano, há oito anos, comemoraram antecipadamente a destruição política de Lula e do PT, pouco mais de um ano depois resultou na capa da Folha que você vê no topo deste texto, publicada naquela segunda-feira, 30 de outubro de 2006, quando ele obteve 60% dos votos válidos.

Nunca me arrependi de me manter fiel aos meus princípios. No ano seguinte ao da eleição presidencial, o blog que criei lá em 2005 para dizer o que ninguém dizia, já que os petistas estava escondidos debaixo da cama, fez com que jamais me arrependesse ao contrariar as “maiorias”.

Em setembro de 2007, a partir de post em que considerei inaceitável a aceitação pelo STF do indiciamento de José Dirceu no escândalo do mensalão sob pressão da mídia – conforme conversa do ministro Ricardo Lewandowski captada por uma repórter da Folha –, através deste Blog convoquei o primeiro ato público contra um grande meio de comunicação após o retorno da democracia, conforme mostra matéria publicada no Terra Magazine que você pode ler aqui.

A partir daquele ato público, junto a leitores desta página fundei o Movimento dos Sem Mídia, que, nos anos seguintes, produziria as primeiras ações de cidadãos comuns e sem partido ou interesses particulares em prol da democratização da comunicação e contra os abusos midiáticos.

No primeiro semestre de 2008, o Movimento dos Sem Mídia ajuizaria representação no Ministério Público Federal contra alarmismo midiático em torno de uma suposta epidemia de febre amarela que haveria no Brasil, amplificada pela mídia. Entrevista que dei à época ao portal Vermelho explicando o caso pode ser lida aqui.

Em 2009, o mesmo Movimento dos Sem Mídia, a partir de convocação feita neste Blog, reuniu, segundo a polícia militar, cerca de 300 pessoas diante da Folha de São Paulo para protestar contra afirmação do jornal de que a ditadura militar brasileira fora uma “ditabranda” por ter “matado pouca gente”. A informação consta no verbete da Folha na Wikipedia, aqui.

Em 2010, durante a eleição presidencial, o Movimento dos Sem Mídia conseguiria fazer sumir polêmica entre os quatro maiores institutos de pesquisa do país, que se dividiam – dois para cada lado – sobre as posições de Dilma Rousseff e José Serra nas pesquisas. Representação junto à Procuradoria Geral Eleitoral fez a titular do órgão determinar abertura de inquérito na Polícia Federal e, a partir dali, uma semana depois as pesquisas todas convergiram para os mesmos números. Matéria do portal IG sobre o caso pode ser lida aqui.

Estes são só alguns exemplos de ações do MSM entre 2007 e hoje.

Atualmente, manifestações contra meios de comunicação se tornaram comuns. Há, inclusive, ações sendo ajuizadas contra eles no Ministério Público. As pessoas comuns estão se mexendo, agindo sem esperar que alguém faça alguma coisa em seu lugar.

Um dos objetivos desta página, ao ser criada lá em 2005, era justamente esse: estimular os cidadãos comuns a se mexerem, a não ficarem só reclamando. Daí a razão de este Blog ter sido intitulado como Blog da Cidadania, pois nos últimos cerca de oito anos a tônica do que se fez aqui foi estimular as pessoas a fazerem o que hoje estão fazendo.

Em 2005/2006, a internet não era nem sombra do que é hoje e quem discordava da Onda de consenso compulsório estava escondido debaixo da cama. Assim mesmo, a destruição política artificial de um partido inteiro não foi possível. Esteja certo, leitor, de que hoje será bem mais fácil impedir que mistificações do mesmo jaez obtenham sucesso.

Tags: , , , , , , , , ,

207 Comentário

  1. Edu,
    Eu ainda assinava a Folha naquela época. Raramente me manifestava, mas nunca era publicado.
    Pelo que você disse, sua experiência, fica fácil entender. Inclusive, confiando na memória, lembro-me bem de um comentarista que frequentava o Painel do Leitores, quase todo dia. Cheguei a pensar que fosse fictício, rs.
    Ainda bem que não é!
    O melhor de tudo é que agora não dependemos mais deles!
    Forte abraço!

  2. Edu, Teste do Travesseiro: 1- Quem (a parcela da população) foi para as ruas nos protestos de junho não lê os Blogs Sujos. Mas, quem lê os Blogs Sujos, não foi em 11 de julho. Por quê?
    2- Por que as pessoas foram às ruas pelo MPL – vinte centavos(?) – e não se sentem motivadas pela Sonegação da GLOBO? Por quê?
    Eu respondo: porque votou no PT para fazer a Reforma Política, a Reforma da Previdência, a Reforma Tributária, a Reforma Agrária, a Reforma das Comunicações e viu no PT, mais do mesmo, afundando na areia movediça que envolve os políticos. Só continuidade. Enrolação.
    Quem foi para as ruas é aquela gente, taxada por alguns iluminados de “otária”, mas tem voto, que SÓ EXISTE para pagar impostos altos. E desistiu de votar no PT. Cadê a Taxação das Grandes Fortunas?? Fator Previdenciário??
    Aqueles protestos, em junho, não foram mais um filme passado pela TV. É real. Entenda-os.
    Não há nada pior que desilusão. Agora, se quiser votos,… corre atrás…ainda resta um ano. Tá difícil.
    Alguém precisa dizer a verdade…

    • Gostei!!

