Agora eles tentam derrubar Lula da ex-Presidência da República

A frase que intitula este texto deriva de brincadeira que tomou as redes sociais na internet na última sexta-feira por conta de mais uma “denúncia” do jornal Folha de São Paulo contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – sobre palestras que ele dá no exterior.

A tal “denúncia” virou motivo de piada porque pretendeu negar a um cidadão em pleno exercício de seus direitos constitucionais a prerrogativa de todo ex-presidente da República de ter apoio do Estado ao fim de seu mandato e o direito a atividades estritamente privadas que a outros ex-presidentes jamais foram negadas.

Aqui e em muitos outros países democráticos – como nos Estados Unidos, por exemplo – ex-presidentes se tornam instituições nacionais. Além de direito a segurança e a proventos, quase todos eles se tornam palestrantes e são remunerados por isso – com maior ou menor êxito.

De Bill Clinton a Fernando Henrique Cardoso, ex-presidentes fundam institutos que levam seus nomes e que reúnem acervos contando a história de suas passagens pela Presidência, além de desenvolverem estudos políticos, econômicos e sociais.

Outro ex-presidente norte-americano que têm um instituto que atua fortemente em consonância com seu patrono é o prêmio Nobel da Paz Jimmy Carter, que atua em direitos humanos e até em fiscalização de eleições em várias partes do mundo, além de o próprio Carter ser um renomado palestrante.

FHC deu muita palestra remunerada, tem direito a todos os benefícios do Estado concedidos a Lula, inclusive suporte em missões no exterior, pois não se imagina que quando um ex-presidente visita outro país a representação diplomática desse país o trate como qualquer um.

No entanto, no dia seguinte à denúncia da Folha de que Lula faz o que tantos outros ex-presidentes fazem em termos de palestrar no exterior com despesas e até honorários pagos pelos anfitriões, o jornal voltou à carga “denunciando” que as representações diplomáticas brasileiras lhe dão suporte quando visita os países em que estão sediadas.

Nunca se viu isso em relação a nenhum outro ex-presidente. Até uma doação de quase meio milhão de reais de dinheiro público ao ex-presidente FHC não mereceu da própria Folha mais do que uma notinha escondida nas páginas internas – e que após ser publicada nunca mais foi notícia.

A “denúncia” contra Lula, porém, além de ganhar destaque principal na primeira página do jornal na sexta-feira continuou sendo martelada no sábado, agora sob a “revelação bombástica” de que a visita de um ex-presidente a outros países gera custos às representações diplomáticas brasileiras sediadas neles.

Eis por que faz todo sentido a piada que surgiu na internet. O jornal em questão, bem como alguns outros veículos da imprensa escrita e eletrônica, passaram anos tentando derrubar Lula da Presidência da República e, agora, querem derrubá-lo da condição de ex-presidente.

Nesse ponto, vale uma reflexão: o que a última pesquisa Datafolha sobre a sucessão presidencial de 2014 e a mais nova “denúncia” contra o ex-presidente têm a ver uma com a outra? Na opinião deste que escreve, pesquisa e denúncia têm tudo a ver.

As duas iniciativas de uma das quatro cabeças da hidra reacionária e despótica que há 500 anos aterroriza o Brasil decorrem da mesma obsessão da direita midiática em derrotar Lula através da arma mais poderosa de que ela sempre dispôs: a difamação.

E impedir a reeleição de Dilma Rousseff não passa de outro capítulo dessa odisseia reacionária, pois seu governo é produto do respeito, da admiração e da confiança que a maioria massacrante do povo brasileiro concedeu e continua concedendo ao ex-presidente.

A tal “principal arma” da dita “imprensa” que atua como partido político de oposição perdeu a eficácia contra Lula e não foi por acaso. Isso porque esses veículos ainda acreditam que podem inventar um cenário para o país e fazê-lo virar realidade.

Um dos fenômenos administrativos mais comentados é a preservação da condição de vida dos brasileiros em um momento em que o mundo padece sob a crise econômica mais grave da história. Contudo, a oposição brasileira e sua mídia insistem em tentar pintar uma realidade totalmente diferente.

Oposicionistas queridinhos da mídia vivem dizendo que o país “está em frangalhos” apesar de a qualidade de vida no Brasil ser hoje a melhor em toda sua história, com pleno emprego, crescimento e distribuição de renda a todo vapor. E a mídia endossa tal premissa oposicionista.

Sempre digo que quem votou em Lula em 2006 e em sua indicada em 2010 apesar da tempestade de acusações contra ele e ela durante aqueles processos eleitorais – e que hoje está sendo recompensado por isso –, dificilmente mudará de opinião.

Não existe nenhuma acusação a Lula hoje que não tenha sido feita até 2010, ano em que colheu sua terceira estrondosa vitória eleitoral consecutiva sobre seus inimigos políticos, que há muito deixaram de ser adversários.

Note-se que o período mais fértil para tais inimigos lograrem desmoralizá-lo e inflarem o anti-Lula da vez foi entre 2008 e 2009, quando o desemprego aumentou e a renda das famílias sofreu alguma queda devido à crise internacional.

Todavia, nem quando aquele período crítico lambeu a condição de vida dos brasileiros Lula sofreu perda de popularidade. Isso ocorreu porque ficou claro para a sociedade que o que ocorria era conjuntural e que o governo saberia reverter a situação, como de fato reverteu.

E é claro que as medidas populares que Dilma vem tomando, como reduzir os juros, o preço da energia elétrica, os impostos da cesta básica e tudo mais que vem fazendo em benefício da população, ajudam a aumentar ainda mais a aprovação da presidente.

Assim, ao menos mais da metade do eleitorado brasileiro está convencido de que a dita “grande imprensa” é inimiga de Lula e Dilma e aliada de seus opositores e, por conta disso, não leva em conta seus ataques a eles.

