Ministro acusado na Folha de ser “preguiçoso” ri da acusação

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

Encontrei um Brizola Neto animado no 11º andar do prédio do Ministério do Trabalho na rua Martins Fontes número 109, no centro de São Paulo, por volta das 16 horas da última segunda-feira (30). Não vi maior diferença do signatário do blog Tijolaço com quem conversei pela última vez no encontro de blogueiros de Brasília, em julho de 2011, há cerca de 1 ano.

Fui convocado às pressas para a entrevista que Brizola deu a blogueiros para alegadamente “retomar o contato” com um setor da comunicação de massa que nem a classe política nem a mídia ignoram ao lhe devotarem amor e ódio em proporções similares. Por sorte, estava indo ao centro cortar o cabelo e o barbeiro fica a quatro quadras do local da entrevista.

Brizola falou sobre as dificuldades que encontrou em um Ministério que ficou meses sob administração interina após a saída turbulenta do ex-ministro Carlos Lupi, seu correligionário no PDT. Falou sobre economia, sobre planos e atuações presentes de sua pasta, mas tudo isso você poderá ler na edição da entrevista feita pelo Luiz Carlos Azenha em seu Viomundo.

A propósito, participaram daquela entrevista, além do entrevistado, o próprio Azenha, eu, o Altamiro Borges, o Wagner Nabuco (Caros Amigos), o Igor Felippe (MST), o Paulo Salvador (Rede Brasil Atual) e o ex-co-editor do Tijolaço, Fernando Brito.

Quero reportar, pois, a parte política da entrevista. Brizola não se estendeu sobre ataque que recebeu, no mesmo dia, na Folha de São Paulo, que publicou artigo do historiador ligado ao PSDB Marco Antonio Villa que acusa o ministro do Trabalho de ser “preguiçoso” por “não aparecer para trabalhar”.

Villa pegou a agenda oficial do ministro e, com base nela, concluiu que os seus horários internos de trabalho que ali não estavam inscritos comprovavam que ele se dedica ao ócio. O texto é impressionante porque chega a perguntar se a presidente Dilma Roussef – cujo estilo de administrar todos conhecem – sabe que seu ministro não trabalha.

Sorridente, Brizola explicou que só registra oficialmente a sua agenda externa e que é uma piada achar que justo Dilma, que a mídia sempre retrata como uma administradora inflexível e exigente com os seus auxiliares, aceitaria um ministro que, segundo o articulista da Folha, nos últimos meses quase não apareceu para trabalhar.

Apesar de animado, achei Brizola meio baleado. E apressado, pois tinha que voltar a Brasília no fim da tarde porque a chefe exige resultados, o que, segundo afirma, obriga-o a “jornadas de 14 a 15 horas por dia”, o que me parece uma versão bem mais verossímil do que a de Villa, que praticou uma picuinha idiota, sim, mas que, se ninguém disser nada, pode virar carimbo.

A intenção da Folha, na opinião deste blogueiro “sujo e nazista”, foi exatamente essa: publicou uma imbecilidade tão grande que acredita que o ministro ou a sua pasta nem se darão ao trabalho de contestar, o que deixaria em Brizola o carimbo de “preguiçoso”.

Pergunta: alguém acredita que outras matérias virão em outros jornais batendo na mesma tecla?

Disse ao ministro Brizola – a quem todos os entrevistadores trataram por senhor e antepondo seu posto ao seu nome do começo ao fim do encontro – que estava estranhando a demora para ele começar a apanhar da mídia, isso por ter sido (?) um “blogueiro sujo”. Mas, pensando bem, não demorou, não.

Acredito que o interregno entre a posse do ministro e o ataque de segunda-feira na Folha foi apenas concessão de um tempo “decente” para começarem a atacá-lo. Para não dar na vista, entendem? E vou mais longe: tenho quase certeza de que a mídia não descansará até tirar Brizola do cargo.

A razão disso está na resposta do ministro a cobrança, em tom de brincadeira, que lhe fizeram aqueles que o entrevistaram, de que Dilma ainda não deu entrevista alguma a blogueiros. Com um ar matreiro e novo sorriso nos lábios, Brizola nos lembrou de que a presidente, em vez de dar entrevista a blogueiros, nomeou um deles como ministro.

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

74 Comentário

  1. Sob a defesa de Thomaz Bastos, Cachoeira foi orientado a não se pronunciar diante da CPI montada para esclarecer o caso. O contraventor também foi instruído a ser evasivo na audiência diante da Justiça de Goiás, na semana passada. O ex-ministro impetrou diferentes pedidos de habeas corpus para Cachoeira, mas não teve sucesso em nenhum. Informação não desmentida deu conta da cobrança de R$ 15 milhões em honorários advocatícios, a serem pagos em três parcelas. A primeira, de entrada, no valor de R$ 15 milhões, foi paga, caso contrário o advogado não teria comparecido com o cliente na CPI do Cachoeira.”A saída do caso foi amigável. Nosso acordo era defender o empresário Carlinhos Cachoeira apenas até a audiência da semana passada. Fui uma saída natural”, disse a advogada Dora Cavalanti, da equipe de Thomaz Bastos, ao jornal Folha de S. Paulo, negando relação direta com o caso Andressa. “Durante o processo surgem atritos naturais entre o cliente e seus defensores”, completou. Segundo advogados da equipe de Thomaz Bastos, não há previsão de pagamento por ressarcimento ao réu.

