Diretor do Datafolha contesta o Blog

Mauro Paulino, diretor do Datafolha

Recebo e-mail do diretor do Datafolha, Mauro Paulino, contestando informações que veiculei neste blog sobre declarações dele relativas ao instituto de pesquisas da Folha de São Paulo. O título da mensagem: “A difícil arte de ser honesto”.

Caro Eduardo,

Não tenho tido tempo disponível para ler todos os blogs e publicações como costumo e gosto de fazer. Mas fui informado sobre sua afirmação, reproduzida abaixo:

“O segundo fator de alento aos petistas e de frustração para tucanos é o de que o Datafolha tem uma metodologia marcadamente ineficiente para apurar o voto dos setores mais humildes e residentes em regiões mais afastadas, fato esse que me foi reconhecido pelo próprio diretor do instituto quando conversei com ele em evento de sua empresa há alguns dias – e que noticiei aqui”.

Confio em sua honestidade com base em sua coerência e dedicação à causa que defende, mesmo discordando de suas convicções. Prefiro acreditar que você foi traído pela memória ou pela criatividade do inconsciente. Tal reconhecimento é completamente falso e inverossímil.

O Datafolha apura com precisão o voto de todas as camadas da população há 26 anos.

Acredito que discordâncias alimentam a democracia. Mentiras como essa, mesmo que involuntárias, a empobrecem. Sei que não é esse o seu desejo.

Cordialmente,

Mauro Paulino

Primeiro, relatarei o que me lembro do que conversamos na noite de 30 de agosto, durante palestra que ele proferiu e à qual assisti, quando pude lhe manifestar meus pontos de vista.

Questionei Paulino sobre o fato de que as sondagens de Sensus e Vox Populi revelam que acertaram mais do que o Datafolha e perguntei se não seria devido à metodologia do seu instituto de colher as amostras em “pontos de fluxo” em vez de ir às casas das pessoas, o que geraria distorções sobre a população rural.

A resposta que obtive do diretor do Datafolha foi a de que as metodologias dos concorrentes podem ter lhes permitido captar alguma coisa que o seu instituto não captou.

O fato é que Paulino não deu, explicitamente, a informação que veiculei. Não posso, portanto, deixar de reconhecer que não deixei isso perfeitamente claro, o que é um erro como os que o grupo empresarial para o qual ele trabalha comete sem parar.

Caberá ao leitor julgar se o que relatei sobre a conversa com o diretor do Datafolha me autorizaria ou não a escrever o que escrevi. E como estou em dúvida, vejo-me na obrigação de pedir desculpas.

Este blogueiro jamais agiria como a Folha no caso da ficha falsa da Dilma, quando o jornal, confrontado com laudos que atestavam a falsidade do documento, disse que não poderia confirmar ou negar a sua veracidade.

Como se vê, ser honesto não é uma “arte” tão difícil assim.

Tags: , ,

95 Comentário

  1. .
    Pode até ser que o Data3F (Fraude da Folha do Frias),

    há 15 ou 20 anos atrás, tenha tido alguma precisão.

    Mas, nesta eleição, precisão é a única coisa não tem.
    .

  2. Tudo que voce escreveu, eu já havia lido a mais ou menos tres semanas atrás no blog do Ricardo Kotscho. Um detalhe, Ricardo Kotscho disse que sua mulher foi uma das fundadoras do Data Folha.

  3. Carlos José Aregedo
    Gente, o presidente disse alguma besteira? O Brasil é um país diferente mesmo: a imprensa acha que pode tudo, que ninguém pode criticá-la, que ela é o bastião da democracia, etc, etc. Conversa mole sô. Alguém dúvida, até aí tudo bem, que A Folha, Estadão, Globo, Editora Abril, luta em favor de uma candidatura bicuda e sem graça? Só não venham com aquela cara lavada falando de imparcialidade. Por que tanto medo? Abram o jogo ¹ Êta turminha covarde e hipócrita sô.

    Flávio Luiz Santos
    Criticar também é exercício da liberdade de expressão. Por que não se pode criticar a imprensa no Brasil? Ela é Deus? A imprensa é tão livre no Brasil que falar mal dela parece heresia, a pessoa é crucificada e queimada. O Lula pode criticar a imprensa, como qualquer cidadão brasileiro. E convenhamos… é verdade que os principais órgãos de imprensa estão sendo parciais nestas eleições e não me venham negar este fato. Todo mundo está vendo. Será que no Governo FHC a imprensa era tão dura com o governo? Será que o caso de compra de votos da reeleição do FHC mereceu a devida atenção da imprensa, dada a gravidade da denúncia? Tudo que ocorre de errado no governo Lula é escancarado pela imprensa. Ora… O Lula tem toda a razão quando diz que a imprensa brasileira é a mais livre do mundo, essa de autoritarismo não cola mesmo… Parem com isso… vcs falam o que querem o tempo todo. É a imprensa que está censurando o Lula.