Não é pouca coisa que em plena tempestade de “notícias ruins” exageradas ou inventadas que a mídia oposicionista tenta contrapor à realidade concomitantemente com a glamourização de possíveis adversários de Dilma no ano que vem, que ela e Lula apareçam como virtualmente eleitos em primeiro turno naquele pleito.

E o que é mais: os adversários dos petistas que vêm sendo incensados por esses veículos – quais sejam, Marina Silva, Eduardo Campos e Aécio Neves, sem falar do imorredouro amor midiático por José Serra, que já virou obsessão – em vez de se beneficiarem da artilharia midiática antipetista, perderam votos.

O fato, portanto, é que uma crescente maioria dos brasileiros sabe direitinho que há em curso uma conspiração dos mais ricos contra os avanços sociais que a maioria empobrecida ou remediada vem experimentando.

É óbvio que não se pode cantar vitória antes do tempo, até porque golpes de última hora continuarão sendo engendrados até o fechamento das urnas em 2014. Contudo, está claro que a estratégia de inventar uma realidade sobre o país ou difamar Lula e Dilma, não vai funcionar.

Mas a pior notícia para a oposição vem agora: só como exercício, venho tentando engendrar uma estratégia mais inteligente contra os petistas e a conclusão a que chego é a de que a estratégia em curso é a única possível, a despeito de seus defeitos insanáveis.

Tags: , , , , , , , , , , , ,

130 Comentário

  1. Está claro para todo o mundo o desespero da minoria conservadora, reacionária e de extrema-direita, com a participação de todo o tipo de psicopata e sociopata. Quanto mais se cristaliza a reeleição da Presidenta Dilma e o favoritismo dos candidatos apoiados por Lula (Chalita e Lindberg, por exemplo), mais a minoria oposicionista apela para seus veículos do pig, que por sua vez, perdem credibilidade vertiginosamente por brigarem com os fatos e achar que o povão não percebe.

    • C.Paoliello foi exato aos fatos!
      Quanto mais a oposição desesperada aponta o dedo, atira no pé!

    • Qual a novidade?

      Todos sabem que a imprensa brasileira denominada “PIG” é um monte de estrume.

      O que interessa é o que faremos para lidar com esta situação.

      Porque se formos esperar que a presidente faça alguma coisa é melhor esperar sentados.

      As atitudes do Bernardo, do MINI Com, pau-mandado direto da Dilma e pau-mandado indireto através da patroa ministra e candidata a governador do Paraná, estão cada vez piores. Alguma relação com verba de campanha ou é só a mentalidade deste governo?

      De onde não se espera nada é de onde não vem nada mesmo!

      Como ampliar ações como as do responsável por este blog e obter algum retorno?

  2. Essa mídia do Millenium é uma piada que infelizmente faz mal a democracia brasileira por usurpar o lugar e a função dos partidos, ao colocar-se como líder da oposição ao governo e com isso deixar pensa a democracia brasileira com a ausência de uma imprensa realmente livre, isenta, não seletiva e democrática.
    Nessa tragédia é uma piada pois, depois de tanta incompetência escancarada nessa delenda PT/Lula/Dilma desde 2003, tenta agora reeditar a campanha difamatória que isolou Maluf contra Tancredo, esquecendo-se que o PT não é o PDS, o PSB não é ala descontente do PDS, Dilma não é Maluf e a eleição não é no colégio eleitoral com votação de parlamentares, mas sim em sufrágio universal, com a participação de todos os cidadãos brasileiros aptos a votar e hoje livres da insidiosa “opinião publicada”, que tanto mal causou ao país.
    Que esperneiem e perpetrem desinformações, à vontade, pois é hoje inócuo e com mais três mandatos nesse projeto do governo de acabar com a miséria, a Casa Grande, abrigo seguro da vanguarda dos arquitetos do atraso, finalmente será triste página virada na história do Brasil.
    Que continuem a saga contra o povo no poder, com esse jeito Jim Jones de ser.
    O Brasil real agradece.

  3. Não leio, não vejo, não escuto, nada desta mídia mentirosa, hipöcrita, nojenta.
    Em outras épocas, estes fedorentos conseguiam impor suas leviandades, estas porcarias divulgavam e não tínhamos onde manifestar a indignação com o divulgado.
    Os blogs sujos, hoje são minha e de muitos o verdadeiro meio de comunicação e interação com o leitor.
    ISTO SIM, É IMPRENSA.

  4. Uma das análises mais lúcidos que li nos últimos tempos, parabéns Edu e força na sua luta-caminhada.

  5. Não me surpreende esse tipo de reportagem dessa imprensa, porque já estamos carecas de saber que eles tentam todas as formas de destruir a imagem do presidente e suas conquistas, há muito tempo. Eles só vão sossegar quando destruir LULA, sua imagem, e descobrir alguma coisa que possa INCRIMINÁ-LO e botá-lo na cadeia pra humilhar. O problema é que para implicar LULA em em algum processo criminal não é nada difícil quando o PT e o próprio LULA botam no MPF um Gurgel da vida e joga no STF só cobras venenosas, como JOAQUIM BARBOSA E AYRES BRITO. Ficam obedecendo listinhas tríplices de associações do Ministério Público, recheadas de gente reacionária, doida pra FUDER O PT. Tudo isso pra dá satisfação a essa imprensa vagabunda. ISSO ME DÁ NOJO. ME dá nojo, ainda, é saber que figuras do PT e do próprio Governo Lula, incluindo a própria Dilma, ainda têm a coragem de ir a festinhas dessa gente, ou ficar adulando donos desse jornal, e o pior: alimentando essas cobras com verbas públicas. Isso que não entendo, e estou desistindo de entender. Um STF todo indicado por LULA destrói figuras importantes do partido, a partir da pressão desses veículos de comunicações, diante apenas de indícios e suposições de FATOS.

