A Verdade vos libertaria

No fim da noite de quarta-feira, 21 de setembro de 2011, a Câmara dos Deputados aprovou a criação da Comissão da Verdade, que pretende elucidar e registrar crimes contra os direitos humanos cometidos em um período que vai de 1946, primeiro ano do governo de Eurico Gaspar Dutra (1946 a 1951), a 1988, um ano antes da primeira eleição direta após a ditadura militar instalada no Brasil em 1964.

A Comissão da Verdade terá sete membros para investigar todo esse período e essa é uma tarefa quase insana, não há dúvida. No período de 43 anos a ser investigado, é possível que tenham ocorrido no Brasil mais crimes contra direitos humanos por motivação política do que há de estrelas no céu.

A sessão da Câmara dos Deputados que aprovou a Comissão da Verdade mostrou que a base aliada na Casa, por orientação do governo, fez seguidas concessões aos partidos identificados com os interesses de militares remanescentes da ditadura militar que temem ser atingidos pelas investigações, por mais que a Comissão em tela não venha a ter poderes para puni-los e que o Supremo Tribunal Federal já tenha decidido que a Lei da Anistia (que extingue punições para “os dois lados”) é, digamos assim, “imexível”, à diferença do que ocorre em países como Chile, Argentina ou Uruguai, que estão punindo os esbirros de ditaduras militares análogas à brasileira que se abateram sobre outras nações sul-americanas naquele período da Guerra Fria entre Estados Unidos e União Soviética, “guerra” que foi a razão do surgimento de tais ditaduras nesta parte do mundo.

A impossibilidade de se fazer no Brasil o que se consegue fazer em países que sofreram ditaduras análogas à “nossa” mostra que grupos políticos e chefes militares a eles aliados ainda mantêm um tipo de poder que não é político, é de persuasão.

Na sessão da Câmara que aprovou a Comissão da Verdade, o deputado da bancada dos militares Jair Bolsonaro subiu à tribuna e como que conclamou chefes militares a tomarem uma providência contra o que estava acontecendo ali, dizendo que o objetivo da Comissão, na verdade, seria cassar aposentadorias e perseguir velhinhos ex-militares que possam vir a ser apresentados como torturadores ou assassinos ou cúmplices de torturas e assassinatos.

Na prática, no Brasil ainda há grupos sociais e ideológicos organizados (formal ou informalmente) que se acreditam acima das leis e, assim, com “direito” de praticar contra inimigos políticos e ideológicos de esquerda alguns tipos de ações que eram empreendidas nos idos de 1964 e durante todo o período autoritário. Posso garantir que sei do que estou falando…

Vige no Brasil também, portanto, uma espécie de chantagem desses grupos políticos e paramilitares contra os governos democráticos. Acredita-se que haja um limite para ações dos governos. Por exemplo: uma reforma agrária radical ou uma forte taxação dos muitos ricos poderia não ser aceita e desencadearia uma ofensiva da direita que começaria através da mídia e desembocaria em novo levante militar.

Muitos não acreditam nisso. Acham que o Brasil vive outro momento e que não haveria clima para um novo golpe devido à importância deste país no mundo. Pergunto, então, por que o governo fez tantas concessões para aprovar uma Comissão que, inclusive, não conseguirá punir ninguém, à diferença do que acontece em países vizinhos que estão passando a limpo suas ditaduras militares?

De onde vêm a grandiloqüência e a ousadia de Jair Bolsonaro se não das “costas quentes” que ele acredita – ou sabe – que tem? Os governos Lula e Dilma não ousaram avançar em propostas como a democratização da comunicação ou na reforma agrária e até em aprovar uma lei que proteja homossexuais que estão sendo chacinados quase que diariamente no Brasil, por quê?

Dirão que é porque não quiseram, mas acho que é porque tiveram medo.

Esses grupos de direita envolvem militares, grandes empresários e grandes meios de comunicação. Isso está claro. Essa é a força que vem mantendo este país preso a situações como a concentração da propriedade de terras ou de propriedade de meios de comunicação que inexistem em qualquer país democrático e desenvolvido.

Se essa Comissão da Verdade realmente chegasse a algum lugar, o Brasil estaria livre desse permanente estado de chantagem em que vive por ação dos mesmos grupos políticos, econômicos e ideológicos que implantaram uma ditadura militar que calou, perseguiu, prendeu, torturou e matou à vontade e que, ainda hoje, estende sua sombra sobre a nação.

111 Comentário

  1. Estendem a sombra! Estenderemos o braço forte!

  2. Triste verdade.

    • A razão para não existir punição para os assassinos e torturadores é só uma: COVARDIA! Governos cagões de pai e mãe tem medo até de um cabo de vassoura com um quepe em cima, ridículo. Esse é o preço pago pelo desprezo e proposital massacre e abandono da educação no país: nenhum governo pode contar com o apoio de um povo que não sabe nada de sua história, não se interessa por politica, não tem noção de cidadania e que reclama violentamente quando professores se mobilizam para reinvindicar melhores condições de trabalho, alegando que as mobilizações “atrapalham o transito dos trabalhadores” como aqui em BH. Não somos cidadãos, somos gado, por isso os milicos se acham no direito de defender o golpe de estado que eles perpetraram com a benção das elites civis que se aproveitaram com força da ditadura e hoje cinicamente também não compartilham a responsabilidade do golpe com os milicos, pelo contrário jogaram no colo dos otários e eles ainda ESTUPIDAMENTE continuam defendendo a parte podre da sua instituição ao invés de ajudar a depurá-la punindo os marginais assassinos e torturadores e preservando o que de bom tem a instituição que é a defesa da pátria, mas parece que a inteligencia para fazer o mais nobre e digno não anda sobrando nos quartéis.

  3. Márcio
    marciovm@hotmail.com
    186.204.75.81
    Enviado em 22/09/2011 às 13:13

    • Edu, em respeito a nós leitores gostaria que vc deixasse de publicar este tipo de mensagem que é repetida em todos os posts. Tal mensagem não tem nada a ver com o assunto em pauta.

  4. Edu, este Jair Bolsonaro ainda vai dar o que falar! Aqui em SC tipos destes se encontram aos montes, Grande parte fugiu da Europa na 2a. guerra mas ainda mantém o fascismo e o nazismo no DNA, de maneira que os descendentes, mesmo depois da ida dos seus antepassados, ainda mantém esta cultura totalmente irracional: pretos, nordestinos, ou seja, qualquer tipo de fulano que não tenha olhos e pele claros, não deve ter ‘permissão’ para viver sossegado.
    O Bolsonaro, além de militar e óbviamente partidario desta direita escrota, também já demonstrou que não gosta de ‘gente diferenciada’. Inclua-se aí MST, GLBT, etc..
    Século XXI. Nem parece que já estamos na sua segunda década!

  5. não sei não edu, eu acho que a dilma vai surpreender, pois ela não faz alarde das medidas que pretente tomar……agora quanto a esse idiota, varios generais já o descreveram como tanto!
    reinaldo carletti

  6. queria ver na cadeia com prisão perpétua todos esses criminosos, que mataram, torturaram e estruparam…brasileiros e brasileiras que queriam fazer do Brasil uma grande nação para seu povo!!!

    • Meu caro, imagine um país com a dimensão do BRASIL, vivendo o mesmo regime de cuba e outros paises comunistas, era esse sistema que eles queriam implantar na década de 60, e hoje estão conseguindo; Vocês só podem estar brincando com essas declarações. O Brasil só é o que é devido a interferência dos militares naquela época, caso contrário não teríamos 10% da liberdade que temos hoje. As pessoas se deixam levar apenas pelo que lhes é dito, não procuram se aprofundar e saber o que realmente aconteceu na época. O que vocês estão defendendo são os assaltantes, os assassinos, os traficantes e os corruptos de hoje. Se acham que as FFAA erraram naquela época, então em suas concepções é certo saquear, assaltar e matar, formar milicias e combater contra os orgãos de segurança publica???? É isso que é certo??? Quero ver se essas mesmas pessoas entrarem em vossas casas roubar, matar e fazer atrocidades com seus familiares. Fala sério……

      • Amigo, vc realmente está falando sério? Engraçado… não é nos blogs que apoiam a Comissão da Verdade que vemos o cerceamento do direito de manifestação, uma das manifestações da dita liberdade que vc tanto preza … Já tentaste publicar uma opinião divergente nos blogs que defendem o outro lado?

      • Santo Cristo! Não sei se rio ou choro ou fecho a boca! Estou pasmo!

      • Oi Sergio,
        Este blog é democrático. Teve gente que seguiu Napoleão, seguiu Hitler(ainda há muitos seguidores), tem gente que segue Bush, outros Saddan Husseim, Garrastazu Medici, Rasputin, Inri Cristo etc., etc.
        Voce segue Bolsonaro. A gente respeita. Se assim não fosse seu comentário não seria publicado.

      • Por essas e outras é que a democracia, a verdadeira, em que o povo escolhe os dirigentes, embora imperfeita, é melhor que qualquer ditadura, de esquerda ou de direita. Todo poder absoluto comete abusos, arbitrariedades, violência e intolerância, desde o comunismo até o nazismo, fascismo, e até o islamismo e o próprio catolicismo, com sua cruel inquisição. Ainda hoje, o poder desproporcional ainda comete abusos, como as invasões do Iraque, Afeganistão, Líbia, Palestina e outros menores. E a democracia permite manifestações antagônicas, de direita e de esquerda, como o Bolsonaro, Alvaro Dias, Lula,ACM, Agripino Maia, Fernando Henrique, José Serra, Dilma, etc. E a maioria elege quem considera melhor. Se a mídia fosse imparcial isto seria mais fácil, mas como a internet tem todos os matizes,isto tem se tornado mais possível.

      • Para entender.
        Se no Brasil se os que hoje estão no governo fossem igual os que Balsanaro defende.
        Ja estaria morto ele e toda a sua familia.
        Explicação melhor é impossível.

      • Cara, um conselho: em vez de vomitar esse tipo de escrotidão aqui, vá ao banheiro e esvazie seu crânio e demais contentores de matéria fétida… E te adianto que o que você carrega nos intestinos fede menos que o que você tem na cabeça…

  7. Fique triste não, Edu.

    Come-LO-EMOS pelas beiras.

  8. Qual seria a independência de uma comissão instaurada por um governo ligado ao que de pior pariu a ditadura: Sarney, Collor, Jader Barbalho, etc…

    • Engraçado que quando Sarney, Collor & caterva apoiavam a ditadura vocês não se queixavam. Estão com medo de quê? Calhordas, covardes!!

      • Otto, você não entendeu minha crítica. Não tenho nada a ver com ditadura ou Sarneys da vida, nem havia nascido. Mas continuo fazedo a mesma pergunta Um governo que negocia a formação de uma Comissão da Verdade tendo como aliados políticos gente do tipo Sarney, Collor e Jader Barbalho (crias da ditdura) merece ser levado à sério.