    Durval Castro
    Alguns órgãos da imprensa brasileira tomaram partido contra o governo e a liberdade de imprensa assegura que eles podem fazer isso. O governo tem o direito de responder às acusações e os cidadãos têm o direito de manifestar sua opinião em relação a essa imprensa. Tudo isso faz parte da democracia. O absurdo é que esses órgãos da imprensa se julgarem acima da crítica e quererem impedir que os cidadãos se manifestem contra a atitude deles. A imprensa não tem o direito de impor censura à sociedade!
    Estadão declara amanhã apoio a Serra
    O jornal O Estado de S. Paulo publica amanhã, domingo, editorial intitulado "O mal a evitar" no qual vai declarar seu apoio ao candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra.

    UMA ATITUDE LOUVAVEL….ISSO E DEMOGRACIA E RESPEITO AO SEUS LEITORES.

    • "É a imprensa que está censurando o Lula". Esta sua frase é perfeita, Marcio. Deveria circular pela rede. Abraço.

  4. Nós estamos muito mal acustumados mesmo. Ser honesto e honestidade NÃO são ADJETIVOS, mas sim SUBSTANTIVOS, se é que me entenderam (alguns, poucos, não conseguiram, é claro!)

  5. Eduardo, comecei a acompanhar o seu blog durante esta campanha eleitoral. Durante este tempo seus textos me acalentaram, emociomaram, motivaram, foram meus estímulos nos momentos de desânimo e raiva. Meu domínio nesse veículo é muito restrito se limitando a ler (muito) e postar (pouco) em alguns blogs. Gostaria de agradecer e parabenizar você por seu trabalho tão importantante e altruísta, sacrificando sua vida pessoal que emociona os seus leitores.
    Conhecendo você por suas lutas e pela forma limpa de batalhar, senti-me obrigada a escrever por considerar o título do e-mail desse senhor o cúmulo do cinismo e da hipocrisia. Aproveitando para manifestar o meu desejo de ajudar a quem muito me ajudou mesmo sem saber. Reforço a minha dificuldade de utilizar a internet. Abraços. Andrea

    • Andrea, depois me perguntam por que faço este blog ao custo de tudo que você bem descreveu. É por você e por todos os que esta sua manifestação representa.

  6. Primeiramente parabéns pela sua postura. Perfeita. Democrática. Transparente. Em relação ao que aconteceu ,parece uma coisa grotesca o grau de melindre que afeta a direita quando são questionados. Sabem que nossa maior arma é a crediblidade e colocam uma vírgula que acrescentamos como motivo de sermos desonestos. Agora, quando são questionados tiram do baú as frases surradas que de tanto martelarem dia e noite justificam suas atitudes desonestas. Se o diretor do datafolha não aceita aquela justificativa para os erros grosseiros que o instituto comete, como comprovam as pesquisas do Sensus e Vox Populi, ele agora tem a obrigação de apresentar uma justificativa que não substime a nossa inteligência, sob risco de ficar desacreditado.

  7. O Manual de Redação de Jornalismo que esta Midia Podre usa é esse descrito no link abaixo:

    Fwww.maleficence.hpgvip.ig.com.br%2Fpsiao.doc&rct=j&q=os%20protocolos%20dos%20s%C3%A1bios%20de%20si%C3%A3o&ei=VgqeTOebGYL78Abu3MnLDw&usg=AFQjCNGqCxS4ttcOe3sqe2bjsNbgj5ax-g&cad=rja” target=”_blank”>http://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&…” target=”_blank”>Fwww.maleficence.hpgvip.ig.com.br%2Fpsiao.doc&rct=j&q=os%20protocolos%20dos%20s%C3%A1bios%20de%20si%C3%A3o&ei=VgqeTOebGYL78Abu3MnLDw&usg=AFQjCNGqCxS4ttcOe3sqe2bjsNbgj5ax-g&cad=rja