  6. Não nenhum comentario a respeito disso, mas tenho a impressão que essa denuncia contra o LULA foi pra tirar o foco do Picolé da Veronica Serra, o que você acha disso Eduardo, até porque a denuncia contra o não lula e´tao idiota que chega ao cumulo dos gastos do Governo Brasileiro no exterior não passa de R$ 4.000,00.

  7. ERA SÓ O QUE FALTAVA : QUEREM IMPEDIR AS REPRESENTAÇÕES DIPLOMÁTICAS BRASILEIRAS DE ATENDEREM LULA, UM EX-PRESIDENTE DA REPÚBLICA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! ESSE BANDO DE FANÁTICOS DE DIREITA PIROU DE VEZ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! SÓ INTERNANDO TODOS ELES NUM HOSPÍCIO, JOGANDO A CHAVE FORA, E ENCHENDO-OS DE CALMANTES!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! VÃO PREGAR TAMBÉM QUE LULA PERCA A CONDIÇÃO DE EX-PRESIDENTE!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! EM BREVE TAMBÉM PEDIRÃO A CASSAÇÃO DA CONDIÇÃO DE BRASILEIRO DELE!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Esses animais sabem muito bem que, em qualquer país civilziado do planeta Terra, ex-Presidentes são tratados com a deferência que merecem por terem ocupado o cargo de líderes máximos dos seus países, e contrariado interesses poderos no exercício do cargo, interesses que são até mesmo de Nações inteiras. Por isso é mais do que justo que recebam uma deferência especial, condizente com o cargo que exerceram e com a lembrança que sempre trarão não só para o seu país, mas para o restante do mundo. O mesmo “recebimento” dado a Lula nas representações diplomátcias brasileiras, é dado a FHC, Sarney e Collor, os ex-Presidentes vivos, se viajarem ao exterior. O que o canalha jornalzinho paulista diria se FHC não recebesse o tratamento que cabe a um ex-Presidente numa representação diplomática do Brasil? Evidentemente culpariam o “aparelhamento” petista por essa monstruosa desonra ao ladrão tucano. Eu não tinha lido esse texto quando, no post anterior, atribui ao resultado das últimas pesquisas presidenciais; que dão Dilma e Lula quase imbatíveis em 2014, a causa para a radicalização do golpismo direitista(não tenham dúvida que essas “denúncias” visam levar Lula para a cadeia. se não o fizerem por si, pretendem criar o “clima” para que outras “denúncias” o façam no futuro); e mais uma vez repito que a Sociedade Civil deve mobilizar-se; mais do que um homem(que merece toda a nossa defesa por tudo o que fez por este país, retirando-o do caos e transformando-o numa potência em ascensão, com 40 milhões de pessoas retiradas da miséria)também estamos defendendo nosso futuro, já que os que difamam Lula, Dilma e o PT pretendem voltar ao poder para reimplantar a ordem social excludente que vigeu neste país nos últimos 500 anos e o transformou numa das mais desiguais Nações da Terra, apesar de ser um das mais ricas em recursos naturais; e cabe a nós garantirmos que isso não ocorra para que as gerações de nossos filhos e netos possam viver no Brasil maravilhoso que já começa a desenhar-se; com juros baixos, justiça social, acesso à educação; desenvolvimento tecnológico, participação popular; cuja concretização e aprofundamento de suas realizações depende antes de tudo de tomarmos nas mãos as rédeas de nosso futuro e impedirmos que essa minoria de inimigos do Brasil e de seu povo, e capachos dos interesses dos exploradores estrangeiros, nos enganem e retomem o poder, destruindo todos os avanços produzidos desde a primeira vitória de Lula. A História está em nossas mãos , não nos acovardemos em protagonizar sua construção.

  8. Inédito. A oposição junto com a mídia tentam derrubar um ex-presidente.

    Por que será?

  9. Bendito seja o País que pode se dar o privilégio de ter um Homem como Lula que sai do conforto de sua casa com sua família para defender os interesses do Brasil lá fora. O Brasil deveria agradecer de joelhos o empenho deste Homem que ama o Brasil como nenhum outro amou em todos os tempos.

  10. CLARISSIMO. SE LULA DISSER vOTEM NA CARMEN. TEREI 70% DOS VOTOS VALIDOS, COM CERTEZA.
    ONTEM, NO BANHEIRO DO SUPERMERCADO, DUAS SENHORAS FAZENDO A LIMPEZA, RESOLVI TIRAR UMA LINHA, COMO SEMPRE FAÇO. PERGUNTEI: SE A ELEIÇÃO PRA PRESIDENTE FOSSE HOJE, EM QUEM VOCËS VOTARIAM?

    ADIVINHA A RESPOSTA? LULA.

    E A DILMA, PERGUNTEI: ELA É BOA, MAS O LULA É MELHOR. IMAGINE UM HOMEM SEM ESTUDO, QUE COLOCOU O BRASIL NA LINHA, ESTABILIZOU O PAIS, SEM NUNCA PEGAR UM CENTAVO DE NINGUÉM,
    MEU VOTO É DO LULA.

    E A OUTRA SENHORA COMPLETOU: O MEU TAMBÉM.

    É ISSO.

  11. “O fato, portanto, é que uma crescente maioria dos brasileiros sabe direitinho que há em curso uma conspiração dos mais ricos contra os avanços sociais que a maioria empobrecida ou remediada vem experimentando.” Acho que nisso se deve ter cuidado para que não seja criada uma aversão a pessoas que têm posses e não se encaixam no grupo dos conspiradores e acredito que estes sejam apenas uma minoria.

  12. Vamos remorar.

    Lembram quando Lula no inicio do seu governo passou a da atenção a Africa?

    Lembram das criticas q

    • Continuando:

      Lembras das criticas que recebeu da oposição e da mídia.