    • Eu gostaria de saber quem está pagando os 15 milhões se a fortuna do Cachoeira está indisponível…
      Ou o T. Bastos faz parte da lavanderia do Cachoeira, lavando grana que vem do Exterior?
      E a representação feita pelo procurador Regional da República no R. G.do Sul, Dr. Manoel Pastana, acusando-o disso?

  2. É preciso rebater sempre as matérias do PIG. Hoje sabemos que o PIG, além de representar banqueiros, especuladores e grandes latifundiários, integra a quadrilha de Cachoeira. Então, por trás de toda reporcagem, há interesses criminosos.

    • Descordo apenas da hierarquização, meu caro Locatelli.O “PIG” existe e atua muito antes dos “Cachoeiras”. Possui ,inclusive, sua entidade latino-americana, mostrando que seus interesses políticos, econômicos e ideológicos se articulam organicamente em toda a América Latina. Aliás, pode-se afirmar que vão além, integrando uma complexa e intrincada rede de manipulação internacional da informação que perpetua, ao contrário dos que ingenuamente celebraram o fim da Guerra Fria, uma disputa ideológica que, nos dias atuais, se expressa na luta entre a globalização unipolar imperialista, que orbita em torno dos EUA, e a globalização multipolar solidária, que ainda busca acomodar-se a uma trajetória mais definida, mas que,no momento, podemos afirmar que orbita em torno dos Brincs. Nesse quadro, a meu ver, Cachoeira presta serviços a essa estrutura, não tendo poder para subordiná-la a seus interesses escusos , por mais enraizados que estes possam estar no aparelho de estado. Só para ilustrar, a Rede Globo, vedete maior dessa estrutura de manipulação e tentativa de controle político e ideológico da sociedade a que designamos por PIG, não se perdeu de suas origens, funcionando, desde sua inauguração no dia primeiro de abril de 1965 ( como vemos escolheu um dia adequado à sua credibilidade para entrar no ar) , como uma agência de propaganda ideológica do imperialismo estadunidense. Podemos até supor ou desconfiar que a Globo se articule com a famigerada agência de inteligência estadunidense, a CIA, a esta subordinando-se hierarquicamente em determinados assuntos,particularmente os que dizem respeito aos interesses geopolíticos e estratégicos dos EUA , mas jamais seria crível que ela, Globo -ou qualquer outro integrante do PIG- se subordine ou se associe em termos orgânicos a alguém como Cachoeira. Para gente como os filhos de Roberto Marinho, Cachoeira não passa de um pé-de-chinelo, um zé mané , que não conhece os segredos que fizeram a nata das elites brasileiras amealhar fortunas que dão inveja à burguesia de muitos países europeus.

      • Rapá, essa análise tá muito boa, hein?

        Faz todo sentido a avaliação de que o PIG se articula internacionalmente. Grandes chances de que a CIA esteja orientando essa gente. É uma boa explicação para o fato de que eles agem sempre – ou quase sempre – em uníssono, em nível internacional.

        • Esse é um grande elogio a quem lê as suas opiniões com bastante atenção, precisamente por considerá-las excelentes.

          • Darcy, fico honrado de você ter essa consideração pelos meus comentários. A recíproca é verdadeira.

            Vamos continuar pondo nossas cabeças pra funcionar, para darmos nossa contribuição ao debate, que é fundamental.

            E o Blog Cidadania é um palco privilegiado para esse debate entre todos nós.

        • É o poder oculto de um poderoso grupo que age desde a mais remota era do ser humano na terra, e que é conhecido como ILUMINATIS, é não é coisa de teoria de conspiração não !!!! É real…Para ver contra quem nós os socialistas estamos lutando…

          • Voces ja leram A FORMULA DO DIABO, acho que se chama assim em portugues, do autor françes Maxime Chattan?. Uma narrativa genial entre a realidade e a ficçao, que desenha perfeitamente em pontos e linhas o poder de intriga mundial dos quem esta por tras disso, os definidos “Sombras”.