    • EFE,
      Vc é homem, mulher ou jacaré?…
      Vc é o próprio jacaré. Vive crocodilando, ao sol, com o mesmo discurso, faz 500 anos… Vc é o próprio. Dorme;. enqto cerca de 93% dos demais brasileiros, sobrevivem…
      Seu Jacaré, lembra da “redentora”?…. Lembra-se? Faz quase meio século q a dita aconteceu pra ceifar do pensamento do povo, tdas essas suas dúvidas…. Tdo, acrescido da caça aos comunas; personagens perigosas q lutavam pelas, na época, Reformas de Base. E esses mesmos comunas perfazem, jh, uim dos partidos políticos mais bem alocados sobre as necessidades do um Brasil, decente. Pq o PCdoB e o PT são os dois melhores partidos políticos no Brasil, Jacaré. Vc e os seus não concordam com essa verdade. E por essa razão, ficam repetindo inverdades, ou proferindo intenções injuriosas, o tempo todo…. objetivando desqualificar o PT e seus dois Gov’s Federais. Mesmo em sendo, esses governos, um sucesso; não há o q negar… Salvo por má intenção. Não vou fica aqui, repetindo os avanços econômicos e sociais, nesses 12 ou 13 anos, últimos… São tantos, q nosso País mudou de importância, no concerto das nações – Isso é fato inadmissível para os seus. Dai, esse sentimento de ódio, meio q disfarçado por intolerância e desprezo, pelo Partido dos Trabalhadores.
      Jacaré, a parcela q foi p’ras suas em junho, no princípio, era de pessoas ligadas à movimento social e de esquerda; esse movimento sempre compareceu às ruas do Brasil, qdo aconteciam majorações nas tarifas dos transportes. Só q desta feita, pela primeira vez, essa manifestação teve visibilidade na mídia, mafiosa e terrorista. Na mídia, maldita, e nos “facebook’s”, da vida…. Portando, a manifestação dos vinte centavos, inicial, foi absorvida, sim, por aquela parcela da qual vc é representante, e q representa o conservadorismo. É verdade qocorreu, ai, a participação de algum trabalhador, desses q tiveram acesso à classe média ou q lá já estavam, desde antes, e fazem uso da internet. É verdade. Mas, isso, não significa q a massa dos trabalhadores tenha aderido ao chamamento da reação… tipo “google”. Quero dizer q, mais da metade da população, trabalhadora, ficou em casa. E, convenhamos, é normalíssimo, por falta de educação política, negada pela elite dominante, desde sempre, essa nova classe média optar por seus, agora, iguais; porém, não o são, vez q são discriminados, abertamente, pela chamada classe média, alta.
      Então, Jacaré, está, ai, a sua falsa afirmação sobre os fatos…. Quem lhe garantiu q os participantes, ativos, dos chamados blogs sujos não estiveram nas concentrações, por todo o Brasil, do dia 11, último? Vc considerou, tbm, q esses brasileiros trabalham e são produtivos, economicamente? Precisa considerar, Jacaré. Essa gente, se vc não sabe, trabalha pra sobreviver; não é, mesmo, contemplativa….
      Qto ao MPL, ele tem por objetivo a luta por políticas de transportes públicos, gratuitos; o caso das organizações, mafiosas e terroristas, “globu”, não estão contemplados, pois, em seus objetivos.
      Em resumo, Jacaré, o PT não tem Deputados e Senadores, suficientes, compondo maioria no Legislativo. O partido se vê obrigado. em nome da tal “governabilidade”, a compor, maiorias, com outros partidos…. Mesmo, assim, não consegue avançar nas reformas, necessárias, e q vc bem citou, ai, bravamente (?); contudo, convenhamos, vc’s enqto governo, nunca se prenderam a reformar coisa alguma. Tdo ficou igual, como sempre, sob seu eterno sono de jacaré…. E ainda, comparecem, sempre q podem, na maior, cobrar o q não fizeram dos governos petistas?…. Pq vc’s, do retardo, criaram o imposto sob movimentação financeira, pra aplicar na saúde, nunca o aplicando, ou o desviando pra outros objetivos; e desavergonhadamente o aboliram, depois, durante o Gov Lula? Vc’s tentaram, com isso, prejudicar o Partido dos Trabalhadores e ao Pres Lula; tentaram…. pq prejudicaram, mesmo, diretamente ao povo.
      Vai dormir, Jacaré!

      • 1º- Releia o segundo parágrafo do meu comentário. Sem baixaria. O que valem são as ideias.
        2º- Erro de Estratégia: Lula/Dilma só governa para os extremos da pirâmide: A base, de maneira merecida, atendida. Mas, o topo da pirâmide, cada vez mais lucro, enriquecimento, desonerações e benesses. E mais: não paga impostos.
        E a classe Média-Média? Fora do governo, desprezada, excluída; só existe para pagar os altos impostos: EXPLODIU.
        3º- Plantando Rejeição: Primeiro com os aposentados. Mais de 20 milhões frustrados: sem voto.
        Como se não bastasse, agora, cria hostilidade com a classe médica. Não ouve a classe, não ouve suas razões, não negocia, impõe, AMEAÇA. Parece até os tempos do “eu prendo e arrebento”. E todos sabem que o problema central da saúde passa muito longe ser falta de médico: sem voto.
        4º- O topo da pirâmide não vota no PT(Dilma). A classe média-média já fez eco nas pesquisas: sem voto. Grande parte da classe baixa, a que recebeu atendimento do governo, não vota no PT (esses, sim, capturados pelo PIG).
        E o PIG? Se há alguém que o conhece muito bem, é o próprio governo Lula/Dilma: se omite, se recolhe, o alimenta… E não por falta de aviso.
        A oposição está aí para se beneficiar do mal assessoramento e a Grave Crise de Comunicação do Governo. Até os Blogs “Sujos” já reconhecem erros de estratégia.
        Será que Dilma quer se reeleger? Sem voto não dá… É a classe média-média que está nas ruas…
        Alguém precisa dizer a verdade…