  8. Você não tem que pedir desculpa nenhuma a esse sujeitinho(que acha que ser honesto é uma "arte difícil". Só se for para ele e sua "thurminha" da ditadura midiática). Quanto ao fato, PARA QUALQUER PESSOA QUE SAIBA FALAR PORTUGUÊS, SE VOCÊ COMENTA COM PAULINO QUE VOX POPULI E SENSUS VÊM ACERTANDO MAIS DO QUE O INSTITUTO DA FOLHA E QUE TALVEZ ISSO OCORRA PORQUE OS DOIS PRIMEIROS INSTITUTOS CITADOS COLHEM AMOSTRAS NAS CASAS DAS PESSOAS, DIFERENTEMENTE DO DATAFOLHA, QUE AS COLHE EM "PONTOS DE FLUXO", O QUE LIMITA O ACESSO DO INSTITUTO ÀS PESSOAS DAS ÁREAS MAIS DISTANTES, COMO AS DA ZONA RURAL(EVIDENTEMENTE PORQUE É MENOR O NÚMERO DESSAS PESSOAS NESSES LOCAIS, JÁ QUE MORAM LONGE). E SE, AO CABO DE SUA AFIRMAÇÃO, OUVE DE PAULINO QUE DE FATO(ISTO É, REALMENTE, VERDADEIRAMENTE)O "AS METODOLOGIAS DOS CONCORRENTES PODEM TER LHES PERMITIDO CAPTAREM ALGO QUE O DATAFOLHA NÃO CAPTOU"; VOCÊ, SEM DÚVIDA NENHUMA, TEVE COMO RESPOSTA DE PULINO UM RECONHECIMENTO DE QUE SENSUS E VOX POPULI SÃO MAIS PRECISOS DO QUE O DATAOLHA. Continua…

    • Carlos Henrique, voce escreve coisas interessantes, mas extremamente cansativas para se ler devido à utilização de caixa alta.
      Agradeceria se voce as suprimisse em seus textos. Entendo que voce queira dar ênfase (imagino) nas partes grifadas, mas, acredite, fica muito difícil de ler.
      Um abraço.

      • Não adianta. Já falaram isso dezenas de vezes com ele, até o próprio Eduardo. Ele não só não muda como ainda te responderá de forma grosseira. Faça como eu: nem leia.

  9. SO FALTA A GLOBO ASUMIR QUE TEM LADO "" O DE SERRA" ..O ESTADÃO FEZ ISSO ..OLHA ABAIXO O EDITORIAL DO JORNAL DE HOJE…

    Editorial: O mal a evitar

    25 de setembro de 2010 | 17h 02

    A acusação do presidente da República de que a Imprensa "se comporta como um partido político" é obviamente extensiva a este jornal. Lula, que tem o mau hábito de perder a compostura quando é contrariado, tem também todo o direito de não estar gostando da cobertura que o Estado, como quase todos os órgãos de imprensa, tem dado à escandalosa deterioração moral do governo que preside. E muito menos lhe serão agradáveis as opiniões sobre esse assunto diariamente manifestadas nesta página editorial. Mas ele está enganado. Há uma enorme diferença entre "se comportar como um partido político" e tomar partido numa disputa eleitoral em que estão em jogo valores essenciais ao aprimoramento se não à própria sobrevivência da democracia neste país.
    Com todo o peso da responsabilidade à qual nunca se subtraiu em 135 anos de lutas, O ESTADO APOIA A CANDIDATURA de JOSÉ SERRA à Presidência da República, e não apenas pelos méritos do candidato, por seu currículo exemplar de homem público e pelo que ele pode representar para a recondução do País ao desenvolvimento econômico e social pautado por valores éticos. O apoio deve-se também à convicção de que o candidato Serra é o que tem melhor possibilidade de evitar um grande mal para o País…

    PERGUNTO EU QUE MAL DEVE SER?????

  10. Continuação : O MÁXIMO, que Paulino poderia reclamar(E OLHA QUE ESTOU SENDO GENEROSO, EMBORA ELE E SUA "THURMINHA" NÃO MEREÇAM)era exigir que você citasse que sua afirmação foi proferida como uma possibilidade("podem ter lhes permitido")e não como uma certeza absoluta. Embora muitas vezes, a utilização desse "podem" em nosso vernáculo não indique dúvida, mas receio. Todavia, não entremos no campo da subjetividade,vamos nos ater aos fatos concretos, COISA A QUE OS PATRÕES DE PAULINO, DA FOLHA DE SÃO PAULO, NUNCA SE ATÊM. FINALIZANDO, PAULINO ADMITE, AINDA QUE PROBABILISTICAMENTE, QUE SENSUS E VOX POPULI SÃO MAIS PRECISOS QUE O DATAFOLHA. Você não foi em nada leviano ao escrever o que escreveu e Paulino(tirando a exigência do "podem")não tinha nada o que reclamar(aliás, se reclamasse por uma ressalva, mostraria o quanto está assustado). Só lamento que você não tenha questionado Paulino sobre as FANTÁSTICAS "MANOBRAS" DO INSTITUTO COM A MARGEM DE ERRO(A QUE JÁ REFERI-ME INÚMERAS VEZES).Continua…