        • Assistindo ao noticiário na tv, do dia 30 e 31 de julho, fica claro a articulação, a sintonia fina, entre as emissoras Globo, SBT, Band, na cobertura do dito “mensalão”. A articulação é tão óbvia, que apenas as mentes globotomizadas, anos após anos, para não notar a estratégia de bombardeio midiático encima do telespectador brasileiro. O discurso é tão combinado que sequer mudam as chamadas para as matérias, sugerindo cópias engendradas em um mesmo laboratório. De fato, no Brasil, a quadrilha do Cachoeira é apenas a ponta do iceberg, assim como o foram na AL, os golpes aos governos eleitos democraticamente. Delineia-se estratégias de retorno à AL, de forças liberais, comandadas pelos EUA. Basta acompanhar os jornalões, ou assistir a programação brasileira, durante um dia, em qualquer emissora, com raríssimas exceções, para se ter esta certeza. Existem pouquíssimos programas que reforçam a identidade brasileira, ou sul-americana, e em sua grande maioria destroem valores salutares para a constituição de um povo soberano. Destroem a nossa cultura, nossa identidade, sem o menor pudor!! Exploram a miséria, a violência, em graus absurdos, a prostituição, o preconceito de todas as matizes, inclusive o racismo, em um país multicultural. A elite brasileira não aceita visões de mundo diferentes da sua. Identifica-se com a cultura norte-americana. Vão ser capachos dos EUA eternamente, e querem a todo custo, o máximo de benefícios que puderem subtrair do povo brasileiro, mesmo que para isto precisem entregar uma nação inteira.

      • Finalmente alguém repercute aqui o que já escreví várias vezes neste mesmo blog. Quem tiver dúvida sobre a atuação da CIA, leia o livro Legado de Cinzas, de Tim Weiner, vencedor do Prêmio Pulitzer, baseado em documentos reais da própria CIA.

      • Peço vênia por discordar, pois se fosse assim o caso Rupert nao teria existido na Inglaterra.

  3. Villa é um Serra Boy, não tenho dúvida disso. Aquela resenha do Privataria que ele escreveu prova isso. A velha mídia prefere dar voz a esse historiador medíocre, cuja obra inteira é uma nulidade reconhecida como tal pelos seus próprios pares, a procurar outros historiadores mil vezes melhores, que somente não são consultados por não se aliarem a essa tucanagem escrota.

  4. Esse Villa é historiador?

    Acredito que deva ser fraquinho, por que sair julgando pessoas assim…

    Já imaginaram ele interpretando historicamente os comportamentos das personagens da história do Brasil e do Mundo?

  5. Sobre a Folha de São Paulo

    – Compra de votos de FHC em 1997 para votar a reeleição e a Folha não divulgou nada.
    – Mensalão tucano, com início em Minas através de Azeredo, pegando grandes nomes da oposição tucana e democrata e a Folha não divulgou nada.
    – Lista de Furnas, com comprovações de mensalão (este sim, é mensalão bravo) incluindo políticos tucanos e a Folha não investigou nada.
    – Envolvimento de Gilmar Mendes com mensalão tucano (185 mil moedas) e a Folha não investigou nada.
    – Livro publicado sobre a Privataria Tucana, revelando Serra e seus parentes e assessores mais diretos em crimes de corrupção, evasão de divisas e diversos outros artigos do código penal. A Folha não investigou nada.
    – Policarpo Junior e o Staff da veja cúmplices de um dos maiores capos do crime organizado no país. A Folha mais uma vez não divulgou ou investigou nada.

    Afinal, quem é preguiçoso nessa história?

    • Caro Luis Fernando
      Não é bem preguiça, Marx saberia o que era, mas enfim…
      Excelente resumo.
      Saudações

    • Em relação pelo menos aos dois primeiros itens vc mente:

      http://dilmapresidente.wordpress.com/2010/02/19/escandalos-que-marcaram-o-governo-fhc-compra-de-votos-para-emenda-da-reeleicao/

      Neste segundo, veja “O braço privado do mensalão mineiro”:

      http://pt.wikipedia.org/wiki/Mensal%C3%A3o_mineiro

      • Não, eu não minto, Antônio.

        Quanto ao primeiro caso, da reeleição de FHC, a Folha só iniciou divulgação após pressões da CNBB.
        Vimos nas eleições de 2010 o que alguns bispos são capazes de fazer.
        E a Folha divulgou com um atraso de “somente” 4 meses após a aprovação da reeleição no Congresso.
        Gostaria de saber se fosse Lula. A Folha já divulgaria o plano de ação do governo. Não esperaria nem acontecer.

        Quanto ao processo do mensalão tucano, a Folha divulgou apenas por achar que esse escândalo traria prejuízos somente ao PSDB mineiro, sempre concorrente com as disputas internas de poder do partido.

        E hoje? Quando a coisa estourou e averiguamos que o mensalão mineiro não é somente tão mineiro, a Folha faz o que? Investiga o que? Repercute o que? Nada, pois se cala.

        Portanto, meu caro, eu não minto. Eu só sei enxergar a política e seus jogos de interesses.

        • Se divulgou, não pode ser dito que “não divulgou nada”. É impossível fazer as duas coisas. Ou divulgou, ou não divulgou. E se divulgou, a afirmação inicial era, para amenizar o termo, incorreta.

      • Mensalão mineiro uma pinóia. É mensalão TUCANO em Minas Gerais. É muito diferente.