        • A crítica é tão justa que nem chega a ser crítica, é quase uma constatação.

          Os políticos da ditadura ainda estar no poder no Brasil. Ninguém governa sem eles. Por isso reafirmaram a Lei da Anistia, por isso demoraram pra fazer a Comissão da Verdade e, fazendo, fizeram-na pequena, sem recursos.

          Mas apontar qualquer defeito ou incoerência nos governo do PT é coisa de tucano, pelo visto. Ué, será que vocês são incapazes de apoiar um governo defeituoso e incoerente? Com uma visão tão irrealista dos coisas, só podem mesmo jogar a si mesmos pra margem do processo político. Não é a toa que os governos do PT não se alinham tão à esquerda quanto deveriam. Sem base é complicado.

        • Porque não, sr T, esses embrulhos pesados estão aí por força da DEMOCRACIA, ou seja, por força do voto popular, são representações LEGÍTIMAS, queiramos ou não, agrade o PiG ou não. Se o Partido destes dão apoio a um Governo, como pode este governo exigir quais integrantes deste partido vão declarar-lhe apoio?

          Ora, a nossa política está infestada de filhotes da Ditadura, há os que apoiam o Governo e há os não apoiam. Sinceramente, prefiro os que apoiam.

          Só sei que é este Governo o vetor para que se instale essa investigação. Se vai ser competente, não sei, veremos.

          Sinto que não há uma análise ou um jugamento simplista, como quer o senhor.

          Um abraço, sr T.

        • Desculpe: Julgamento.

    • Quan do Sarney, Collor, Barbalho,…. apoiaram FHC eles eram maravilhosos.

  9. Isto parece aquele aquela propaganda de biscoitos,”vende mais porque é crocante ou é crocante porque vende mais”.A direita é forte porque acham as esquerdas tem medo,ou as esquerdas tem medo porque acham a direita forte”.Afinal,qual é o tamanho da esquerda e cetro esquerda,e qual o tamanho da direita.Esta ultima vem urrando há muitos anos,e mesmo a esquerda tem alçado poder não faz o mesmo,só mia.Muito se fala que o pais esttá perdendo o complexo de vira lata,tá na hora da esquerda brasileira começar a urrar,ou então se entregue e assuma sua covardia.

    • A esquerda é corajosíssima! Bate o pé no chão com força pra vc ver a coragem, parece aquelas tribos de adolescentes muito machos em grupo e florzinhas sozinho , uma covardia de fazer dó, quando no governo então, parecem usar fraldas geriatricas a cada critica da midia, covardes é o que são.

  10. Nobre Deputado Brizola Neto,

    É triste, mesmo, constatar que o governo Dilma coteja a pusilanimidade do governo Lula. Enquanto isto, estes párias da sociedade se locupletam.

    Fale o que tiver que falar em sua tribuna – espelhe-se na altivez de seu avô. Sem se preocupar em atingir ou não o governo. O governo Dilma não se preocupa em contrariá-lo, em nome da “governabilidade”.

    Saudações…

  11. Concordo, Edu.

    Vc foi direito no ponto central da questão de poder no Brasil.

    Sei que Lula e Dilma sempre quiseram e ainda querem uma reforma agrária mais radical, punição para todos os torturadores, controle social dos meios de comunicação, etc; e tal.

    Não fazem porque não podem, ainda!!!!!!

    Primeiro é necessário a transformação da sociedade, a transformação do cidadão que precisa ser conscientizado, educado e alimentado.

    Estão dando os anéis para a preservação dos dedos.

    Um golpe militar aqui no Brasil irá contar com o apoio dos EUA, da OTAN etc.

    Se houver um golpe de estado, os golpistas estarão acobertados por todos os democratas de fachada e Deus sabe quantos conchavos ainda existem nos porões do poder mundial.

    • Ah é…não podem…nunca podem, nunca poderão e com tanta gente passando a mão na cabeça dessas crianças tão traquinas jamais farão nada, pra quê, se os eleitores estão sempre dispostos a dizer: ele é bom menino, as companhias é que levaram ele pro mal caminho, mas ele é uma santa criatura!
      Ah vá tenha a santa paciencia!

    • É por aí, eu era ingenua, antes de vestir a camisa do PT, o intuito era de protesto, já que os doutores formados não faziam nada a dívida externa só crescia. Quando paguei para ver, votando sempre em LULA e perdendo tantos votos, mas não desisti, continuei tentando, até que chegou o grande dia. Finalmente LULA conseguiu. Assistia o noticiário, para ouvir algo bom, já que eu acreditava ter feito a melhor escolha. Mas era uma pena, só atacavam, até hoje é assim, mas tenho um irmão mais esclarecido, com 2 formaturas, e me abriu os olhos. Agora eu assisto os noticiários só para ouvir os ataques, mas busco nos sites a informação correta, não distorcida. Antes eu sofria, agora não eu vibro qdo eles distorcem pois a verdade eu busco em outras fontes. Compreendi o quanto é dificil enfrentar os que estão instalados. + é devagar, é devagar, é devagar, devagarinho… eu confio que se chega lá. Vamos nossa presidenta DILMA, vamos avançar. Em você eu confio.

  12. Caro Eduardo,

    Um grande abraço, Ertha

  13. Caro Eduardo
    Concordo em grande parte com a sua opinião.
    Mas discordo da sua visão de que Lula e Dilma tiveram medo e isso teria sido a causa de termos somente agora conseguido ver aprovada na Câmara dos Deputados essa Comissão da Verdade.
    Um presidente da República não pode resolver apurar e julgar crimes da ditadura com uma canetada. Depende do conjunto de forças que apoiaram a sua candidatura e do Poder Legislativo e Judiciário. E de lambuja, ainda possuem grande poder sobre a questão, os Bolsonaros da vida e tudo que está por trás deles: os partidos de direita, a mídia conservadora,o Instituto Millenium, a TFP, a Opus Dei, a CIa, o Pentágono etc etc etc
    Sinceramente? Acho que foi um verdadeiro milagre que essa comissão tenha sido aprovada, embora Lula Dilma e muitos que , como eles foram vítimas dos abusos e crimes da ditadura, tenham dado o melhor de si para que esses abuso e crimes fossem apurados e julgados.
    Há que considerar ainda que o povo brasileiro, por inúmeras razões, não agiu nem age, como outros povos da América do Sul que demonstraram firmeza e determinação em apurar e julgar os crimes de ditaduras militares em seus países.
    O nível de consciência crítica e de politização do povo brasileiro ainda é muito baixo e todos sabemos os porquês.Nas escolas públicas do país o ensino é muito fraco e dificilmente um aluno, ao terminar o segundo grau, tem noção sequer do significado histórico e político da Era Vargas,do período que antecedeu ao golpe,da época da ditadura. E não vai ser através da mídia conservadora ou dos partidos políticos atuais( que não realizam quaquer trabalho significativo de educação política)que o povo brasileiro vai adquirir informações que o faça refletir sobre as terríveis consequências das ditaduras, nem sobre as causas que determinaram o surgimento de ditaduras em toda a América Latina na segunda metade do século vinte. Através da mídia conservadora, os preconceitos contra os que lutaram contra a ditadura, contra a esquerda e o socialismo são inoculados permanentemente nas mentes e nos corações dos brasileiros. Em termos de política internacional, a mídia é pautada pelos interesses imperialista. Só publica o que interessa às grandes corporações que tocam o imperialismo em frente.
    Estou certa, por tudo isso, que se fosse realizado um plebiscito a respeito, a maioria do povo votaria contra a constituição da Comissão da Verdade, mesmo tão “comportada” como a que parece, está finalmente sendo constituída.
    Por tudo, isso, saúdo todos aqueles que contribuíram para a difícil missão de constituir essa Comissão da Verdade. Ruim com ela? Pior sem ela. É um começo de estrada. Vai encontrar muito de seu trabalho já adiantado por valorosas entidades privadas, como o Tortura Nunca Mais e vários grupos espalhados por todo o país que se dedicaram a coletar e arquivar documentos, tomar depoimentos,realizar investigações particulares etc sobre os abusos e crimes dos usurpadores do poder legítimo, civis ou militares, que tomaram o poder em 1964.
    http://www.torturanuncamais-rj.org.br/

    • Pois é, Maria Lúcia.

      O Eduardo está tentando comparar realidades diferentes com soluções iguais … entendo o papel dele de “esticar a corda” em suas – dele – críticas, visando o debate etc …

      A Comissão da Verdade é sim um avanço importante no nosso país, ensejando novos passos no futuro, tudo ao seu tempo no universo do possível…

      Nossas características culturais tão heterodóxicas, ao mesmo tempo que representam obstáculos profundos para a superação de tantas questões, põe à mesa variáveis inacreditáveis que construímos historicamente… vivermos em paz social, sermos capazes de conduzir nosso desenvolvimento econômico e social, aos poucos estamos retomando as rédeas de nosso futuro… rédea que nos foi tomada a séculos. Somos o único povo capaz de construir uma nova civilização …

      Portanto, cabe convocar todo o apoio à Comissão da Verdade, confiando que a nossa querida Presidenta tem a mais legítima autoridade para indicar seus membros, por sua história, por seu comprometimento com essa questão, que acredito ser epidérmica para ela…

      Mais uma coisinha: acredito que os grandes opositores a esse projeto não são os militares, não… são aqueles que os usaram como bucha de canhão para se apropriarem de nossas riquezas, de nossos sonhos, de nossos destinos… sabemos bem quem são esses, não é !

      Abç

      Rogerio Rais

  14. Edu, gosto do seu site, como a linha do meu blog é parecida, divulgo o que posso do seu no meu facebook, que é onde divulgo o meu também. desejo sucesso a você e o contrário a Jair Bolssonaro, o típico exemplo de cristão de faxada.

  15. General Azevedo
    ternuma.com.br
    ternuma@ternuma.com.br
    187.27.241.229
    A esquerdalha tosca energúmena só quer uma “comissão da verdade” mentirosa vista só do ponto que lhe interessa.
    Que tal também pôr em pratos limpos todos os crimes cometidos pelos terroristas que sequestraram, assaltaram bancos, explodiram bombas e mataram covardemente a sangue frio inclusive quem não tinha nada haver com isso?
    Tenham em mente esse recado: Não ousem nos desafiar.

    • Por que,Eduardo,permitir que verdadeiras excrescencias como esse general de opera bufa,venha nos ameaçar aqui no seu blog?Sim porque eu me sinto agredido e ameaçado pela truculencia e boçalidade desse milico ignorante.E não gosto nem um pouco de ser agredido ou ameaçado por um generaleco de pijama senil e no bico do corvo e acredito que outros comentaristas,que aqui postam suas opiniões tambem acabem por ter os mesmos sentimentos.Quanto ao senhor Bolsonaro a historia já julgou seus pares,lugar de torturadores e assassinos é na cadeia.Pois quem não deve não teme.Não sei porque ainda não cassaram o mandato desse deputado fascista e calhorda.