      Disseram que o Brasil estava deixando de lado os Estados Unidos uma potência, para se juntar a um Continente pobre.

      Hoje a é realidade é outra.

      • Agora, os EUA tentam recolonizar a África “na marra” com a Africom, e seus “parceiros” europeus da OTAN também tentam garantir o seu naco do butim atacando Líbia e Mali. Tudo para desalojar de lá empresas da China e do … Brasil, cujo ex-Presidente, o “apedeuta”, teve a visão estratégica de priorizar parcerias com o RIC (nações muito “fraquinhas” econômica e militarmente…), o Oriente Médio (“fraquíssimos” em energia…), a Venezuela (só um “pouquinho” de petróleo no Orenoco…). Como podemos comprovar, o PIG mostrou muita “visão” estratégica. KKK! E quanto ao artigo do Eduardo: pensei quase a mesma manchete quando lí com estupefação a capa da “Falha” com o novo “escândalo” petista: agora, nem ex-Presidente o Lula pode ser”.

  13. Outra inferência de mais esta gafe da “Falha de SP” (que fiquei sabendo aqui no blog, pois também não leio nenhuma publicação impressa do pig, nem vejo qualquer canal de tv há mais de dez anos), é que deram mais um atestado de honestidade ao Presidente Lula. Sim, pois se ele precisa de patrocínio para viajar ao exterior, significa que ele não saiu rico de dois mandatos presidenciais, como a maioria sai.

  14. Matéria Prima para o Procurador Geral da Repúlblica Roberto Gurgel indiciar e pedir impeachement do EX-PRESIDENTE ATUAL, LULA.

  15. Esse PIG está jogando fora e perdendo a oportunidade de escrever comédias para programas de humor.

  16. Prezado Edu,

    Em 25/04/09 a Folha publicou uma fica falsa sobre Dilma.
    Daqui ha um mês esse “gesto” fara aniversário.
    Merece uma “celebração” a altura.
    Nao pode passar em branco.

    Eduardo.

  17. Bom dia, Pessoal

    E o PIG continua a sua inglória, GRAÇAS A DEUS!!!, de enlamear a figura do ex-Presidente Lula.
    Eles sabem que o povo já não é mais bobo!! Não conseguirão!!

  18. O fim deste jornaleco de m* acabara, por se resumir, a limpar a bunda da corja de vendilhoes capitaneada pelo Estrumologo FHC. Que triste final para imbecis que, um dia, pensaram passar do colaboracionismo a que sempre se limitaram; bom ate para os que se lambuzam com os rejeitos da sociedade.

  19. Bom dia Edú

    Bastou o processo contra o Maior Presidente que o Brasil já teve, ser recusado, que as “denuncias” apareceram.

    Que coincidência, não?

    abraços

  20. Ontem assistir ao JN para ver saber da agenda da presidente do meu país, por incrivel que pareça o JN não emitiu qualquer noticia, talvez por falta de notícia ruim. Ao consultar o site do JN vi que a última notícia sobre as atrividades de Dilma já faz mais de 4 dias, sobre a ida dela à coroação do Papa Francisco I, e mesmo assim para repercutir um artigo da Folha de SP que teria descoberto que ficou cara a despesa da viagem da presidente, ou seja, o JN noticiou para dar esse vies negativo sobre Dilma. Na verdade a midia hegemônica deu inicio a campanha de 2014, com direito a não ser punida pela Justiça Eleitoral, a midia se transforma assim em nosso TSE e vai comandar, desde já, o processo eleitoral, é o que estamos presenciando, inclusive as tais pesquisas de opinião publica tem como objetivo tornar isso concreto: A campanha a presidencia sob a batuta do pig. Assim conseguiram encurtar o mandato de Dilma. O pig alardeia por aí que foi Dilma que lançou-se candidata, o que é mentira, pois Lula apenas afirmou o que vem afirmando desde sempre: Que Dilma é sua candidata. O pig resolveu se apressar e comandar, desde já, o processo eleitora, eita nós.

  21. Ao justificar qualquer ato de Lula, colocando-o como um anjo de candura, o blogueiro não teme pecar por ingenuidade ? Afinal, não obstante o mesmo ser alguem que dirigiu a nação com competencia, trata-se de um ex sindicalista, agitador de massas e , sobretudo, político até a medula.

  22. Entendamos o que seria uma oposição de princípios por exemplo ao suscinto atual “Pais rico é pais sem pobreza”. Eis o fulcro da questão que neste post no Nassif o autor assim exprime;

    http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/sobre-as-ofensas-contra-lula-e-dilma
    …..
    .” Seguiram-se os governos militares, Sarney, Collor, Itamar e Fernando Henrique. Se examinarmos todas as medidas tomadas por tais governos (algumas muito boas, até) veremos que nenhuma delas teve a preocupação ou conseguiu alterar o sistema de distribuição de renda no país, -um dos mais injustos do mundo”

    Para se alterar essa distribuição, a aritmentica explica ser preciso proporcianalmente aumentar a participação dos mais vulneráveis. A do mai ricos diminui no bolo, o que se refletiu nos índices de GINI e IDH. É o que tem acontecido.

    Nos sites desse dois intitutos pincei;

    O Instituto Ludwig von Mises – Brasil (“IMB”) é uma associação voltada à produção e à disseminação de estudos econômicos e de ciências sociais que promovam os princípios de livre mercado e de uma sociedade livre.
    Em suas ações o IMB busca:
    …..III – defender a economia de mercado, a propriedade privada, e a paz nas relações interpessoais, e opor-se às intervenções estatais nos mercados e na sociedade.

    O IMB acredita … à ordem natural dos mercados, sem interferência governamental. Portanto, esperamos que nossas ações influenciem a opinião pública e os meios acadêmicos de tal forma que tais princípios sejam mais aceitos e substituam ações e instituições governamentais que somente:

    a) protegem os poderosos e os grupos de interesse,
    b) criam hostilidade, corrupção, e desesperança ………..