        • EFE, não sei porque fica no anonimato, deveria ser digno e mostrar quem é. 1 – Aquelas pessoas que foram nas manifestações são massa de manobra, foram insufladas pela mídia. 2 – essa mesma classe média está cuspindo no prato que comeu, pois, graças ao PT, hoje eles estão na classe média, mas, basta voltar aquela política neoliberal que os tucanos implantaram no país, que essa mesma classe média que está reclamando que não sabe do que, vão rapidinho para classe C. Pior, a classe C para D e essa para miserável. É esse sistema que as forças ocultas estão enfiando goela abaixo nos países com ajuda da bandida mídia. Essa mesma força oculta que vêm boicotando governo com ajuda de “amiguinhos”, tentando derrubar um governo que NÃO está atendendo interesses dessa força oculta, pois, se tivesse atendendo como os tucanos fazem, PT não estaria sofrendo tantas tentativas de denegrir o partido. FALEI A VERDADE. ISSO DÓI.

          • EFE é tão anônimo, quanto Nádia é para mim. Não o sou para o Blog.
            Não me ligo nos nomes. Só os respeito.
            Entendo que este é um fórum para ideias. Nelas é que tenho foco.
            Não vejo fantasmas, nem forças ocultas. Só o “jogo político” que, uma vez na arena, tem que saber jogar.
            Não tive intenção de te magoar.
            Apenas um comentário; minha leitura dos equívocos do governo para futuras correções de rota. Só.

    • Engana-se EFE. Quem votou no PT não vê os impostos como o mal maior do país, sabe que as reformas são importantes para o país, mas sabem que não dependem apenas do PT para acontecerem. Quem votou no PT, além de reconhecer e apoiar os avanços sócio-econômicos que tivemos, sabe que o PT é a única opção para formação de um capitalismo autônomo – definição esta que não é a formação de um socialismo, por o socialismo ser inviável no momento -, que é um capitalismo onde o país que o adota possui de forma soberana suas vontades e anseios não dominados por um outro país imperial. Esta é a melhor proposta partidária do momento, partidos da coligação PIG/PSDB/DEM/PPS executaram o plano integral do consenso de Washington que deu no que deu, em 3 quebradeiras, inflação na casa dos 12,5% em 2002, alto desemprego, arrocho salarial, reservas cambiais quase extintas, dívida pública x PIB alto, recessão, falta de expectativa, falta de investimentos, falta de reconhecimento internacional, depredação do patrimônio público, etc.

      • Concordo com quase tudo dito. Porém não falo mais das reformas sócio-economicas, porque elas já estão estabelecidas. Só mantê-las. O que nós queremos é a mesma coisa: a reeleição. Só que as projeções não mostram o contrário por erros de estratégia. Um exemplo: Não fez a Reforma Política. Só correu atrás depois dos protestos. Dormiu no ponto… Sem falar na Reforma da Previdência, a Tributária, nas Mídias. O país parou de avançar. Ademais começa a perder voto por hostilidade grátis. O governo faz, mas não divulga.
        Faz mas não divulga. Enquanto o PIG desconstroi o governo 24h/dia, se recolhe e se omite.
        O governo quando tinha mais força, não fez. Agora tá feio… É correr atrás.
        É preciso dar uma sacudida no governo, tirá-lo da zona de conforto.

        • Não descarto nem um lado e nem outro. O PT e o governo Dilma ainda não estão mortos, mas a oposição igualmente não está. Há muitos erros do governo em não bater de frente com o PIG, em não formar uma massa política mais consistente. Quanto às reformas, eu diria que o PT tenta, mas com esses “aliados” tá difícil, vide CPI do cachoeira, veja no que deu. Espero que o PT consiga recuperar o que perdeu, mas analisando friamente, Dilma ainda está na frente, aócio não rendeu todos os votos perdidos, blablarina foi a maior beneficiada. O patamar de Dilma deve ser bem próximo do existente na época da eleição anterior. Há indícios de “mexidinhas” do datafalha. Existe a questão do calor do momento, lógico que sabemos que os direitóides se aproveitaram do momento para descer o sarrafo, no facebook, basicamente composto de gente da classe média robotizada conservadora, “escândalos” requentados e desmistificados vieram à tona. Mas faz parte do jogo político, mas nem por isto devemos nos calar.

          • Lula enviou dois (?) projetos de Reforma Política ao congresso. Foram engavetadas pelos maus políticos. Por que isso não foi denunciado ao povo? Porque o PT se envolve nessa lama fétida que envolve os políticos. Não quer arranjar hostilidade com os maus políticos. Com isso, não fez a Reforma Política, a Reforma da Agrária, a Reforma da Previdência, da Educação; da Mídia… O PT está se desgastando porque não percebe que existe no país uma grande parcela da população, eleitor formador de opinião, que não precisa de Bolsa Família, embora concorde, que quer as Reformas para fazer o país avançar e “acabar” com a corrupção: “transformam o País num puteiro…” Essa é a revolta dos protestos de junho.