  11. Continuação : Ou ainda tivesse interrogado Paulino sobre suas AMOSTRAS "ATÍPICAS". Gostaria de saber se, fora do período eleitoral, numa Pesquisa de Mercado, por exemplo, voltada ao lançamento nacional de um produto, o Datafolha também DESPREZA A DISTRIBUIÇÃO DA POPULAÇÃO BRASILEIRA, FEITA PELO IBGE, E UTILIZADA POR TODOS OS OUTROS INSTITUTOS EM SUAS PESQUISAS(NÃO APENAS ELEITORAIS, MAS EMRPESARIAIS, CIENTÍFICAS). Adoraraia que Paulino respondesse se o seu instituto também utilizaria nessas pesquisas, destinadas a descobrir o gosto do consumidor BRASILEIRO, uma amostra onde São Paulo tem uma representação percentual, em relação ao Brasil, muito maior do que a real. SERÁ QUE A EMPRESA QUE ENCOMENDAR O TRABALHO, E QUE GASTARÁ MILHÕES PARA LANÇAR O PRODUTO, ACEITARIA OS RESULTADOS DESSA "PESQUISA ATÍPICA"? DUVIDO. PAULINO DEVERIA PREOCUPAR-SE EM MODIFICAR O SEU INSTITUTO(OU ARRUMAR UM NOVO EMPREGO E TRABALHAR NUM LUGAR SÉRIO, ISTO É, SE PAUTA SUA VIDA PELA ÉTICA)E NÃO EM FICAR AMOLANDO OS OUTROS COM PICUINHAS.

  12. A data dura para a dita FOLHA será 03/10/10.
    VEJA que alegria!
    ÉPOCA de mesmos e novos caminhos, desenvolvimento.
    O ESTADÃO brasileiro cada vez mais respeitado
    RECORDes sendo batidos na produção.
    BAND, deixa pra lá.
    ISTO É! Ainda mais! teremos Lula reconhecido GLOBALMENTE como um grande Estadista.
    Será DILMAis!

  13. Caro Eduardo, faz pouco tempo que tomei contato, e gosto, pelos blogs "sujos" no qual o seu se inclui. Navegando por alguns outros blogs ligados ao PiG, sobre a reunião do dia 23/09 no sindicato dos jornalistas em São Paulo, deparei com muitas críticas, obviamente, pois eles falam de imprensa livre mais pensam em "empresa"livre, e dentre outras citavam um "maluco do megafone"…. seria você? Sendo você ou não, vindo de quem tem o oficio de informar achei uma grande falta de respeito, muito contrário a sua postura de conceder espaço para o tal de Paulino e sua pataquada toda. Não leio folha, Estadão, Veja e recomendo aos alunos que também não leiam. O que eles tentam fazer é alienação mental e isto não é muito saudável. Quem sabe se o desespero deles é porque estão a beira de perder a boquinha e deixarem de faturar milhões de reais com as publicacões de quinta categoria que vendem para as escolas nos estados comandados pelos tucanos? Vai saber?

    • hehehe… sou eu mesmo. Qualquer dia dê uma olhada no meu nome em vídeos do Google ou You Tube e descobrirá por que. Isso tudo veio dos \”nazistas\” de Santa Catarina. É uma turma que logo, logo receberá um banho de luz do sol. Deixa eles.

  14. Pela tom de resposta, pode ser verdade mesmo. Parece que ele te contou algo como se confessasse a um padre e que não deverias ter divulgado. Acredito que seja verdade, pois antes não fazia diferença porque o discurso era único, que era o da mídia. Pobre e rico pensavam iguais, o que passava na TV.

    Mudando de assunto, como a direita está democrática. Todos da direita estão abraçando o discurso da democracia. O cidadão democrático tem que votar na oposição para haver democracia. Como é patético. Se fosse uma disputa entre a Dilma, o Roberto Requião ou o Ciro Gomes, o discurso funcionaria. Entretanto, com o Serra na disputa, é demagogia. E agora a Heloisa Helena verde, a Marina, se mostrando como opção. Será que ela não percebe que tem tucano pousado na árvore e que crescimento dela significa Serra no segundo turno. E teremos mais duas semanas de baixaria na mídia.