    O Instituto Millenium é uma entidade sem fins lucrativos e sem vinculação político-partidária que promove valores fundamentais para a prosperidade e o desenvolvimento humano da sociedade brasileira. Formada por intelectuais, empresários e acadêmicos, busca difundir conceitos como liberdade individual, propriedade privada, meritocracia, estado de direito, economia de mercado, democracia representativa, responsabilidade individual, eficiência e transparência.

    Quem quiser ir alem destas declarações e quem as dessimina nos meios é so ver os nomes das pessoas lá citadas. Alguns nomes como o de Jorge Gerdau Johannpeter exprime uma Dilma a criar equilíbrio entre Estado e Mercado. Entretanto entre os apoiadores destas instituições, uma se linka a outra temos a ABERT.

    O Azenha os denomina estes institutos como uma pratica norte americana a de neocons.
    Sempre questionei que a meritocracia sem a igualdade de acesso a educação (PROUNI – PRONATEC)se torna um dogma.

  23. Depois do Lula, o Pig tentará derrubar o ex Papa Bento XVI e mais adiante qualque EX correrá sério risco,preservando um único , que é de sua escência: O EX TRUME.

  24. Vamos todos nos emprenhar este ano pressionado os políticos e alertando a sociedade de bem para que regulamentem urgentemente a mídia. Chega de ver esta imprensa podre deitando e rolando sem que nada seja feito. E ainda por cima, esta imprensa cara de pau vive mamando nas testas do Estado.

  25. http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDR53647-6009,00.html

    FHC passa o chapéu

    Presidente reúne empresários e levanta R$ 7 milhões para ONG que bancará palestras e viagens ao Exterior em sua aposentadoria

    Gerson Camarotti

    Foi uma noite de gala. Na segunda-feira, o presidente Fernando Henrique Cardoso reuniu 12 dos maiores empresários do país para um jantar no Palácio da Alvorada, regado a vinho francês Château Pavie, de Saint Émilion (US$ 150 a garrafa, nos restaurantes de Brasília). Durante as quase três horas em que saborearam o cardápio preparado pela chef Roberta Sudbrack – ravióli de aspargos, seguido de foie gras, perdiz acompanhada de penne e alcachofra e rabanada de frutas vermelhas -, FHC aproveitou para passar o chapéu. Após uma rápida discussão sobre valores, os 12 comensais do presidente se comprometeram a fazer uma doação conjunta de R$ 7 milhões à ONG que Fernando Henrique Cardoso passará a presidir assim que deixar o Planalto em janeiro e levará seu nome: Instituto Fernando Henrique Cardoso (IFHC).

    O dinheiro fará parte de um fundo que financiará palestras, cursos, viagens ao Exterior do futuro ex-presidente e servirá também para trazer ao Brasil convidados estrangeiros ilustres. O instituto seguirá o modelo da ONG criada pelo ex-presidente americano Bill Clinton. Os empresários foram selecionados pelo velho e leal amigo, Jovelino Mineiro, sócio dos filhos do presidente na fazenda de Buritis, em Minas Gerais, e boa parte deles termina a era FHC melhor do que começou. Entre outros, estavam lá Jorge Gerdau (Grupo Gerdau), David Feffer (Suzano), Emílio Odebrecht (Odebrecht), Luiz Nascimento (Camargo Corrêa), Pedro Piva (Klabin), Lázaro Brandão e Márcio Cypriano (Bradesco), Benjamin Steinbruch (CSN), Kati de Almeida Braga (Icatu), Ricardo do Espírito Santo (grupo Espírito Santo). Em troca da doação, cada um dos convidados terá o título de co-fundador do IFHC.

    Antes do jantar, as doações foram tratadas de forma tão sigilosa que vários dos empresários presentes só ficaram conhecendo todos os integrantes do seleto grupo de co-fundadores do IFHC naquela noite. Juntos, eles já haviam colaborado antes com R$ 1,2 milhão para a aquisição do imóvel onde será instalada a sede da ONG, um andar inteiro do Edifício Esplanada, no Centro de São Paulo. Com área de 1.600 metros quadrados, o local abriga há cinco décadas a sede do Automóvel Clube de São Paulo.

    O jantar, iniciado às 20 horas, foi dividido em dois momentos. Um mais descontraído, em que Fernando Henrique relatou aos convidados detalhes da transição com o presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva. Na segunda parte, o assunto foi mais privado. Fernando Henrique fez questão de explicar como funcionará seu instituto. Segundo o presidente, o IFHC terá um conselho deliberativo e o fundo servirá para a administração das finanças. Além das atividades como palestras e eventos, o presidente explicou que o instituto vai abrigar todo o arquivo e a memória dos oito anos de sua passagem pela Presidência.

    A iniciativa de propor a doação partiu do fazendeiro Jovelino Mineiro. Ele sugeriu a criação de um fundo de R$ 5 milhões. Só para a reforma do local, explicou Jovelino, será necessário pelo menos R$ 1,5 milhão. A concordância com o valor foi quase unânime. A exceção foi Kati de Almeida Braga, conhecida como a mais tucana dos banqueiros quando era dona do Icatu. Ela queria aumentar o valor da ajuda a FHC. Amiga do marqueiteiro Nizan Guanaes, Kati participou da coleta de fundos para a campanha da reeleição de FHC em 1998 – ela própria contribuiu com R$ 518 mil. “Esse valor é baixo. O fundo poderia ser de R$ 10 milhões”, propôs Kati, para espanto de alguns dos presentes. Depois de uma discreta reação, os convidados bateram o martelo na criação de fundo de R$ 7 milhões, o que levará cada empresário a desembolsar R$ 500 mil. Para aliviar as despesas, Jovelino ainda sugeriu que cada um dos 12 presentes convidasse mais dois parceiros para a divisão dos custos, o que pode elevar para 36 empresários o número total de empreendedores no IFHC.

