Voluntários irão hoje a SJC ouvir flagelados do Pinheirinho

Nesta segunda-feira, 43 voluntários da sociedade civil, entre parlamentares, juristas, advogados, jornalistas e militantes de direitos humanos irão a São José dos Campos para ouvir as denúncias e queixas da população atingida pela operação de reintegração de posse que no último dia 22 de janeiro desalojou 1.600 famílias e as amontoou em depósitos de seres humanos.

A operação social que pretende se contrapor à policial não tem grande aparato como a sua antítese, mas tem uma fé que, segundo dizem, move montanhas, de forma que se espera que possa ser mais forte do que o seu sentimento mais adverso, o ódio. Levaremos formulários, câmeras e nosso senso de humanidade, o qual acreditamos ser tudo de que precisa aquela gente.

À noite, haverá uma audiência na Câmara Municipal de São José dos Campos em que serão apresentados fatos e cobradas as providências exigíveis da cidadania. Aos amigos do blog, pois, pede-se que torçam por nós… Ou melhor, por eles, por aqueles esquecidos aos quais este país dedicou a sua mais profunda, dolorosa e completa insensibilidade social.

Abaixo, o resumo do plano de ação do qual terei a honra de participar.

—–

CONDEPE – CONSELHO ESTADUAL DE DEFESA DOS DIREITOS DA PESSOA HUMANA

Mutirão em São José dos Campos/SP

Conforme divulgado, o mutirão surge para reunirmos informações sobre as violações ocorridas por conta dos procedimentos empenhados pelo Estado, na Reintegração de Posse do terreno onde ficava a Comunidade Pinheirinho; Existem muitos relatos dispersos (reportagens, filmagens e outros tantos materiais divulgados pelos mais diversos meios); No mutirão utilizaremos um formulário para reunirmos parte dos relatos; Pretendemos reunir materiais que possam dar base à justa e correta apuração (o que inclui encaminharmos as demandas à Defensoria Pública e ao Ministério Público); Não descartamos a possibilidade de encaminharmos o fato às instâncias internacionais de defesa dos Direitos Humanos, como por exemplo a Comissão Interamericana de Direitos Humanos. Assim:

Objetivo: reunir e organizar os diversos relatos de violações

Método: coleta de informações/declarações/denúncias em formulário próprio (uma folha, frente e verso); os voluntários serão distribuídos em equipes; cada equipe se encaminhará a um dos quatro locais organizados como “abrigos”; lá coletarão as informações em “entrevistas”

Algumas orientações: (1) cremos que uma das primeiras dificuldades possa ser justamente a liberdade de acesso aos abrigos; assim, cada grupo será acompanhado por Conselheiros e/ou autoridades que buscarão garantir o acesso e a liberdade dos trabalhos; (2) solicitamos às lideranças que divulgassem a realização do mutirão, mas isso – por si só – não garante que as pessoas queiram prestar declarações; assim nosso empenho será um trabalho de persistente disponibilidade; (3) o uso de um formulário ajuda na coleta de dados, mas não é capaz de conter tudo o que as pessoas sofreram; assim, solicitamos a máxima atenção ao preenchimento; devemos privilegiar os dados e informações que possam contribuir na formalização das denúncias (nomes, apelidos, traços que possam colaborar na identificação de agressores); já na qualificação do declarante, mesmo sabendo que essas pessoas perderam suas casas, é importante reunirmos o maior e o mais preciso número de informações (nome, idade, documentos, possíveis contatos); (4) como a atividade poderá ser longa, solicitamos que os voluntários usem roupas leves e confortáveis; providenciaremos alimentação/água;

Audiência Pública na Câmara Municipal

Essa audiência foi convocada para ouvir a sociedade civil, lideranças, parlamentares e outros para sistematizar denúncias sobre possíveis abusos e violações de direitos humanos durante a reintegração de posse da área da Comunidade Pinheirinho, e dela decorrentes

—–

PS: tentarei liberar comentários pelo celular, durante o dia, mas poderão ocorrer atrasos.

Tags: , , , ,

67 Comentário

  1. Eduardo, e aquela entrevista com o Marrom que você ia fazer??? Será que sai esta semana???

  2. Parabéns pela iniciativa pessoal e ao CONDEP. Importantíssimo que isso não caia no esquecimento.
    Apesar de que nada pode substituir o que perderam ali senão outra moradia, é preciso que isso aconteça.
    Quem sabe os governos fiquem mais atentos se sentirem que nem todos observam os fatos, criticam e alguns dias depois deixam pra lá porque há “coisas mais importantes”. Boa sorte.

  3. Pinheirinho: Moradores denunciam torturas e desaparecimentos após

    Matéria do Jornal “A Nova Democracia”
    http://anovademocracia.com.br/blog/?p=2670

    Depois do violento despejo da favela Pinheirinho, em São José dos Campos, São Paulo, a reportagem de AND visitou alguns dos abrigos onde milhares de ex-moradores encontram-se alojados. Na igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, milhares de desabrigados compartilham um pequenos espaço onde comida, água e banheiro são escassos. Dentre as pessoas que estavam no local, muitas procuravam notícias de parentes desaparecidos durante o despejo. Outras denunciavam as sessões de tortura comadadas pela ROTA (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), a mais letal tropa da PM de São Paulo. Muito abatido e com dificuldades para andar, um jovem trabalhador conversou com nossa reportagem e disse ter sido espanacado por policiais.

    Nossa reportagem também conversou com a mãe do jovem David Furtado, baleado nas costas por homens da Guarda Civil Metropolitana. Dona Rejane disse que o estado de saúde de David ainda é muito delicado e que irá lutar por justiça. Já o aposentado Antônio dos Santos disse que está há dias procurando pela irmã e pelos sobrinhos, também desaparecidos. Além dele, conversamos com a ex-esposa do aposentado Ivo Teles dos Santos, de 72 anos, que também está desaparecido. Segundo vizinhos, o senhor foi visto pela última vez durante o despejo do Pinheirinho com ferimentos a bala nas pernas e queimaduras por todo o corpo.