      • Concordo com vc Dimas. Abraço.

      • Caro Dimas, o qu vc está falando do Gen Azevedo???; Não fale asneiras vc. Não sei por que sentiu-se ameaçado, se as FFAA interviram na decada de 60 foi devido ao regime que essas pessoas que hoje estão no governo queriam implantar na época “o COMUNISMO”. E se vc não conhece a constituição federal, dê uma olhada, As FFAA só fizeram a sua parte; Se houve ou não excesso na época não posso falar pois não estava lá. Quando os orgão de segurança publica não podem dar conta do recado, quem eles chamam??? É você que vai lá colocar o peito de aço pra bandido dar tiro??? Não, não é vc; Se for me desculpe mas eu acho que eles clamam para as FFAA. E esses guerreiros que é como devemos chama-los, apenas fazem valer seu juramento. Darão a Vida pela Pátria se preciso for.

        • Vamos com calma.
          Uma coisa são as nossas Forças Armadas,mantidas pelo povo brasileiro, como qualquer outro serviço público,merecedoras de todo apreço. Outra coisa é o autoritarismo, são os golpistas, ou seja, aqueles que não se conformam em viver numa democracia e num Estado de Direito e que agem como se estivessem acima da lei e da ordem constituída, dando-se ao direito de interpelar, acusar e fazer ameaças. Vamos com calma. Com muita calma,sem fazer confusões estapafúrdias.

    • general azevedo,vc,é vc mesmo,não tenho o menor respeito por seres da sua laia,deveria se envergonhar,vindo aqui,e vomitando esse comentario.Vai dormir véio,se é que podes,sua consciencia um dia vai pesar,e vc nem morto poderá descansar em paz.
      vcs MILICOS,não defenderam o Brasil coisa nenhuma,vcs defenderam foi um grupo de exploradores do povo brasileiro,vcs MILICOS,deveriam se enforcados em praça publica,por traição à pátria.

    • Tipos como você não representam as Forças Armadas. Seu tempo já passou. A comandante em chefe deste país chama-se Dilma Rousseff. Legitimamente e democraticamente eleita. Você e gente do seu calibre é que não ousem nos desafiar.
      Vá se catar, general azedo!

    • Fizeram pouco deviam ter mandado vcs milicos chefes para a terra dos pés juntos, estaríamos bem servidos sem vermes assassinos e torturadores entre nós.

      • Quem esse general de opera bufa pensa que é?A verdade é a verdade sem adjetivos e sem adereços e como a verdadeira justiça tem o condão de fazer com que os mentirosos e zombadores das lagrimas alheias,mordam suas linguas,confundam suas palavras para enfim conhecerem a verdadeira punição.Nada fica sem o devido castigo,caso contrario é afrontar as leis naturais,comprometer a lógica da ordem universal.Jovens idealistas optaram pela luta armada como resposta à violencia de um regime discricionario,cuja lógica de exterminio era comandada por elementos sadicos e desumanos,que se achavam acima da lei.Oras,o Brasil foi condenado por um Tribunal cuja competencia abrange especificamente violações dos Direitos Humanos.A Comissão da Verdade em que pese suas limitações e imperfeições já é um começo,não só para que se desvende o passado mas para que assassinos responsaveis pelo terrorismo de Estado sejam punidos.É imperioso que nos reconciliemos com o passado para que possamos nos considerar uma nação democratica e civilizada.É o processo civilizatório,estúpido.

    • General Azevedo: com o todo o respeito às suas provectas cãs, vá trocar sua fralda geriátrica que você já está todo cagado.

    • “Há 32 anos, acentuou Agassiz Almeida, um congresso emasculado fez publicar, em 1979, uma lei a que deram o nome de anistia.
      O que se assistiu no curso desses anos, desde a promulgação dessa caricata lei de anistia? Um desfile da impunidade satisfeita e até agressiva.
      Que democracia excrescente!
      Na elaboração do meu livro A Ditadura dos generais, estive em vários países: Argentina, Chile e Uruguai. Assisti a torturadores e genocidas arrastados às barras da Justiça e condenados.
      Aqui, no Brasil, formou-se, pior do que a impunidade, um nicho do cinismo em que os torturadores, acobertados por certo militarismo caolho e amparados em poderes comprometidos com o que existe de mais sórdido no recente passado da nossa história, agridem o próprio Estado Democrático de Direito.
      Este Comitê da Memória, Verdade e Justiça tem a História como fanal.”
      http://direitoshumanosagreste.blogspot.com/2011/08/onde-se-escondem-os-criminosos-do.html

    • Nunca houve nenhum impedimento, durante ou depois da ditadura, para que aqueles que a combatiam, quer de forma pacífica ou aderindo à insurgência, fossem presos, processados, julgados e , se considerados culpados, condenados.
      Já os cidadãos e cidadãs que foram vítimas de ações que implicavam em tortura,prisões ilegais, assassinatos e desaparecimentos, durante o regime militar ditatorial, iniciado em 1964,não puderam recorrer à Justiça, já que não tiveram acesso aos devidos registros e documentos que lhes permitiria processar os funcionários públicos, civis ou militares, que contra eles ou seus familiares ,cometeram abusos ou crimes, à época da ditadura..
      E como somos todos iguais perante às leis, isso deveria ter sido possível.
      Ou seja à direita tudo foi permitido e arrogou-se o direito de cometer crimes previstos em leis, isso ficou sem registro e impune. À esquerda valeu o vale tudo, num mundo sem lei, nem rei, e ficou tudo por isso mesmo.
      Estranho que civis ou militares se sintam desafiados, simplesmente porque cidadãos procuram conhecer a verdade dos fatos históricos, já que eles assim procedendo,estão apenas exercendo os seus direitos de cidadãos.Não estão desafiando nada, nem ninguém. O resto é autoritarismo, que não encontra amparo legal em nenhum país do mundo.
      Não se pode ignorar o reconhecimento pelo Direito Internacional e pelas normas constitucionais em todos os países civilizados do mundo ocidental do direito à insurgência,do crime de tortura e dos crimes contra a vida.

    • General, além de golpistas, vocês foram trouxas. “Seguraram a vaca para que os civis golpistas tirassem o leite”(royalties para Leonel Brizola).

      • Muito pertinente seu comentário. Leonel Brizola é o pai da ideia?
        Além de ficar com os lucros financeiros, os civis são os grandes esquecidos nessa história.
        A conta sobrou só para os militares.

    • General, você falou em “terroristas”. Vamos lá:
      No governo JK, por duas vezes, oficiais da ativa da Aeronáutica tentaram derrubá-lo, criando guerrilhas em Aragarças e Jacareacanga, inclusive sequestrando um avião civil, pela primeira vez na História do país. Pretendiam bombardear os palácios Laranjeiras e do Catete, no Rio. Isso é o quê? terrorismo. Em 61, os militares que tentaram impedir a posse de Jango agiram como terroristas. Em 64, chegaram ao poder. Em 68,oficiais da ativa da Aeronáutica pretendiam explodir o gasômetro, perto da rodoviária do Rio, para responsabilizar os “subversivos”, além de explodir a loja Sears e uma agência do Citibank. Quem não conhece a história do Cap. Sérgio, do Parasar? Isso é o quê? terrorismo. Quem ia colocar a bomba no Riocentro, em 1. de maio de 81? um sargento e um capitão do Exército. Um ato terrorista.
      Em suas memórias (“Meio século de combate”) o Mal. Cordeiro de Farias contou: “Em fevereiro de 56(governo JK), fui procurado no palácio de Pernambuco (era o governador) por cerca de 12 oficiais da Aeronáutica. Avisaram-me que pretendiam repetir o levante de Jacareacanga. A idéia era praticar um ato de grande violência: EXPLODIR A USINA DE PAULO AFONSO!! Só isso!! Disse a eles: – Vocês estão completamente loucos. Bombardeiem qualquer coisa, mas Paulo Afonso, que é a redenção do Nordeste, isso vocês não vão fazer não”.
      Nem vou falar dos planos para assassinar o Pres. Goulart em 21 de abril de 1964. O golpe veio antes.

    • Você deve ser daqueles generais que o Legião Urbana canta na música FAROESTE CABOLCO.

    • Esse tal de general Cagado Senil Doente Azevedo deve ter dito uma noite péssima, a fralda geriátrica do mesmo estava imunda e ninguém foi limpar, então ele veio soltar aqui os seus devaneios fascistas.

    • General Cagado Azevedo: A Verdade vos enlouquecerá!

      Ou será que vosmecê já deve ser demente tal qual o fascista Pinochet?

    • General,é? DU-VI-DO-O! Se for,o senhor está envergonhando novamente as Forças Armadas.Se não,pode ser processado por falsidade ideológica e sofrer as sanções cabíveis,e se dar muito mal.Sugiro que essas ameaças sejam levadas ao conhecimento da lei.AMEAÇAR É CRIME.Comissão da Verdade,mesmo que tardia!Até para fazer justiça aos fardados que não compactuaram com aquela covardia.Também para dar nomes aos empresários midiáticos,os usineiros… colocar os hidrófobos no seu devido lugar.

    • Os atos dos heróis que lutaram contra a ditadura, já são conhecidos. Falta conhecermos os atos daqueles que mataram, torturaram, perseguiram e daqueles que financiaram a tortura. Quero saber o nome ou a razão social de cada empresa que promoveu a ditadura no Brasil. Quero conhecer a verdadeira história do Brasil.

    • Olha o pessoal aí que segue as ordens de Washington dando as caras
      Se tivessem um minimo de vergonha na cara ficariam o resto de suas vidas de boca fechada em relação à politica brasileira
      Só lembrando.
      Quem os comanda, é aquela que um dia vocês ousaram desafia-la
      Podem até ter dado umas bordoadas nela, mas hoje, são obrigados a prestar-lhe continência.
      Que previlégio poder assistir a mulher torturada comandando os torturadores.

  16. Bolsonaro pode ainda servir um pouco aos sonhos dos militares de terem alguém que grite por eles, mas nos encontros que os do pijama ainda fazem, este destemperado sempre foi, e ainda é, tido como louco de camisa de força.
    Não sei se terá resultado, mas Dilma e Lula estão aos poucos comendo pelas beiradas e contando com o apoio do povo através do fortalecimento destes através dos ganhos que estão sendo vistos. Acredito mesmo que mais pra frente, quando o golpe for tentado, o povo não vai servir de massa de manobra para que voltem aos tempos passados sob pena de perderem o que já usufruem.