  6. “obriga-o a jornadas de 14 a 15 horas por dia”…

    Ora, mas a presidenta obriga o próprio ministro do trabalho a trabalhar bem acima da jornada máxima de 8 horas por dia – estipulada pela lei a todos trabalhadores – que é fiscalizada pelo seu próprio ministério? Mas que absurdo! 14, 15 horas por dia já é jornada estafante e trabalho escravo.

    • Não é não, minha cavalgadura: se você gosta do que faz, 14, 15 horas por dia não são nada. Mesmo sem chefe, você se dedica.
      Agora, se você não tem nada pra fazer alem de dar no saco dos outros, aí sim o tempo demora a passar e o dia se arrasta interminavelmente.
      Como está sua agenda?

      • Este tipo de comentário insultante coloca o autor no nível em que sempre esteve a maioria dos esquerdistas. Baixam a discussão num patamar digno de cortiços.
        Então porque venho aqui ? O blogueiro é uma boa fonte para mostrar como anda pensando o lulo-petismo.

        • Já vi que este quer fazer o estilo “trollagem em alto estilo”. O behaviorismo é uma vertente conservadora da educação, proveniente da palavra inglesa “behavior” que significa “comportamento”, ligada ao tecnicismo educacional com embasamento empírico. O behaviorismo também é uma vertente psicológica dos estudos dos comportamentos. Eu só me pergunto, o que leva a um troll direitóide se intitular de “behaviorista”?

          Essa cara tá bem por fora, pois quem leva as discussões aos níveis de cortiços são os direitóides, veja como exemplo os comentários únicos do pensamento conservador vomitados nos blogs de direita.

          • E de cortiços o Sr. Behaviorista entende muito. Afinal, o partido cujas idéias ele defende (quase que certamente) é useiro e vezeiro em propiciar à assim chamada plebe esse tipo de moradia. Veja o que o filhote do Sr. Serra está fazendo com os moradores de ruas em São Paulo, além de pinheirinho e cracolândia. Esses problemas de alta combustão social são tratadas pelo partido icônico do Sr. Behaviorista como de natureza criminal. É dessa turma que ele extrai, e jacta-se deles, os seus profundos conhecimentos, e também é nela que o seu comportamento “educado” se espelha.

    • Duvido que alguém lá trabalhe doze a 14 horas por dia. Mas se for isso, qual o problema? Esses são cargos que não podem ter carga horária definida. Pois se nem um executivo a tem, que dirá Ministro de Estado. Se esse ministro reclama disso ele é mesmo despreparado para o cargo.

      • Ele não reclamou de nada, só disse que a jornada é essa pra responder à bobagem dita pelo Villa. Ele obviamente não é burro e sabe que trabalhar 14h é necessário. Não é uma reivindicação trabalhista.

        • Liga não moço.
          Essa pessoa é ranzinza mesmo.
          Só vem aqui para fazer lobby para o Serra e para o PSDB/DEMO. Nada mais.

  7. O Brizola Neto está fazendo falta na blogsfera – seu blog era muito importante em termosde reflexão.

  8. E aqui creio que caiba a pergunta: se Dilma exige muito de seus ministros, o que estará fazendo o Bernardo?
    Como será a agenda de Bernardo?
    Alguém imagina o Bernardo se dedicando (?) ao trabalho (?) doze, 15 horas por dia?
    Será que a agenda de Bernardo terá mais coisas do que o SSerra tem na cabeça?
    O “istoriador” PSDBista não tem curiosidade de saber o que o Bernardo está fazendo?

    O que estará fazendo o idiota do Bernardo?

    • Apenas uma pequena discordância: o ministro Bernardo não é um idiota! Sublinho isso para me antecipar ao companheiro Dimas, que ,em outro artigo, de forma muito gentil, compareceu com seu comentário para nos defender, a nós, idiotas ( a ambiguidade da frase poderia dar margem a supor que ele, Dimas, pertence ao nosso seleto grupo. Mas ,infelizmente, isso não é verdade. Seria uma honra para todos nós, idiotas, poder contar com não-idiotas como ele). O ministro Bernardo pertence a um interessante grupo de políticos que, não se sabe muito bem porque, afirmam-se “de esquerda”, embora seu histórico de ações o inclua , com muito boa vontade, no campo dos políticos conservadores de centro. Trata-se de homem inteligente. Não se deve à insuficiência desta faculdade mental a sua irritante inação à frente do Ministério das Comunicações. Eu tenho a impressão que, quando da indicação de nomes para compor o governo Dilma, o PMDB abdicou de alguns quadros próprios para avalizar indicados de outros partidos, como o próprio PT. Seria uma maneira de perpetuar em alguns ministérios políticas que já vinham sendo sintonizadas com os interesses dessa agremiação de centro, apesar de não contar mais com a titularidade do referido ministério. O ministério das Comunicações, conduzido por Hélio Costa, esteve entre aqueles que mais frustraram as expectativas da esquerda durante o governo Lula. A escolha de alguém filiado ao PT acabou amenizando essa frustração e criando a expectativa de mudanças. Porém, como vemos, tratou-se de indicação acordada nos bastidores,provavelmente negociada com o PMDB. São esses insondáveis acordos de bastidores, que de fato comandam determinadas políticas publicas ,que explicam a previsível agenda de Paulo Bernardo. Esta consiste em mudar o máximo que ele puder para deixar tudo do jeito que sempre esteve.

