Um abismo separa ‘A Privataria Tucana’ e ‘O Chefe’

Buzz This
Post to Google Buzz
Bookmark this on Delicious
Bookmark this on Digg
Share on FriendFeed
Share on Facebook
Share on LinkedIn

Na última quarta-feira, o programa “Tema Quente”, da Rede TV!, comandado pelo jornalista Kennedy Alencar, recebeu os líderes do PSDB e do PT no Senado, os senadores Álvaro Dias (PSDB-PR) e Humberto Costa (PT-PE). O tema central do programa – que, para variar, era o das denúncias de sempre contra o PT –, porém, acabou ficando em segundo plano.

Até certa altura do programa, Dias recitava tranquilamente seu costumeiro rosário moralista contra os adversários quando foi surpreendido por aquilo que dá não combinar estratégias com “os russos”, pois Costa, tranquilamente, introduziu (no debate) o livro-bomba da política brasileira neste século, A Privataria Tucana, do jornalista Amaury Ribeiro Jr.

Veja abaixo, resumidamente, como foi o diálogo e o que nele originou este post.

No programa em questão, o senador do PSDB paranaense assumiu a postura de defensor dessa dita “grande” imprensa que boicotou o livro azul da privataria tucana enquanto foi possível, ou seja, até que a imprensa internacional e, sobretudo, o próprio ninho tucano a furassem e começassem a falar do assunto.

Para defender os meios de comunicação que apoiam seu partido dos questionamentos feitos por Costa, Dias afirmou que Globos, Folhas, Vejas e Estadões tampouco noticiaram o livro do ex-petista Ivo Patarra “O Chefe”, que pretendeu acusar o ex-presidente Lula pelo escândalo do mensalão. Além disso, afirmou que o PSDB não se aproveitou do livro para fazer denuncismo.

Costa retrucou dizendo que o livro sobre a privataria é farto de documentos com fé pública que comprovam suas denúncias enquanto que o livro contra Lula contém apenas opiniões. Dias treplicou afirmando que o livro do ex-petista também continha documentos do mesmo jaez, o que não é verdade.

Passado o choque inicial e o silêncio ensurdecedor que se seguiu entre tucanos e mídia imediatamente após o lançamento do livro da privataria, partido e meios de comunicação começaram a falar nessa obra à qual editora nenhuma deu bola e que não gerou a mínima luz e muito menos um resquício de calor simplesmente porque O Chefe não é só um amontoado de idiossincrasias de seu autor contra o ex-presidente Lula, mas, também, mera compilação de reportagens publicadas incessantemente na grande mídia sobre o mensalão e uma imensa bajulação aos barões da mídia que, aliás, acabou não rendendo nada ao bajulador.

Aliás, Patarra, esse ex-petista que chegou a integrar a gestão (1989-1992) da ex-prefeita de São Paulo Luiza Erundina, em entrevista que concedeu ao site Observatório da Imprensa em 2006, poucos dias após o lançamento de O Chefe, que pretendia abalar a recandidatura de Lula à Presidência, fez uma declaração que prova que seu livro nada tem que ver com A Privataria Tucana, pois não é um livro investigativo ou de denúncia como este.

Veja o que disse o próprio autor de O Chefe:

Meu livro não é investigatório. Ele contém as investigações feitas. Eu compilei e organizei os documentos investigatórios e o equilíbrio que eu dei foi em cima da reiteração e confirmação das denúncias. Tirei todo o ruído, a contra-informação do governo, que procurava minimizar e comparar o escândalo do mensalão com o que aconteceu com a mal-sucedida candidatura de Eduardo Azeredo ao governo de Minas Gerais. São fatos incomparáveis. Uma é candidatura mal-sucedida ao governo. A outra [o mensalão] é o governo federal constituído usando o esquema do Marcos Valério para distribuir, comprar e subornar parlamentares no Congresso.