  17. Sei não, viu. “Na prática, no Brasil ainda há grupos sociais e ideológicos organizados (formal ou informalmente) que se acreditam acima das leis e, assim, com “direito” de praticar contra inimigos políticos e ideológicos de esquerda alguns tipos de ações que eram empreendidas nos idos de 1964 e durante todo o período autoritário”. O Eduguim garante que sabe do que esta falando…E eu acredito.

  18. Edu,concordo plenamente contigo. A esquerda não chegou ao poder,para chegar,teve q botar de vice, José Alencar,de direita,q foi um grande vice-presidente. Na Camara e no Senado a maioria esmagadora é de direita. Resumindo temos um presidente de esquerda. Então vamos seguir o ditado: “Quem não pode o que quer queira o quê pode.(Leonardo da Vinci). E eu completo:mas continue querendo o quê não pôde.

  19. Eduardo Guimarães…
    Por vezes a linha que separa a covardia da prudência é tão tênue que parece não existir. Cuidado para não tropeçar nesta linha e quebrar a cara.
    No passado já chamaste Lula de covarde, o tempo nos mostrou que o Ex-Presidente Metalúrgico estava apenas sendo o político notável que você está longe de ser.

  20. Precisamos de muita Coragem
    Publicado em 21-Set-2011
    Leonardo Boff
    Leonardo Boff

    Em 14 de setembro último, celebrou 90 anos de idade uma das figuras religiosas brasileiras mais importantes do século XX: o Cardeal Paulo Evaristo Arns. Voltando da Sorbonne, foi meu professor quando ainda andava de calça curta em Agudos-SP e depois, em Petrópolis-RJ, já frade, como professor de Liturgia e da teologia dos Padres da Igreja antiga. Obrigava-nos a lê-los nas línguas originais em grego e latim, o que me infundiu um amor entranhado pelos clássicos do pensamento cristão. Depois foi eleito bispo auxiliar de São Paulo. Para protegê-lo porque defendia os direitos humanos e denunciava, sob risco de vida, as torturas a prisioneiros políticos nas masmorras dos órgãos de repressão, o Papa Paulo VI o fez Cardeal.

    Embora profético mas manso como um São Francisco, sempre manteve a dimensão de esperança mesmo no meio da noite de chumbo da ditadura militar. Todos os que o encontravam podiam, infalivelmente, ouvir como eu ouvi, esta palavra forte e firme: “coragem, em frente, de esperança em esperança”.

    Coragem, eis uma virtude urgente para os dias de hoje. Gosto de buscar na sabedoria dos povos originários o sentido mais profundo dos valores humanos. Assim que na reunião da Carta da Terra em Haia em 29 de junho de 2010, onde atuava ativamente sempre junto com Mercedes Sosa enquanto esta ainda vivia, perguntei à Pauline Tangiora, anciã da tribo Maori da Nova Zelândia qual era para ela a virtude mais importante. Para minha surpresa ela disse:”é a coragem”. Eu lhe perguntei: “por que, exatamente, a coragem?” Respondeu:

    ”Nós precisamos de coragem para nos levantar em favor do direito, onde reina a injustiça. Sem a coragem você não pode galgar nenhuma montanha; sem coragem nunca poderá chegar ao fundo de sua alma. Para enfrentar o sofrimento você precisa de coragem; só com coragem você pode estender a mão ao caído e levantá-lo. Precisamos de coragem para gerar filhos e filhas para este mundo. Para encontrar a coragem necessária precisamos nos ligar ao Criador. É Ele que suscita em nós coragem em favor da justiça”.

    Pois é essa coragem que o Cardeal Arns sempre infundiu em todos os que, bravamente, se opunham aos que nos seqüestraram a democracia, prendiam, torturavam e assassinavam em nome do Estado de Segurança Nacional (na verdade, da segurança do Capital).

    Eu acrescentaria: hoje precisamos de coragem para denunciar as ilusões do sistema neoliberal, cujas teses foram rigorosamente refutadas pelos fatos; coragem para reconhecer que não vamos ao encontro do aquecimento global mas que já estamos dentro dele; coragem para mostrar os nexos causais entre os inegáveis eventos extremos, conseqüências deste aquecimento; coragem para revelar que Gaia está buscando o equilíbrio perdido que pode implicar a eliminação de milhares de espécies e, se não cuidarmos, de nossa própria; coragem para acusar a irresponsabilidade dos tomadores de decisões que continuam ainda com o sonho vão e perigoso de continuar a crescer e a crescer, extraindo da Terra, bens e serviços que ela já não pode mais repor e por isso se debilita dia a dia; coragem para reconhecer que a recusa de mudar de paradigma de relação para com a Terra e de modo de produção pode nos levar, irrefreavelmente, a um caminho sem retorno e destarte comprometer perigosamente nossa civilização; coragem para fazer a opção pelos pobres contra sua pobreza e em favor da vida e da justiça, como o fazem a Igreja da libertação e Dom Paulo Evaristo Arns.

    Precisamos de coragem para sustentar que a civilização ocidental está em declínio fatal, sem capacidade de oferecer uma alternativa para o processo de mundialização; coragem para reconhecer a ilusão das estratégias do Vaticano para resgatar a visibilidade perdida da Igreja e as falácias das igrejas mediáticas que rebaixam a mensagem de Jesus a um sedativo barato para alienar as consciências da realidade dos pobres, num processo vergonhoso de infantilização dos fiéis; coragem para anunciar que uma humanidade que chegou a perceber Deus no universo, portadora de consciência e de responsabilidade, pode ainda resgatar a vitalidade da Mãe Terra e salvar o nosso ensaio civilizatório; coragem para afirmar que, tirando e somando tudo, a vida tem mais futuro que a morte e que um pequeno raio de luz é mais potente que todas as trevas de uma noite escura.

    Para anunciar e denunciar tudo isso, como fazia o Cardeal Arns e a indígena maori Pauline Tangiori, precisamos de coragem e de muita coragem.

    Leonardo Boff é autor de “Cuidar da Terra-proteger a vida”,Record, Rio de Janeiro 2010.

  21. concordo totalmente com o texto,a unica explicação é essa,e acho até que tem o mesmo apoio que tiveram no passado.Mas acredito também,que hoje seria mais difícil o golpe,mas não impossível,e a nossa unica brecha é conscientizar,escancarar para as pessoas ,principlamente para os jovens,a nossa historia,mesmo que os militares não sejam punidos,se conseguirmos fazer com que a grande maioria conheça a verdade,estaremos exterminando esse mal da vida do Brasil,porque eles não terão mais como existir

    • Sem educação jamais chegaremos a ser uma nação e como todos os governos de todos os partidos, assim como na ditadura, relegam a educação ao lixão, o mundo acaba e nós não seremos uma nação porque esse é o projeto dos detentores do poder: deixar a maior parcela possivel da população analfabeta ou semi alfabetizada o suficiente para se prestar a ser um escravo das suas empresas sem reclamar de nada e achando que é um dos donos da cocada preta quando consegue comprar umas coisinhas para mostrar status para os outros da tribo.

  22. A historia caminha para a frente,sempre foi assim desde que o mundo é mundo e sempre será assim enquanto houver seres humanos,vivendo em sociedade,na face deste nosso superlotado planeta.Um pais que queira fazer as pazes com o seu passado,tem que conhecer a verdade factual daquilo que aconteceu no periodo compreendido tem 1964 e 1985.Seres humanos foram presos,torturados e mortos por terem uma opinião diferente daquela que era sustentada pelo regime autoritario.Alguns jovens idealistas partiram para a luta armada por acreditarem que naquele momento a unica resposta possivel à ditadura era a violencia.A verdade só se torna libertadora na medida em que ela nos reconcilia com nossa historia(e portanto com o nosso passado) e com os nossos semelhantes.Por mais dolorosa,estarrecedora e cruel que seja a verdade,ela deve ser conhecida por inteiro até mesmo para que as feridas abertas pelos inumeros atos de força purguem e finalmente possam ser cicatrizadas.Militares legalistas não são golpistas mas cumprem a Constituição e as leis do pais a que servem e esses militares form,am a maioria em nossas forças armadas.

  23. O ódio e o ressentimento com que se pronunciaram ontem Jair Bolsonaro (PP-RJ) e Arolde de Oliveira (DEM-RJ) dão a dimensão do tabu que reveste os crimes cometidos pelo Estado brasileiro durante os anos da ditadura militar. Jair Bolsonaro é sempre um caso à parte. Seus discursos descambam para o grotesco. Ontem, ele por inúmeras vezes chamou os apoiadores da Comissão da Verdade de “palhaços”. Quanto ao Sr. Arolde, ficou claro em seu discurso inflamado que, para esse grupo conservador, a Comissão da Verdade é vista como uma iniciativa revanchista, dotada de sentimento irracional de vingança, e que só fará por em risco a paz e a segurança nacionais. Interpretação que é fruto de uma tremenda má-vontade e desonestidade intelectual.O fato é que, depois de todas as emendas e remendos, o texto aprovado nos faz supor que essa comissão será uma Comissão de meias verdades. Além do exíguo prazo para conclusão dos trabalhos, o escasso número de membros, e a falta de autonomia financeira, acredito que o não estabelecimento de uma destinação para o “relatório circunstanciado” dos trabalhos compromete sobremaneira a efetividade da Comissão. Lamento que o Brasil não tenha ainda dado um passo definitivo em direção ao enfrentamento desse passado obscuro, mas espero que os trabalhos dessa Comissão impulsionem outros passos futuros.

    • Uma comissão com 7 gatos pingados sendo que um é militar, quando teriam que ser ao menos 200 membros como na Argentina e com recursos financeiros para viajar por todo o país coletando depoimentos e investigando, isso é uma comissão de araque, é só pra mostrar pra OEA que o Brasil está cumprindo o dever de punir assassinos e torturadores mas na verdade é só pra ingles ver…

      • Edmilson
        Repara no nível de politização e consciência crítica dos argentinos e compare com o que vc vê aqui no Brasil.
        Dá uma olhada no programa 678, que vai ao ar diariamente pela Tv Pública Argentina e que vc pode acessar via internet.
        Ainda temos muito feijão para comer até que o povo brasileiro tenha as condições necessárias para lutar organizadamente pelos seus verdadeiros nteresses.
        Por ora, temos muita alienação, muita gente comendo gato por lebre, fazendo o jogo do inimigo. Basta ver o número de votos que o Serra obteve: 45 milhões de alienados, perdidinhos. Contra os 56 milhões, que mostraram lucidez e cravaram Dilma, apesar de toda aquela campanha sórdida da direita. A Dilma merecia ter pelo menos 70 milhões de votos. Esbanja qualidades, caráter e coragem.
        Mas vamos em frente. A atual Comissão da Verdade é só começo possível para um resgate de memória e uma oportunidade para documentar os fatos criminosos ocorridos na ditadura. Não é pouca coisa, não.
        Não queremos revanche, nem vingança. Que se poderia esperar de militares formados de acordo com as teorias elaboradas pela CIA e pelo Pentágono? Que eram treinados para dar golpes e torturar, na Escuela de las Américas e em West Point? Que sofriam terrível lavagem cerebral, que os fazia temer e odiar qualquer brasileiro que questionasse ou duvidasse que o “american way of life” era o sumo do suprassumo?
        Queremos registro oficial ( já que destruiram e queimaram os documentos e registros) , memória viva e História. E que os nossos militares sejam muito bem formados nas Academias Militares Brasileiras, de acordo com os valores éticos e morais da nossa formação cultural, em cursos que permitam alta qualificação profissional e humanística.
        .