    LINK DO VÍDEO COM A REPORTAGEM: http://youtu.be/_ANqPpWsYBY

  4. Primeiro foram os incêndios – por “combustão espontânea” – das favelas localizadas em áreas valorizadas de SP.

    Depois veio a reintegração de posse da comunidade de Pinheirinho, em favor de um megaespeculador, decretada pela Justiça e executada por uma força-tarefa de 2.000 homens, sob o comando do governador.

    Essa reintegração cria um precedente preocupante. Logo logo vão aparecer outros megaespertalhões, munidos de títulos de domínios de escassa validade – mas “reconhecida” pela justiça – reivindicando a posse de áreas de grande valor, ocupadas por “invasores” e “vândalos”, pobres ou nem tanto.

    Uma inustiça cometida contra UM significa uma ameaça contra TODOS.

  5. Já assinaram as petições pelo povo de Pinheirinho? Tem poucas assinaturas, vamos lá rapaziada

    http://www.peticoesonline.com/busca/pinheirinho

  6. Sobre uma eventual representação contra os abusos praticados em Pinheirinho: quem julgaria essa representação?

  7. Edu,boa sorte lá.Leve meu abraço fraterno aos desalojados.Se der tempo,leia o Sul 21.Parece que uma estudante de 19 anos mandou uma carta aquele blog para denunciar “desvios de doações ao Pinheirinho”.Seu nome é Isadora Szklo.

  8. Edu e demais membros do CONDEPE, boa sorte. Vendo iniciativas assim chegamos a conclusão que nem tudo está perdido.

  9. Eduardo, parabéns pela iniciativa.

    A sociedade civil precisa se mobilizar, pois os demotucanos começam a se radicalizar fortemente, e é preciso organizar a resistência.

    Operação de guerra contra Pinheirinho, operação de tortura contra dependentes de droga, prefeitura de SP querendo saber a orientação sexual dos funcionários (para quê?), site do governo do estado chamando o golpe militar de “revolução”. É preciso parar isso agora, enquanto ainda está no começo.

  10. VERDADE é que o LEITE já foi derramado ..e todos, TODOS os poderes envolvidos já foram LAMBUZADOS

    de qq forma, boa sorte a esta caravana para, quem sabe, quando da volta, após colecionarem aprendizados importantes, tb poderem se inteirar e se dedicar dos problemas que afetam esta imensa região metropolitana.

    Região metropolitana que abriga 2.600 FAVELAS ..uma que também admite INÚMERAS posses e invasões ilegais ..uma aonde tanto os governos Municipal, Estadual e FEDERAL, há décadas e sob todas as bandeiras e discursos fáceis, não conseguem se antecipar aos problemas e, por incompetência, dissidia ou omissão, acabam contribuindo para que estes descaminhos e abusos (de TODAS as partes, incluso dos invasores) permaneçam e até aumentem.

    uma região, a de SP, que trás consigo imensos desafios e que, por tudo que parece, não provocam pela rotina e pelos números superlativos, a mesma indignação e atenção dos personagens envolvidos que agora, diante da tragédia anunciada há quase UMA DÉCADA, se sensibilizam pra buscar em outras terras a solidariedade perdida para com seus próprios vizinhos, estes que TAMBÉM são vitimados por desabamentos, enchentes e pela baixa qualidade de vida e de moradia quase todo santo dia

    nota – hoje a imprensa noticia que 75% dos projetos de moradia do PAC ainda não saíram do papel ..sei, sei, não precisa explicar, a culpa é sempre do outro

    • bom sr romanelli
      se as moradias ate hoje, com contratos assinados, mais as já entregues, mais as planejadas para construçao imediata
      sao mais de 1500.000- teu comentario em cima da manchete do PIG, leva ao total de 6.0 milhoes de moradias com “projetos do pac”.
      Ora, uns 7 milhoes de moradias era o total do DEFICIT habitacional do pais, numeros muito repetidos pela midia nos dois ultimos anos.
      Puxa!! Sabendo que muita coisa é de iniciativa municipal e de pequenas construtoras e tal, entao voce concorda que o PAC ja abrange de alguma forma o deficit todo que tinhamos!! Isso em dois anos aproximadamente.
      Voce é um lulo-dilmista irretocavel entao. Eu desconhecia isso.

  11. no calor dos acontecimentos NEM tudo que parece É ..depois de uma hora de show ..e após revista de policiais feita por sobre alguns dos presentes

    seus cachorros ..truculentos ..FDP ..tudo na base do sabe com quem tá falando ..”então prende eu”

    interessante que pelas imagens, tal truculência verbal não ocorreu por parte da PM ..mas da de RITA LEE e de seu alter ego

    truculência para com eles, estes que policiais, mas TAMBÉM brasileiros, estes que aparentemente obedeciam ordens, cumpriam a LEI e agiam com discrição, de forma apenas prudente

    ah se a moda pega ..será que atenção estaremos ficando diante do DESCRÉDITO da denuncia ..esta verdadeira DENUNCIA VAZIA ?

    http://www.youtube.com/watch?v=h9vTnghcdfM

    pergunta ..e se pela aproximação do palco e ausência de um cordão ocorresse algum pisoteamento ? quem deveria responder por ele ? ..e se flagrados se drogando, por nossas leis, as autoridades deveriam fingir que nada estava ocorrendo ?

    • Poxa, que inveja de quem não precisa dar satisfações ao empregador e sair prestando ‘voluntariado’ (o que por sí só já diz, não é trabalho remunerado!). Ou então, vive de renda… Eu, infelizmente, não posso dispôr do meu santo tempo, caso contrário, não tenho como me sustentar.