(Ivo Patarra, 9 de junho de 2006, no Observatório da Imprensa)

O Chefe foi um fracasso em todos os sentidos. Nem a oposição nem a sua mídia o levaram a sério porque nada acrescentou ao bombardeio que a imprensa fez durante o escândalo do mensalão.

O Chefe se limitou a misturar o que Globo, Folha, Estadão e Veja publicaram com as próprias opiniões e ressentimentos de mais esse ex-petista.

O chefe, por conta disso tudo, não vendeu e acabou sendo colocado na internet para leitura gratuita por quem possa se interessar.

Quem tiver interesse em ler o livro que mídia e oposição ensaiaram – sem muito empenho – tentar opor a “Privataria” pode conhecer a obra, na íntegra, clicando aqui. Dei uma passada de olhos e me bastou.

Qualquer pessoa alfabetizada e honesta reconhecerá que não há como comparar os dois livros. Para compará-los é preciso não conhecer nenhum deles, o que seguramente é o caso da maioria da militância tucana na internet. Mas os tucanos mesmo, esses não insistirão nessa comparação simplesmente porque alguém pode resolver fazê-la.

Tags: , , , , , , , , ,

166 Comentário

  1. O que houve, tiraram o site do grande mestre, o professor Hariovaldo do ar.

    http://www.hariovaldo.com.br/cgi-sys/suspendedpage.cgi

  2. Na boa, é tudo besteirol tucano. Querem invetigar o mensalão? Tudo bem, que o façam. Mas imitem o Amaury: que vão à origem da coisa. É aí que o bicho pega. A coisa começou na Assembléia Legislativa de Minas Gerais durante a administração do PSDB. Para mim o grande mistério é saber como e quando esta “tecnologia” foi parar na Câmara Federal. Pelo visto ninguém sabe e a mídia comprometida e corrupta faz questão de esconder

    • Eu faço questão que investiguem tudo e todos inclusive e principalmente a impren$a , o que levou joãozinho com essa sacanagem toda contra o povo? BANGU II para todos ou então uma ilha bem distante do continente, tranca todos lá, isso sim é meu sonho e não podemos esquecer de limpar os cofres de todos e de seus laranjas e o confisco do dinheiro roubado que está repousando em paraisos fiscais, se nada disso acontecer podemos recorrer à dinamite.

  3. Será que ainda existe algum direitóide que lê este blog e que acredita que a grande mídia é isenta depois de ler um post deste?

    Não sei se os direitóides, de fato, acreditem que a grande mídia venal não seja isenta. Acho que eles sabem que ela é parcial, mas não querem admitir porque, desta forma, estariam admitindo que não existe outra forma de vencer a esquerda sem ser pela trapaça midiática, ou seja, vencer a esquerda através de uma comparação de gestões seria um fracasso para eles. Lula x FHC chega a ser ridícula a goleada de Lula sobre FHC em termos de ter feito um governo muito melhor.

    • Savio Valença,

      Em futebol e politica existe uma coisa que não se discute, que é o fanatismo, dogma, crença.

      Não adianta discutir com o torcedor corinthiano ou flamenguista pois não é um torcedor de futebol é crença de fanatiso, vira um dogma.
      A mesma coisa um militante petista, ele não é um afccionado polticio, e sim um fanático com dogma de fé encravado no intimo da alma.

      Não existe coisa mais retrograda do que falar em esquerda e direita, midia venal, trapaça midiatica, neo liberal, etc… etc…

      O que importa é inserirmos o Brasil entre as 4 maiores rendas per capita do mundo, torna-lo uma berço de patentes de altissima tecnologia, termos 5 univerrsidades entre as 20 melhores do mundo, termos um IDHU entre os 10 primeiros do mundo, estarmos entre os 10 primeiros colocados no teste internacional do ensino médio, termos uma indústria que cresça a 10% ao ano e não decresça 2% como em 2012. Veja em todos estes pontos não temos nenhum plano de longo prazo para isto.