  24. Se têm medo é porque sabem que, no momento, é impossível combatê-los. Apenas com doses homeopáticas com pouco ou quase nenhum resultado.

  25. Prwezado Eduardo: peço desculpas, mas escreverei em maiúsculas, dirigida ao general azevedo(assim mesmo, seu nome em letras minúsculas) .Pelo linguajar desse cara, ele pode ser sido general no exército de Branca Leone. Garanto que do nosso exército ele nunca foi. As escolas militares ensinam as pessoas a formarem caráter forte, cumprir ordens.O golpe de 1964 foi urdido por civis ( Magalhães Pinto, de Minas Gerais; Carlos Lacerda, do Rio de Janeiro e por uma porção de usineiros, principalmente do nordeste, aliados à industriais do eixo Rio-São Paulo, todos à serviço da CIA e contra os interesses do Brasil. Os militares só cumpriram ordens . GENERAL, SE VOCÊ TEM DOIS, NÃO ESQUEÇA QUE TODOS OS BRASILEIROS TAMBEM TÊM DOIS. LOGO, FALAR GROSSO NÃO MEDE MEDO A NINGUEM. SE VOCÊ ESTÁ COM MEDO DA COMISSÃO DA VERDADE, DEDUZO QUE VOCÊ É CIVIL E NÃO QUER VÊ O SEU NOME NA LISTA DOS TORTURADORES DOS ANOS 60,70 e 80. ACREDITO QUE VOCE, GENERAL, CONHECE AQUELE PROVÉRIO POLONÊS E ESTÁ SE CAGANDO DE MEDO. SE VOCÊ NÃO CONHECE, AÍ VAI O PROVÉRBIO .’ A VERDADE NOS LEVA A MUITOS CAMINHOS, INCLUSIVE Á PRISÃO” VOCÊ SABE MUITO BEM QUE O BRASIL É SIGNATÁRIO DA CARTA DA ONU, ONDE A PRESIDENTA DILMA DISCURSOU ONTEM, E NESTA CARTA ESTÁ ESCRITO QUE TORTURAR PRISIONEIROS QUE ESTÃO SOB A GUARDA DO ESTADO, É CRIME CONTRA A HUMANIDADE.DEIXANDO MAIS CLARO, SEUS URROS NÃO METEM MEDO A NINGUEM.

    • que bom saber disso Valdir,que temos umas forças armadas que zelam pelo povo,pois forças armadas que não zelam por seu povo e seu país não tem motivo pra existir.Esses aí que trairam a pátria não são militares de verdade,são traidores do povo brasileiro,estão mais pra MUCAMAS de washington,é assim que o povo brasileiro tem que se referir à essas hienas.
      MUCAMINHAS de washington,vou chamá-los assim

  26. Clamo aos céus, às energias plasmadoras de uma nova era que inexorável vai derrubando a dos antigos valores – competição, realpolitik da imposição pela força, as guerras, a especulação financeira. Faço a leitura dos que estão ao nosso lado.

    Os maravilhosos discursos da mulheres presidentas Dilma e Christina – Assento da Palestina na ONU, regulação do mercado de capitais, as falácias do neo liberalismo recessão e não o desenvolvimento com inclusão social. Direitos humanos a responsabilidade de proteger civis porem a irresponsabilidade da OTAN na Líbia.

    Ora se até um militar atuante durante a ditadura diz;

    “- Já tive com ele (Bolsonaro) aborrecimentos sérios. Ele é um radical e eu não suporto radicais, inclusive os radicais da direita. Eu não suportava os radicais da esquerda e não suporto os da direita. Pior ainda os da direita, porque só me lembram o livrinho da Simone de Beauvoir sobre “O pensamento de direita, hoje”: “O pensamento da direita é um só: o medo”. O medo de perder privilégios.
    http://terramagazine.terra.com.br/interna/0,,OI5038071-EI6578,00-Jarbas+Passarinho+Nunca+pude+suportar+Jair+Bolsonaro.html

  27. “Em agosto de 1946, Eisenhower visitou o Rio de Janeiro. Ostentava a auréola de herói. O ex-Chanceler Otávio Mangabeira, então como deputado da UDN, beijou-lhe a mão, publicamente, numa atitude espetacular de humildade e servilhismo, que o Congresso aprovou. Era toda a burguesia brasileira que se prostrava diante do imperialismo estadunidense. Mas as classes médias e o proletariado não aceitavam, tranquilamente, aquela postura de submissão”.
    Essa é a História que um pesquisador importante como Moniz Bandeira nos faz reviver e compreender. Mas a função da Comissão da Verdade não será o de esclarecer fatos históricos. Nem será o de indagar sobre a reação dos militares, braço armado de uma burguesia servil aos interesses do capital transnacional, contra uma geração de patriotas que pretendia modificar as estruturas no interesse da coletividade. O interesse da Comissão da Verdade, como escreveu muito bem o Eduardo, é apurar violações de direitos humanos ocorridas naquele período.

    Concordo com aqueles que insistem em denunciar que a preocupação dos que são direta ou indiretamente implicados com aquele periodo é o anulamento ou deformação da memória histórica. Cancelando suas responsabilidades e revisando a história, hoje veicolada nas pricipais mídias, impedem a elaboração do passado pelas novas gerações. Essa zona de ombra, como uma patologia, retarda a reação da coletividade. Será que só o Brasil não terá a força moral e material de exigir justiça? Não é revanchismo. E’ simplesmente imprescindível resgatar a justiça para aqueles que expuseram suas vidas no esfôrço de combater a alienação do processo político, social e cultural para com a vida do país. Não serà possível o fortalecimento moral das futuras gerações sem um efetivo reexame das arbitrariedades e sobretudos dos crimes perpetrados por homens das mentes deformadas, servis aos interesses alheios do povo brasileiro.

    Eliseu Leão

  28. Quem não torturou, estuprou ou matou não tem o que temer da Comissão da Verdade, não foge da Verdade. Já quem teme….ou se insurge contra a comissão…o que se conclui?

  29. Caro Eduardo
    Depois de ler a matéria e muitos comentários, insisto num ponto muito criticado: a fraqueza dos regimes democráticos está no povo desarmado.
    Cito, mais uma vez, Maquiavel: “há boas leis onde há boas armas, e onde há boas armas, é bom que se tenham boas leis”.
    É isso aí, infelizmente. Não mudou em 500 anos, e não vai mudar tão cedo.
    O que temos, todos nós, é um verniz de civilidade. Todavia, apenas a presença do outrem bem armado dissuade a ganância, a cobiça, a intolerância e a prepotência, latentes em todos sob essa enganosa ‘capa de cordialidade’.
    A direita, os fascistas: empresários, magistrados, “procuradores”, jornalistas servis e alguns insuficientes patifes de baixo estrato tiveram medo justificável de tentar um golpe contra a eleição de Dilma; medo do povo; da reação do povo.
    Por isso se deve armar o povo: é ele quem defende o país e suas leis.
    O que vale para os povos; para as nações, também vale para nós, os indivíduos.

    • Mauro Silva,mas até os mais armados do mundo sabem que com a força do povo ninguem pode,por isso TODOS eles gastam bilhões pra comprar a imprensa,as instituições de ensino,a melhor arma é o conhecimento.

      • Prezada Vera
        Os exércitos só temem povos armados.
        Isso vem desde antes da “neutralidade” dos helvécios, largamente citada por Niccoló Machiavelli.
        As armas podem mudar, como de fato mudam, mas sem elas, o povo não é dono do próprio destino.
        Melhor exemplo disso é a situação aflitiva dos palestinos em suas próprias terras; famílias desalojadas das suas casas por exército de ocupação.
        Veja se aquele exército invasor, qualquer exército, admite palestinos armados.
        É uma dura realidade, infelizmente.
        “…. e acreditam nas flores, vencendo um canhão…”

        • sim,tudo bem,mas mesmo assim eles ainda fazem ,porque a opinião publica mundial ainda não tem o real conhecimento sobre a situação da palestina,porque se a população soubesse,as milhares armas de israel não adiantaria

  30. General Azevedo, ou seja lá quem foi o autor deste post imbecíl: Você está fazendo hora extra na Terra! rsrs

    Eduardo, acesso seu site todos os dias, continue assim. Parabéns.
    Abraços fraternos,
    Guilherme.

  31. A roda da História não para de girar. A humanidade terá que escolher se evolui ou se ingressa na barbárie. A nova crise que se agigante não permitirá que as pessoas fiquem em cima do muro.

  32. “Dirão que é porque não quiseram, mas acho que é porque tiveram medo.”

    E tiveram medo, mas medo fundamentado (politicamente falando), com o que, aditaria sua frase com

    “…, mas medo justificado, com o que, a rigor, não puderam criar uma comissão da verdade digna do nome.”

    A democracia formal tem razões, ou melhor dizendo, limitações, que a própria razão desconhece.

    Sou inteiramente favorável à uma comissão da verdade, mas – a contragosto – desconfio que a correlação de forças existentes não permite ainda uma averiguação mais contundente e, mais do que tudo, uma punição aos promotores do golpe e do terror.

    Nos demais países latino-americanos, salvo melhor juízo, comissões da verdade e punições decorreram de processos viabilizados por um forte clamor popular. Dependessem exclusivamente de Alfonsin, Sanguinetti e da Concertación, assistiríamos a algo não muito mais forte do que ao que parece teremos por aqui.

    Investigações dignas do nome revelariam, por exemplo, o comprometimento de empresas (muitas delas atuantes no “mercado, doce mercado”).

  33. não servi ao exército.
    fui considerado excesso de contingente.
    essas são as minhas credenciais para falar :

    o exército brasileiro NÂO é bolsonaro nem curió.
    NÂO é “generais de pijama”.
    esses são empulhadores que tentam se confundir com o exécito brasileiro.

    o exército REAL é formado por PATRIOTAS. gente que trabalha estuda muito.
    gente que está a favor do povo e da democracia.
    gente que condena os mal feitos dos seus antecessores.
    gente que não aceita ser confundida com bandidos e torturadores.

    existe o EXÉRCITO.
    e existem bandidos que já usaram farda.

    NÃO ACEITEM ESSA GENERALIZAÇÃO MENTIROSA !