      • Paulo Bernardo é um petista sui generis,pois em Curitiba,seu reduto eleiitoral,apoia Gustavo Fruet,que já foi do PSDB,tendo passado oito anos descendo a lenha em Lula,hoje está filiado,se não me engano,ao PMDB,já que foi alijado da disputa dentro do PSDB,pelo chefe do partido no Paraná,Beto Richa,que é governador do estado,que apoia Luciano Ducci,atual ocupante da prefeitura curitibana.Ou seja, tal como outro ilustre paranaense,Flavio Arns que saiu do PT e foi para o PSDB,Paulo Bernardo,no fundo é tucano de coração,igualzinho a outro petista,Jacques Wagner,governador da Bahia.Portanto,Paulo Bernardo,jamais fará coisa alguma contra o PIG estando no comando do Ministerio das Comunicações.Todos já perceberam que para ter uma ley de medios,primeiro Dilma precisa afastar Gleisi Hoffman(esposa de Paulo Bernardo) da chefia da Casa Civil e depois Paulo Bernardo do comado do Ministerio das Comunicações.Esses dois no fundo trabalham contra o governo e a favor de seus projetos politicos pessoais.

      • Hibernardo, associado com o tucanão arrependido Gustavo Fruet, só está esperando ser o primeiro damo do Paraná.

        Enquanto isso a blogosfera esgüela e o PT não acorda.

      • Darcy, confesso que não entendi sua menção ao Dimas, talvez por não ter lido a postagem a qual você faz referência.
        Quanto à sua discordância quanto ao termo, eu o utilizo por, até o momento, não conseguir ver, nas mais variadas fotos em que o Bernardo aparece, resquícios mensuráveis de inteligência.
        Você já o ouviu discursar? Sim, porque aí, caso restem dúvidas, elas desaparecem por completo.
        Para mim ele jamais passará disso.
        Você pode contrapor que ele não chegaria onde chegou sendo um idiota.
        Pois tenho pelo menos dois exemplos próximos que não me permitem concordar com o argumento: tive dois colegas de trabalho que eram verdadeiros idiotas (um dicionário ilustrado traria a foto dos dois apensas ao verbete), mas se prestavam a “serviços” bastante, digamos, “apreciados” pelos gerentes. O resultado? O mesmo alcançado pelo Bernardo, respeitando-se a escala, obviamente.

        Em tempo: Não sou adepto da frenologia nem a considero como ciência válida, mas tenho a mesmíssima impressão do José Eduardo Dutra.

      • Ai, ai, ai. Desse jeito, é capaz de o PIG dar a volta por cima e retomar seu poder. Basta que entre um governo demotucano (bate na madeira) para tudo voltar a ser como antes, ou ainda pior.

    • Como o Bernardo “AGRADA” a ´mídia, vc jamais verá uma reporcagem para agredir o acomodado ministro. Quanto a Brizola Neto, já começaram as agressões. Êsse Vila é
      um fanático pelo Serra e UMA PIADA DE MAU GÔSTO QUE SE ACHA SÉRIO. UM
      panaca!

  9. O Paul Lafargue, genro do Marx, tem um livro chamado ” O Diereito à Preguiça”. Qual o
    problema? Ele não está sendo acusado de corrupção, mas de preguiçoso.A mídia talvez não tenha achado nada contra ele e o taxou de.Simples

  10. O avô dele era taxado de comunista. Isso sim é complicado.

  11. Eduardo Guimarães. Ou vc libera meus comentários ou volto pro blog do Noblat.

  12. Falndo em Noblat.Lembro-me de uma frase do Oscar Wilde, mais ou menos assim:
    S[o os idiotas não se deixam levar pela primeiras impressões. Alguém mais velho aí
    não se lembra de quão esqualidos eram os jornalistas de antanho?Hoje, não. Estão todos
    gordos, nédios, apopléxicos.Vejo a foto do Noblá, blá, blá.(Desculpem, foi o teclado).E fico
    me perguntando se esses caras levantam a bunda da cadeira pra levantar alguma informação.
    Se não for depressão, é preguiça.Juntando preguiça e má-fé dá um negócio chamado imprensa brasileira
    Bem, o ministro doTrabalho não é jornalista, logo…(Atenção idiotas, quando falo jornalistas, estou me referindo aos da grande imprensa,excetuando, é claro, o Pedro Bial.Esse sim, jornalista magrela
    e de inteligência a toda prova, eis que apresenta o BBB e escreve a biografia definitiva do patrão.O que lhe causou imensos problemas na Globo, por inveja, é claro. Que todos queriam o título de puxa-saco mor, o nosso Pulitzer, mas o Bial chegou primeiro).Es´se luminar é outro candidatíssimo a uma vaga na ABL.
    Juntamente com o Zeca Camargo.