    • EFE?!!!!!
      Vejo sempre com muita preocupação aquelas e aqueles que bradam contra o que desconhecem, que seguem fielmente o “grito” das ruas e não questionam nada… Que triste!
      Você já parou para pensar o que é governar com um congresso majoritariamente de centro-direita? O que é remar contra a maré alta do neoliberalismo mundial e sair nadando, praticamente ileso, do outro lado da onda? Você já pensou a quem serve o sucateamento do SUS, o desmerecimento das obras do PAC e a desconstrução do sistema de ensino público? Você já parou para pensar que os que estão nas ruas, “contra tudo o que está aí”, levantam bandeiras como o fim do ENEM para ingresso nas universidades públicas? Quem é essa gente que nunca falou contra a corrupção (que é secular) e agora, de uma hora para outra, sai às ruas na condenação aos corruptos? E os corruptores? Um corrupto não tem geração expontânea, é fruto de alguma corrupção cuja origem está na elite. Você viu algum apelo pela prisão dos irmãos Marinho, sonegadores de mais de R$ 600 milhões?
      E você vem falar em compromissos rompidos pelo PT? O compromisso do Lula e da Dilma é com o povo, com a distribuição de renda, com a melhoria da vida da população mais carente. Talvez você tenha nascido em um país diferente do meu, porque eu me lembro muito bem o que era ficar doente neste país há 20 ou 30 anos, quem não tinha carteira assinada (a maioria absoluta da população pobre) não tinha acesso ao sistema do INPS, minha mãe cansou de dormir na fila para conseguir vaga em escolas perto de casa (nós somos 6 filhos, todos oriundos da escola pública).
      A quem o PT está traindo? A mim com certeza, não! Eu não sou petista, tenho até muitas ressalvas com relação ao partido, mas não poderia negar o quanto os petistas são competentes enquanto gestores. Sou de BH e quem viu a cidade mudando ao longo das administrações petistas (que eles entregaram ao PSB em troca de um apoio estadual que nunca veio), vai sempre votar no PT. Corrupção? Essa é a base de sustentação do sistema capitalista, ninguém fica rico sem corromper. Então, qual a saída que você propõe? Além de apenas apontar o dedo? Vamos fazer a revolução socialista?
      Acusar, sem apresentar alternativas é muito cômodo, saia da sua zona de conforto e vem pra rua participar da vida de quem tem que matar um dragão por dia para viver decentemente. Quando você fizer esse movimento, aí sim terá crédito para exigir mais de um governo que elevou o IDHM a 0,727 ou, traduzindo, PARA MUITO ALTO DESENVOLVIMENTO HUMANO!
      Cacá

  3. Bela Análise de Conjuntura!

  4. VIVA LA REVOLUCION

  5. Deu no Diário do Centro do Mundo:

    A Receita Federal do Rio informa que tem o nome do mandante da mulher que furtou o processo contra a Globo.

    Não divulga por motivos sabe-se lá quais.

    Transcrevo, abaixo, o comentário que lá deixei.

    … “Eu ainda acho que todos os jornalistas progressistas, da internet e de fora dela, deveriam se unir no sentido de estampar em TODOS esses Blogs (que prestam relevante serviço à nação) a cobrança do nome da pessoa, para que se possa rastrear o dinheiro. Alguém recebeu de alguém para realizar o furto.

    O meu nome é Sergio Govea. Voto Dilma 13 .

    Estou organizando uma passeata contra a Globo em Brasília. Interessados , por gentileza, entrem em contato pelo email [email protected].

    De nada adiantou a população se mobilizar DEPOIS que Getúlio deu um tiro no peito. A mobilização tem que acontecer antes !!! ” …

  6. Eduardo
    Sinto-me agraciado por ter sido um dos primeiros a imcorporar o MSM.
    Pouco digito. Estou conectado no mínimo 2 vezes ao dia.
    Abraços.