    • ESSES que nao querem ser confundidos e igualados aos assassinos e torturadores covardes que vestiram farda tem que se colocar como o exercito real, patriota e a servico do povo brasileiro, porque nao ouvimos a voz deles? É a hierarquia e as leis militares que impedem? Que facam um blog e coloquem ali as suas ideias para mostrar ao povo que nao compartilham com os bandidos da ditadura as ideias nojentas de submeter seu povo às piores atitudes que uma criatura abjeta e amoral é capaz de perpetrar contra seu proprio povo, eles, o militares do bem que nao compactuam com os bandidos devem se colocar para a sociedade e mostrar que nao sao o estrume que sao os assassinos e torturadores.

      • Pedro:
        Eu tive o privilégio de conhecer Militares, durante os anos de chumbo.
        Cito um deles, gen. Moacyr Gaya – falecido -, que foi delegado regional do Trabalho e superintendente da Fundacentro, onde trabalhei sob sua “batuta”.
        Era mais democrata que qualquer civil, tanto que deixou a delegacia do Trabalho para não ter que dar satisfações ou agir de acordo com a repressão.
        Ouvi dele – e não poucas vezes – pesadíssimas críticas aos torturadores. Sobre o diretor do IML, Harry Shibata, que assinou o laudo da morte de Herzog, o general dizia que “não merecia perdão, pois fora conivente com os assassinos”.
        Preciso contar mais?

    • Inclusive há que registrar o grande número de militares que se opuseram ao golpe militar e foram presos e expulsos das Forças Armadas,sem qualquer direito. Outros pediram reforma antes do tempo, por discordarem. E muitos dignos militares resistiram dentro das corporações tentando reverter a loucura que se instalou com o golpe.
      Resgatar essas verdades é dever dos historiadores.
      Há muitos casos de heroísmo como a bravura do Capitão Sérgio de Carvalho.
      Vale ler sobre ele:
      http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A9rgio_Miranda_de_Carvalho

  34. Não acho que seja governo sem coragem. É governo que sabe que não tem apoio das massas na rua.

    • A que governo o senhor Valadão se refere quando diz que referido governo sabe que não tem apoio das massas populares,para enfrentar eventuais golpistas?Estamos lendo o mesmo post ou o senhor Valadão se refere ao governo do extinto FHC?Sim,porque se o senhor Valadão está se referindo ao governo Dilma,creio que ha um erro de interpretação em sua assertiva,um equivoco extremamente grosseiro,posto que Dilma Rousseff foi eleita democraticamente pelo povo brasileiro e tem sim o apoio efetivo do povo brasileiro,é sucessora de um presidente que saiu com noventa por aceitação,algo praticamente inedito em nossa historia politica recente e herdeira de um governo que resgatou não só a auto estima do brasileiro como tambem angariou a admiração e respeito da comunidade internacional.Talvez o senhor Valadão faça parte da turma de cansados e derrotados cuja inteligencia não passa das quinze para as dez e portanto deve ser leitor da midia golpista e delinquente na qual acredita piamente.

      • Você está entendendo tudo errado. O que quero dizer é que precisa ter mais clamor nas ruas.

        • O povo precisa realmente sair à ruas para defender as melhorias que ocorreram durante os oito anos de mandato do Presidente Lula e que vão ter continuidade e aprofundamento no governo Dilma.A direita é tenebrosa e sempre age criminosamente não só contra a democracia,como contra os interesses do Pais.Se Lula pedir à população sair às ruas em defesa do mandato de Dilma,senhor Valadão,aí sim o senhor verá o apoio que o governo tem.O desespero da elite decadente e de seu espurio braço midiatico é justamente esse:o de Lula convocar a população a sair para a rua em defesa do mandato de Dilma.E eles(Elite e PIG)sabem muito bem que ele pode fazer isso,caso haja necessidade.

          • Eu penso sr. Pádua, que não é preciso esperar o pres LULA pedir Nem acho justo colocar essa responsabilidade sòmente nas costas dele. Temos que saber defender o que elegemos e acreditamos. Com tantas tentativas de golpes, já está na hora de ir para as ruas, pelo menos faria essa mídia e essa direita baixarem a crista.

  35. Pela primeira vez na vida senti vontade de ser parlamentar, só para invadir o espaço em que essa safado Jair Merdonaro estivesse relinchando e encher a cara dele de porrada! Infelizmente, suas colocações são verdadeiras : ESTE PAÍS AINDA FUNCIONA COMO UMA “DEMOCRACIA CONSENTIDA”, OU SEJA, COMO UMA DEMOCRACIA DE ARAQUE, QUE MANTÉM-SE COM O “CONSENTIMENTO” DOS CONSERVADORES, ISTO É, PERMANECE DESDE QUE OS PRIVILÉGIOS E CRIMES DESSES CANALHAS E DE SEUS LACAIOS(PRINCIPALMENTE OS FARDADOS) NÃO SEJAM TOCADOS, PUNIDOS E NEM MESMO APONTADOS. Não é à toa que um comedor de cocô como Jair Merdonaro late impunemente suas ameaças, ofensas e despautérios. E, MUITO PIOR DO QUE ISSO, NÃO É À TOA QUE MONSTRUOSIDADES ABSURDAS, PRATICADA PELOS MILICOS FARDADOS E OUTROS JAGUNÇOS, A MANDO DA CLASSE DOMINANTE, NÃO SEJAM PUNIDAS. JÁ É ABSURDO QUE SEQUER SE ADMITA QUE ALGUÉM POSSA OPOR-SE A ESSAS PUNIÇÕES : DESCULPEM-ME OS “PSEUDODEMOCRÁTICOS”, MAS NADA ME CONVENCERÁ DE QUE POSSA-SE ACHAR NORMAL, EM NOME DO “RESPEITO AO DIÁLOGO, QUE UM BANDO DE SAFADOS FIQUEM DEFENDEM UMA “LEI” ABSURDA, QUE CONTRARIA OS PRINCÍPIOS HUMANOS MAIS ELEMENTARES, IMPOSTA POR UMA DITADURA ÀS SUAS VÍTIMA EXCLUSIVAMENTE PARA GARANTIR A IMPUNIDADE. ESSE PAPO DE “ANISTIA” PARA OS DOIS LADOS É PARA IMBECIL ACREDITAR, FASCISTA LEVAR A SÉRIO E USAR PARA DEFENDER O INDEFENSÁVEL : SÓ UM DOS “LADOS”; O DA DIREITA, DA CLASSE DOMINANTE; PRATICOU ATROCIDADES COMO TORTURA E ASSASSINATOS A SANGUE FRIO DE INOCENTES. AINDA ASSIM, O OUTRO “LADO”; O DOS HERÓIS QUE LUTAVAM, CONTRA ESSA DITADURA(EXERCENDO UM DIREITO GARANTIDO PELA ONU A TODOS OS POVOS VITIMADOS POR GOVERNOS ILEGÍTIMOS), QUE NÃO PRATICOU AS MONSTRUOSIDADES FEITAS SÓ PELA DIREITA(TODOS OS POUCOS PRISIONEIROS DA ESQUERDA FORAM UNÂNIMES EM RETRATAR O BOM TRATAMENTO QUE RECEBERAM)FOI PUNIDO SIM! OS QUE ENFRENTARAM O REGIME FORAM JULGADOS, PUNIDOS E CONDENADOS! POR SINAL, MUITOS CONTINUARAM NA CADEIA APÓS A “LEI DE ANISTIA”, SÓ SENDO SOLTOS NOS ANOS 80. Portanto, nada poderia justificar essa “Lei” revoltante, que não passa de uma tapa de assassinos, torturadores, sequestradores, e dos seus patrões da classe dominante e da mídia, dada na cara daqueles que foram vítimas da covardia desses monstros e de todos os brasileiros. Como também é uma tapa na cara que ESTE PAÍS TENHA UMA DAS MAIORES CONCENTRAÇÕES AGRÁRIAS DO PLANETA, ONDE 1% DOS PROPRIETÁRIOS DETENHAM O CONTROLE DE CERCA DE 50% DAS TERRAS CULTIVÁVEIS, MUITAS VEZES PARA NÃO PRODUZIR NADA(APENAS ESPACULANDO FINANCEIRAMENTE COM O IMÓVEL)OU PARA PRODUZIR PORCARIAS INÚTEIS VOLTADAS PARA A EXPORTAÇÃO(COMO SOJA, PARA ALIMENTAR PORCO DE GRINGO)ENQUANTO MILHÕES DE BRASILEIROS AINDA PASSAM FOME E, OS QUE COMEM, SÓ CONSEGUEM FAZÊ-LO GRAÇAS À AGRICULTURA FAMILIAR(INCLUSIVE OS FASCISTA DA CLASSE MÉDIA, QUE ADORAM SER CONTRA A REFORMA AGRÁRIA POR IGNORÂNCIA E PRECONCEITO, MESMO QUE O ÚNICO PEDAÇO DE TERRA QUE POSSUAM SEJA OS DOS VASOS DE SUAS PLANTAS). É A AGRICULTURA FAMILIAR; COMO TODAS AS LIMITAÇÕES POLÍTICAS, JURÍDICAS E COM A PERSEGUIIÇÃO QUE SOFRE DO LATIFÚNDIO, QUE ALIMENTA ESTE PAÍS(PRODUZ MAIS DE 70% DE TUDO O QUE COMEMOS), ALÉM DE AJUDAR A PRESERVAR NOSSO MEIO AMBIENTE E TRAZER ALGUMA OMPENSAÇÃO SOCIAL À MISÉRIA QUE O LATIFÚNDIO, POR SUA PRÓPRIA NATUREZA, CONCENTRADOR DE RENDA E AMBIENTALMENTE DEGRADANTE, PRODUZ. É absurdo que ainda não se tenha acabado com esse horror, que tenhamos que ouvir pilantras pagos relincharem em defesa de algo criminoso como o latifúndio e ainda tentando criminalizar as vítimas históricas desse barbaridade : os trabalhadores rurais excluídos, oprimidos e assassinados diarimente pelos latifundiários. COMO TAMBÉM É ABSURDO QUE UM GRUPO DE PILANTARS, UMA OLIGARQUIA DE 13 FAMÍLIAS, CONTROLEM AS COMUNICAÇÕES NO PAÍS, IMPEÇAM QUE HAJA LIBERDADE DE IMPRENSA(AFINAL, DECIDEM O QUE DEVE OU NÃO SER DITO E, NESSE “DITO”, SÓ CONTAM A SUA VISÃO DE MUNDO), EXPLOREM MEIOS DE COMUNICAÇÃO QUE SÃO CONCESSÕES PÚBLICAS E/OU SUSTENTAM-SE COM O DINHEIRO PÚBLICO(PORTANTO, TERIAM OBRIGAÇÃO LEGAL E ECONÔMICA DE DAR VOZ AO PÚBLICO, O QUE NÃO O FAZEM, MESMO SENDO TAMBÉM OBRIGADOS CONSTITUCIONALMENTE, POR EXPLORAREM UM SETOR COM “FUNÇÃO SOCIAL”), E AINDA ASSIM TRANSFORMEM AS COMUNICAÇÕES NUMA ARMA POLÍTICA PARA O CONTROLE, A MANIPULAÇÃO DOS BRASILEIROS E A IMPOSIÇÃO DE UMA ÚNICA VISÃO DE MUNDO, ÀS CUSTAS DA CENSURA, DO ACHINCALHAMENTO E DA CALÚNIA A TODAS AS PESSOAS E/OU IDEOLOGIAS QUE DELES DIVERJEM. E QUE ESSES SAFADOS E OS VERMES QUE OS SERVEM AINDA TENTEM COLAR A PECHA DE “AUTORITÁRIOS” NAQUELES QUE TENTAM ACABAR COM O AUTORITARISMO DELES, NOS QUE PEDEM DEMOCRACIA(QUE É O REGIME DE TODOS, PORTANTO DA IGUALDADAE E EQUILÍBRO)NUM MEIO ONDE REINA A OLIGARQUIA(CONTROLE DE UM PEQUENO GRUPO); NAS PESSOAS QUE SOMENTE QUEREM GARANTIR QUE OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO PERMITAM O ACESSO DE TODAS AS DIFERENTES OPINIÕES(CONSERVADORA, PROGRESISTA OU QUALQUER OUTRA)QUE COMPÕEM NOSSA SOCIDEDADE. Sem dúvida que só o “poder de persuasão”(ou seja, a ameaça de golpe)poderia explicar que deformações tão evidentes não sejam corrigidas, além do mais que além de razões indiscutíveis para corrigí-las, temos as obrigações Morais da Justiça, da Verdade e da Liberdade a comprometer qualquer Sociedade que pretenda-se séria com a sua correção. Porém, O QUE VAMOS FAZER? FICAR PARADOS ENQUANTO ESSE CÃES CONTINUAM IMPUNES! VENDO A “LEI DE ANISTIA” PERSISTIR E ATÉ MESMO A COMISSÃO DA VERDADE(MAIS DO QUE INSUFICIENTE, JÁ QUE SÓ A CADEIA É O SUFICIENTE PARA ESSES VERMES)SENDO “APROVADA” PREVIAMENTE MORTA(OU ALGUÉM ACHA QUE SETE PESSOAS APURARÃO ALGO, REFERENTE A UM PERÍODO GIGANTESCO, E COM OS PILANTRAS DE FARDA ROSNANDO?) OU AINDA CONTINUAREMOS A VER A REFORMA AGRÁRIA PARALISADA, OS CRIMES DO LATIFÚNDIO IMPUNES E UM SAFADO COMO ALDO REBELO(UM TRAIDOR DAS FORÇAS POPULARES)REDIGIR E OBTER A APROVAÇÃO DE UM “CÓDIGO FLORESTAL” DESTINADO A ANISTIAR AINDA MAIS OS CRIMES DOS CORONÉIS : DEVEM ACHAR POUCO A IMPUNIDADE QUE CERCA OS HORRORES DESSES FASCISTAS. OU FICAREMOS PARADOS VENDO OS BARÕES DA COMUNICAÇÃO, E AS BESTAS QUADRADAS QUE OS SERVEM,DESTRUINDO O PROJETO DE REGULAÇÃO DAS COMUNICAÇÕES, VENDENDO PARA UMA POPULAÇÃO DESINFORMADA(ATÉ PORQUE NÃO TEM COMO NÃO SÊ-LO, JÁ QUE A OPINIÃO E A INFORMAÇÃO SÃO CONTROLADOS PELA OLIGARQUIA MIDIÁTICA)QUE É “TENTATIVA DE CENSURA” A LUTA DAQUELES QUE PRETENDEM EXATAMENTE ACABAR COM A CENSURA QUE ESSA CORJA EXERCE SOBRE QUALQUER PESSOA E/OU OPINIÃO QUE DELES DIVIRJAM(NÓS SOMOS AS PRIMEIRAS VÍTIMAS DISSO, JÁ QUE NÃO VEMOS NOSSAS DISCORDÂNCIAS AOS DOGMAS MIDIÁTICOS DIVULGADAS EM MEIOS QUE SÃO PÚBLICOS, SUSTENTAM-SE COM NOSSO DINHEIRO E SÃO OBRIGADOS CONSTITUCIONALMENTE A DAREM VOZ A TODA A SOCIEDADE. Temos que ir para as ruas, conscientizar a população e fazê-la mobilizar-se. É fácil? Não, é dificílimo! Mas se não o fizermos, já que o Governo petista perdeu sua capacidade de mobilização(se é que já teve alguma!), continuaremos para sempre na “democracia consentida”, naquela em que as mudanças vão até um ponto,, e após esse ponto “batem na parede, param(nem chegam a ser mudanças, no máximo reformas pontuais). E paramos no ponto onde está o mais fraco dos porteiros, como no conto kafkiano. Se não lutarmos, viveremos eternamente a “lógica” do lobo, no diálogo com o cordeiro da fábula famosa : Ele não tem lógica, seus argumentos frágeis(na verdade, mentiras)são facilmente derrubados pelo carneiro. Todavia, no fim ele impõe suas mentiras e absurdos, porque tem a força(mata o oponente para fazê-lo). Teremos que aguentar para sempre ASSASSINO DE FARDA QUE CHAMA DE “REVANCHISMO” FAZER CRIMINOSO PAGAR PELOS SEUS CRIMES; CORONEL LATIFUNDIÁRIO, CHEIO DE TERRAS GRILADAS, QUE CRIMANALIZA OS MISERÁVEIS VITIMADOS POR SUA EXPLORAÇÃO; “JORNALISTA” AMESTRADO, E AS EMPRESAS/ PARTIDO A QUEM SERVEM, NÃO DEIXANDO NINGUÉM QUE DISCORDE DELES FALAR, E AINDA TENDO A CARA DE PAU DE CHAMAR DE “AUTORITÁRIOS” AQUELES QUE APENAS QUEREM PODER DIZER O QUE PENSAM! Se quisermos acabar com isso, teremos sim que partir para a briga, e as paseatas contra a corrupção da mídia podem ser um bom começo, do contrário, com palavras não mudaremos nada!