    Diante de uma platéia tão requintada, FHC tratou de exercitar seus melhores dotes de encantador de serpentes. “O presidente estava numa noite inspirada. Extremamente sedutor”, observou um dos presentes. Outro empresário percebeu a euforia com que Fernando Henrique se referia ao presidente eleito, Lula da Silva. “Só citou Serra uma única vez. Mas falou tanto em Lula que deu a impressão de que votou no petista”, comentou o convidado. O presidente exagerou nos elogios a Lula da Silva. Revelou que deixaria a Granja do Torto à disposição do presidente eleito. “Ele merece”, justificou. “A transição no Brasil é um exemplo para o mundo.” Em seguida, contou um episódio ocorrido há quatro anos, quando recebeu Lula no Alvorada, depois de derrotá-lo na eleição de 1998. O presidente disse que na ocasião levou Lula para uma visita aos aposentos presidenciais, inclusive ao banheiro, e comentou com o petista: “Um dia você ainda vai morar aqui”.

    Na conversa, Fernando Henrique ainda relatou que vai tentar influir na nomeação de alguns embaixadores, em especial na do ministro do Desenvolvimento, Sérgio Amaral, para a ONU. Antes de terminar o jantar, o presidente disse que passaria três meses no Exterior e só voltaria para o Brasil em abril. Também revelou que pretende ter uma base em Paris. “Nada mal!”, exclamou. Ao acabar a sobremesa, um dos convidados perguntou se ele seria candidato em 2006. FHC não respondeu. Mas deu boas risadas. Para todos os presentes, ficou a certeza de que o tucano deseja voltar a morar no Alvorada, projeto que FHC desmente em conversas mais formais.

    Embora a convocação de empresários para doar dinheiro a uma ONG pessoal possa levantar dúvidas do ponto de vista ético, a iniciativa do presidente não caracteriza uma infração legal. “Fernando Henrique está tratando de seu futuro, e não de seu presente”, diz o procurador da República Rodrigo Janot. “O problema seria se o presidente tivesse chamado empresários ao Palácio da Alvorada para pedir doações em troca de favores e benefícios concedidos pelo atual governo.”

    O IFHC não será o primeiro no país a se dedicar à memória de um ex-presidente. O senador José Sarney (PMDB-AP) criou a Fundação Memória Republicana para abrigar os arquivos dos cinco anos de seu governo. Conhecida hoje como Memorial José Sarney, a entidade está sediada no Convento das Mercês, um edifício do século XVII, em São Luís, no Maranhão. Pelo estatuto, é uma fundação cultural, sem fins lucrativos. Mas também já foi alvo de muita polêmica. Em 1992, Sarney aprovou no Congresso uma emenda ao Orçamento que destinou o equivalente a US$ 153 mil para seu memorial. Do total, o ex-presidente conseguiu liberar cerca de US$ 55 mil.

  26. http://mariafro.com/2013/03/24/hugo-carvalho-as-viagens-de-fhc-e-lula-e-a-escandalizacao-seletiva/

    As viagens de FHC e Lula e a escandalização seletiva

    Por: Hugo Carvalho, no blog do Nassif

    24/03/2013 – 13:37

    Um ex-presidente brasileiro está rodando o mundo, em viagens patrocinadas por empresas e corporações que cresceram e ganharam muito dinheiro em seu período de governo. Nestas viagens, a presença do ex-presidente ajuda as empresas patrocinadoras a captar investimentos e ganhar mercados.

    As empresas amigas também patrocinam palestras deste líder político no Brasil e contribuem com fundos milionários para o Instituto que leva seu nome e destina-se a preservar sua memória.

    Se este ex-presidente se chamasse Luiz Inácio, suas atividades no exterior seriam manchete da Folha de S. Paulo, colocando-o sob suspeita de atuar como lobista de empresas sujas.

    Mas estamos falando de Fernando Henrique Cardoso, que também viaja fazendo palestras, a convite de empresas, ONGs e instituições diversas. A diferença mais notável entre eles (há muitas outras) é que FHC vai lá fora para falar mal do Brasil.

    Nas asas do Itaú, seu patrocinador master, Fernando Henrique esteve no Paraguai em 2010 , no dia em que o banco inaugurou a operação para tomar o mercado no país vizinho.

    O Itaú também o levou a Doha e aos Emirados Árabes ano passado, como informou a imprensafinanceira, com a intenção de morder parte dos 100 milhões de dólares que o Barwa Bank tem para investir no mercado imobiliário brasileiro.

    Itaú Unibanco and Fernando Henrique Cardoso visiting Qatar and the UAE

    A Folha estava lá (mas não diz quem pagou a viagem da colunista Maria Cristina Frias) “FHC vai ao Oriente Médio com Itaú para atrair investimento”, ela escreveu. Zero de suspeição ou malícia. O jornal não se preocupou em saber se a embaixada brasileira alugou impressoras para apoiar o ex-presidente em sua missão, mas registrou direitinho o que ele disse lá sobre o governo brasileiro atual: Corrupção cresceu em relação a meu governo, diz FHC. Com esse papo, o ex deve ter atraído investimentos para o Chile.

    FHC também falou mal do Brasil quando foi à China, em maio passado, de novo pelas asas do Itaú (nem parece que é um banco, deve ser uma agência de viagens). Reclamou do ajuste do câmbio, da falta de planejamento, e fez o comercial do patrocinador: “Baixar a taxa de juros (no Brasil) é importante, mas tem que olhar as consequências”, ele disse aos chineses. O Estadão resumiu no título a visão de Brasil que FH passou em Pequim: “Não se pode crescer a qualquer a custo, diz FHC”.