  7. Sem dúvida nenhuma! Não sabia que as datas da mentirosa “entrevista” de Roberto Jefferson à Folha e das “manifestações” dos mauricinhos da classe média eram exatamente as mesmas, contudo, lembrava-me de que o período em que os dois fatos se deram é o mesmo(mês de junho e terceiro ano do primeiro mandato)e também já percebi esses dois eventos como bastantes semelhantes, aliás, têm na essência a mesma motivação, uma vez que ambos caracterizam-se por serem golpes da extrema direita, destinados a derrubar ou a tornar inviáveis Governos progresistas e includentes, e nos dois a “tecnologia” conservadora utilizada sequer é nova, já que em ambos a cínica chiadeira conservadora contra a “corrupção”(dos outros, ou melhor, só do PT, porque a dos partidos de direita e dos empresários corruptores para eles não existe)é o mote principal de ataques sem conteúdo ou sentido além dessa generalização retardada(aliás, não podem ter nenhum sentido além do moralismo, ao menos não um sentido divivulgável, já que seus reais objetivos são “indivulgáveis”. Ou vocês imaginam os filhinhos de papai do “face” andando pelas ruas gritando “pelo direito dos pobres não estudarem”; “pelo fim da classe C”; “pela honra de carros só para a nossa classe”). A grande diferença entre os dois ataques é que, enquanto no episódio do “mensalão”, os conservadores praticamente restringiram sua ofensiva ao Parlamento e à mídia (o que é natural, já que acreditavam ser fácil derrubar um Governo do PT que mal começara a andar com as próprias pernas, além do que a direita não possuía a organicidade atual. As organizações fascistas da web mal começavam), atualmente a existência de um Congresso que bem ou mal é “controlado” pelo Governo, além dos doze anos de vitórias petistas(a mais recente coroada com a eleição do Prefeito de São paulo durante o bombardeio midiático do julgamento do “mensalão” no STF), além da constituição de uma verdadeira rede nazi-fascista na INTERNET(devidamente alimentada pela CIA e pelas empresas estadunidenses que controlam as redes sociais)levaram os fascistas a montarem “passeatas” conservadoras nas ruas, compostas por um perfil social que representa a minoria dos brasileiros, voltando a usar ainda que com uma “embalagem” nova, também uma tática golpista do passado, afinal foram as famosas “Marchas da Família com Deus e pela Propriedade” as passeatas que também as classes média e alta usaram em 64 para atacar o Governo Goularth e que, como as atuais, não representavam em nada a maioria da Sociedade, já que eram compostas por membros da “elite” que, de tão minoritários que são, precisaram levar seus empregados domésticos(coagidos a fazê-lo sob ameaça de perda do emprego)para dar algum volume àquelas “manifestações”, as quais, se devido a esse volume artificial alcançaram alguma suposta quantidade de participantes, alguns milhares de pessoas, em nada esse número siugnificava se comparado aos milhões de brasileiros que apoiavam o Presidente e estavam “silenciosos”(pesqusias da época, só divulgadas há pouco, indicavam que Goularth tinha o apoio de mais de 60% dos brasileiros às vésperas do golpe). Quanto às semelhanças entre esse momento e o de 2005, são quase idênticos, também naquela época foram registradas supostas “quedas” de popularidade de Lula(que devido à insignificância da INTERNET em 2005, jamais poderemos saber se foram reais ou resultados de fraude, como a atual do datafolha), e também agora parecia, mas só parecia para nós que vivemos no meio da classe média, que um falso consenso condenatório contra o PT e o goverrno haviam sido impostos para o país. Lembro-me de chegar a receber críticas de dois homens de meia idade por usar um adesivo do PT em meu carro(o adesivo continua o mesmo, não foi afetado pelo tempo, em outro veículo), aos quais respondi com dureza; como também lembro-me de um idiota do trabalho apresentando-me uma “pesquisa”, divulgada no fascistas Jornal do Commercio, em que mostrava-se que Serra derrotaria Lula em um segundo turno, se a eleição fôsse naquele momento. O mesmo Jornal do Commercio que, na manchete de hoje, comemora mal disfarçando em uma matéria, aquilo que chama de “inferno astral” de Dilma. Algumas diferenças fundamentais entre os dois períodos, se Dilma não tem a capacidade de liderança de Lula junto às massas, tem a seu favor um Goevrno que carrega um histórico de realizações, o que Lula não tinha em 2005, além do próprio Lula como um apoiador de luxo. Além do que, a mesma web que serviu para organizar a direita, também ajuda a Presidenta. Apesar do quebra-quebra dos baderneiros mauricinhos gerar um impacto negativo muito maior do que urros de deputados e senadores direitistas no parlamento, percebo, ainda que de forma lenta, uma mudança de mentalidade já começando, entre aqueles mesmos que, não sendo inimigos ontológicos da Presidenta e do PT, mas não tendo garnde politização, acabaram embarcando na onda das “passeatas” conservadoras e na histeria da mídia. Ou seja, entre a massa de manobra que seguiu os fascistas militantes da classe média, já percebo o início de deserções, quer seja entre os que começam a não achar que o Governo Dilma é uma porcaria, como relincharam nas passeatas conforme as “determinações” da nova moda midiática do momento; ou mesmo num outro grupo, que já forma uma perceção mais ou menos nítida de que as tais “passeatas” tinham no fundo um caráter golpista, começando a dar ouvidos às vozes discordantes que até semanas atás quase agrediam. E olha que falo da classe média; ignorante, alienada e conservadora; já que a maioria dos brasileiros, os pobres que formam o Brasil real.; nunca estiveram nem aí para os atos “manifestados” dos riquinhos, mantendo-se distante a e pouco informados sobre eles, em nada sendo alterada sua percepção intrínseca sobre o Governo. Ou seja., mesmo que tenham circunstancialmente condenado a Presidenta por “permitir” a desordem, isso em nada afetou o julgamento geral que fazem do Governo como favorável a eles, julgamento esse que será o que usarão na hora do voto. Dilma deve ficar atenta e continuar sua reação iniciada ainda muito lentamente,mas posso apostar que conseguirá retirar desse episódio a lição para tornar seu Governo ainda mais de esquerda e sairá com uma reeleição esmagadora.

    • RECORDAR É VIVER: Entre 19 de março e 8 de junho de 1964, foram feitas 49 Marchas da Família com Deus pela Liberdade, em todo o país. A idéia veio do dep.federal Cunha Bueno, do PSD inspirado no padre Peyton, orador que veio dos EUA, acompanhado de um agente da CIA, para rezar missa pela TV contra as “manobras vermelhas”, sob o lema “FAMÍLIA QUE REZA UNIDA, PERMANECE UNIDA”. Cunha Bueno procurou a FIESP, empresários, o vice-governador Laudo Natel e Adhemar de Barros. Representando o governador, sua esposa LEONOR MENDES DE BARROS, para arregimentar lideranças femininas, ANA DE LOURDES, Neta de Rui Barbosa, a União Cívica Feminina, Campanha da Mulher pela Democracia, entre outras entidades, foram financiadas e instruídas pelo IPES, Instituto de Pesquisa e Estudos Sociais. Trinta entidades empresariais assinaram o manifesto de convocação, publicado no Estadão. O publicitário JOSE CARLOS PEREIRA DE SOUSA criou palavras de ordem, faixas cartazes: “Vermelho bom, só batom”;” Um dois, três, Jango no xadrez”; “Abaixo os imperialistas vermelhos”; “Verde, amarelo, sem foice nem martelo”. Vários artistas se apresentaram no comício, inclusive a HEBE. Leonor hasteou a bandeira e a banda da Força Pública tocou o Hino Nacional e havia 20 inscritos para falar. Por fim Auro de Moura Andrade, presidente do Senado, falou: “Que sejam feitas reformas, mas pela liberdade. Senão, não. Pela Constituição. Senão, não. Pela consciência cristã do nosso povo. Senão, não”. No outro dia a manchete da folha de são Paulo: “SÃO PAULO PAROU ONTEM PARA DEFENDER O REGIME”. Da. Coleções Caros Amigos – A DITADURA MILITAR NO BRASIL.