  36. PARA O SERGIO 22/11 ÀS 19:22 HS)-
    O GOLPE MILITAR DE 1964, FOI PLANEJADO PELA CIA E APRESENTADO AO PRESIDENTE JOHN KENNEDY QUE O APROVOU EM SEU GABINETE E COM A MORTE DO KENNEDY, LINDON JOHNSON ASSUMIU A SUA DIREÇÃO. O GOLPE MILITAR FOI SUPERVISIONADO PELA CIA, COORDENADO PELO EMBAIXADOR AMERICANO NO BRASIL, LINCOLN GORDON E EXECUTADO PELO SEU ASSESSOR MILITAR, O ENTÃO MAJOR VERNON WALTERS. PARA CONSEGUIR FINANCIAMENTO PARA O GOLPE MILITAR IVAN HASSLOCHER CRIOU O IBAD (INSTITUTO BRASILEIRO DE AÇÃO DEMOCRÁTICA0) EM 1959 E DEPOIS 1961 FOI FUNDADO O IPES (INSTITUTO DE PESQUISAS E ESTUDOS SOCIAIS), PARA RECOLHER DINHEIRO DOS EMPRESÁRIOS AMERICANOS COM NEGÓCIOS NO BRASIL. ATÉ O FINAL DE 1963 FORAM ARRECADADOS CERCA DE UM BILHÃO DE CRUZEIROS (MUITO MAIS GRANA DO QUE UM BI HOJE)! O DINHEIRO NO INÍCIO FOI PARA FINANCIAR A CAMPANHA ELEITORAL DOS CANDIDATOS QUE NÃO FOSSEM NACIONALISTAS E ISSO TUDO FOI DITO NA MAIOR “CARETA DE PAU”, SEM ESCONDER NADA, FALANDO ABERTAMENTE, QUE A GRANA ERA PARA FINANCIAR POLÍTICOS, EMPRESÁRIOS, FAZENDEIROS, BANQUEIROS, PROFISSIONAIS LIBERAIS E AS DIVERSAS LIDERANÇAS RELIGIOSAS E ASSOCIATIVAS, PARA ELEGER POLÍTICOS QUE NÃO FOSSEM NACIONALISTAS E POSTERIORMENTE COMO OS CANDIDATOS PERDERAM A ELEIÇÃO, O DINHEIRO PASSOU FINANCIAR TODA A ESTRUTURA MILITAR E CIVIL DO GOLPE DE 1964! E TAMBÉM ERA NA MAIOR “CARETA DE PAU” QUE O IBAD ENTRAVA NOS QUARTÉIS PARA FALAR DO DINHEIRO DISPONÍVEL E DA URGÊNCIA EM TIRAR O JANGO DO PODER!VIRAM AÍ QUE ELES FINANCIAVAM OS BRASILEIROS “TRAIDORES DA PÁTRIA!” E QUANDO ELES ASSUMIRAM O PODER, COLOCARAM EM TODA A MÍDIA QUE O GOVERNO JOÃO GOULART, ALÉM DE SER COMUNISTA E SUBVERSIVO, HAVIA DESTRUÍDO AS FINANÇAS DO BRASIL, POIS DEVÍAMOS 3 BILHÕES DE DÓLARES AO FMI E 21 ANOS DEPOIS DE A DITADURA MILITAR ACABAR, PASSAMOS A DEVER 128 BILHÕES DE DÓLARES AO FMI E JÁ HAVÍAMOS PAGOS SÓ DE JUROS (SEM OS 128 BI), 280 BILHÕES DE DÓLARES! A DITADURA MILITAR AUMENTOU A DÍVIDA DO JOÃO GOULART EM 43 VEZES! E TEM MUITOS CORONÉIS E GENERAIS QUE DIZEM QUE SOCIEDADE FOI AOS QUARTÉIS PARA PEDIR PARA DERRUBAR O JOÃO GOULART PORQUE ELE ERA COMUNISTA E ATÉ PARA OS IGNORANTES, QUE ELE COMIA “CRIANCINHAS!” QUE SOCIEDADE FOI ESSA QUE FOI NOS QUARTÉIS CHAMAR OS MILICOS PARA DERRUBAR O JOÃO GOULART? SÓ SE FOI O IBAD, O IPES E A ADEP (AÇÃO DEMOCRÁTICA POPULAR- ENTIDADE GOLPISTA QUE ATUAVA NOS MEIOS MILITARES)! E O QUE FOI FEITO DO UM BILHÃO DE CRUZEIROS? EU SEI IVAN HASLLOCHEN FUGIU DO BRASIL PARA NÃO SER PRESO COM A MALA QCHEIA DE DÓLARES E VIVEU UMA VIDA NABABESCA E QUE UMA GRANDE PARTE FOI PARA PAGAR MAIS 50 ORGÃOS DA IMPRENSA ESCRITA, FALADA E TELEVISADA E PAGAR A ARREGIMENTAÇÃO DE PESSOAS PARA PARTICIPAR DAS DUAS MARCHAS RIO/SÃO PAULO “MARCHA DA FAMÍLIA PELA LIBERDADE” E A FATURA FOI MUITO BEM PAGA, PORQUE OS ORGANIZADORES CONSEGUIRAM ARREGIMENTAR NAS DUAS MARCHAS QUASE 3 MILHÕES DE PESSOAS. OS MILITARES DEMITIRAM, CASSARAM, PERSEGUIRAM, PRENDERAM, TORTURARAM E MATARAM TANTA GENTE E AINDA DEIXARAM OS SEUS PRÓPRIOS SALÁRIOS TOTALMENTE DEFASADOS (FOI O LULA QUE MELHOROU 40 ANOS DEPOIS) E O BRASIL AFUNDADO EM DÍVIDAS COM O FMI! SE OS MILITARES TIVESSEM O MESMO NÍVEL DE SALÁRIOS QUE TINHAM NA ÉPOCA EM QUE DERRUBARAM O JOÃO GOULAR, UM GENERAL DE EXÉRCITO ESTARIA GANHANDO HOJE 27 MIL REAIS. OS MILITARES BRASILEIROS FORAM INCOMPETENTES ATÉ NESSE DETALHE. VEJA SE OS MILITARES DA ARGENTINA, CHILE E DE OUTROS PAÍSES ONDE HOUVE DITADURA MILITAR, SE ELES TIVERAM OS SEUS SALÁRIOS DEFASADOS? SERGIO, ALIENADO POLÍTICO, O POVO BRASILEIRO VIVEU 21 ANOS SEM LIBERDADE DEMOCRÁTICA E QUANTO A PESSOAS ENTRAREM EM SUAS CASAS PRENDER, SEQUESTRAR,TORTURAR E MATAR OS OPOSITORES DA DITADURA MILITAR, ERA NORMAL NESSE TEMPO! SE A DITADURA MILITAR TIVESSE SIDO UMA BOA APARA O BRASIL, OS SEUS PRESIDENTES-DITADORES TERIAM RECEBIDO VÁRIOS PRÊMIOS INTERNACIONAIS POR FAZER O BEM PARA O BRASIL (COMO LULA FEZ) E PRINCIPALMENTE PARA OS BRASILEIROS POBRES E MISERÁVEIS!
    VEJA A PESQUISA COM TODO O MATERIAL DO GOVERNO AMERICANO, O DOCUMENTÁRIO DO JORNALISTA FLAVIO TAVARES, “O DIA QUE VIROU 21 ANOS.”