      Precisamos ter os poltiicos que sejam os de menor custo do mundo para os contribuintes, pois nao recebemos nada do Estado (educaçao, saude, segurança, das piores do mundo). Precisamos ter um funcionalismo público ganhando muito menos que os funcionários da iniciativa privada ja que são estáveis, e é o contrario, temos cargos de funcionalismo pagando salarios iniciais de 17 a 25 mil reais, um acinte a quem é funcionario da iniciativa privada. O STF deu o tom e o exemplo, a sociedade exige que todos os politicos que se apoderam do dinheiro público tem que ir para a cadeis independente do partido.
      Nós sociedade que sustentamos todos eles com nossos impostos temos que exigir que se mude a constituiçao: qualquer funcionário público ou politico em que um juiz tenha acatado uma denuncia e estabelecido um processo por suborno, corrupção, mal versaçao de dinheiro público, tem que ser cassado e perder o cargo ao ser iniciado o processo, condenado em primeira instancia a pena tem que começar a ser cumprida imediatamente mesmo com recursos a serem impetrados. O principio é simples, o Estado nao pode correr o risco de que estas pessoas que deveriam ser ilibadas continuem espoliando o povo até todos os recursos serem esgotados. Eles tem que ser o exemplo para a nação.
      Só assim as instituiçoes se solidificarão e seremos iguais perante a lei e nao dois tipos de cidadãos com direitos diferentes, os politicos-funcionalismo público que tudo podem e nós cidadãos comuns que nada podemos.
      Lula, fez coisas boas? Sim fez. Mas se cometeu algum crime tem que pagar… Fernando Henrique fez coisas boas e ruins? Sim fez. Mas se cometeu algum crime tem que pagar. Nao adianta espernear, bufar, alegar que direita é melhor que esquerda ou o inverso. O importante é por na cadeia os polticos corruptos e funcionarios públicos idem. E outra medidas saneadoras urgentes:
      - reduzir o numero de senadores, deputados (federais e estaduais), vereadores, cortar os custos dos mesmos pela metade ou menos.
      - impor um teto real de salarios ao funcionalismo na constituiçao, bem claro e vinculado ao salario minimo da previdencia para todos poderes e niveis federais, estaduais e municipais.
      - concursos novos só sob regime CLT, ninguem mais pode ser contratado ou mudar para regime estatutáio.
      - acabar com a aprosentadoria compulsória do funcionario publico aos 70 anos.
      - criar um redutor para os funcionáris publicos que se aposentam, acabar com o direito adquirido para estes caso, criar um redutor anual para os funcionarios publicos atuais e politicos aposentados.
      Com isto com certeza sobrará recursos para investir em infra e dar condições do Brasilo crescer proximo ao nível de India e China, nossos politicos já nos fizeram perder o barco com o Japao em 1950, com a Coreia em 1960, com Taiean e outros asiaticos em 1980 e agora novamente vamos perder o barco para a CHina e India. Em 50 anos sempre afirmaram que era inutil ter uma montadora brasileira, totalmente nacional, e hoje tomamos goela abaixo carros coreanos, japoneses e ai vem os chinese, sem dizer que ja tomamos russos tambem.

  4. PALAVRA “PRIVATARIA” CHEGA AO 1º MILHÃO NO GOOGLE

    A privataria chega ao seu primeiro milhão
    por Jorge Furtado em 20 de dezembro de 2011

    Quem já entendeu o mundo pós-Google sabe que o fluxo de informações segue palavras-chave, tags (etiquetas) associadas a uma notícia. Muitas vezes o tag é o nome próprio dos envolvidos no assunto, às vezes é o nome do lugar onde o fato se deu, às vezes é algum detalhe marcarte da notícia.

    Quando o deputado Roberto Jefferson, réu confesso num esquema de lavagem de dinheiro para o caixa dois de campanhas eleitorais, batizou de “mensalão” o método inventado por Marcos Valério e turma para financiar a reeleição do governador mineiro Eduardo Azeredo (à época presidente nacional do PSDB), método este a seguir alegremente adotado por José Dirceu e turma para financiar campanhas petistas, estava criando a palavra-chave adotada pela mídia para toda e qualquer matéria que pretendia fustigar o governo Lula.