      Qualquer semelhança com o dia 23/03/2014, sábado, não será mera coincidência.

  8. Devemos encontrar parceiros políticos em outras esferas?

    Edu, por vc ser a área comercial, certamente, conhece o marketing multi nível,

    o famoso MMN. Então onde se tem um produto não há como caractizar pirâmides

    financeiras. Acredito que vc ouviu falar da TELEXFREE, uma Empresa que trabalha com

    serviço de telefonia voip, tem produto físico também o aparelho como um celular.

    Acontece que uma juíza do Acre entrou com uma liminar bloqueando dinheiros de hum

    milhão de participantes da Empresa. Enfim, o que tem em haver com o texto acima, acontece

    que os participantes não são politizados, mas no momento tem um advogada pregando, tam-

    bém a culpa no PT por esse episódio, não seria o momento de dar as mão a essa gente, e iniciar

    uma “coligação” com essa gente? Olha se a direita tiver essa visão, e eles tem, vão

    capitanear essa gente que está perdendo muito dinheiro, ficando aos mesmoa –

    arregimentar todo esse milhão de pessoas, fazendo debandar para o lado deles.

    vejam esse vídio abaixo

    http://youtu.be/ExUTWPUeh7g

    agora só me falta vc me classificar de cego.

  9. Adams disse 14h52: “OURO VERDE DE GOIÁS — Na campanha de 2010, a então candidata Dilma Rousseff apareceu em um de seus primeiros programas na televisão rodando o país para mostrar realizações do governo do presidente Lula e fazer novas promessas. Para tratar da infraestrutura, escolheu a cidade de Ouro Verde de Goiás, onde, sobre os trilhos da Ferrovia Norte-Sul, bradou: “Para o Brasil seguir mudando, vamos seguir investindo em infraestrutura, com novas ferrovias, estradas, portos e aeroportos. E apoiar fortemente o setor produtivo nacional”. Ao fundo, trabalhadores soldavam os trilhos da obra. Três anos após a visita de Dilma, os trilhos de Ouro Verde estão sem utilização, cobertos por uma camada de ferrugem, e o mato cresce ao redor. A situação da Norte-Sul serve como metonímia daquilo em que se transformou boa parte do PAC, que alavancou a candidatura da gestora Dilma em 2010 e pode ter efeito oposto, em 2014. Das 42 maiores obras apresentadas no primeiro balanço do PAC, em abril de 2007, apenas metade entrou em operação até hoje.”

    Adams, Dilma fez, em Goias, promessas de investimentos e obras que, segundo voce, cumpriu pela metade. Mas e seu governador, Marconi Perillo, que não prometeu investir nem um centavo nos “empreendimentos” de Carlinhos Cachoeira e Demóstenes Torres, mas investiu até o pescoço ? O que tem a dizer, Adams ?

  10. Então Edú…por tudo que vc faz,merece todo o nosso carinho e admiração.Como sempre,grata!

  11. Edu..
    Parabéns, excelene artigo , você esta na barra dos meus favoritos.
    Abraços, sucesso

  12. Edu o povo votou no pt para combateu o sistema. Espero que o governo e o pt faça as reformas que o Brasil precisa.

  13. Eduardo, muito bacana essa luta pela verdade.Tenho visto muitas pessoas à minha volta, pessoas de bem, tornando-se “direitosas”. São pessoas honestas, que não gostam de injustiças, inteligentes, mas contaminadas pelo PIG, de forma profunda. Com algumas, não dá nem para conversar mais, somente trivialidades. Tomara que essa movimentação do Blog da Cidadania gere boas ideias e formas de informar os fatos verdadeiros ao maior número possível de brasileiros, dentro dos limites éticos que pautam o Blog da Cidadania.

    No que tange à presidenta Dilma, se ela não mudar a comunicação do seu governo com a sociedade, não sei o que poderá ocorrer. Acho um absurdo a Secom não informar com transparência o que ela gasta com as organizações Globo por ano. E acho um absurdo a falta de compromisso do governo com a comunicação com o público, sua falta de transparência. Cadê as explicações sobre o PAC, por exemplo? Outra coisa, cadê a inteligência desse governo, cadê a ABIN? Como diz Miguel do Rosário, na próxima Copa (a do Mundo) vai ser isso que vimos na Copa das Confederações? Notaram como “o gigante acordou” antes da Copa e “voltou a dormir” após? Para mim, é muito plausível que tenha ocorrido algum tipo de movimento para prejudicar o governo (e deu certo).

    Espero que os movimentos sociais como o MSM e outros pressionem o governo, por que se não vem de lá (e pelo visto, não vem mesmo), vai de cá. Achei ótimo a CUT (e nem sou fã da CUT!) espinafrar o casal Paulo Bernardo-Gleisi, tomara que isso acabe com a campanha deles pelo PT de vez. Um absurdo esse ministro dar entrevista à Veja, da forma que deu.

  14. Pelo direito à midia plural e boa! Pelo direito à informação correta! Pelo direito de ler e ouvir um jornalismo honesto e inteligente!