    Em novembro do ano passado, a casa americana JP Morgan pagou FHC para falar do Brasil sem sair de casa: “O Brasil está pagando o preço por não ter dado continuidade aos avanços implementados”, ele disse, numa palestra para investidores estrangeiros em São Paulo.

    Na edição deste sábado, a Folha sugere ao Ministério Público que promova uma ação para alguém devolver “gastos indevidos” com horas extras de motoristas e deslocamento de funcionários, nas embaixadas por onde Lula passou. Mas não se comove com o fato de a estatal paulista Sabesp ter pingado R$ 500 mil na caixinha do Instituto FHC (ah se fosse o Visanet…).

    Fernando Henrique ainda era presidente da República, em 2002, quando chamou ao Palácio da Alvorada os donos de meia dúzia empresas para alavancar o instituto que ainda ia criar: Odebrecht, Camargo Corrêa, Bradesco, Itaú, CSN, Klabin e Suzano. A elas se juntaria a Ambev. Juntas, pingaram 7 milhões no chapéu de FH. Mas foi o Tesouro que pagou o jantar, descrito em detalhes nesta reportagem da revista Época.

    Todos à mesa eram gratos à FHC pelo Plano Real e não se duvide de que alguns tenham coçado o bolso por idealismo. Mas se a Folha utilizasse o mesmo relho com que trata Lula, teria registrado que os Itaú e Bradesco eram gratos pela maior taxa de juros do mundo; a Ambev deve seu monopólio ao CADE dos tucanos; a CSN é a primogênita da privataria e quase todos ali deviam algum ao BNDES.

    FHC e seu instituto prosperaram. No primeiro ano como ex-presidente ele faturou R$ 3 milhões em palestras (“o critério é cobrar metade do que cobra o Bill Clinton”, explicou, modestamente, um assessor de FHC). A primeira palestra, de US$ 150 mil de cachê, que serviu de parâmetro para as demais, foi bancada pela Ambev. O IFHC já tinha R$ 15 milhões em caixa e planejava gastar o dobro disso nas instalações.

    O IFHC abriga o projeto Memória das Telecomunicações (esqueçam o que ele escreveu, mas não o que ele privatizou), patrocinado naturalmente pela Telefónica de Espanha.

    Todas as empresas citadas neste relato são anunciantes da Folha de S. Paulo e estão acima de qualquer suspeita enquanto anunciantes. Apodrecem, aos olhos do jornal, quando se aproximam de Lula.

    Eis aí o segundo recado da série de manchetes: afastem-se dele os homens de bem. O primeiro recado, está claro, é: mãos ao alto, Lula!

    A Folha também se considera acima de qualquer suspeita. Só não consegue mais disfarçar o ódio pessoal que move sua campanha contra o ex-presidente Lula.

  27. Presidente reúne empresários e levanta R$ 7 milhões para ONG que bancará palestras e viagens ao Exterior em sua aposentadoria

    Foi uma noite de gala. Na segunda-feira, o presidente Fernando Henrique Cardoso reuniu 12 dos maiores empresários do país para um jantar no Palácio da Alvorada, regado a vinho francês Château Pavie, de Saint Émilion (US$ 150 a garrafa, nos restaurantes de Brasília). Durante as quase três horas em que saborearam o cardápio preparado pela chef Roberta Sudbrack – ravióli de aspargos, seguido de foie gras, perdiz acompanhada de penne e alcachofra e rabanada de frutas vermelhas -, FHC aproveitou para passar o chapéu. Após uma rápida discussão sobre valores, os 12 comensais do presidente se comprometeram a fazer uma doação conjunta de R$ 7 milhões à ONG que Fernando Henrique Cardoso passará a presidir assim que deixar o Planalto em janeiro e levará seu nome: Instituto Fernando Henrique Cardoso (IFHC).

    O dinheiro fará parte de um fundo que financiará palestras, cursos, viagens ao Exterior do futuro ex-presidente e servirá também para trazer ao Brasil convidados estrangeiros ilustres. O instituto seguirá o modelo da ONG criada pelo ex-presidente americano Bill Clinton…….

    PIG NÃO FICA INDIGNADO, AO CONTRARIO, APOIA: Embora a convocação de empresários para doar dinheiro a uma ONG pessoal possa levantar dúvidas do ponto de vista ético, a iniciativa do presidente não caracteriza uma infração legal. “Fernando Henrique está tratando de seu futuro, e não de seu presente”, diz o procurador da República Rodrigo Janot. “O problema seria se o presidente tivesse chamado empresários ao Palácio da Alvorada para pedir doações em troca de favores e benefícios concedidos pelo atual governo.” ……….
    http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EDR53647-6009,00.html

  28. Presidente reúne empresários e levanta R$ 7 milhões para ONG que bancará palestras e viagens ao Exterior em sua aposentadoria

    Foi uma noite de gala. Na segunda-feira, o presidente Fernando Henrique Cardoso reuniu 12 dos maiores empresários do país para um jantar no Palácio da Alvorada, regado a vinho francês Château Pavie, de Saint Émilion (US$ 150 a garrafa, nos restaurantes de Brasília). Durante as quase três horas em que saborearam o cardápio preparado pela chef Roberta Sudbrack – ravióli de aspargos, seguido de foie gras, perdiz acompanhada de penne e alcachofra e rabanada de frutas vermelhas -, FHC aproveitou para passar o chapéu. Após uma rápida discussão sobre valores, os 12 comensais do presidente se comprometeram a fazer uma doação conjunta de R$ 7 milhões à ONG que Fernando Henrique Cardoso passará a presidir assim que deixar o Planalto em janeiro e levará seu nome: Instituto Fernando Henrique Cardoso (IFHC).

    O dinheiro fará parte de um fundo que financiará palestras, cursos, viagens ao Exterior do futuro ex-presidente e servirá também para trazer ao Brasil convidados estrangeiros ilustres. O instituto seguirá o modelo da ONG criada pelo ex-presidente americano Bill Clinton…….