    “Mensalão” virou sinônimo de maracutaia política, depois do tucano e do petista veio o mensalão do DEM em Brasília e ainda o “mensalinho”, no Congresso Nacional. Ainda hoje, uma pesquisa no Google para a palavra “mensalão” encontra 3 milhões e 180 mil ocorrências.

    Pois a palavra “privataria” acaba de atingir seu primeiro milhão no Google. Para ser mais exato, 1.070.000. (09:54, 20.12.11). Ela serve de busca para as matérias sobre o livro de Amaury Ribeiro Jr. “A privataria tucana”, que apresenta documentos e provas irrefutáveis – e por isso não refutadas – do enriquecimento ilícito de altas figuras do PSDB e seus familiares no processo de privatização de empresas brasileiras, durante o governo tucano. Para resumir, eles vendiam para eles mesmos e, somas e restos, embolsavam o lucro.

    Contagem da busca “privataria” no Google,

    14.12.11, às 12:21: aproximadamente 495.000 citações.

    14.12.11, às 22:58: aproximadamente 547.000 citações.

    16.12.12, 10:09: aproximadamente 636.000 citações

    20.12.11, 09:54: aproximadamente 1.070.000 citações.

    * Blog de Jorge Furtado

  5. O PT esta de rabo preso, Mauricio Dias da carta capital esta pessimista em relação a instalação da CPI, Protógenes pensa em recorrer ao STF.

  6. Prezado Eduardo Guimarães, acabei de passar em uma livraria aqui no interior de Minas Gerais, Divinópolis, o dono da livraria me falou que ira chegar para ele, amanha, 100 cópias do livro do Amaury, ele me aconselhou a chegar la, na livraria, ainda na parte da manhã, pois a previsão dele é de que o estoque de livros do Amaury, não deve durar mais que uma hora.

  7. “Privataria Tucana”, o Livro do Amaury, que já vendeu 120 mil, está bombando na Europa. Recomenda-se à Editora em se proocupar, agora, com as encomendas internacionais.

    http://www.advivo.com.br/sites/default/files/documentos/privataria.pdf

    João Da Silva (O comentarista expulso da F0LHA online)

    • Quinhentos mil livros devem dar conta da demanda até meados de janeiro…ou Emediato acorda ou vai perder uma grana grossa.

  8. Estou muito preocupada…
    Como é que o Farol de Alexandria, vulgo FHC, vai posar de príncipe em Paris depois dessa desmoralização?
    Oh, coitado!!! Será que ainda via conseguir fazer alguma palestra demagógica depois do sucesso do livro.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  9. Estou chegando à conclusão que devemos, nós todos pedirmos teste de DNA da privataria tucana e exigir do senhor FHC que divida o que levou com todos os filhos desta terra, os brasileiros. Isso porque ele é bonzinho e reconhece até quem não é filho dele, imagina nós!

  10. Já fiz a comparação. Como diria o Neto: “É brincadeira!”. “O Chefe”é fraco que só caldo de bila!

  11. A tese do Alvaro Dias repete a “linha de defesa” que alguns “jornalistas” começaram a levantar esta semana, tentando comparar o livro O Chefão com A Privataria Tucana – veja no site do Observatório da Imprensa, artigo do sr. Carlos Brieckman. É uma balela. Quando não mais, por dois motivos. 1) Também fui ler O Chefão, curioso sobre o agora exaltado conteúdo do livro. Pois trata-se apenas de uma compilação de reportagens e artigos já publicados pela imprensa, que o autor reconhece ter tratado, tirando o que chamou de “contra-informação do governo” – ou seja, tirou o outro lado, que é imprescindível na imprensa. Só por isso não pode nem ser considerado uma peça jornalística. Enquanto isso, A Privataria Tucana tem conteúdo, é alicerçado em documento oficiais. Não dá para comparar. 2) O livro do Amaury é um fenômeno de venda; este diferencial constitui, sim, um fato de interesse jornalístico. O livro do Amaury trata de assunto de grande interesse de toda a população brasileira – a venda suspeita do patrimônio do nosso país. O sr. Carlos Brieckman defende que cada um noticia o que quer. Pois acho que não é bem assim (ou não deveria ser bem assim); tudo o que é relevante e interessa a muitos deve ser noticiado pela imprensa. Caso contrário, para que serviria a imprensa; para noticiar apenas o que interessa a alguns?