    • Dureza não saber envelhecer (ela está deformada pelas inúmeras plásticas). E eu que a conheci na época dos Mutantes. Lembra Ritinha daquela excursão da Ródia do Lívio Rangan por todo o Brasil, com Gal, Raul Cortez e as famosas modelos das passarelas? Bons tempos hein..
      Ttem que saber se afastar do palco com dignidade, companheira.

  12. E ai, não vão mandar também os 43 voluntários da sociedade civil, entre parlamentares, juristas, advogados, jornalistas e militantes de direitos humanos ao DF para investigar as queixas da população sobre a reintegração relativa ao link abaixo?

    http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/cidades/2012/01/28/interna_cidadesdf,287925/operacao-retira-70-familias-de-invasao-em-fazenda-da-uniao.shtml

    O povo de lá também foi expulso desumanamente e fico sem ter onde morar….

    • Existem diferenças grotescas nos dois casos:

      1 – No caso de Brasília, o terreno desocupado era da União, caracterizando grilagem (os ruralista da UDR adoram fazer isto). No caso de São Paulo, o terreno pertencia ao mega especulador ladrão de direita, Naji Nahas, ou seja, este terreno deveria ser utilizado como captura de bens roubados pelo ladrão para fins sociais.

      2 – Não foi constatada a truculência e possíveis crimes por abuso de autoridade como no Pinheirinho.

      Tomou direitóide?

  13. Que todas as energias saudáveis do Universo os acompanhem.

  14. Parabens pela iniciativa!!! ja assinei o manifesto do Dr. Comparato para a OEA……algo tem que ser feito…para que nao aparecem Pesquisas com 82%% a favor da açao da justiça e da APM….e do governador no caso Pinheirinho!!!

  15. Eduardo, essa parece ser uma comissão de cidadãos paulistas que representará todos os demais paulistas com um mínimo de sensibilidade social e percepção do coletivo (aparentemente, a minoria da população deste estado). Espero que vocês tenham sucesso e consigam demonstrar à Comunidade do Pinheirinho, que neste estado de São Paulo também há pessoas com coração, gente que coloca o ser humano à frente dos demais interesses… Pena que o tucanato também mande lá, em São José dos Campos…

  16. Seu blog tem uma coerência fora do comum, numa democracia ainda muito frágil é o que o país, especialmente São Paulo agora, precisa. De pessoas como você e aqueles que o acompanharão nessa tarefa. Que vocês tenham boa-sorte nessa empreitada. Já tivemos tantos bons líderes, mas no dia a dia parecia que isso estava ficando acomodado. Digam ao pessoal de São José que o santo é chamado o Protetor das famílias. A Cãmara Municipal já sabe que o Brasil e mundo estão de olho em SJC, que eles não nos envergonhem mais do que já fizeram.

  17. A estratégia para mostrar o quanto o governo é indiferente às massas desvalidas é bem conhecida; agita-se o povão até exasperar a polícia e, quando ela bater forte, fotografa-se e filma-se para exibir nas eleições. Com certeza os “voluntários” irão encontrar gente que levou tiro de borracha ou. teve os dentes arrebentados por cassetetes. Encontrarão também gente que vai acusar a tal “coordenação” do PSTU de cobrar 10,00 mensais de famílias , as quais pagavam para garantir sus permanência ali.
    Daqui a pouco aparecerão pesquisas com o povo dando razão à polícia e os progressistas farão o que sempre fazem quando resultados são adversos; acusam serem as pesquisas manipuladas.

    • Sinceramente, para quem tem boa índole, que importa não é? Esses que você citou são uns animais. Animais? Não , animais são melhores que eles. Curioso porque este Blog publicou algo nesse sentido há poucos dias.

      Enfim, não são humanos e nem animais. Acho que isso é pior que qualquer coisa porque são inclassificáveis.

      Infelizmente eu perdi a “fé” na política já há um bom tempo. Um e outro nome solitário ainda tenho apreço mas nada mais. Não defendo sigla alguma porque todas foram corrompidas. Se venderam por incompetência no mais das vezes.

      Acho que por isso ainda gosto de vir aqui. O fato do autor não ter pretensão política me faz mais próximo deste espaço que qualquer outro que costumo comentar.

      A política e nossos políticos não foram competentes o bastante para ainda hoje Pinheirinhos existirem. Não os posso levar a sério de modo algum. ;E questão de consciência. E me perdoem os petistas, mas o que Lula e Dilma fizeram até agora é pouco. Ficou muito aquém do que eu imaginei quando desde a década de 80 cheguei até a ir em eventos onde Lula aparecia. Com aquele seu boné – hoje ele prefere chapéu- inconfundível. Isso tudo ficou para trás.

      O Brasil ainda é um dos países mais desiguais do mundo. Então , não reclamo à toa.

      E como disse alguém outro dia em algum blog por aí : O sonho acabou.

      Nos resta iniciativas solitárias ou não, mas de pouco alcance sem o PODER nas mãos.

      Nos resta os Eduardo Guimarães e etc. Ao menos ainda dá pra sonhar com essa gente.

      Cest la vie…

  18. Todo apoio ao povo do Pinheirinho!!!

  19. Gente, olha só: Militante inicia GREVE DE FOME acorrentado em frente à sede da GLOBO contra a criminalização de Pinheirinho

    O militante Pedro Rios Leão, que esteve em Pinheirinho colhendo depoimentos dos moradores e registrando (veja o filme abaixo) as atrocidades cometidas pela PM de São Paulo e pela Guarda Municipal de São José dos Campos, iniciou neste ontem uma greve de fome em protesto contra a cobertura injusta que a rede Globo deu ao caso:

    Matéria: http://rogeliocasado.blogspot.com/2012/01/greve-de-fome-em-frente-da-sede-da.html

    Vídeo: “Eu queria matar a presidenta: depoimentos da guerra civil brasileira”: http://youtu.be/Tj_zHrx7jcU

  20. Retratos da selvageria em Pinheirinho
    Enviado por luisnassif, seg, 30/01/2012 – 12:42

    Video de Pedro Rios Leão

    Em Observação: há muitos depoimentos sobre pelo menos uma morte cometida pela Guarda Municipal de São José. No mínimo, exige uma investigação de órgão neutro.