  15. A diferença que vejo é que naquela época o FHC achou melhor o Lula sangrar para chegar na eleição desnutrido, sem votos e com a esquerda desmoralizada.

    Agora não vão deixar sangrar. Vão para o golpe e pronto. Depois de defenestrarem a presidente democraticamente eleita, recoloca-la no lugar é muito mais difícil, pois, terão o apoio das forças armadas, das PMs e da imprensa.

    Todo o esforço tem de ser feito antes de qualquer aventura.

  16. Muito interessante a comparação. Parabéns, Eduardo. Abraços.

  17. A luta ainda nem começou, ainda vai existir muita sujeira expelida pelo PiG.

  18. O PARTIDO DOS TRABALHADORES NASCEU E NÂO VAI MORRER ELE PT É QUE NOS REPRESENTA FALA E FAZ POR NOS TRABALHADORES.

  19. Vamos a luta! Continuamos na luta! Só fico preocupado com a inércia do PT e da presidenta Dilma que não fazem uma reação se quer contra essa mídia covarde golpista! Agora que esta comprovado a participação da CIA nos meios de comunicação do Brasil é que me deixa preocupado! VAMOS REAGIR PRESIDENTA, PT!!

  20. As forças mais reacionárias deste País estão organizando um dia de protestos no Sete de Setembro. Vejam no FaceBook a hashtag #OperaçãoSeteDeSetembro e pesquisem a origem.

    Não seria o caso de os “blogueiros sujos” se aliarem aos Movimentos Sociais e aos partidos verdadeiramente de esquerda e programarem uma contra-manifestação em defesas das instituições democráticas do Brasil na mesma data? A hora é agora.

  21. diga não, a Dilma negociar caças com os EUA, nos não podemos ficar nas mãos de americanos se quisermos nossa soberania, ou Frances rafale, ou Russo su35

  22. Leia no Blog da Dilma: Pesquisa CNT/Ibope: 46% dão nota de 7 a 10 para Dilma e 71% dos brasileiros estão satisfeitos! http://blogdadilma.com/dilma/3530-pesquisa-cnt-ibope-46-dão-nota-de-7-a-10-para-dilma-e-71-dos-brasileiros-estão-satisfeitos.
    Uma resposta para a falta de comunicação , o que a DILMA precisa e afastar os trairas , que nos já sabemos qiuem são, inclusive do PT.

  23. Sintomático que o tal “movimento passe livre” (a soldo da CIA?) não participou do dia de luta em 11 de julho. Alegaram que os “pedidos” das centrais ao governo eram “vagos”. Hmmm.

    Aposto que o tal “movimento” vai desaparecer para retornar só às vésperas da Copa do Mundo.

    O que precisamos é muita militância digital e muita militância nas ruas. Os movimentos sociais, principalmente a CUT e o MST, têm que marcar novas jornadas de luta.

  24. O povo unido, jamais será vencido.

    Entidades pedem ação do MP contra a Globo

    Publicado em Segunda, 15 Julho 2013 13:25 Escrito por Jussara Seixas

    http://blogdadilma.com/brasil/3532-entidades-pedem-a%C3%A7%C3%A3o-do-mp-contra-a-globo.html

  25. Edu,

    Ainda tenho para mim que a covardia em não dar um passo adiante na Democratização das Comunicações ensejou tudo isso.

    Muitos não se sentem representados pelo governo eleito, pois não votaram em Dilma. Outros não se sentem representados pela realidade paralela que a imprensa corporativa tenta criar diariamente. Uma hora essas pessoas perderiam a calma e fariam de tudo para serem ouvidas.

    Triste é saber que este momento tem sido aparelhado pelos mais escusos interesses, como você mesmo aponta. E nesse cenário fica cada vez mais nítido que a militância tem papel fundamental para desmistificar muitas coisas que tem sido veiculadas.

  26. Senhor Edu: Tenho observado seus posts e demais ideias formuladas e compartilho com quase todas elas, incluindo com a postada acima a do PT REVIVE HOJE 2005. Contudo gostaria que me permitisse voltar um pouco no tempo, isto é, ao mês de junho, ao mês das manifestações, principalmente quando se foi desmascarada a reportagem da revista veja em que apresentava o LIDER QUE EMANOU DAS RUAS. Achei fantástico a matéria, principalmente quando nos deparamos com o potencial que os Blogs ditos sujos pela mídia golpista possuem para obterem informações e derrubarem tudo o que eles apregoam. Hoje, pela internet descobri mais um para que seja analisado e desmascarado também. Refiro-me aos comentários postos na internet pelo “Jovem” Felipe Neto e que foi ENTREVISTADO PELO PROGRAMA DO JÔ. Quando percebi aquilo lembrei-me das MENINAS do Jô e logo perguntei a quem ele serve. Estou convencido que ele é mais um a pertencer as elites que dominaram o pais antes de 2002 e que desejam voltar. Acho que os senhores poderiam buscar maiores informes sobre ele e possivelmente desmascara-lo, como fizeram com o LIDER DA VEJA, que até agora não respondeu a queda da máscara por não poder desmentir. Obrigado.