  12. O PT está desesperado com a possibilidade do Serra ganhar para a Prefeitura de SP e está antecipando o debate. É uma questão de dominação da máquina pública, querem petitas e PMDbistas (Sarney, etc) governando o País, Estados e Capitais.

    Enfim, PT desesperado faz de tudo: dolares na cueca, ‘dossies’ bem aloprados, caixa dois, tudo de errado. Cadê a pureza do PT? Ficou no discurso? Vão cuidar da corrupção do governo que seria o melhor para o Brasil.

    • Chora na cama que é um lugar mais quentinho!

      É muito divertido ver estes tucanos bandidos sem saberem o que falar!

      • Parece que para alguns canalhas e outras gralhas o fato de o Livro Privataria Tucana investigar crimes ocorridos em um governo, os outros governos (pt) estão liberados para fazerem o mesmo. Eu não voto no PT e nem acredito na honestidade de quem diz: ele rouba, mas faz. Pois é o que eu mais ouço dizerem do Lula e da Dilma. Alem de incompetentes e de lutarem para enfraquecer as instituições do nosso Brasil, estes corruptos não fazem nada além de apontar o governo Tucano como culpado do que eles não conseguem fazer. Me erra seu corrupto. Sou tucano e deteriora a imagem do meu partido corruptos dentro dele, quero é que eles sejam redescoberto e sejam expulsos do meu partido. E os corruptos do seu partido? Vão ganhar medalha e titulo de doutor, isto porque você também é corrupto junto com eles…Pulhas

    • meu Deus; perdoe esse pobre coitado!

      Porque non te calas sr. jorge pontual

    • Peraí, gente, uma coisa não tem nada a ver com a outra. Deixem o Jorge escrever, ele tem o direito e se bobear está até correto. O que está errado é assumir que uma corrupção justifica outra. Tem corrupção no PT? Tem que investigar e punir. Tem corrupção no PSDB? Tem que investigar e punir também. Não se pode reagir com raiva porque senão se perde toda a razão, tem que se reagir com justiça. Senão a gente sempre vai acabar sendo igual a quem estamos questionando.

  13. Serra sua privada entupiu,
    E quem é que não sabe e não viu ?
    É a mídia calada ?
    Será que esta mídia também tá nesta privada?

    Como diria o Raul Seixas “É bandeira demais meu Deus!”.

    Fonte: Rede Globo, Estadão, Folha de São Paulo, Veja e Editora Abril.

  14. Acho que os três poderes em Brasília já tomaram ciência deste livro do Amaury Ribeiro Jr, se nada for feito por nenhum destes poderes, todos iremos pensar que esta relação é no mínimo suspeita. Vamos aguardar o ano de 2012, acho que teremos muitas surpresas. Quando será que nós brasileiros deixaremos de ser otários? quando vamos despertar deste berço esplêndido? acorda Brasil!!!!!

  15. É impressionante como pode existir tanta podridão reunida, pessoas sem ter o que comer, onde morar, pais de famílias tendo que sobreviver com um salario…Cada vez que estamos em nossas casas para descansar e assistir algum programa, somos interrompidos com as taos propaganda politica, para ouvir as mentiras. Fico imaginado como eles tem a cara de pau de pedir o nosso voto para colaborar com o que? Com essa desigualdade, para colaborar com os luxos deles e muito mais …Sinceramente não acredito em uma só palavra que saia da boca de qualquer politico que seja. por isso o meu voto sempre foi e sempre sera nulo… pois não quero de maneira nenhuma ser colaboradora desses ladraizinhos nojentos …Cada pagina do livro “PRIVATARIA TUCANA” me decepciono com o ser humano que se tornaram …Então vamos aguardar a justiça divina por que esta sim , tarda mais não falha.