    PIG NÃO FICA INDIGNADO, AO CONTRARIO, APOIA: Embora a convocação de empresários para doar dinheiro a uma ONG pessoal possa levantar dúvidas do ponto de vista ético, a iniciativa do presidente não caracteriza uma infração legal. “Fernando Henrique está tratando de seu futuro, e não de seu presente”, diz o procurador da República Rodrigo Janot. “O problema seria se o presidente tivesse chamado empresários ao Palácio da Alvorada para pedir doações em troca de favores e benefícios concedidos pelo atual governo.” ………. http://t.co/dJUYSdP75N

  29. Excelente, Eduardo!

  30. Eduardo,
    Esses comentários, negativos, eu costumo ler, ligeiramente. Talvez, por isso, eu esqueça a grde maioria dessas histórias… Mas, no fim do gov do prof cardoso, eu li um comentário… assim, rápido, de q um órgão ligado a um governo estrangeiro, um órgão de segurança, havia oferecido grana pro tal do professor gastar em seu instituto de projeção pessoal. Até aê, tudo bem…. nada de mto monstruoso. Só q no momento da oferta, o tal do professor perguntou o montante q poderia ser “utilizado”… Ao q lhe responderam: “O q for necessário; não tem limites.;..”
    Então, Eduardo, no momento, já sabedor de q o tal governo estrangeiro gastava, fábulas, pra solapar a quem lhe cruzasse os caminhos, avaliei ser verdadeiro o q lia… Em especial, em se tratando de um serviçal, prostituído, como o professor faz questão de ser. Ou o prof cardoso não coordenou os trabalhos de montagem, do q se convencionou chamar de “Consenso de Washington”?… Isso posto, meu caro, fico a pensar como é fácil pra determinados fulanos, possuir e manter residência em Paris, de altíssimo nível.
    Em contraposição, agora eu me lembro mto bem, de uma afirmação do ex-Pres Lula… Qq coisa. assim: “Acontece q eu tenho de me cuidar. Pq, qdo terminar meu mandato, eu vou mora no mesmo local em q morava, anteriormente. E, mais, terei de olhar, de frente, nos olhos, meus vizinhos e amigos, de antes.”
    Eduardo, nós temos, aê, duas personalidades…. com q orgulho e carinho, podemos admirar o nosso ex-Pres Lula; heim?…
    Abraço, fraterno
    Nota, importante: O o q escrevi,, em testemunho, acima, eu me responsabilizo, plenamente. (Simas Mayer)

  31. Pensavam que o Zé era o chefe supremo do golpe do mensalão, mas não é. Pensavam que o Zé era o maior lobista do Brasil, mas não é. Mas quem é, afinal de contas, o chefe supremo do mensalão e, também, o maior lobista do Brasil?
    Não me perguntem, que “eu não sei de nada”.

  32. Para uma pessoa sensata qual a situação é mais indecorosa: O ex-Presidente Lula viajar as custas de supostas empreiteiras? Como afirmou o PIG ou o sempre candidato do PSDB ser beneficiado por um Ministro do STF, como pode ser visto no link a seguir: http://www.idp.edu.br/imprensa/1565-jose-serra-e-jose-roberto-afonso-serao-palestrantes-no-encontro-do-grupo-de-pesquisa-sobre-a-reconstrucao-historica-da-constituinte

    PS: Imagine o que os traíras da nação estariam falando e escrevendo se um Ministro do STF beneficiasse o ex-Presidente.

  33. Como ouvi de uma colega de blog: Ninguém chuta um cão morto!!!

  34. Hello Web Admin, I noticed that your On-Page SEO is is missing a few factors, for one you do not use all three H tags in your post, also I notice that you are not using bold or italics properly in your SEO optimization. On-Page SEO means more now than ever since the new Google update: Panda. No longer are backlinks and simply pinging or sending out a RSS feed the key to getting Google PageRank or Alexa Rankings, You now NEED On-Page SEO. So what is good On-Page SEO?First your keyword must appear in the title.Then it must appear in the URL.You have to optimize your keyword and make sure that it has a nice keyword density of 3-5% in your article with relevant LSI (Latent Semantic Indexing). Then you should spread all H1,H2,H3 tags in your article.Your Keyword should appear in your first paragraph and in the last sentence of the page. You should have relevant usage of Bold and italics of your keyword.There should be one internal link to a page on your blog and you should have one image with an alt tag that has your keyword….wait there’s even more Now what if i told you there was a simple WordPress plugin that does all the On-Page SEO, and automatically for you? That’s right AUTOMATICALLY, just watch this 4minute video for more information at. Seo Plugin

  35. NIQUEM JOGA PEDRA EM UMA ÁRVORE QUE DÁ BONS FRUTOS.
    PEGOU O PAIS COM UM RISCO BRASIL DE 2400 PONTOS.
    SALÁRIO MÍNIMO ERA DE 45 DÓLARES,
    PROMETEU FAZER UM SALÁRIO MÍNIMO DE $ 100
    HOJE MESMO COM ALTA DÓLAR,SALÁRIO É DE $ 245.
    CRIOU MAIS DE 10 MILHÕES DE EMPREGOS.
    PRECISARIA ESCREVER UM LIVRO,APENAS PARA CONTAR SUAS
    OBRAS..

Trackbacks

  1. Sul 21 » Agora eles tentam derrubar Lula da ex-Presidência da República
  2. AGORA ELES TENTAM DERRUBAR LULA DA EX-PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA | " F I N I T U D E "
  3. Hugo Carvalho: As viagens de FHC e Lula e a escandalização seletiva | Maria Frô
  4. Agora eles tentam derrubar Lula da ex-Presidência da República | Onim | Good ideas for you!
  5. Agora eles tentam derrubar Lula da ex-presidência da República | novobloglimpinhoecheiroso

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.