  13. A bronca do Villa é compreensível porque êle pensou estar vingando o que o Brizola Neto recentemente escreveu sobre FHC e o premio que recebeu do congresso americano, e irritado, quis dar o troco.

    • Existe alguém mais ridículo do que este Villa? (Calma, eu sei que existem os merdais, os reis do esgoto, a concorrência é enorme…) . O cara diz-se historiador, mas só escreve sobre a Casa Grande: odeia a senzala, ou seja, 90% do povo brasileiro.
      Fosse um cientista social, teria alguns pruridos em lamber tanto as botas de uma elite escravocrata e pré-capitalista. É um deslumbrado, que só enxerga um espelho e o saldo bancário. Um serviçal, como todos em tantas ditaduras e países colonizados.
      Tenho vontade de assistir a uma sua palestra para ensinar-lhe algo de História do Povo Brasileiro, sem firulas e maneirismos. Desconfio que nunca terei esta chance, já que ele está ocupado esperando o chamado da Globo…

  14. Como não têm nada para acusar, xingam de preguiçoso, gordo, baixinho, feio, etc.
    Esses canalhas são assim mesmo. O que eu lamento é que ainda tem gente que lê esse tipo de jornal.
    Cruz, credo! Se dependesse de mim iam todos (Folha, o Globo, Estadão, Veja) à falência. Só sei que ainda existem graças à blogosfera.

    (É óbvio que entendo e prezo o teu trabalho, Eduardo. Êta sacrifício).

  15. Alguem por favor avise o “estoriador” (sim, com “e” mesmo, pois adora estórias) que o MInistro estava em São Paulo. Ele é capaz de olhar a agenda e concluir que o Ministro não estava trabalhando neste dia.

  16. Gostaria de saber onde encontro informação verdadeira além de Folha, o Globo, Estadão, Veja.
    Qual jornal é recomendável para se atualizar hoje em dia? E no caso de TVs, quais canais são recomendáveis?

  17. Batar escutar o Villa por 10 minutos para perceber que é mais um tucano querendo por lenha na fogueira,no governo Fhc,pra ele,deveria estar uma beleza,país crescendo e povo tendo melhor condição de vida etc…só de ver esses caras no pig dá vontade de vomitar.

  18. Brizola é mais um que será perseguido até onde possível, não só pela asquerosa Folha, como também pelos demais panfletos e difusoras de lixo que compõem a trama oposição-mídia. Esperemos que a CPMI do Cachoeira, ao retomar os serviços, investigue a fundo as ameaças sofridas pelo juiz Alderico Rocha Santos, por parte de Andressa Mendonça, a “cara metade” de Carlinhos Cachoeira… Isso, sem dúvida, colocará a revista Veja em foco (já que o dossiê com que o juiz foi ameaçado seria obra de Policarpo Júnior e asseclas) e representará uma oportunidade excelente para mostrar ao grande público como age a maior parte da mídia nacional, formando um bloco de diferentes órgãos para divulgar e fazer espalhafato de matérias que têm origem no crime, são elas mesmas criminosas e atendem, sempre, a interesses inconfessáveis de certos membros da oposição e de outros desafetos do governo legalmente constituído. É preciso mostrar definitivamente ao povo, o caráter estritamente conspiratório da velhacaria promovida pelos “ilustres” integrantes da mídia e da oposição… Se isso for conseguido, será um primeiro passo para que venhamos a ter no Brasil, uma mídia digna cujo papel seja, unicamente, o de informar. Chega dos dejetos da Rede Globo, da Folha, do Estadão, da Veja e dos demais órgãos que compõem esse bando mentiroso, caluniador, enganador e mau-caráter!

  19. Achei a maior furada o Brizola Neto fechar seu blogo, o Tijolaço.

    Para compensar essa perda, ele precisa criar um blog do Ministério do Trabalho. Ele precisa criar uma forte comunicação entre o Ministério do Trabalho e a sociedade, sem passar pelo PIG. Ou isso, ou ele será derrubado pelo PIG.

    Como sabemos, quando o PIG quer derrubar ministro, Dilma olha para o outro lado. Ela não apoia os seus. Que o digam Orlando Silva, Erenice e Carlos Lupi.

  20. Prezado Eduardo
    Essa gente perdeu por completo a compostura. Essa gente não tem nenhum compromisso com a verdade, imparcialidade e nem busca a isenção. Atuam como membros de torcida organizada. Frequentemente ocupam espaço na mídia por estarem alinhado ideologicamente a essa mídia reacionária, antidemocrática e golpista.Perdi a paciência com essa gente. Cabe a gente denunciar essa gente,principalmente para os mal informados .

  21. Tbém sinto falta do blog…

  22. Se Dilma ter como único argumento para demitir ministros aquilo que sai em qualquer página do PIG, estará mostrando uma tremenda fraqueza.
    A continuar dessa forma, juro por Deus, tenho a mais profunda admiração pela Presidenta da República, mas vou fazer campanha pela volta de Lula.