    Link do vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=Tj_zHrx7jcU&feature=player_embedded

    Comentários:
    O autor do vídeo escreveu um manifesto (UM MANIFESTO DA CINELÂNDIA)

    http://partidodaimprensagolpista.wordpress.com/2012/01/30/um-manifesto-da-cinelandia/

    e está em greve de fome em frente da Rede Globo.

    Há também um vídeo no Youtube em que ele explica o por quê da greve de fome e outros aspectos.

    http://partidodaimprensagolpista.wordpress.com/2012/01/30/entrevista-com-pedro-rios-leao/

  21. Justiça? Nahas faliu e mora em mansão

    altamiroborges.blogspot.com/2012/01/justica-nahas-faliu-e-mora-em-mansao.htmlhttp://

  22. Li um excelente artigo no blog do Azenha, não me recordo de quem, falando sobre uma realidade assustadora, denominada FACISMO SOCIAL, que esta acontecendo no Brasil, principalmente no estado nazista de SP. Em resumo é o seguinte os governantes facistas em comum acordo com a midia canalha faz a sociedade imbecilizada, principalmente a classe media, acreditar que a culpa de todos os problemas é do pobre,negro, favelado, drogado, etc. Esta sociedade passa então a apoiar todas as ações que a Elite através de seus cães amestrados fazem contra estas pessoas. No final a sociedade aplaude mais continua vivendo em cidades de merda e quem se da bem, como sempre é a elite com os babacas aplaudindo e rindo feito hienas.Boa sorte Eduardo, custo a acreditar que esta juiza seja da mesma espécie que voces. Um abraço, estarei com voces no meu pensamento.

  23. Assinem a Petição contra o massacre, o assassino de Pinheirinho, Geraldo Alckmin.

    http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoListaSignatarios.aspx?pi=impeachm

  24. Parabéns pela iniciativa, espero firmemente que surta efeito e que ainda tenha tempo de recolher fartas provas para denunciar esses canalhas as organizações de direitos humanos internacionai.

  25. Boa sorte…

  26. Agora Voltamos: http://twitcam.livestream.com/8eotl

    Greve de fome em frente a rede_globo. A globo que encoberta o crime!

  27. Vejam o que é o CHOQUE DE GESTAO tucano:
    Os dados representam o desempenho e balanço da PETROBRÁS:
    1) Valor da Empresa em 2002 = 14 bi (dólares), hoje (2011) 160 Bi
    2) Queriam batizá-la de Petrobrax, retirando o BRAS de Brasil
    3) Empresa estava fragmentada, para ser vendida aos pedaços
    4) Portifólio de exportação estava diminuindo (visando enfraquecê-la)
    5) A Produção,prospecção e refino estavam diminuindo(para vendê-la)

    Algum Brasileiro patriota faria tal coisa a nossa maior estatal ? Quem ganharia com o enfraquecimento da Petrobrás ? Esse tipo de gestão denota competencia ? A quem interessaria a venda de nossa empresa de petróleo ? Produzir tecnologia não é melhor que solicitar de empresas estrangeiras ? Quem cometria tamanha insensatez ? com a palavra ,os bicudos, os demonios…

  28. O Blog do Eduardo tem coerência sim. Por quê ? Simples, quando se tem boa fé, nada nos pode abalar…

  29. Eduardo,
    Permita-me postar aqui um e-mail que recebi do senhor Arnaldo Saraiva, indignado com a situação.
    Talvez não esteja no contexto do assunto, mas no fundo tem uma razão de ser:

    Vejam o link abaixo:
    http://obradoretumbante.globo.com/platb/o-brado-retumbante/2012/01/21/reveja-antonia-descobre-armacoes-no-ministerio-da-educacao/

    As Organizações Globo já estão em plena campanha eleitoral. A peça publicitária Brado Retumbante dedica-se a repetir as tradicionais mentiras contra a gestão do MEC dos presidentes Lula e Dilma.

    Não faz muito tempo, o Brasil viu como, pelo macartista Ali-Kamel, a Globo e a velha mídia direitista exigiram a censura dos livros didáticos que assumiam a interpretação da história solidária aos movimentos sociais.

    Censura Contra Nova História Crítica, de Mario Schmidt, escolhida livremente por dezenas de milhares de professores de todo o Brasil que transformou-se no maior sucesso editorial didático de todos os tempos. Esse ESTRONDOSO SUCESSO revoltou a mídia direitista que esmerou-se no emprego das usuais técnicas mussolinianas, como o recor te de trechos fora de contexto, a reprodução de passagens mutiladas, ou seja, a velha e manjada manipulação ao estilo da Organizações Globo.

    As Organizações Globo exigiam a proibição da Nova História Crítica. Ali-Kamel e seus cúmplices exigiam a cassação da liberdade de escolha de dezenas de milhares de professores apenas porque estes não comungavam dos ideais políticos da Globo e da direita.

    O macartismo Global só não foi mais longe graças à resposta vigorosa de jornalistas que preferiram o jornalismo sério em vez da panfletagem, como Luis Nassif, Mino Carta e a equipe da Carta Capital (que chegou a fazer matéria de capa a respeito).

    Pois essa turminha do Ali-Kamel não sossega. No atual panfleto demo-tucano televisivo, a personagem heroica interpretada por bela atriz fica indignada com os livros didáticos “contaminados pela ideologia”.

    Todos sabemos o que é, para eles, um livro “ideológico” . Se o livro didático não acusa o MST de terrorismo ou não considera os programas sociais do governo uma espécie de bolsa-vagabundagem, então, bingo! – é livro “contaminado pela ideologia”.