    Saúde para a filha, força na luta e sucesso na vida.

  15. "A difícil arte de ser honesto." Acredito que honestidade não é uma arte, é uma obrigação. E não é nada difícil, basta ter caráter. Portanto há um ato falho nos escritos do diretor do DataFolha. Mas, mais do que ato falho, há um ato verdadeiro: é, para ele, muito difícil ser honesto.

  16. Vc só errou num ponto: pedir desculpas [INSULTO PESSOAL RETIRADO]. O título da resposta dele já é uma afronta, uma velhacaria, típica dos arautos do PIG. Um abraço.

  17. Parabéns pelo BLOG ***SUJO***. E viva a INTERNET!!! E viva a LIBERDADE de EXPRESSÃO que só a INTERNET nos dias de hoje pode nos dar.

  18. Eduardo, eu também sou fâ desse seu trabalho voltado para a democracia, por esse seu despojamento à causa.
    O Sr. Paulino, em certo trecho disse:
    "Confio em sua honestidade com base em sua coerência e dedicação à causa que defende, mesmo discordando de suas convicções."
    Creio que voce não possa se dirigir a ele da mesma forma. Para uns, ser honesto é muito complicado pois como diz uma musica de Luiz Gonzaga: "Pau que nasce torto, não tem jeito, morre torto".

    • Sómente pessoas honestas tomam a atitude que você tomou.
      E sómente profissionais com ética pedem desculpas sem mesmo ter certeza que erraram.
      Você ganhou mais um leitor.
      Siga em frente com a mesma postura.
      Abraços,
      José Carlos

  19. A folha não sabe se a ficha falsa da Dilma é falsa ou verdadeira; a Madame Currô não divulga o nome do "cidadão anônimo!!!" que pediu vistas à Carta Capital; a veja mata a cobra e não mostra o pau; e o datafalha não pesquisa as periferias. Eles se merecem.

  20. Veja que interessante, o povo aceita tudo que o governo lhe impõe. Na parada gay falam em três milhões e meio de pessoas na av. Paulista e nessa passeata falam em 65 mil pessoas também na Paulista. Como eles conseguem colocar três milhões ou 4 milhões de pessoas em um espaço de 48 m de largura, que é a largura da paulista, por um quilometro de comprimento pois, do cine gazeta num 900 até a rua Augusta 2073 que é o conjunto nacional, são exatos 1 quilometro mais 100 metros ou seja , uma área quadrada de aproximadamente 50 mil m². Como colocar 70 ( eu disse setenta ) pessoas por m2 para dar 3.500.000 pessoas????????? Isso fere a minha inteligência. Percebe-se nitidamente a manipulação de números que esse tal data folha e não sei quem mais, (viu sr Datena e rede globo ) está fazendo. Como pode uma passeata que se dividiu em três, subiu a Faria Lima, a brigadeiro Luiz Antônio e virou na Paulista, ter apenas 65.000 pessoas. Eu estava lá e pude conferir. Eu enxerguei apenas os que subiram a brigadeiro e os que foram para a av Paulista e sem sombra de dúvidas, tinha aproximadamente 400.000 pessoas sem contar os que foram para o Morumbi . E esse número é o que tinha na penúltima parada gay. Parece que na última parada gay foram bem menos e eles ( o P T ) falaram que foi 1 milhão. Só para conferir, em São Paulo, cada número da rua representa um metro ou seja, se você quiser saber quanto você andou em uma rua, é só marcar o número de saída e verificar o número de chegada e aí você saberá quanto andou. Por isso sei que na Paulista, a àrea de protesto, é um quilometro de extensão, a partir da esquina da Joaquim Eugenio de Lima até a rua Augusta, por 48 metros de largura segundo a prefeitura. É do interesse do PT e de dona Marta Suplício, dizerem que na passeata gay, teve esse número absurdo de pessoas e na passeata do povo eles dizerem esse outro absurdo de 65 mil. O parque do Ibirapuera tem 800 mil m2 incluindo todo espaço do ginásio de esportes, o botânico e o espaço dos militares. Também o lago. Se você pegar todo esse espaço e colocar 5 pessoas por m2, o que já é bem apertado, você terá então 4 milhões de pessoas. Agora, colocar 3 milhões de pessoas na av Paulista…VALHA-ME DEUS. ESSES POLÍTICOS PENSAM REALMENTE QUE NÓS SOMOS IDIOTAS. ACORDA BRASIL

Trackbacks

  1. Tweets that mention Diretor do Datafolha contesta o Blog | Blog da Cidadania -- Topsy.com

Leave a Response

Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.