  23. Fora do assunto: JOSÉ SERRA E O AUTÓGRAFO!
    Hoje no Jornal da Manhã da Rádio Jovem Pan/PSDB, Fernando Rodrigues deu a deixa:
    Se Lula for para as ruas fazer campanha para os candidatos do PT e aliados, nós jornalistas vão lhe fazer perguntas sobre o “Mensalão”.
    Na hora imaginei que se morasse em SP faria perguntas a José Serra sobre o Livro A Privataria Tucana.
    Não sei a data, mas uma pessoa ousou muito mais mostrou um exemplar do Livro e pediu para que Serra o autografasse.
    Dizem que assessores do PSDB “descobriram” que o rapaz é ligado ao PT.
    O PIG do qual faze parte (“nós jornalistas”) Fernando Rodrigues é ligado a quem mesmo?
    Respondo, é ligado ao PSDB..
    Aqueles moços que abordaram Fernando Haddad são de que partido?
    Respondo, são do PSDB.
    Então, que os “nazistas” e os “sujos” ligados ou não, ao PT façam filas diante de José Serra para que ele autografe o “A Privataria Tucana I”.
    “A idéia” é de Fernando Rodrigues.

  24. O excelente ministro Brizola carrega algo que ofende o PIG: o sobrenome de um grande brasileiro, socialista coerente, patriota e adorado pelo povo brasileiro apesar de vilipendiado pelos fascistas de sempre. O PIG não engole os sobrenomes Brizola, Arraes, Prestes, Affonso (de Almino), e muitos outros.
    Na verdade, não está engolindo nem Silva – não por minha causa, mas por um tal Luis Inácio…rsrsrs

  25. Só não entendi porque o Brito encerrou o dele também. O Brito poderia ter continuado até mesmo o Tijolaço, qual o problema?

  26. Também isso, mas não apenas , além desse há um outro motivo para a mídia não descansar enquanto não tirar o Ministro Brizola Neto do cargo(o qual, é mais do que evidente) : o sobrenome! VOCÊ ACHA QUE OS DITADORES MIDIÁTICOS, A OLIGARQUIA DAS COMUNICAÇÕES, OS CORONEIS ELETRÔNICOS MAIS ATÁVICOS, REACIONÁRIOS E AUTORITÁRIOS DESTE PAÍS NÃO ENJOAM TODA VEZ QUE LEMBRAM QUE É MINISTRO DE ESTADO UM “BRIZOLA”, UM NETO DE LEONEL DE MOURA BRIZOLA, UM DOS MAIORES LÍDERES TRABALHISTAS/DE ESQUERDA DESTE PAÍS, EX-MEMBRO DA INTERNACIONAL SOCIALISTA, QUE IMPEDIU O PRIMEIRO GOLPE CONTRA JANGO EM 1961, QUE DENUNCIOU ANTES DE TODOS OS CRIMES DE ROBERTO MARINHO E DA GLOBO. E PARA PIORAR, O REBENTO AINDA MANTINHA UM BLOG “SUJO E NAZISTA”(NO QUAL EU ME LAMBUZAVA)COM O MESMO NOME DE “TIJOLAÇO”(CRIADO PELO AVÔ PARA NOMEAR AS NOTAS EM JORNAL, QUE BRIZOLA PAGAVA DO PRÓPRIO BOLSO, PARA PODER DEFENDER-SE DAS MENTIRAS QUE A MÍDIA LANÇAVA SOBRE SUA ADMINISTRAÇÃO DESDE OS TEMPOS EM QUE FOI GOVERNADOR DO RIO GRANDE DO SUL)?????????? Quero dizer que sou um grande admirador de Brizola Neto, fui leitor assíduo de seu blog, e tenho certeza de que a mídia alternativa fez muito bem em iniciar a defesa do Ministro diante desse ataque “inocente” da Folha, que de inocente não tem nada. A armação de Otavinho Ditabrande é clara : colocou uma idiotice de um débil mental para que ninguém desse importância(não é esse tal Villa, que apoia o golpe militar como uma “defesa” para impedir um golpe de esquerda no país??????????!!!!!!!!! Golpe que só os lunáticos de direita e esse retardado viram, já que não há nenhuma comprovação factual de que sequer se sonhasse com isso! E esse merda ainda se diz “historiador”); Pois bem, o despautério desse demente é insano exatamente para não ser levado a sério, e com isso não ser contestado mesmo quando começar a aparecer em outros veículos da ditadura midiática(tenham certeza de que aparecerá), permitindo que com o tempo seja carimbada essa pecha em Brizola, para futuramente ela ser usada de forma adequada, incrementando a futura “denúncia” hipócrita que a mídia lançará para derrubá-lo, provavelmente em setembro, principalmente se ela for derrotada e o julgamento do mensalão for técnico. Comecemos a defender Brizola Neto agora, como também a espalhar por todo o país quais as verdadeiras intenções midiáticas, que logo surgirão.