    Acontece que o processo de compra de livros didáticos pelo MEC é um dos mais sérios e resistentes à trapaças. Simplesmente porque a escolha final dos livros, a partir da lista autorizada, não é feita pelos burocratas do MEC nem pelas editoras, mas diretamente pelos próprios professores.

    É claro que deve ser aperfeiçoado. As comissões avaliadoras nomeadas pelo MEC já foram muito questionadas por causa de algumas exclusões de obras da lista de escolha oferecida aos professores.

    Nada disso se assemelha à denúncia fantasiosa da série da TV: uma ONG esquisita que receberia dinheiro do governo para a compra de livros “ideológicos” repletos de bobagem e que enriqueceria sindicalistas corruptos.

    Em uma única cena da série, o macartismo da Globo conseguiu caluniar os profissionais decentes do MEC, os sindicatos, o MST, a esquerda, todas as ONGs, os autores sérios de livros didáticos e até o movimento quilombola.

    Se queriam tanto assim mostrar a corrupção na compra de material didático, por que não aproveitaram para denunciar o escândalo dos CHUPA-CABRAS das apostilas? Esse sim verdadeiro, já objeto de ações do Ministério Público.

    Trata-se do esquema milionário pelo qual prefeitos assinam convênios com grupos privados para aquisição de material que nunca foi aprovado pelo MEC.

    Esses prefeitos CHUPA-CABRAS se NEGAM a receber os livros enviados, GRATUITAMETE, pelo Governo Federal e, pasmem, acabam comprando papelada de terceira categoria, chegando a pagar até 4.000% mais caro do que o MEC paga pelo bom ou ótimo livro didático.

    Qual o motivo para essa megarroubalheira? Apreço pela EDUCAÇÃO? Para compreendermos a dimens o disso, basta arguir: Qual é o país do Primeiro Mundo que trocou os livros didáticos pelas apostilas bitoladas? Será que o escândalo dos CHUPA-CABRAS da EDUCAÇÃO vai se tornar modelo positivo no mundo inteiro?

    E que tal alertar para o crescente domínio do capital estrangeiro sobre a indústria de livros didáticos brasileiros? Isso não é importante? A Lei brasileira PROÍBE que grupos estrangeiros controlem a imprensa. Certo. Mas permitem que as multinacionais sejam donas de 100% de uma editora que elabora livros escolares!

    Então os executivos de multinacionais podem ter total liberdade para decidir o que as nossas crianças vão ler na escola? E assim o Brasil só será moderno quando os livros didáticos começarem a ensinar que a conquista espanhola só trouxe benefícios para os indígenas ou que as ações militares norte-americanas no Terceiro Mundo sempre promoveram a democracia e o bem-estar social de nossos povos?

    O q ue há de real são denúncias de que grandes editoras, geralmente ligadas aos grupos estrangeiros europeus, desobedecem a proibição explícita do MEC para que não entrem nas escolas durante o período de escolha dos livros didáticos pelos professores. O Ministério Público já denunciou e o próprio MEC já criou uma comissão para punir severamente essas editoras. Só esperamos que, ao ser punida, essa editora estrangeira não mande seu rei dar aquele grito histérico:
    “¿Por qué no te callas?”.

    A conversa fiada dos donos da velha grande mídia direitista nacional e dos fiéis seguidores do macartista Ali-Kamel e respectivos bajuladores em torno de “livros não contaminados” é a mesma dos que fazem “jornalismo não ideológico”. Em nome da imparcialidade, são capazes das maiores atrocidades contra os direitos do povo. Mas quem os autorizou a despojar o povo de seus direitos? – perguntava Robespierre, citado nesse tal livro didático que ta nto causa arrepios na elite tradicional.

    O que Ali-Kamel, a turma da Globo e assemelhados querem é um livro didático que explique que os quilombolas desrespeitavam a propriedade produtiva (de terras e de humanos), depredavam casas de fazenda e postos policiais (bens públicos), e que por isso não passavam de bandidos que não aceitavam que a “invasão de propriedade produtiva, de prédio público e depredação de bens não são manifestações democráticas – nem par a os sem-terra, nem para os sem-teto, nem para os sem-vergonha”, conforme escreveu Guilherme Fiúza em 25.04.2008 no blog da revista Época.

    Ops! O Guilherme Fiúza é jornalista da Época e um dos autores da tal série Brado Retumbante da Globo. Em artigo do Instituto Millenium, essa organização neutra, imparcial e não ideológica na defesa do neoliberalismo, Guilherme Fiúza nos ensina como os livros didáticos de História do Brasil deveriam ser redigidos: FHC “acabou com o compadrio na área econômica do governo, impondo a virtude como critério. Ou seja: um desumano, insensível aos apelos de um amigo, parente, afilhado ou cabo eleitoral.” (26.01.2012).

    É muito engraçado quando os autores da tal série de tevê, ideologicamente descontaminados em seu aberto apoio às teses demo-tucanas, relatam que jamais sofreram pressão política da Globo para cortar alguma crítica política.

    Que coisa, essa gente que chama “patrão” de meu colega, como adverte Mino Carta, considera que vive o máximo de liberdade de imprensa porque repete tudo que o chefe pensa. Algo assim como Goebbels dizendo que no Terceiro Reich havia total liberdade, porque jamais algum nazista proibiu que se atacassem os comunistas, os judeus ou os ciganos.

    O presidente que faz parte do “Sonho Intenso” da Globo ataca os movimentos sociais, ameaça invadir nossos países vizinhos, cita Ronald Reagan como mestre ideológico, acha que tudo que precisamos é de um governo que bota um monte de gente na cadeia e que retira de circulação os livros didáticos com conteúdo que não agrada ao governo direitista. Uhmmm… no passado a Globo já teve presidentes assim. A diferença em relação a esse Aécio cenográfico é que eles vestiam farda.