  16. Alguém ainda não percebeu a aberração que se transformou este país? Desavergonhadamente, e com desenvoltura, empina-se o narizinho para discutir quem foi o mais corrupto; e a conclusão, inacreditável, é dizer que aquele que menos nos roubou é o mais honesto. Então somos obrigados a assistir inertes uma discussão entre corruptos que se acusam mutuamente.

    Olha só, sr. Eduardo Guimarães, qualquer pessoa alfabetizada e honesta pode concluir, a partir de todos esses escândalos de corrupção, que PT e PSDB são facções rivais do crime político organizado. Interessante saber que o sr., com orgulho, já escolheu o teu lado nessa guerra mafiosa.

  17. Naõ sou petista ,mas sempre entendi que uma jogada da mídia principalmente do sistema globo de comunicação ( Marinhos e cia), ed abril, veja e etc (cívita), estadão e outros menores estavam e estão jogando desonestamente quando se trata do partido do presidente Lula. Em Minas Gerais se comenta que o dito MENSALÃO começou em 1998 ,quando o senador do PSDB AZEREDO DA SILVEIRA pegou vultosa quantia do Marcos Valério para concorrer à governaça do estado contra o Itamar Franco. Em 1999 após a derrota o PSDB mineiro não tinha como pagar tal quantia e foi quando ainda no governo do FHC ele foi levado para os corredores do planalto, se instalando entre diversas vicinais, nos correios. Ora essa realidade poucas vezes comentada não aparece na grande mídia, demonstrando mais uma vez da necessidade de uma REGULAMENTAÇÃO NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO,onde antigos feudos criados durante a ditadura militar possam conviver com outros grupos tornado a imprensa Brasileira imparcial, honesta, profissional, sem as jogadas que ao longo de nossa história tanto tem prejudicado momentos e vidas.

    • “REGULAMENTAÇÃO NOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO” — quer dizer censura, certo?

      Então fala: “Eu quero censura” e “Eu quero o fim da liberdade de imprensa”.

      Assim fica mais claro. Se estiver com pressa de ter isso, muda para Cuba, Venezuela ou Argentina, pois lá o processo está mais avançado.

  18. A resposta de Alvaro Dias entregou o PSDB. Isso é fato. Resposta de quem tem rabo preso, de quem conhece os fatos expostos no livero de perto. É fim de linha para os denunciados.

  19. E não é que o Chico Buarque a ha muita sabia das coisas!

    http://www.youtube.com/watch?v=1ZObGxrjFoQ&feature=related

  20. olha essa ai: rsrsrs

    DUBLAGENS DE FILMES SOBRE “PRIVATARIA TUCANA”:

    SENCACIONAIS… KKKKKKKKKKKKKK

    Click here to see your movie :
    http://www.grapheine.com/bombaytv/movie-pt-4c3246b561dd0ecb0b51dd23bb719781.html

    Click here to see your movie :
    http://www.grapheine.com/bombaytv/movie-pt-103deedefa3c190cc5969540da924ed1.html

  21. Pelo exposto, considero que o livro O Chefe deve ter ao menos algum valor, frente a esse tal de Privataria Tucana, cujo autor em entrevista pareceu um cara tolo e despreparado demais. Se o primeiro assume que faz compilações de documentos e fatos documentalmente registrados, ao menos se baseia em dados rigorosa e criteriosamente apurados.

    Já em relação a um cara que, pelo que me consta, é ligado ao PT e a Edir Macedo, eu não boto minha mão no fogo. Ainda mais quando se arvorando de pretensões investigatórias para as quais não demonstra o menor preparo, muito menos isenção.

    Acho que o resultado só pode ser muito delírio. Quero ver todos os fatos importantes relacionados à forma como o país vem sendo governado apurados, envolvendo o governo e partido que for, mas de forma confiável e séria.