  37. Caro Eduardo,

    Em 1996 uma Professora da UFSJ defendeu em sua tese de mestrado que muitos dos pacientes que eram internados nos hospitais psiquiátricos, tinham motivação política desde a década de 20 no século passado. Ela pesquisou na FHEMIG – Fundação Hospitalar do Estado de MG, mais especificamente na cidade de Barbacena e comprovou que que isso era quase normal. Inclusive, neste mesmo hospital há algumas décadas passadas havia o que chamavam de “chá da meia-noite”. Aqueles pacientes internados e que a família dava muita assistência eram mortos e seus corpos eram vendidos para as faculdades de medicina.
    Estou dizendo isso porque ajudei a Professora na parte de tabelas e gráficos. Depois de pronta sua tese passou de trezentas páginas. Como podem ver esse país ainda tem muita coisa para ser passada a limpo.

  38. Sugestão de leitura para quem quiser entender em detalhes e em profundidade como foi planejado o golpe contra um governo democraticamente eleito.
    1964 – A CONQUISTA DO ESTADO
    AÇAO POLITICA, PODER E GOLPE DE CLASSE
    Autor: René Armand Dreyfus
    Sinopse: Resultado de uma pesquisa realizada entre 1976 e 1980, sobre o período do Golpe de 64, o livro mostra o papel e a função das forças sociais, e de que formas concretas elas faziam prevalecer seus interesses sobre as demais. O autor documenta a relação entre atores e as forças sociais, em cenários públicos e privados, através da recomposição da história desta época. 1964 deve ser lido como a reconstituição de um passado que está presente na realidade atual, e determina, assim, os rumos de nosso futuro.
    Outra sugestão:
    GRANDE IRMAO, O
    DA OPERAÇAO BROTHER SAM AOS ANOS DE CHUMBO
    Autor: Carlos Fico
    Sinopse:
    Esta obra traz à tona a real participação dos Estados Unidos durante a ditadura militar no Brasil. Carlos Fico aponta o general brasileiro que era o contato entre o então futuro presidente Castelo Branco e o governo de Washington para a entrega de armas, munições e combustível durante o golpe de 64. O grande irmão relata episódios sombrios, lances de suborno e traz revelações chocantes como a instalação de equipamento de detecção de explosões nucleares, sem o conhecimento do governo brasileiro, em base militar operada pelos EUA secretamente no Brasil.

  39. Jair Bolsonaro é a caricatura mais bizarra da Direita e não há quem consiga puní-lo a não ser a própria Direita quando ele por descuido ou “valentia” pisar no calo de algum “superior hierárquico” dentro da organização da máfia.

    A tal Comissãozinha de Ética da Câmara dos Deputados já se revelou submissa.

    Esse panaca apronta uma atrás da outra. Não pára de aprontar e não há ninguém no Congresso que tenha “aquilo roxo” capaz de frear a insanidade desse imbecil.

    A penúltima da caricatura foi, ainda nessa mesma semana, ter feito uso de segurança armado contra um gruo de meia dúzia de estudantes que apenas gritavam palavra de ordem.

    E não pára por aí, estão na mesma trilha os dois filhos do Bolsonaro que em breve estarão no Congresso repetindo as insanidades do patriarca.

  40. Prezado Eduardo:Para Vera Oliveira(23:38) – concordo com o que você disse Vera.Só lembrando que maçã podre tem em todo cesto.Acrescento que o principio da hierarquia é coisa muito séria em qualquer organização militar. O que a maioria fez, foi cumprí-la. Lembre-se que a cultura da caserna é “EU MANDO, VOCÊ OBEDECE”.Quem foge a esse principio, paga um preço muito alto.E como a maioria é treinada, não para pensar e sim para obedecer, deu no que deu.Perdemos a liberdade, o pais perdeu uma parte de suas riquezas e várias gerações de brasileiros ficaram na pior e se alienaram totalmente do processo político.Criou-se ou fortaleceu-se a cultura da alienação ” eu não gosto de discutir política”.Lembro-me de uma frase de Hitler ” em toda guerra há tres tipos de gente: os covardes que se escondem ou fogem , os corajosos que lutam e os oportunistas que se saem bem” Qual destes tres você acha que ganhou com a redentora de 1964? Será que no meio dos corruptores de hoje não tem alguns oportunistas de então, fazendo a cabeça dessa turma nova que não pensa e sim, apenas obedece?É preciso entendermos que em toda organização, sem exceção, tem os assuntos considerados não faláveis. Nos quarteis, a política é um desses assuntos.

  41. Meu amigo e irmão Edu, quando chegares ao Congresso Nacional e porventura deparares com um Bolsonaro da vida, sofrendo algum tipo de ameaça, não se intimide jamais, pois poderás contar comigo e com teus seguidores, se me conclamares, verás que um filho téu não fojes à luta…cada vez mais sou seu fã…

  42. Com essa base aliada composta de Sarney, Collor e tantos outros que são cria da ditadura (e não venham culpar Lula, Dilma ou o PT por ter essa base aliada, porque esses senhores estão lá com o voto do povo: são os eleitores dos estados desses senhores que o mandaram para o congresso e o Governo, já que “não têm cães”, têm que “caçar com os gatos” que os eleitores elegeram), o Governo sozinho (Lula ou Dilma) não pode fazer muita coisa. É preciso um grande apoio popular para realizar essas reformas estruturais, para mexer no “enxame de abelhas” (políticos de direita, empresários, meios de comunicação). A Argentina faz porque tem apoio popular (vejam as mães da praça de maio), o Chile faz porque os estudantes e o povo vão às ruas reivindicar o seus direitos, A Venezuela faz mudanças porque Chaves tem apoio popular, o Uruguai faz porque o povo apoia o Governo. Nós brasileiros, infelizmente, somos muito acomodados: é cultural. Enquanto a bomba não estoura em nosso colo, estamos sentados olhando o nosso time de fotebol preferido, curtindo as nossas praias, brincando o nosso carnaval e esperando que alguém faça por nós aquilo que deveríamos fazer nós mesmos. Foi sempre assim e não será diferente agora. Juntemos um maracanã (basta um) e vamos às ruas exigir comissão da verdade, democratização da mídia, lisura na coisa pública, mudança no judiciário, menos gastos no congresso que eu garanto que as coisas mudam. Quando o povo fez isso houve mudanças.

  43. Se não há condições politicas para se apurar os crimes e abusos cometidos nos Brasil,e se esta comissão já nasceu fraca,e isto quer dizer que ela será direcionada,barrada sempre que iniciar um caminho que ira confrontar nomes ou instituições ainda influentes,que não se faça nada.È um desrespeito as pessoas que foram mortas,perseguidas,aos seus familiares que assistirão este circo,j que esperam por justiça e nada sera feito.O que se está fazendo é uma fachada para dar alguma satisfação a OEA,ONU,o famoso “para ingles ver”.A covardia do ato está ai,em pisar em cima do respeito de cidadãos,muitos que perderam a vida.Que se aguarde então um momento mais propício e que se faça justiça,e não esta cirquinho nojento que resultará em nada.

  44. Aqui em casa estou fazendo compostagem para adubar a horta com um monte de sérgio desses.

  45. Eu sempre me pergunto o que a Argentina e o Chile tem, além de um governo de esquerda eleito e apoiado pela maioria do povo, que o Brasil não tem ?

  46. Walter
    Vc deve estar querendo dizer Argentina( Cristina Kirchner) e Uruguai( Pepe Mujica), porque o Piñera,do Chile, é direita puro sangue.

  47. É indefensável defender Bolsonaro.

    Não tem esse negócio de ideologia não.

    Bolsonaro é o que há de mais nefasto que existe em um ser humano. Não é a sua postura ideológica, é o seu mau-carastimo, a sua índole pervesa, a sua inaptidão para conviver em sociedade.

    A humanidade deveria ter sido poupada de ter que conviver com um animal tão desprezível como Bolsonaro.

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.