    Abaixo a extrema direita troglodita…

    Arnaldo Saraiva

    • Muito esclarecedor.A rede Globo ainda será julgada por cumplicidade em um regime do qual se valeu e se vale,até então?A rede Globo fala a linguagem dos gringos que querem abocanhar o Brasil e nis transformr em párias eternamente.Mas está morrendo,com a Graça dos Deuses,que cansaram dessa manipulação descarada e bandida.O povo acorda da letargia e vociferam apenas para os seus,que perdem terreno,dia a dia.

    • Dado o exposto, infere-se que para o Samuel;

      a) O livro “Nova História Crítica “, de Mario Schmidt é perfeito para ensinar história do Brasil para jovens. Aqui estão alguns exemplos da maneira como o autor aborda aspectos da nossa história;

      ” a obra de Pedro Américo retratando o grito mais parece anúncio de desodorante já que
      há tantos personagens mostrando o sovaco”

      Sobre princesa Isabel o autor revela;

      “Era feia como a peste, parecia uma leguminosa”

      Absurdos como estes somam-se à obra da professora Heloisa Ramos que defende ser correto falar que ” nós pega os peixe”

      b) Parece que o MST é uma referência nos anseios socialistas do Samuel, contudo, é difícil esquecer a cena grotesca de um trator investindo contra laranjais, a depredação de um laboratório de genética vegetal ou um velho casal de pequenos fazendeiros chorando pela invasão de sua propriedade comprovadamente produtiva e geradora de empregos.

      c) Samuel parece ignorar que a série O Brado é uma obra de ficção e assim identificada em todos os inícios dos capítulos. As ilações, comparações ou semelhanças ficam por parte do telesespectador, que, felizmente, é livre para assistir ou não.

      • O que você entende de linguística, Renato? Você leu o livro da Prof. Heloísa ou só aqueles trecho picotados pelo PIG? Ah, e você sabe que aqueles laranjais derrubados são de uma terra grilada?

        • Meu Deus, Otto. Quando corrigia meus filhos a flexionar corretamente os verbos não precisei fazer um curso de linguistica.
          Não, não li o livro da Heloisa. E você leu ?
          Terra grilada é ? E o caminho certo é invadir ? Depredar ? Temos o poder judici[ário. O caminho é este.

  30. Oxalá acompanhe vocês, companheiro…..boa sorte, boa luta e leve minha solidariedade à comunidade de Pinheirinhos: especialmente às crianças. Abraços!

  31. Eduardo, o texto abaixo saiu no jornal “Tribuna do Norte”, de Natal-RN na edição eletrônica de hoje (30/01/2012). Esse jornal é de propriedade da família ALVES, aquela do ministro Garibaldi Alves e do líder do PMDB Henrique Alves. As pérolas contidas no texto enrubescem o PIG do sul e sudeste do pais.

    Obs. O texto foi copiado e colado.

    “Sintest realiza ato público em solidariedade a Pinheirinho
    Publicação: 30 de Janeiro de 2012 às 15:23

    O Sindicato Estadual dos Trabalhadores em Educação do Ensino Superior (Sintest/RN) realiza nesta terça-feira (31) um ato público em solidariedade aos moradores da região de Pinheirinho, em São José dos Campos (SP), desocupada pelo Governo do Estado no início deste mês.

    O ato ocorre amanhã, às 15h, no cruzamento das avenidas bernardo Vieira e Salgado Filho, em frente ao IFRN.

    Confronto

    Moradores da área conhecida como Pinheirinho, em São José dos Campos (SP), entraram em confronto com a Polícia Militar a qualquer momento, depois de executada a ordem de reintegração de posse do terreno. Os líderes da comunidade ainda aguardaram que um acordo entre governo federal, estadual, Justiça e prefeitura impeça a ação da polícia.

    Para pressionar as autoridades a entrar em acordo, um grupo de moradores realizou no dia 13 de janeiro uma manifestação na qual exibiram capacetes, escudos e armas improvisadas, como pedaços de pau com pregos.

    A área do Pinheirinho, na zona leste de São José dos Campos, era ocupada ilegalmente desde fevereiro de 2004 por uma comunidade de sem-teto ligada ao MTST. O terreno pertence à massa falida da empresa Selecta, do grupo Naji Nahas.

    A liminar da Justiça que determinou a reintegração foi emitida no final do ano passado pela juíza Márcia Loureiro, da 6.ª Vara Cível. O recurso apresentado pelos advogados dos moradores foi negado.”

  32. Edu, vc está sabendo do rapaz que foi ao Pinheirinho e hoje está fazendo greve de fome em frente a globo, no Rio de Janeiro?Como ouvi dizer, se vc puder me confirmar a veracidade da notícia, eu agradeço.

  33. Parabéns pela iniciativa. Deus acompanhe vocês.

  34. Existe uma Lei conhecida como de ação e reação.Trata-se de uma lei natural que diz que dada uma ação ocorre uma reação igual e que pode ser aplicada perfeitamente ao caso do Pinheirinho.Ou esses elementos que ordenaram e executaram esse verdadeiro massacre contra pessoas absolutamente indefesas pensam que vão ficar impunes?Vento que vai é vento que volta e quando volta,volta com a força de uma tempestade.Estou prevendo dias sombrios e amargos para a direitalha tupiniquim.Mas quem semeia espinhos,como eles sempre semearam,vão colher dores atrozes.