    Afinal, é a qualidade da democracia de nosso país que está em jogo.

    • O livro O Chefe não se baseia em documentos, mas em reportagens da imprensa. Reportagem não é documento, ainda mais quando expressa opinião. Amaury Ribeiro não é “ligado ao PT”, não é filiado a partido algum. Você mente. O livro da privataria, aliás, critica o PT. Um livro que você certamente não leu. E, pelo visto, tampouco leu o do ex-petista Ivo Patarra. Quanto a Amaury ser “ligado a Edir Macedo”, é outra distorção dos fatos. Ele trabalha na Record. Quer dizer que os milhares de funcionários da Record são “ligados” ao seu maior acionista? Você, como obviamente está a serviço daqueles que o livro incomodou, não quer que sejam investigados, não quer saber onde foram parar os cem bilhões de reais da privataria, só quer que investigue os adversários de quem te paga para fazer distorções dos fatos. Como seu texto é bem estudado, apesar das distorções e mentiras que contém, fica claro que se trata de uma dos muitos contratados pelo PSDB para defendê-lo na internet.

  22. Amaury Ribeiro Jr trabalhou, e trabalha para o PT à anos. É preciso dizer mais alguma coisa?

    Inclusive é ele o reponsável por querbar sigilos de imposto de renda de tucanos.

    Somente pessoas totalmente obsediadas para acreditar no PT e no Lula.

    • É mentira. Conheci o Amaury e ele não tem qualquer ligação com o PT. E ele não é responsável por nada, foi apenas acusado por Serra porque este sabia que ele estava escrevendo o livro e achou que o publicaria durante a eleição, mas Amaury pretendia apurar tudo direito para publicar o material forte que publicou.

    • Este problema de quebrar sigilo ele resolve com a justiça,o importante e que ele prestou um serviço a sociedade.

    • HÁ anos, como sinal de TEMPO PASSADO, leva “H” (à anos????!!!!)- CREDO!

  23. Político nehum no Brasil presta, o Congresso Nacional virou o maior balcão de negócios do Mundo, é sujeira desde a mequetrefe prefeitura até a Presidência, tudo está corrompido, e o zé povinho é que sustenta este bando de gente sanguessuga, não escapa um, voto no Brasil e esta baboseira de democracia e bla´ blá blá blá conversa para boi dormir, PMDB, PT, PSDB e tantos outros nenhum presta, só pensam em enriquecer, política e religião no Brasil viraram meio de vida só isso, o povo que ese exploda!!!!!

  24. Apocalípse da Privataria:

    E abriu o 1º selo, e eis um Cavalo Branco com quatro chifres; e o que estava montado nele tinha um arco como o de um cupido; e no arco estava escrito “O amor é relativamente lindo”.
    E adoraram o Cavalo Branco porque ele formava as opiniões.

    E abriu o 2º selo, e eis um Cavalo Vermelho; e o que estava montado nele era chamado de Privata e foi dado a ele que tirasse os bens da terra. E o Cavalo Branco deu ao Privata o seu poder; e adoraram o Privata, dizendo “Quem é semelhante ao Privata? Quem poderá batalhar contra ele?”. E o Privata que engana os que habitam sobre a terra com sinais que lhe foi permitido que fizesse em presença do Cavalo Branco, cruzou os 7 mares e feriu toda a terra por muitos anos.

    E abriu o 3º selo; e eis um Cavalo Preto; e o que estava montado nele tinha uma balança na mão e venda nos olhos. E ouvi como que uma voz no meio dos quatro seres viventes, que dizia: Um queniz de trigo por um denário, e três quenizes de cevada por um denário; e não danifiques nadica de Nahas. E foi dado a ele que fosse o Guardião das Nádigas de Nahas.