  27. Edu, cada vez mais gosto de seu estilo combativo!!!
    “Jornal ligado ao PSDB”, “Historiador ligado ao PSDB” etc…. sensacional. Essa turma não passa de um bando de reacionários que apóiam seu líder tirânico, tal qual fanáticos religiosos! Valeu, amigo!

  28. Ontem pela manhã Fernando Rodrigues/Folha disse na Jovem Pan/PSDB: “Nós jornalistas vamos às ruas perguntar a Lula sobre o ‘Mensalão’.
    Parece que o tiro saiu pela culatra.
    “Nazistas” e “sujos” farão filas diante de José Serra para que autografe o Livro a Privataria Tucana.
    Esse Fernando Rodrigues….!

    • Os blogs “sujos e nazistas” estão bombando. Cada vez mais gente acessa e lê. Até o Reinaldo Azevedo é leitor assiduo dos tais blogs. Boa parte das matérias que o RA aborda não consta na pauta da “grande imprensa” (Globo, Veja, Folha e Estadão). De onde ele “saca” essas matérias? Dos blogs “sujos e nazistas”, inclusive deste.

  29. a foia…se implica com o Ministro=por ele ser Neto de Leonel de Moura Bizola!!! Parabens Brizolinha,pela entrevista,acessava seu Blog Sempre!!!

  30. O PIG aposta e muito na estupidez de seus leitores a tal ponto que se todos pautassem suas opiniões pelo que a imprensa canalha publica,o PSDB,partido de notorios corruptos,lesa patria por natureza,jamais teria deixado o poder,jamais teria tido tres derrotas consecutivas desde 2002.Pelo que se pode apurar pelas leituras de varios jornais e revistas integrantes do PIG,é que o PT é o partido dos corruptos e que o PSDB(cinismo dos cinismos,algo tipicamente tucano)é um partido de candidatos à canonização,tal a beatitude de seus membros.A hipocrisia do PIG é tão evidente,tão descarada,tão pornografica,que até mesmo um completo idiota,daqueles que se encontram alheios a tudo,percebe a farsa grotesca.Ao PIG so resta como ultima tabua de salvação,o mensalão e mesmo assim uma tabua de salvação que é bem pouco segura.

    • Se eles não conseguirem condenar o Zé Dirceu (qual o crime que o Zé cometeu? Conjunto da obra? Isso é crime?), todo o esforço de mensalão do PT, o “maior escândalo da História política do País”, terá sido em vão.
      Quanto aos outros trinta e tantos réus, podem até ser condenados à oena máxima, que não terá valido a pena, pra ele, o PIG.

  31. E aí Eduardo? O Cidadania já foi rotulado de “primário” e “sujo”. Agora é “nazista” também? Qual será o próximo epíteto (très chic) com que brindadão o blog? Só não podem rotulá-lo de “comunista”, não é? Já que ele é “nazista”…

  32. Quando que esse palhaço dá aula na UFSCAR ,já que todo dia tá na midia se oferecendo para lalar mal do governo que em última análise paga seu salário.
    Gostaria de saber se tem dedicação exclusiva a Universidade.
    Gostaria de saber a opinião dos da UFSCAR alunosda UFSCAR a respeito desse imbecil
    Pobre Brasil e seu ensino que tem esse sujeito como “historiador”

  33. No trecho final da entrevista, Brizola Neto disse que já fez mudanças na remuneração dos programas de capacitação de mão-de-obra tocados pelo Ministério. Disse que o preço da hora-aula pago anteriormente, de cerca de R$ 4,50, não atraia empresas qualificadas. Agora, o valor praticamente dobrou. O próximo passo será um trabalho conjunto com o Sistema S (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, Serviço Social do Comércio, Serviço Social da Indústria, entre outros) para formação de mão-de-obra qualificada visando especialmente os empregos nas indústrias naval e do petróleo.

  34. Sabe o que me dá nojo nos “jornalistas” – acredito que qualquer pessoa que reporta notícias, independente do diploma pode se considerar jornalista, ou seja, pra mim este blog faz jornalismo.
    Voltando, sabe o que me dá nojo desta profissão? Deve ser dureza ter que defender certas coisas e se dizer isento. Fingimento não cansa vocês não gente? Todo mundo em Brasília sabe que Brizola é sim um preguiçoso de marca maior, sempre foi, desde quando era deputado.
    Não existe vilões ou mocinhos, a mídia não é vilã e os militantes da esquerda não são mocinhos. Cada um defende o seu e pronto acabou.

  35. gostei da resposta do neto… dilma não declarou guerra a des informação… nomeou um blogueiro fora dela
    afinal casa grande há 500 anos reforçadamente reconstruida não pode – logo pela classe dominante – ser ex im plodida…
    enquanto a senzala começa a atrapalhar
    quando sai dos limites
    que yoyôs e iaiás antigamente tinham forças sagradas armadas
    para espiritual e fisicamente controlar

Trackbacks

  1. Ministro acusado na Folha de ser “preguiçoso” ri da acusação « Ficha Corrida

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.