  35. No TJ Brasil do SBT,30.01.2012,passa a triste situação de Portugal, onde a crise economica arrasou o país.Cerca de 10 restaurantes fecham POR DIA, lá.A crise financeira gerou crise econOmica e os neoliberais brasileiros ainda insistem em preconizar as mesmas medidas que arrasaram a europa e os EUA.Quem ganha com isso ? Certamente,poucos e a maioria vai ficar pobre como nossos patricios portugueses.A Espanha e a Grécia, Irlanda estão como a maioria dos europeus em situação crítica (Dívida alta/pib pequeno/desemprego alto…) O Brasil tem que manter os tucanos longes do governo, ou o Paísl vai a falencia em pouco tempo…

  36. Edu,

    Mais uma vez me orgulho de você. Não me ofereço para ir com vocês devido ao pé fraturado.
    Se precisar de alguma coisa ($$$) peça

  37. Parabéns pela iniciativa !
    Sugiro a todos ouvir a voz do povo de Pinheirinho no vídeo abaixo fazendo graves denúncias sobre espancamentos,feridos a tiros, desaparecimentos e sobre as condições desumanas em que se encontram, em galpões improvisados. Isso os que estão “albergados”,porque a maioria perambula pelas ruas.
    Temos que cobrar das autoridades a apuração das responsabilidades por esse pavoroso crime contra uma população pobre,indefesa, que naquele terreno tinha logrado construir uma habitação simples ,direito básico garantido na Declaração dos Direitos Humanos e na Constituição Federal.
    Eis o vídeo,com os depoimentos-denúncia dos ex-moradores de Pinheirinho:
    http://www.youtube.com/watch?v=_ANqPpWsYBY

  38. Em tempo:
    Grande entrevista do Jornalista Kennedy de Alencar com o advogado dos moradores de Pinheirinho e o Chefe da Polícia Militar que esteve na operação de expulsão dos moradores:
    http://www.youtube.com/watch?v=gEcF14xvn_Q
    Jornalismo de alta qualidade.

  39. Está lá no Conversa Afiada, do Paulo \henrique Amorim:

    “Massacre de Pinheirinho custou R$ 100 milhões. Você paMinha 1ª reação foi de espanto. Como “eu pago”, se estou aqui no sertão da Paraíba?

    Simples: quando eu compro uma geladeira, ou uma peça pro meu velho VolksWagen, estou pagando 17% de ICMS, valor que o fisco paulista já arrecadou e recolheu ao governo estadual, pra custear a operação do Pinheirinho. Com o MEU dinheiro.

  40. Parabéns pela brilhante e honrada iniciativa! Só sugiro que não deixem em hipótese nenhuma de denunciar os fatos à Comissão Interamericana de Direitos Humanos, como também à ONU. Além disso, devem procurar registrar em vídeo o maior número possível de depoimentos.

  41. Vi a pouco no site Linha Direta a fala do Suplici e de um político de SJC. Peguei pouca coisa, mas juntando um pouco daqui, um pouco dali, comecei a desconfiar que há algo muito mais grave na postura dos políticos do PSDB, dos juízes e do conjunto de forças que servem à secretaria de Segurança de SP, além da mídia. Por exemplo, o político (acho que era vereador) de SJC relatou que havia em SP ordens superiores para atacar qualquer representante da Polícia Federal que tentasse intervir na ação.Como é que pode isso? Outro dia, em um dos blogues independentes, ao responder a um ataque à presidenta Dilma que não teria (ainda) se manifestado em relação à expulsão dos moradores de Pinheirinho, um cidadão chamou atenção para o que ele julgava ser a principal questão. Era uma manobra provocativa para impor uma reação no âmbito federal contra SP. Que se houvesse, seria usado como autoritarismo, não defesa dos princípios constitucionais e de justiça. A ação paulista na cracolândia foi vista por muitos críticos como antecipação à política federal de saúde que prevê tratamento para os viciados no crak, ou seja, mera disputa eleitoreira. Quando ouvi o discurso do Suplici fiquei impressionada com a má-fé dos responsáveis pela operação em SJC, mentiram, desconversaram e agiram como nos filmes americanos da Ku -klux-Klan. Agiram quase na calada da noite, durante uns quatro dias, e chegaram quando as pessoas dormiam. Agora soube que em Porto Alegre, os movimentos sociais irão a São José dos Campos para um ato contra a barbarie. Acho super importante não nos intimidar nesse momento, mas acho que está em andamento movimento golpista idealizado nas sombras, tal como a ação do Pinheirinho, Vem de São Paulo. Durante mais de 8 anos, ouvimos acusações contra Lula, agora contra Dilma, não temos ainda uma lei regulatória dos meios de comunicação. Provocações, só provocações, sem provas e sem argumentos que as justifiquem. Agora, estranhamente, falam uma coisa e agem de outra forma. Agem acintosamente. Por que será?

  42. .

  43. Parabéns a todos vocês que tiveram a iniciativa! Boa sorte!

  44. Fico muito feliz de ver o blog “limpo”.
    Apesar de algumas provocações da direitalha acéfala de sempre, NENHUMA foi aceita.
    Nenhuma recebeu comentários e/ou respostas e cairam no vazio.
    Ótimo!
    A melhor forma de calar a canalha é não dando corda. Às vezes é difícil, mas com disciplina e foco, não é impossível.
    Espero que continuemos a manter a dieta de baixas calorias dos trolls.

    Edu, parabéns pela iniciativa e obrigado pela sua incansável militância.
    Forte abraço.

  45. E o Marrom???????????????????

    Você entrevistou o Marrom?????????????????

    • A próxima gracinha que você fizer com a dor dessas famílias, eu te deleto.

      • “PSD já é aliado em diversos Estados”, diz presidente do PT paulista ao defender acordo com Kassab
        Daiene Cardoso, da Agência Estado:

        Independentemente das negociações em torno da candidatura do petista Fernando Haddad à Prefeitura de São Paulo, PT e PSD avançam a passos largos em direção a uma convergência política que pode colocar os dois partidos no mesmo palanque em 2014. Embora os tucanos apelem para que o partido do prefeito Gilberto Kassab considere seu histórico de aliança com a legenda, PT e PSD aceleram o diálogo de aproximação não só nos municípios do interior do Estado, como estão próximos de fechar um acordo amplo na Grande São Paulo e no litoral paulista. “Se quisermos apresentar um projeto com condições de vitória (em 2014), nós temos de ampliar o campo político no Estado”, afirmou o presidente do diretório estadual do PT, deputado estadual Edinho Silva.