    E abriu o 4º selo, e eis um Cavalo Amarelo, e o que estava montado nele chamava-se Morte; e o Nahas seguia com ele; e foi-lhe dada autoridade sobre a quarta parte da terra, para matar com a espada, e com a fome, e com a peste, e com as feras da terra. E ele saiu de seu castelo montado no Cavalo Amarelo, empunhando sua espada e dizendo “Daí a Nahas o que é de Nahas, e o que é de Deus adeus”. E o Cavalo Branco que tem 4 chifres que formava opinião e já não forma, vai com ele à perdição. Então a terra é invadida pelo Cavaleiro e a Turba retirada aos pontapés, chorando e implorando misericórdia, mas nem Nahas “Enem” os Cavalos “Enem” os Cavaleiros invadiram a terra para terem misericórdia.

    Para se proteger dos quatro cavaleiros e de seus cavalos a turba possuía um livrinho aberto em suas mãos. E colocaram o pé direito sobre um pinheiro e o pé esquerdo sobre o Cavalo Preto e disseram “Não haverá mais demora”, neste momento o cavaleiro cai e o cavalo preto é dominado pela Turba passando a servi-los. Então a turba arranca uma das páginas do livrinho e, fazendo uma bolinha de papel, atira violentamente no Privata e o mesmo cai nocauteado. E o papel é devidamente recolhido e reciclado para que dele seja feito diploma e os cavaleiros e seus cavalos sofram de indignação ao verem que a turba é de Deus. Neste momento os quatro cavaleiros ouvem uma voz retumbante dos céus que diz “Cuidado com a Turba que a Turba te pega, te pega daqui te pega de lá”. A turba então arranca mais uma folha do livrinho e dá ao Cavalo Branco e ele fica mudo, sendo que na boca da Turba o livrinho é doce como mel.

  25. pior é ver essas mesmas caras reveladas no livro do amaury ribeiro jr aparecendo nas atuais (vindouras) disputas eleitorais como ‘defensores’ do povo, da cidadania e da (?!?!) MORAL!!!!
    PAULO

  26. Com a aproximação do final do julgamento do mensalão pelo STF, vê-se que o livro do Patarra tinha toda razão de ser. Pena que o chefe ficou de fora. Por enquanto!

  27. A maioria dos comentários parece tudo da central do PT, nenhum partido presta , mas que ler os comentários parece que o PT é uma maravilha de honestidade e caráter. Acorda pessoal, todo mundo está sendo roubado e está achando lindo.

  28. Sou um velho, aposentado por tempo de serviço, 70 anos. Aposentei-me com o teto máximo, a duras penas e hoje recebo apenas 1,5 salário, devido a desvalorização implementada pelo governo aos idosos.
    Me constrange ler as discussões dos caros amigos acima.
    Parecem estar discutindo futebol, cada um defendendo o seu partido. Nós todos sabemos que nenhum deles vale nada, por que os defendem? Vocês são jovens, façam algo que preste, lutem contra todos os partidos, pois todos eles estão contra nós. Não usem sua inteligência para essas discussões fúteis.
    Nem é preciso a violência para derrotar esses corruptos, pois eles não trabalham, não produzem nada, vivem as custas do nosso suor, do nosso dinheiro. Basta portanto que nos unamos e que paremos de pagar impostos. Como não sabem fazer nada a não ser roubar, terão que rodar bolsinha ou mandar que suas mulheres o façam, para ganhar algum dinheiro.
    Isso seria desobediência civil, certo? Pois que nos punam e coloquem a nós todos na cadeia. Da cadeia, faríamos como fazem hoje os bandidos, administraríamos nossos negócios tomando banho de sol, de posse de celulares e internet de banda larga.
    Outro ponto importante. Acho que é uma necessidade premente, processar os advogados que mentem em tribunais e ensinam seus clientes a mentirem. O réu têm direito a ampla defesa, mas os advogados não têm direito a mentir. pelo contrário eles têm o dever de serem honestos. Eles têm que aprender que não devem lutar para o réu burlar a lei e sair livre, mas sim receber a justa pena que mereçam. Me enojou que um ex-ministro da justiça lutou com toda a garra para liberar bandidos. Falta honra e dignidade neste país.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.