  27. Gente,
    Em princípio, entendo q o PT é um excelente partido. Tem defeitos, sim; porém, não restam dúvidas, está ligadíssimo, até à medula, no q se passa com a maioria da população brasileira, avaliada, considerada fora da classe operária, por sua pobreza, miséria. Essa maioria, sim, mal tem escola e saúde…. Essa maioria nem tem a certeza, garantia, se vai ter o q comer, num amanhã…. Entretanto, se manifesta – se tornou visível, até “ontem”…. nas estatísticas, todas. E, historicamente, essa mesma maioria, tem mostrado sua indisposição à manifestações e reações, violentas. Penso, assim, pq repasso a vida política, passada, e jamais vi o povo, povão, mesmo, batendo de frente contra a elite, dominante e perversa…. O PT parece respeitar, considerar essa certeza absoluta. Além disso, o PT está prisioneiro do neoliberalismo, implantado no País, à perfeição, nos governos Collor e prof cardoso – um dia, ainda, a História vai fazer justiça a esses dois grdes traidores da Pátria. Estes dois conseguiram sobrepujar ao deprimente espetáculo “redentor”…. Se agora não contamos com uma educação, uma saúde, e uma justiça, condígna; se hj o Estado nos parece incompetente e corrupto; glória, pois, à dupla q além de sucatearem e malbaratarem o Estado, atrelaram nossa economia, finanças, justiça, à lógica transnacional…. Qto aos militares, louvores à implantação, definitiva, da impunidade…
    Gente, o neoliberalismo e globalização são sistêmicos e está correndo nas veias da sociedade, por sua elite, dominante, conservadora. Esse é o grde e amargo entrave do PT e dos seus Governos… Simplesmente, o PT não consegue vencer e ultrapassar, deixando pra trás, esse sistema vigente, bancado pela elite, dominante. Simplesmente, o PT tem o poder; mas,. não tem a força. Essa ruptura, sistêmica, o partido não consegue executar; enquanto conflitua com o espírito da maioria da massa. Inadmissível navegar conflito à nível de ruptura de sistema….
    Qto se afirma q nossa economia não vai bem, isto não é uma meia verdade. Até q estamos mto bem, visto os indicadores e considerado o ambiente, o aspecto econômico e financeiro, mundial.. Nós, simplesmente, estamos vivendo, funcionando em um mundo… globalizado. Agora, nós estamos, honra seja feita (risos….,) , circunscritos às consequências das máximas neoliberais e reduzidos ao devido lugar. Dai, gente, se ouvir essas histórias sobre espionagem, etc…. etc….
    A cúpula de cabeças coroadas, mundial, deve ficar contrariadíssima com a Dona Dilma e seu Ministro Mantega – o “incompetente”, cfe a mídia, terrorista e canalha, inglesa….
    Emblemático, tbm, se olharmos pra trás e relacionarmos os acontecimentos, marcantes:
    – declarações de espionagens contra o Brasil e no resto do mundo;
    – manifestações de rua, tipo “facebook”;
    – visitinha, inesperada, do Vice Presidente dos EEUU;
    estádios milionários pra Copa das Confederações e do Mundo;
    – Atraso nas obras pra abrigar as Copas do Mundo e Confederações;
    – denúncias de corrupção nas obras das Copas.

  28. Edu,

    Concordo totalmente com o teor deste post.

    Em 2005 eu ainda acreditava na grande mídia, e fui um daqueles que desanimou diante dos escândalos.

    É por isso que vejo o futuro com mais otimismo.

    Em a 2010 a mídia fez uma campanha ainda mais suja contra a Dilma, mas a militância do PT já não se deixava mais se enganar. A cada factóide lançado uma resposta surgia em menos de 24 horas.

    Ficha falsa, aborto, bolinha de papel… tudo isso contribuiu para derrubar a credibilidade da mídia. Hoje as denúncias são vistas como falsas ou exageradas, até que se prove o contrário. (O que é justo — todos são inocentes até prova em contrário.)

    A internet equilibrou o jogo.

  29. Eduardo,
    Vc me desculpe, se estaria sendo impertinente…. É q dei uma olhadela em seu artigo e nos comentários. Antes, havia lido o Frei Boff; e foi por isso, q corri pra reler a sua matéria…. Tudo girava em torno de uma mesma situação; porém, com conceitos distintos,..
    Particularmente, diria q sendo idoso, eu me irrito com a ideia de ver nosso País, percorrendo sempre o mesmo caminho da injustiça e da mentira. Eu não tenho mto tempo e adoraria me tranquilizar, à respeito….
    Então, gostaria de aconselhar aos q acompanharam a sua excelente matéria, uma leitura no artigo do Frei Boff, na página do Jornal do Brasil… Entendo q seria um complemento, ideal. Assim, um pto de reflexão, pra q paremos de fazer o jogo do atraso, lançando a discórdia até, ou a desconfiança na postura e capacidade do Partido dos Trabalhadores e de seu governo federal, em sair dessa verdadeira armadilha armada pelo conservadorismo, internacional.
    Vou repetir um detalhe q se percebe, claramente, nos limiares: q existe um foco de todos as problemas; q esse foco não pode ser perdido de vista, sob pena de não chegarmos à lugar, algum. Ou, então, perpetuar-nos na mesmice.
    Abraço, fraterno

  30. Você me fez lembrar de muita coisa em que participei. Mas, na realidade estou mais preocupada com a eleição. Sabia que o STE está usando um programa feito pela CIA. Aquela propaganda do dedinho na urna é exatamente isso. Essas informações cairão direitinho na base da Cia. Também a possibilidade de votar e não saber onde vai o voto. SERÁ QUE NO BRASIL NÃO EXISTE BONS PROGRAMADORES? Acho que o golpe será este. Será eleito com a servidão das urnas. DEMOCRATICAMENTE.

Trackbacks

  1. BRAZIL S.A
  2. Rômulo Gondim – Apostas contra a reeleição de Dilma pagarão cada vez menos
  3. Zé Dirceu | Eduardo Guimarães: a avalanche midiática de 2005 e o momento atual

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.