        As conversas para uma aliança com o PSD acontecem de forma adiantada nas cidades do ABC paulista, mais precisamente em São Bernardo do Campo, Diadema, Mauá e Santo André. No caso de São Bernardo do Campo, berço político do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o PSD vai apoiar a reeleição de Luiz Marinho, um dos entusiastas da criação da nova sigla na região. A parceria PT-PSD tem tudo para se concretizar também em Guarulhos e Carapicuíba, na Grande São Paulo. No litoral, petistas e pessedistas mantêm o diálogo em todas as cidades, mas um acordo deve acontecer primeiro em Praia Grande e São Vicente. “Política é a arte de aglutinar forças para que você possa ter um projeto político. O projeto se fortalece quando se aglutinam forças”, argumenta Edinho.

        O partido de Kassab é peça fundamental no projeto do PT de tentar por fim, em 2014, à hegemonia de 20 anos do PSDB no Estado. Na visão de dirigentes petistas, PSDB e DEM se enraizaram em São Paulo, por isso é preciso ir além das alianças tradicionais para vencê-los. “Com campo político restrito, é muito difícil ganhar”, avaliou o dirigente. De olho neste potencial parceiro, Edinho conta que hoje a linha direta com Kassab é permanente.

        Para Edinho, a visão tucana de que o PSD tem mais identidade com esse partido, mencionada na terça-feira, 31, pelo presidente municipal do PSDB, Júlio Semeghini, não condiz com a realidade, uma vez que o PSD nasceu descolado do bloco de oposição ao governo Dilma Rousseff. “O PSD já é aliado do PT em diversos Estados porque não se sente contemplado pelo PSDB. Ele busca um projeto político que tenha autonomia, identidade própria. Essa é a nossa leitura”, avaliou

      • Líder do PSDB cobra que Secretaria dos Direitos Humanos explique desocupação de área pública do Distrito federal executada pelas polícias sob o controle do PT
        A secretária nacional de Direitos Humanos, Maria do Rosário, é aquela senhora que não vê transgressão aos direitos humanos em Cuba. Segundo ela, a única questão grave que diz respeito à ilha, nesse particular, é o embargo… Tudo culpa duzamericânu. Maria do Rosário também é aquela ministra em cuja pasta se instalou uma espécie de QG contra a retomada da cracolândia. A operação deu com os burros n’água. Nada menos de 82% dos paulistanos apóiam a operação — entre os eleitores que se identificam com o PT, esse índice é de 87%. Então era o caso de mudar do assunto. Veio, então, o Pinheirinho… Todas as denúncias de massacre, mortos, banho de sangue… Nada prosperou! Aí Maria do Rosário enviou a sua turma para os abrigos destinados aos moradores que saíram do Pinheirinho. E, conforme o esperado, pinta-se um quadro dramático de transgressões aos direitos humanos…

        Antes que continue: Maria do Rosário também é aquela que não se interessa por um estudante e por uma cozinheira que ficaram cegos de um olho em confrontos, respectivamente, com as polícias do Piauí e da Bahia, dois estados governados pela companheirada.

        Pois bem. Leiam agora trechos do que informa o Estadão Online. Volto em seguida:
        O líder do PSDB na Câmara, Bruno Araújo (PE), questionou nesta quarta-feira, 1º, a ministra da secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, sobre quais foram as providências tomadas pela pasta após a desocupação de uma fazenda no Distrito Federal. A ação do tucano é uma resposta aos ataques feitos pela secretaria à ação do governo de São Paulo e da prefeitura de São José dos Campos na invasão do Pinheirinho, em São José dos Campos (…).
        (…).
        A desocupação sobre a qual Araújo quer informações foi realizada pelo governo do Distrito Federal no dia 27 de janeiro na Fazenda Sálvia, que fica entre Sobradinho e Paranoá, cidades satélites de Brasília. O deputado reproduz informações da imprensa local dando conta de que 29 pessoas foram presas na operação e 450 casas derrubadas.

        “Como se percebe, as pessoas do local foram tratadas como criminosos”, afirma o tucano. Ele diz ainda haver “indícios claros da prática de violação aos direitos humanos” e negligencia da secretaria em acompanhar o que aconteceu no Distrito Federal.

  46. Edu, penso que Alckmin, o prefeito Cury, a juiza e o comandante da PM de São Paulo tinham que ser levados a Corte Penal Internacional e lá julgados por violação dos direitos humanos. Criminosos!!!

  47. PROTESTO EM PINHEIRINHO

    Dia 2 de fevereiro as às 9 horas

    Assembleia dos Movimentos Sociais, que reuniu 1,5 mil pessoas na Usina do Gasômetro, sábado, em Porto Alegre, aprovou realização de um ato público no terreno desocupado do Pinheirinho, em São José dos Campos (SP), no dia 2 de fevereiro às 9 horas. “Vamos fazer um grande ato na próxima quinta-feira (2) em repúdio a esse governo fascista de Geraldo Alckmin, que não respeita a democracia nem os movimentos sociais”, disse Rosane Bertotti, representante da CUT e coordenadora da assembleia.
    http://www.viomundo.com.br/denuncias/rosane-bertotti-o-protesto-no-pinheirinho.html

Trackbacks

  1. Mutirão em São José dos Campos/SP | PIG
  2. Greve de fome por Pinheirinho | PIG
  3. Massacre de Pinheirinho custou R$ 100 milhões. Você paga ! | Conversa Afiada
  4. Eduardo Suplicy | PIG
  5. Vá chamar sua presidenta. | PIG
  6. Massacre de Pinheirinho custou R$ 100 milhões. Você paga !

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.